PplWare Mobile

Incêndio em Alijó: SIRESP continua a não funcionar em condições

Marisa Pinto

Editora no Pplware e psicóloga de profissão. Desde cedo que a tecnologia é uma paixão, interessando-se em particular com o impacto que esta tem na nossa vida e nos comportamentos que as pessoas adotam nas redes sociais.

Destaques PPLWARE

Deixe um comentário

27 Comentários em "Incêndio em Alijó: SIRESP continua a não funcionar em condições"

avatar
  Subscreva  
Notify of
Ricardo
Visitante
Ricardo

Incêndio em Alijó 16. Julho 2017,
espetáculo devastador!
Video gravado por mim entre as 19:00 e 19:40

https://youtu.be/U3UkCt1zWoI

Asdrubal
Visitante
Asdrubal

Eu mantenho a dúvida se alguma vez funcionou.

Ricardo
Visitante
Ricardo

Onde o Ricardo Salgado e o BES andarem metidos só funciona para um lado…

Hélio
Visitante
Hélio

SLN=BPN Sócios maiores no Siresp

Paulo
Visitante
Paulo

Pelo que sei (fonte de chefia de corpo de bombeiros), nunca funcionou bem. Foi-me mesmo dito isto: “se dependessem do SIRESP para sair do quartel, nunca saíam”; não tinham sinal.
Enfim…

Deep Web Surface
Visitante
Deep Web Surface

Imagino quantas Pessoas? . Passaram Mal nesse dia .

pedro
Visitante
pedro

Pq será que os políticos fazem o povo de parvos?

Pedro
Visitante
Pedro

porque o povo deixa…

007
Visitante

este SIRESP a mim nunca me enganou, não passa de nada mais do que a rede móvel do pais…. não sei quantos milhões para o bolso dos ladroes, e o povo nunca mais os vai ver.

António M P
Visitante
António M P

Afinal o problema do SIRESP não era das “milhares de comunicações num minuto” e outros blablás como disseram as respectivas direcções!
O que é que falta para que António Costa, lesto em mudar de operadora pessoal, mude de operadora nacional?

Joel Reis
Visitante
Joel Reis

Mas isso não existe já há uns anos? Porque é que só começou com problemas este ano?

Paulo
Visitante
Paulo

Sempre teve problemas. Infelizmente foi preciso uma tragédia para falarem sobre o assunto.

Joao ptt
Visitante
Joao ptt
SIRESP já anda a falhar à muito tempo, vide por exemplo reportagem extensa na TVI: https://youtu.be/VMfo4dE83nA (publicado online em 28 de Janeiro de 2014). E se pesquisar no Youtube encontrará mais notícias. Por tanto existe aos anos a funcionar mal! E chegamos a 2017 (mais de 3 anos depois da reportagem da TVI) e continua a falhar… nas emergências! Para o dia a dia já existem os outros operadores comerciais que fazem exactamente a mesma coisa e funciona melhor na maior parte dos locais em especial alguém que tenha acesso a todas as redes… por isso o SIRESP é apenas… Read more »
nop90
Visitante
nop90

O que nasce torto, tarde ou nunca se endireita.

MV
Visitante

Só falta atirarem a culpa ao São Pedro!

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Quem deveria demitir-se, deveriam ser os incompetentes que continuam a dizer que o sistema funciona.

Pérolas
Visitante
Pérolas
No últimos 40 anos estamos sempre a ouvir que o país funciona… “conversa para boi ouvir”! É muito confortável para o estado, desde há várias décadas, ter uma atitude de “treinador de bancada” e transferir a responsabilidade e a culpa para terceiros. Meus amigos, quem come a “carninha” (impostos, etc, etc) então tem de roer os ossos também (leia-se ter a responsabilidade). Dito isto, serviços essenciais devem estar na esfera do estado, mas, com modelo de gestão privado; há pois é, o estado tem de aprender a gerir-se para ter a voz activa para gerir os outros! Aos privados é… Read more »
ze grande
Visitante
ze grande

O governo que continue a injectar mihões nessa porcaria

Pérolas
Visitante
Pérolas

É e vão ter de penar um bocado para resolver mais este nó… Ouvi dizer, mas não acredito que, Os “bons, liberais e criativos rapazes” do BPêN e afiliados parece que garantiram um bom lugar na gamela. E o tuga a pagar!!! É um cansaço!!! De que serviu??? Foi para um grupo se orientar??? OK! Mas se pensarem bem, algum dia vão “quinar” e a “pegada” que deixam é com poia atrás de poia… E o orgulho e o patriotismo? Vá, pelo menos, só um bocadinho…

Victor Silva Hugo:2015?
Visitante
Victor Silva Hugo:2015?

Lamento pelas ,vítimas que se foram dessa.
Tragédia?.

int3
Visitante

DMR amador: Feito por amadores do próprio bolso com alguns milhares e fora de horas de trabalho: sempre em cima, quando há algum problema há roaming para outro repetidor/torre a uns kms sem problemas.
SIRESP: Negócio milionário, baseado no TETRA (melhor que o DMR), milhões em torres e fibras, engenheiros bem pagos: Falha quando é necessário.

Nimboos
Visitante
Nimboos

Olá int3. No TETRA sempre que falha uma torre o rádio, de forma automática, também comuta para outra torre ou repetidor. Na realidade todas as funcionalidades do DMR estão presentes no TETRA. Desta forma, nas mesmas condições o DMR vai falhar tal como o TETRA.
A meu ver, em relação às comunicações, é urgente identificar as causas das falhas do Siresp. Sejam estas falhas da tecnologia, implementação ou operação.

int3
Visitante

repara que eu disse “baseado no TETRA (melhor que o DMR)”.

Alvega
Visitante
Alvega

Muitos comentários, certos, mas nao falam, da PT \ MEO porque ? esquecimento ou nao podem beliscar o patrao ?
Pois segundo julgo saber muitas das falhas sao culpa da MEO, dai o Sr Costa andar “passado”, é o que dá privatizar sem garantias de funcionamento mínimas, o dinheiro sobrepõe-se a todos os outros interesses, até ás vidas humanas.
Rentabilizar, SIM, mas com a devida moderação, neste caso estao vidas e bens em jogo, que representam muitas vidas de trabalho.

André Correia
Visitante
André Correia

A ser verdade o que hoje disse o PM que os dados da MEO e do SIRESP passam em algumas partes da rede sob a mesma fibra propriedade da Meo é especialmente grave porque fica a rede exposta e com as mesmas lacunas de uma rede normal não tendo lógica nenhuma ser uma rede que assenta na mesma infraestrutura onde passam dados 4g TV net e voz a rede tem que ser totalmente independente e devidamente acautelada contra incêndios ou sabotagem humana com via a inutilizar a infrastructura.

Pérolas
Visitante
Pérolas

Esperem lá!!! Se a rede deve e tem de ser independente existe uma rede que cumpre estas caraterísticas: a rede das forças armadas. Este pessoal até ficou um bocado porte terem roubado uma secção de cabos subterrâneos para venderem o cobre. Não se podiam ter uns oficiais do exercito na protecção civil e nos “teatros de operações” a fazer este interface? E a outra coisa é o seguinte: não seria exequível ter um drone de comunicações que sobrevoasse estas zonas e colmatasse estas falhas?