Quantcast
PplWare Mobile

Estas são as 10 consolas de videojogos mais vendidas em todo o mundo

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. André says:

    Artigo muito interessante, porém gostaria de deixar aqui duas notas, como pessoa que pertenceu a essa geração de consolas.

    A PSX não permite a reprodução de DVDs. A versão com LCD mencionada creio ser a PSOne, onde se podia adquirir à parte o ecrã, e jogar os seus títulos favoritos onde quisesse.

    O Game Boy original não dava para jogar Pokémon Gold nem Silver, inclusivé dado o tipo de cartucho ser diferente (não o encaixe, mas parte de cima). Esses títulos saíram para o Game Boy Color.

    Votos de bom Domingo a todos

    • sayWhat says:

      Bons tempos em que era jovem e feliz :’D

    • brunnarceus says:

      Na realidade o Pokémon Silver e Gold eram compatíveis tanto com o gameboy original como com o color sendo que foi lançado como um jogo de transição. O Crystal é que já era exclusivo GBC.
      Se jogasses o jogo num GameBoy normal o jogo ficaria em preto e branco (verde xD).

      Embora a parte da frente diga GameBoy Color na parte de trás diz “também compatível com o gameboy original”. E na capa japonesa até diz em japonês na parte da frente que é compatível com os dois hardwares.

      É possível que edições mais recentes do jogo não fossem compatíveis ou se a versão que já chegou a portugal não funcionasse nos dois sistemas. Mas se fores ver as capas originais japonesas vais ver a dizer que é compativel com os dois e se procurares no google se é compativel nos foruns vão dizer que as versões ocidentais também funcionam.

      Por isso o teu comentário está errado, tanto o Pokémon Gold e Silver (pelo menos as primeiras releases) davam para jogar nas duas consolas

  2. Francisco Pedroso says:

    ” ã çã” – O Gameboy advance não tem ecrã retroiluminado, Só o modelo seguinte ‘Gameboy advance SP’ é que tem.

    • AJ says:

      Exato, e o que está na imagem é sem retroiluminação, tinha algures ali um acessório para ter uma luz sobre o ecrã para jogar em locais pouco iluminados.

  3. Manuel Costa says:

    Pequenos erros: o GBA não tem retro iluminação. O écran é uma versão nova do usado no GBC. Com o lançamento do flip, conhecido como Gameboy Advance SP, é que surgiu a retro iluminação e a utilização de bateria interna como parte da consola. O pokemon Gold e o Silver foram usados para propagar o interesse pelo GBC.
    No caso da PS2 e a PS1, há o problema de usarem os números gerais, ora da PS2 foram quase 30 milhões de consolas que tinham defeitos no chip de leitura. Na PS1 aka PSx aka PSone, foram 3 versões diferentes que saíram em alturas diferentes, daí não unirem os dados das 3.

  4. Rockbaby says:

    Tenho todas menos a WII

  5. ETH says:

    Para mim, a melhor foi a x360. Nenhum outro jogo me fez ficar agarrado tantas horas como o Gears of War

  6. Manuel says:

    Umas mentiras cada sega mega derive e a amorosa Dreamcast tem que ler mais e ver os números de vendas algumas desta lista estão mal e emformace melhores

  7. V.T. says:

    A consola que ocupa o primeiro lugar é a consola que eu menos gostei de jogar. Na altura o salto qualitativo em relação à PlayStation 1 e claro, na minha opinião, não foi nada de especial Troquei-a passado uns tempos pela PS3 a qual adorei e embora tenha tido os seus problemas de juventude, desfrutei dela em todo o seu esplendor. Acabei por comprar também a Xbox360 por causa dos seus exclusivos, tais como Alan Wake, que foi um dos jogos que mais gostei de jogar. Forza que era fabuloso e Gears of War.
    Depois adquiri a fantástica PS4 a qual continuo a desfrutar como se não houvesse amanhã (quando o pouco tempo disponível o permite) e por ultimo acabei de comprar a PS5… Oh Yeah!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.