Quantcast
PplWare Mobile

Huawei entra para lista de proibição de investimentos nos EUA

PUB

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. SANDOKAN 1513 says:

    É a machadada final por parte das autoridades norte-americanas na Huawei. 😐

    • Vitor Tavares says:

      Também poderá ser uma “machadada” nos negócios de muitas empresas Norte Americanas porque os Chineses não vão ficar quietos…e a China continua a ser o maior mercado do mundo e continua “dona” de mais de 65% da divida externa Americana! E se há alguma coisa que os “Yankes” adoram…é dinheiro!

      • Tadeu says:

        ““dona” de mais de 65% da divida externa Americana!”
        Isso é falso. A china detém apenas uma pequena parte da dívida total Americana, sendo que o Japão detém mais do que a China. Como tal é impossível a China deter 65% da dívida externa, detendo antes cerca de 17%.

        • Don Lae says:

          E a dívida chinesa aos EUA é quase tão grande como a inversa!

          • Vitor Tavares says:

            Tadeu…está muito enganado! Os USA (Tesouro) quase não investem em divida estrangeira…o que acontece é muitos investidores Norte Americanos investirem em empresas Chinesas e daí possuirem por lá grandes interesses económicos. Por esse motivo é que eu digo que essas “proibições da treta” do governo Americano prejudicam os interesses “Chinocas” quase tanto como os seus próprios!

        • Vitor Tavares says:

          Acho que você está com uma “confusão geográfica”. A China possui efetivamente de forma direta ou indireta não os 65% da divina externa Norte Americana que escrevi…mas 66,23%! O Japão dessa mesma dívida possui cerca de 8%. Muitas vezes as nossas convicções estão um pouco desfasadas da realidade…acho que é o seu caso!

          • DataSmurf says:

            Certas pessoas espalham fake news mesmo sem o saberem, por causa das suas convicções políticas, dos seus desejos, o que seja. São pessoas que não vivem na realidade, vivem numa fantasia imaginada por eles próprios.
            Vitor, o seu comentário quer agrade a muitos ou não agrade a muitos outros, está certíssimo.

          • Tadeu says:

            A única pessoa aqui desfasada da realidade serás tu! Em vez de mandares bitaites deverias documentar-te
            https://ticdata.treasury.gov/Publish/mfh.txt
            A maioria da divida americana (cerca de 27 biliões) é detida por instituições e cidadãos americanos. Desses 27 cerca de 7 biliões é divida externa, com a China a deter 1,1 biliões. Ou seja até é menos do que os 17% da divida externa que mencionei (menos ainda na divida total). E quando se fala em China são todas as entidades e cidadãos chineses.

          • DataSmurf says:

            ok, devemos ser justos, da minha parte tens aqui o meu mea culpa, depois de verificar melhor, constato que já em 2019 a China detinha 1.07 triliões de dólares em certificados do tesouro dos Estados Unidos, já esse ano atrás do Japão. Mas certificados do tesouro não são a única forma de investir num País, existem outras formas, mas não irei por aí.
            É um facto de que a China tem vindo a livrar-se da dívida dos Estados Unidos e dos dólares americanos como meio de pagamento internacional. O que vai ser muito mau para o dólar e para os Estados Unidos. Pois é precisamento o uso do dólar como meio de pagamento internacional que faz com que os USA possam imprimir os dólares que quiserem sem ter economia que apoie isso. Não esqueçamos que os Estados Unidos são o país mais endividado do mudo, ainda sem grande consequência para eles por causa das transações em dólares a nível mundial, mas com a China, a Rússia e outras nações a deixarem de transacionar em dólares essa realidade mudará depressa.

          • Tadeu says:

            DataSmurf,
            nenhum dos comentários desta sequência falou em investimento, mas sim em dívida. Mas até mesmo que se falasse em investimentos, a China representa uma minúscula parte do investimento estrangeiro feito nos Estados Unidos. Há países que investem muito, mas muito, mais.
            https://www.bea.gov/data/intl-trade-investment/direct-investment-country-and-industry

            Basta olhar para o histórico dos valores para ver que esse ” tem vindo a livrar-se ” também não se justifica! Há mais de uma década que o valor da China oscila entre 1 e 1,2 biliões.
            O valor da dívida americana em função do PIB acaba por não ser muito diferente de países como a França.

  2. João says:

    O que será da Huawei sem capital americano.
    A pobre China já não dorme esta noite.

    • Joao Ptt says:

      Do ponto de vista das empresas como a Huawei…

      O problema é que grande parte das pessoas querem terem os serviços da Google nos smartphones, e isso prejudica bastante no mercado fora da China e outra ditaduras similares onde tais serviços estejam banidos… nomeadamente vender na Europa e EUA fica muito mais difícil, porque a malta não quer andar com truques para meter aquilo a funcionar.

