PplWare Mobile

“Galaxy Tab” – O Tablet Android da Samsung


Editora no Pplware e psicóloga de profissão. Desde cedo que a tecnologia é uma paixão, interessando-se em particular com o impacto que esta tem na nossa vida e nos comportamentos que as pessoas adotam nas redes sociais.

Destaques PPLWARE

  1. ApacheDraco says:

    bom dia, pelo taser podemos ver que também vai ter uma câmara traseira..

  2. JC says:

    Belisimooooooo…. gostei, este irmão do Galaxy S esta perfeito 😉

  3. Ricardo Antunes says:

    Se seguirem a filosofia que tiveram com o Galaxy S, este pode aparecer a bom preço!

  4. DG says:

    O Galaxy S apenas peca pela autonomia da bateria, após alguns ajustes ainda não consegui maximizar a sua autonomia, vamos la ver como será o seu irmão! A componente energética tem evoluído pouco neste tipo de equipamentos face ao hardware que apesar de eficiente nos proporciona cada vez mais novas experiências, actualmente o telemóvel não serve apenas para chamadas / sms e vejo a autonomia reduzida a menos de um dia.

  5. Diarreia Mental says:

    Na primeira foto, existem 4 botões, mas quando o colocam ao lado do telemóvel galaxy s, já só tem 3.
    Não acham que o facto de ter um conector igual ao do iPad torna estas fotos alvo de manipulação??
    Apenas acho estranho. Não consigo ver o vídeo, mas acho estranho.

  6. @leo@ says:

    Tablet’s…. Sem duvida que é um produto que irei adquir assim que poder.
    Mas acho que o mercado ainda esta a crescer e é bom esperar pelos tables windwns mobile 7.
    Em relação a este Samsung não gosto muito do aspecto e sistema android puro não me parece a melhor opção para este produtos.

    • Rui xt says:

      Não vejo qualquer razão que torne o Android inviável para este tipo de dispositivos. Lembro-me de ver o vídeo de apresentação do Archos 7 no inicio deste ano, e parecia ser um tablet 5*.

      Quanto ao WM7, acho que será uma resposta tardia, têm muito terreno a recuperar e será difícil. Tanto tempo sem resposta terá sido um tiro no pé, já para não falar que o WM6 era uma valente porcaria em termos de interface e usabilidade.

  7. Ryan says:

    Desculpem dizer mas parece-me que estamos a entrar num perido de maluquice. As equipas de marketing das empresas de IT tentam vender desnecessidades. Quando se ve precos incriveis em ai pades e nesses tablets eu pergunto porque tanta loucura em adquirir certas desnecessidades. Epa essa coisa de ser cool comeca a ficar ultrapassada. Vivemos apenas e so de imagem? Queremos mostrar que temos mas andamos vazios porque afinal nao temos nada? Os tablets sao das coisas mais desnecessarias. Alguem disse que iria ser necessario e um bando de maria vai com as outras seguiu. Obviamente a Apple fez e como ha por ai gente com doenca de maca cronica seguiu pelo caminho. Epa sejam originais, nao imitem, nao queiram mostrar status. Queiram ser voces mesmos. Ser copia de uma porcaria qualquer para mostrar imagem fica mal

    • Filipe says:

      Estás enganado. Estou à espera que surja no mercado um tablet decente para fins de trabalho há muito tempo. Com o iPad, finalmente achei que tinha chegado o momento. Por outro lado é uma forma de conseguir fazer chegar o mundo dos computadores e da internet a pessoas que não são digital natives.

      Existe de facto um mercado para este tipo de dispositivos, e não foi criado. A necessidade já existia.

  8. Tiago Dias says:

    Muito interessante! Já é hora da concorrência ao iPad começar a sair cá para fora e deixarem de ser apenas suposições e planos para um futuro incerto…já se viu muito disso, esperemos que desta venha mesmo para a rua..

  9. jca says:

    A ultima imagem realmente parece manipulada… salvo se ganhou um novo button após a foto…
    Contudo as restantes estão de acordo com o vídeo apresentado.
    Parece-me muito bom!

  10. dajosova says:

    Munição e pólvora.

  11. a Friend® says:

    Este é daqueles produtos que se tivesse saído antes do iPad eu ficava de boca aberta e dizia:

    Sem dúvida… excelente! Um “Must Have”.

