PplWare Mobile

Windows ou macOS para quê? Instale o Linux Manjaro (2)

Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

27 Respostas

  1. arc says:

    PPinto…”Podem obter o Linux Manjaro no link seguinte”…por favor coloca o URL para download.
    (https://manjaro.org/get-manjaro/)

  2. Edgar says:

    O ambiente gráfico é mesmo um requisito para criar um VM?

  3. Rui Carriço says:

    O pplware.sapo.pt é patrocinado por Linux?

  4. Altino says:

    windowze ou macfag para quê quando temos o……..Ganoo/Shittux manEscarro. trabalhas em multimédia ? adobe? photoshop? humm huu ha!! tens o PIMP! ah ah ah ah

    • SoulReaver says:

      @Altino…Windowze e macfag parece-me bem…olha, se não gostas ou não te interessa ou não pretendes aprender algo de novo…acho que não devias perder tempo a comentar…para além de não ter piada, não é um comentário construtivo…de queres contribuir, és bem vindo e agradecemos, agora para fazeres comentários destes….well………..

    • Costa says:

      Olha aqui o site à tua medida, https://www.navigator-paper.com/splash-promo
      Vá, diz lá que não somos teus amigos.
      Agora diverte-te com o jogo, mas não te esqueças de partilhar o boneco que fizeres também no papel, está bem Altino?

  5. Fernando Marques Martini says:

    pareceu bem simples por essa explicacao, no entanto tem cetps detalhes que acharia valido no minimo mencionar, exemplo para usuarios que querem fazer dualboot, ou mesmo quem vai usar particionado em UEFI tem um how to a seguir algo nao abordado aqui

    • arc says:

      @ Feernando Martini, relativamente ao procedimento relacionado com a criação de partições e a sua nomenclatura, eu não irei enunciar esse processo, na medida em que o mesmo se encontra retratado em vários artigos no Pplware.

      Fiquei na duvida se tem algum problema com o particionamento para UEFI, em todo o caso
      aqui ficam os procedimentos mais que suficientes, para a correcta instalação.

      Alguns considerandos previos sobre a /boot.

      Em teoria, não é necessária a criaçao da /boot separadamente do resto da hierarquia do system
      file. Todavia a melhor prática mesmo, é a /boot, ter a sua própria partição totalmente
      independente. Poderia explicar a razão, mas de momento não julgo necessário.

      No caso de ser obrigatório a criação de uma /boot, como é em maquinas com UEFI, esta
      partição tem de ser forçosamente a primeira partição a ser criada, no momento de particionamento dos discos e ainda tem de se encontrar no formato FAT32.

      Assim, em qualquer ambiente onde se vá instalar uma distro Linux, e perante uma BIOS
      UEFI, esta OBRIGATORIAMENTE será sempre em FAT32, em detrimento do formato das restantes
      partições a serem criadas, as quais são por norma em Ext4 ou até mesmo em Btrfs

      A norma para um tamanho minimamente confortavel com a /boot fica na ordem entre
      200 a 300MB, isto segundo as recomendaçoes da Arch Wiki, pessoalmente eu dou mais,
      como medida de precaução para poder ser alocado mais do que um Kernel Linux.
      Exemplo, ter um Kernel Linux em LTS (Long Term Support), mais um Kernel Genérico,
      mais um Kernel Low Latency, etc.

      No seu caso, eu escolheria no máximo 500MB.

      Adiante com a prosa…

      Depois de ter criado a /boot (OBRIGATORIAMENTE tem de ser a primeira partição a ser criada na tabela de partições), execute o seguinte

      1. Formatar essa partição e realizar a montagem da mesma

      # mkfs.vfat -F32 /dev/sda1
      # mkdir -p /mnt/boot/efi
      # mount /dev/sda1 /mnt/boot/efi

      2. Proceder com o restante particionamento para as outras partições….etc., etc.

      3. Instalação do GRUB

      # pacman -S grub-efi-x86_64

      4. Instalação do GRUB na partição /boot

      # grub-install –target=x86_64-efi –efi-directory=/boot/efi –bootloader-id=grub /dev/sda1

      5. Criar a configuração para o GRUB

      # grub-mkconfig -o /boot/grub/grub.cfg

      Por ultimo, para a continuação das restantes opções do Arch Linux, é favor
      ler a Arck Wiki (https://wiki.archlinux.org/index.php/Beginners'_guide)

      Divirta-se!

      • arc says:

        @Fernando Martini, desculpe, tudo o que escrevi está completamente certo, mas certamente para si, NÃO é a melhor opção. Eu esqueci que o Manjaro Linux, possui o seu instalador em modo gráfico, denominado Calamares…

        Inicie com o Manjaro Live Linux, e … depois proceda ao particionamento do seu HD por intermédio do Gparted em modo gráfico, fácil e intuitivo e mande formatar a partição /boot em FAT32 e as restantes em Ext4.

        Divirta-se!

  6. jose silva says:

    Quero instalar um linux num computador ja antigo qual me aconselham, tem 2gb de ram tem um disco SSD.

  7. maxim says:

    “Mas o que tem de tão especial o Linux Manjaro? Vamos conhecer melhor esta distribuição.” conhecer melhor esta distribuição == como instalar esta distribuição ??? ainda por cima é uma instalação mais que repetida em MUITAS distros…não consigo perceber porque é ‘tão especial’

  8. William Neis says:

    Falam mal do Gnome, mas pff, o Manjaro fez um ótimo trabalho nessa distro! Está linda! Perfeita. Amo Gnome.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.