      Do ponto de vista do estado Chinês é muito mais complexo…

      Além disso o estado Chinês quer espiar tudo e todos e principalmente os EUA e Europa, que são os seus maiores opositores à política expansionista dos valores socialistas a tender para o comunismo, sem falar na captura de recursos a bem ou a mal a terceiros… é mesmo provável que vá dar em guerra nem que seja através de terceiros como os islâmicos radicais para dar cabo da Europa e eventualmente dos EUA e assim acabar com qualquer oposição à política expansionista da China… eles estão a pensar dezenas de anos à frente ao contrário dos políticos do ocidente cuja maioria só se preocupa com os seus interessezinhos e na melhor das hipóteses no curto prazo da legislatura em que estão.

      Mesmo os EUA que ainda detêm o maior complexo militar entre forças militares do estado e empresas militares diversas, e que ainda estão bastante bem armados já começam a sentir décadas de guerras e guerrinhas que esgotou o orçamento do estado e estão a sofrer cortes que podem vir a colocar em risco a própria defesa dos EUA no médio/ longo prazo, quanto mais a sua actuação fora do país… os Russos de forma mais modesta mas em especial a China está a armar-se a um ritmo alucinante… a Europa, nomeadamente a União Europeia, está a ver “passar navios” em vez de estar a reforçar as forças militares terrestres com formação militar de qualidade obrigatória para todos os homens e mulheres maiores de idade, um reforço a sério da aviação seja pilotada seja por drones e aparelhos similares, seja sistemas de defesa anti-drone, anti-míssil, anti-aeronaves, anti-tanques, anti-navios, seja por navios para reforçar à séria a protecção da linha costeira ao longo do Mar Mediterrâneo, Oceano Atlântico e de todos os outros mares e golfos que rodeiam a Europa, seja reforçar a construção de misseis e até de balas e armamento para defesa individual, sem esquecer comunicações militares e civis mais robustas e redundantes, equipamento de protecção individual para guerra CBRN, stock de comida para décadas… enfim tudo o que é preciso para acções de resposta rápida, coordenada e eficaz a qualquer ameaça real.
      Por esta altura a Europa já deveria ser capaz de ter um exército de 25 milhões de pessoas prontas a actuar no prazo de 24 horas em qualquer cenário de guerra, e muitas mais dezenas de milhões no prazo de 48 a 72 horas. Idealmente mal existisse uma qualquer invasão 100 a 300 milhões de habitantes deveria já ser capaz de estar individualmente armado e pronto a defender-se e a defender a sua nação e eventualmente outras nações no prazo de 3 horas, porque é só assim que terceiros são derrotados, se quem vão atacar for capaz de se defender de forma efectiva e decisiva e eventualmente até colocar em perigo o território de onde são originários para destruir qualquer novo foco de ataques futuros (nomeadamente matando todos aqueles que podem estar enviesados para seguir tal caminho de atacar os outros).

      Os radicais islâmicos já prometeram que iriam invadir a Europa para retomar o que eles consideram pertencer-lhes e isto inclui a península Ibérica, se a malta na Europa não se está a preparar à séria eles vão conseguir porque basta uma boa liderança e apoio dos Chineses com equipamento e comunicações e dão cabo disto tudo… que está sempre tudo por um fio em termos de segurança real… os militares conseguem dar conta de um pequeno exército mal organizado, mas se forem muitos com uma boa liderança e bem equipados dão cabo disto tudo por falta de uma política Europeia de auto-protecção em primeiro lugar de cada pessoa, em que cada pessoa em cada lugar dá cabo da vida aos estrategas militares porque está bem armada e coordenada com o resto das pessoas na região e todos são um obstáculo ao avanço… e isso parecendo que não é o que tem feito alguns pequenos exércitos ganhar até contra supostos exércitos temíveis em termos de atrocidades simplesmente porque enfrentam de todas as maneiras possíveis e imagináveis os atacantes e não os deixam descansar de maneira nenhuma e muito menos controlar as áreas de forma efectiva… o que geralmente significa que todos os homens e mulheres servem como militares e são da região que defendem.

  3. Miguel says:

    Trump – Tudo o que diz e faz é mau ou mentira.
    Biden – Diz e faz exactamente o mesmo mas é muito bonito e super correcto.

    A imbecialidade e mentalidade de rebanho do povo não me deixa de surpreender.

    • Jorge Carvalho says:

      A imbecilidade de não perceber que está medida é diferente da outra também não surpreende.

      Jamais usaria estes termos por iniciativa própria, mas não há outra forma de responder

      Abc

      • Miguel says:

        Por estares completamente cheio dela é que não consegues perceber que apenas o que muda é a personagem, o que não surpreende.