    Mas agora aparece bem depois do iPad, como um clone quase perfeito (menus, teclado virtual, etc) … passa-me ao lado. Detesto falta de originalidade. Copiar conceitos, aceito perfeitamente. Já cópias descaradas… para mim só revela uma coisa, empresas sem mérito, que vivem na sombra das pesquisas que as rivais fazem.. ou seja, irá estar sempre um passo atrás e suas inovações só aparecerão quando o rival as lançar primeiro.

    Eu, como fã da Samsung e consumidor da marca só tenho a dizer. Desilusão. Da HP já estava habituado, agora de uma GRANDE marca como a Samsung não esperava. E desculpem meus caros, cópias não é concorrência. É incompetência.

    De facto a segunda foto (aquela que ele está ao lado do Galaxy S) é mais antiga que as primeiras e não corresponde ao mesmo produto, era um prototipo, se não estou em erro.

    A info com que me estou a basear não é a que aqui está neste artigo mas com base noutras informações que fui vendo sobre o produto, que me fizeram chegar a essa conclusão. Este é apenas um exemplo ( http://www.engadget.com/photos/samsung-galaxy-tab-trailer-frame-by-frame/ )

    O Galaxy S já é um “cheirinho” do iPhone 3GS (estéticamente) e os menus é o que se vê… um Android camuflado de iOS. Agora com este Pad, estão a seguir o mesmo caminho. Até o Dock connector é o mesmo. Acho estranho apenas, vindo da marca que é, que é uma das melhores marcas do mercado e que é lider em muita coisa, seguir uma linha tão “descarada”.

    Vou continuar a aguardar boas novidades de outro tipo de concorrência. Aquela que me diga, bem… a Apple está tramada! Como é que eles não pensaram nisto! 😉

    • Ricardo Nunes says:

      A Samsung, no que toca a telemóveis, há muitos anos que só anda a imitar a concorrência. Já nos tempos da Nokia, eu me ria com os telemóveis “Originais” da Samsung. Em 10 modelos, 1 ou 2 podem ser chamados de originais. Os restantes são cópias de telemoveis já existentes, mas a preços mais baixos.

      Parece que estão a fazer o mesmo, mas mais descaradamente, com este Pad…

    • dajosova says:

      Se o rival as lança primeiro, logo não são inovações! Mas pecebi o teu ponto de vista.

      Eu diria apenas: dificilmente se ultrapassa o criador de uma nova categoria de produto.

    • racpxt says:

      Concordo que a Samsung anda a abusar nisso da interface. Acho que deveriam ser um pouco mais criativos, a margem de manobra é curta, mas existe.

      Mas será que o iPad não copiou um pouco do Archos 5it (Setembro/2009)?
      http://www.archos.com/products/imt/archos_5it/index.html?country=us&lang=en&p=guidedtour

      É um pouco a história do ovo e a galinha, nunca se chegará a um consenso quanto a quem nasceu primeiro.

      Num bom SO mobile moderno será difícil não haver semelhanças, mas nada justifica a Samsung andar a imitar os elementos gráficos da Apple.

    • dajosova says:

      Ainda assim, imitação ou não… acaba por trazer melhorias. Quer seja do vosso gosto ou não, é uma mais-valia para o mercado e, usando o Android irá ser um bom produto pelo que nos foi apresentado.

      Por outro lado, não deviam criticar assim tanto a Samsung porque é uma marca muito prestigiada que também cria tecnologia e, quer queiramos quer não, faz o que as outras marcas fazem. E não julguem que marcas pioneiras (muitas vezes o público em geral não chega a conhecer toda a verdade) são totalmente isentas de falta de originalidade.

      Nalguns casos, os verdadeiros inventores ou criadores de novas ideias por não terem recursos financeiros caem no esquecimento e as grandes empresas apropriam-se das suas criações e registam patentes em seu nome, quando na realidade a ideia original não foi delas.

      O importante é que apareçam bons produtos a bom preço.

      • a Friend® says:

        Sim, sem dúvida..trás optimas melhorias.

        Mas sabes o grave problema disso? A Apple tem noção disso.

        Sendo o iPad o primeiro e pioneiro do segmento “tablet multitouch”, eles tinham perfeita noção que a concorrência iria querer andar atrás dele, e agora para o tentar apanhar vão lançar tablets mais “ricos” em features. E a Apple tem mesmo noção disso. Quando eles fizerem as tentativas todas e atingirem o ponto certo que se diga: bem, a Apple tem rival à altura… eles simplesmente irão lançar o iPad 2 e deixar a concorrência novamente a fumegar.

