Quantcast
PplWare Mobile

Tags: China

Apple prepara estratégia para deslocar a produção para fora da China

A Apple é um das maiores empresa a recorrer às fábricas da China para produzir os seus produtos. Contudo, a gigante americana procura diversificar ainda mais a sua cadeia de fornecedores tendo em conta a conjuntura global da China, quer ao nível da saúde pública, quer das suas políticas governamentais.

O fabrico dos modelos topo de gama iPhone 14 Pro e Pro Max têm sido duramente atingido pelos problemas nas fábricas face às medidas das autoridades chinesas para controlar a Covid-19.

Ilustração Apple na china


Mulher finge gravidez para passar 200 processadores Intel e 9 iPhones num aeroporto

Dentro das notícias do mundo tecnológico, existem muitas que relatam situações completamente insólitas. Já aqui no Pplware divulgámos várias dessas situações e hoje trazemos mais uma para juntar a esse já vasto leque.

Assim, de acordo com as últimas informações, recentemente uma mulher fingiu estar grávida para conseguir passar num aeroporto com nada menos do que 200 processadores Intel e 9 iPhones.


China pode obrigar que smartphones vendidos no país tenham hardware local

As relações da China com o resto do mundo têm estado tensas, principalmente com os EUA. Nem sempre os resultados são os esperados e as ações colocam o país cada vez mais limitado e com bloqueios em muitos mercados.

Naturalmente que é um cenário que não é pretendido e que traz problemas em várias frentes. A China pode em breve mudar a sua posição e passar a obrigar a que os smartphones vendidos no país tenham hardware local.

China smartphones hardware mercado


EUA apertam o cerco e proíbem compra de equipamento de comunicações da China

As medidas dos EUA contra a China têm castigado as empresas e levam que este se torne um mercado proibido. Além disso, e como visto antes, há ainda um bloqueio grande no acesso às tecnologias e outro equipamento.

Uma nova medida foi tomada e procura limitar mais a entrada de equipamento da China nos EUA. O cerco foi apertado e agora muitas marcas estão proibidas de vender equipamento de comunicações.

EUA comunicações China Huawei ZTE


China compra gráficas de mineração para retirar a GPU e a colocar nos seus modelos

O mercado das placas gráficas é um dos mais rentáveis atualmente no setor de hardware. E como já temos vindo a falar aqui no Pplware, a China está empenhada em criar os seus próprios chips gráficos e processadores de forma a contornar as sanções impostas pelos EUA.

E as mais recentes informações mostram que há empresas chinesas a comprar gráficas de mineração de criptomoedas para retirarem as GPUs das mesmas e depois as colocarem nos seus próprios modelos.