        Jamais usaria estes termos por iniciativa própria, mas como o raciocínio próprio é escasso por esses lados não vi problema.

        Abc

        • Tadeu says:

          Miguel, a Huawei já está há vários anos envolvida em processos judiciais nos Estados Unidos… até começaram antes do Trump! Aliás até parte deles envolvem possível espionagem industrial!
          Há que saber distinguir as coisas, perceber o que são preocupações legítimas e o que foi o espetáculo de horrores do Trump… Repara por exemplo, como a nova administração libertou a Xiaomi, o TikTok, e o WeChat, da perseguição política feita pelo Trump, que não tinha qualquer fundamento!

    • João says:

      Isto só mostra que num país a sério não muda tudo só porque mudam os políticos, mas também não faz do Trump um herói.

      • Miguel says:

        É igual ao Trump mas com uma lingua menos controlada.

      • DataSmurf says:

        Num País a sério muda o que deve ser mudado. Nos Estados Unidos não muda tudo independentemente dos políticos que por lá passam, não por ser um País a sério, mas por se ter tornado num País anormal, que não respeita a lei internacional mas faz questão de que os restantes a repeitem, e muitas das vezes nem tem a ver com leis internacionais, obrigam os outros a seguir leis dos próprios Estados Unidos, leis essas como pode imaginar não têm alcance internacional.

    • Martins says:

      Rebanho do Povão… Onde te inseres.
      E comparar um troglodita que nada sabia fundamentar nem falar e um Biden, só prova que fazes parte de um rebanho, mas esse mais pequeno, com poucos e infelizmente nada bons.

      • Miguel says:

        Rebanho onde tu pastas sem conseguir distinguir duas coisas iguais.

        Atá na origem do covid são iguais, mas na era tump era tudo maluquice!

    • OneDude says:

      Vários vêm aqui criticar o teu cometário, mas nenhum explica a diferença entre a medida do Trump e do Biden. E depois tu é que és do rebenho … lol

      • DataSmurf says:

        E não explicam porque não há explicação lógica por trás destas decisões. Quando são os Estados Unidos a investir é bom investimento, quando são os seus concorrentes, é uma chatice. Ou é para todos, ou maos vale regressarmos ao tempo do protecionismo.

    • RPG says:

      Empresas americanas não poderem comercializar/vender a empresas chinesas (gerar receita para os EUA) que foi o que o Trump idealizou, ou não poder investir em empresas chinesas… ui… só um imbecil considera isto a mesma coisa realmente LOL

    • OdeioBichasModernas says:

      Miguel, campos na fronteira no México para os imigrantes, eram chamados pela imprensa comprada de ” campos de detenção”.
      Os mesmos campos, no tempo do Bidé, a fazerem o mesmo, são ” campos de retenção ” Lol…
      Povo é gado, só merece palha.
      OdeioBichasModernas, não gosto de ninguém.

      • João Magalhães says:

        mil por cento razão, baniram o rapaz do facebook porque incentivou à violência mas na altura que ele ganhou tantos conhecidos que deviam ser banidos e não foram. O mundo em que vivemos e nada a fazer, vamos ser sempre o gado e a maioria a dizer sim a eles.

  4. Geraldo Magela says:

    Aprendemos isso com o Portugal do periodo colonial. Geraldo, Belém

  5. Geraldo Magela says:

    Foi o democrata Obama que sabotou o Brasil democrático. Deviam trocar o nome para partido Imperial, imperialistas

  6. caetano armando says:

    O ultimo a rir e o que ri melhor

  7. António Martins says:

    Isto é como a antiga pancada do velhada em Portugal, eu não dou o contribuinte, porque vão ver o que estou a gastar e onde como, eu respondo, ia, vai estar uma pessoa em Lisboa, sentado, com um monitor em frente à cara, só a ver o que tu andas a gastar e onde gastas, porque não há mais nada, importante a fazer nesta vida do que te expiar, exclusivamente só a ti mesmo. Tipo é exatamente a mesma pancada dos Estados Unidos e a velhada toda que os governa, pancadas. Muito triste por isto estar a acontecer à Huawei, produtos de qualidade excelente.

    • Verdades says:

      Sendo assim também se pode dizer o mesmo pelos serviços Americanos que estão bloqueados na china (facebook, google, etc)

      • L. A. says:

        A diferença é que a china só bloqueia esses serviços/empresas na propria china, mas não os incapacita de prestar serviços para o resto do mundo, enquanto que os USA estão basicamente a tentar destruir uma empresa, incapacitando-a de prestar serviços onde quer que seja…

        • DataSmurf says:

          Porque os Estados Unidos se julgam donos e senhores do mundo inteiro. Devíamos todos de condenar esta ideia, venha de onde vier. É preciso não esquecer que outros no passado também o tentaram, Hitler, Napoleão, os romanos, e falharam, os impérios não são eternos.

