Quantcast
PplWare Mobile

Huawei Watch 3 revela um pouco do que poderá ser o HarmonyOS para smartwatches

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. Filipe C says:

    ”O mercado quer perceber até que ponto a Huawei vai conseguir realmente criar uma solução capaz de concorrer ao lado do Android e do iOS. ” O que é estranho aqui é como é que ”Android” vai concorrer contra ”Android”, porque no fundo usar o AOSP é ser Android certo?
    Sinceramente o que a Huawei está a fazer parece quase como ter Android com uma interface diferente, como uma EMUI, OxigenOS, OneUI, ou seja tudo diferente no interface e features mas a base é toda a mesma.
    Veremos se na pratica muita coisa vai mudar ou será so interface e meia duzia de features, algo que ja faziam antes na EMUI

    • Vítor M. says:

      O tal problema do Android que já há uns anos te disse e que discordavas. O principal concorrente do Android é o próprio Android. Há anos que te digo isso.

    • João says:

      A Huawei não está impedida de usar Android, mas sim de serviços da Google.
      Se disser que este SO será um Android sem serviços da google, que serão substituídos por outros, com uma EMUI semelhante às anteriores não devo estar muito enganado.
      Trata-se de uma situação complicada para a Huawei, mas para a google também não será facil perder uns bons milhões de dispositivos.

      • FJ says:

        Não é a google que perde diretamente, porque os usuários não compram mais huawei mas compram por exemplo Samsung quem vem com serviços google na mesma.

        • João says:

          Cada Huawei vendido com outro sistema operativo significa um equipamento com serviços google a menos, logo a google perde.
          Pode não ser uma conta de um para um, porque alguns clientes poder mudar de marca, mas a google vai perder sempre e se o HarmonyOS vingar a ameaça pode ser ainda maior

          • TUGA says:

            Estás a ver as coisas ao contrário, não é a Google que tem de correr atrás do prejuízo, é a huawei que tem de correr… Mais ano menos ano e a huawei já era.

    • traumatologiaeortopedia.com.br says:

      Uai, mas aí dá pra falar que tudo é concorrência do linux com linux ou debian com o debian. Pensa num sistema bom que era o palm os que virou o web os. Funciona em máquinas muito mais limitadas que as atuais, tinha midiaplayer, emulação, editor de texto e hoje está restrito a TVs. O Harmony OS tem um mercado de milhões de chineses, desde que eles usem, o resto do mundo vai usar porque é barato.

  2. Mario says:

    Os sistema é Android. Os apk podem ser instalados sem problema.
    A maminha da Google vai acabar.

  3. José Janeiro says:

    Tanto ódio e descrédito sobre a Huawei… Aposto que muito boa gente aqui critica e queria mesmo era uma boa maquina da marca. E com o ponto do ecossistema e os baixos recursos necessários para correr, muito sinceramente quem eu vejo em apuros é a google e não a Huawei que já provou que veio para vingar e ficar. Convençam-se que quem vai ganhar somos todos nós, afinal de contas deixamos de estar dependentes de um monopólio e passamos a poder escolher. E por falar em escolher, eu há muito que tenho vários dispositivos Huawei, Xiaomi e critiquem se quiserem mas escolhi porque são máquinas de confiança, a preço correspondente e ainda por cima com bom suporte. Não vejo a hora de testar o Harmony OS, com P40 Pro sinceramente ainda não tive necessidade de instalar nada da google. Cumprimentos a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.