    • Manekas says:

      Solução à vista: Huawei prepara-se para comprar 51% da Google e da Microsoft . Assim, os produtos da marca chinesa irão ser os melhores do mundo.

  8. ZE says:

    Haviam era de embargar tudo que é made in covid. E nao so a América…. vá,,, agora venham os comentários das virgens ofendidas

  9. Marquinho says:

    A Huawei devia e deve mesmo estar a fazer mossa nos EUA, a mentalidade triste de quando alguém nos bate o pé ou nos ultrapassa temos de eliminar porque não estamos a ter capacidade de resposta, e nos garantimos que vamos conseguir ser melhores! Enfim… Espero mesmo que Huawei consiga continuar com o sucesso contra tudo e contra todos, e que só sirva tudo isto para fortalecer a marca no mercado.

    • DataSmurf says:

      O objetivo é precisamente esse, o de afastar a competição.

      • Marta Brandão says:

        E é triste, e mesquinho o que só prova que a Apple pelos vistos na altura não se garantia e estava/esta com medo da Huawei… Sim porque isto tudo em resumo começou quando a Huawei cresceu nos EUA e não só, e a Apple começou a ficar para trás o resto é só uma triste e infeliz história que um presidente sem 2 neurónios criou, e que felizmente não correu bem até a data, e faço votos e acredito que não corra no futuro.

  10. Xfera says:

    Sim porque a Google não espia ninguém…

    • DataSmurf says:

      Ya, e a microsoft, o facebook, o twitter, a amazon, a tesla e a apple também não… E a lista continuava se quisesse dedicar mais tempo a este meu comentário.

  11. lapizazul says:

    O meu próximo telefone será um Huawei, sem dúvida!

  12. Kodiakshadiws says:

    Cambada de mogos são estes amaricados incluindo o Zé bidé

  13. Abílio Portas says:

    Afinal o Trump tinha razão?

  14. Samuel MG says:

    Os EUA estão com medo que o HarmonyOS roube lugar aos Androids da Google!! Já roubou!!

    • Tadeu says:

      O HarmonyOS é um Android com algumas modificações! Enquanto a Google controlar as APIs para as aplicações, o HarmonyOS não vai fazer grande mossa.

      • Samuel MG says:

        “Android is an open source operating system for mobile devices and a corresponding open source project led by Google. … As an open source project, Android’s goal is to avoid any central point of failure in which one industry player can restrict or control the innovations of any other player”

        Lê e aprende!! Open source significa que A GOOGLE NÃO CONTROLA AS APIs 🙂

        • Tadeu says:

          acho que vives num mundo de ilusões!
          Quem é que controla o desenvolvimento do Android e cria novas APIs para os programadores? A Google! Quem é que controla muitos dos serviços que tanta aplicação no Android usa? A Google!

          • Samuel MG says:

            Leste o que esta escrito em inglês!?
            “Android é um sistema operacional (SO) baseado no núcleo Linux, desenvolvido por um consórcio de desenvolvedores conhecido como Open Handset Alliance, sendo o principal colaborador a Google.”
            “O código do sistema operacional é disponibilizado pela Google sob licença de código aberto, apesar de a maior parte dos dispositivos ser lançada com uma combinação de software livre e software privado”

            Isto significa que manda nos serviços Google mas não manda no Android ou suas versões como o LinegeOS e HarmonyOS.
            Contra factos não há argumentos.

          • Tadeu says:

            Samuel MG, não é preciso mandar no LineageOS ou HarmonyOS para a Google decidir o desenvolvimento das APIs no Android…
            O LineageOS limita-se a usar o código que a Google disponibiliza em Open Source (pelo meio o LineageOS ainda se aproveita de algum código proprietário de forma directa ou indirecta para aumentar a compatibilidade com todas as aplicações no Android). Não há uma entidade independente responsável por esse desenvolvimento, é a Google que decide, e os outros vão atrás… com o HarmonyOS será o mesmo, já que está dependente das aplicações do Android já existentes.
            E repara como essas versões que mencionas representam uma muito pequena parte do mundo Android – não têm poder para mudar o Android!

  15. TraumatologiaeOrtopedia says:

    O que está sendo discutido aqui é controle da informação. Tudo acontece no celular e era dominado por iOS e Android. Entrou outro no mercado, ameaçando a hegemonia. Dados é poder. Isso é o que é atual. Vejam a como funciona a democracia quando ela não está a seu favor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.