        É a velha tactica… e o caso mais “recente” é mesmo o iPhone.

        iPhones:

        1º Humilde, mas inovador.(Cobaia também)
        2º Melhorado e mais requintado.(Estudar melhor o mercado)
        3º Maduro e robusto.(Responder aos clientes do mercado estudado)
        4º Forte e na linha da frente, atingiram o ponto de maturação do mercado e com isso, também ultrapassar a concorrência que já tinha apanhado o 3º (que andou anos a tentar apanhar e quando apanhou, eles lançaram essa cartada)

        Ou seja, o iPad será básicamente a mesma metodologia, com o beneficio que já terem um mercado bem mais estudado e mais maduro, graças ao iPhone (que é responsável pelo enriquecimento e crescimento do iOS)

        • Rodrigo says:

          Deixa la de ser fanboy, a vida não é so apple. Nem todos podem dar 1000€ por um smartphone e portanto as alternativas a metade do preço, com o EXCELENTE android (se é melhor ou pior que iphoneOS não sei, mas que android é bom la isso é). Concorrência é sempre boa.

          • a Friend® says:

            iPad custa 479 euros.

            E se cresceres um pouco e pores o termo “fanboy” de lado talvez percebas que o meu comentário não critica a concorrência. Essa é bem vinda, quando original.

            E sim, a vida não é só Apple. O meu comentário é de consumidor da Samsung. 90% dos meus produtos em casa são dessa marca. Até mesmo o teclado onde estou a escrever agora e monitor, são Samsung.

          • Rodrigo says:

            a Friend®, “se cresceres um pouco”?? Cresce tu e deixa lá de insultar os outros…

          • a Friend® says:

            Dizer “cresce um pouco” é insultar?

            Chegas aqui a chamar Fanboy, pensei que tivessemos sido colegas na escola…

            Se queres respeito, dá-te ao respeito.

          • dajosova says:

            @aFriend

            não é “pores” mas “puseres” !!

            E onde é que o iPhone 4 deixa os outros a fumegar?? Só se for no teu mundinho pequeno em forma de maçã 😀

          • a Friend® says:

            @dajosova

            Engraçado é aqueles que me seguem sempre nos comentários que faço .. tipo…(assim ao calhas….)

            Tu 😉

          • dajosova says:

            Engraçado é tu achares que alguém te segue. 🙂

            Seguir alguém é, por exemplo, seguir um líder porque se acredita nas convicções dessa mesma pessoa… Aqui se alguém te segue é só pelo gozo de achincalhar… já que os teus comentários afunilados formam um padrão já gasto!

            Mas olha.. se não concordas comigo, não te canses a retorquir 😉 Se não estás satisfeito com o que lês acerca é melhor fazeres uma sondagem de opinião ou algo parecido para te fazer enxergar!

            Sem ressentimentos 😉

          • a Friend® says:

            @dojasova

            Eu não acho, tenho a certeza. A tua resposta confirma isso mesmo. 😉

          • dajosova says:

            A questão mais importante é que se o fazem, não o fazem por bons motivos mas porque gostam de te dar na cabeça e, pelos vistos, gostas de levar 🙂

          • a Friend® says:

            @dajosova

            Os teus comentários só me têem feito rir, porque se soubesses da missa a metade irias te rir te ti mesmo…

            O papel que me estás a querer passar é aquele que estás a fazer.. mas és livre disso.. continua, eu até agradeço. 😉

          • dajosova says:

            Afinal gostas mesmo que alimentem o teu ego… 🙂

            …ainda que a reputação não seja boa :0

            Vá lá, convinhamos que te esforças para defender os teus argumentos mas as pessoas já não prestam atenção porque comunicas mal. Repara que eu disse propositadamente que defendes os teus argumentos, pois já estás ultrapassaste a fase de argumentar as ideias.
            Passas mal a tua mensagem, mesmo que a mesma tenha conteúdo válido. Se eu fosse a ti, gradualmente adoptaria uma política de relações públicas aqui no Pplware.
            😉

          • a Friend® says:

            Eu sei que muita gente não pode comigo, achas que não tenho noção? Reparo isso normalmente quando entram em offtopic e atacam a minha pessoa.. porque normalmente é assim que vejo que o poder argumentativo dessas pessoas é escasso.. ou seja, o desespero é virar-se contra mim.. mas não faz mal… é o que me dá gozo.

            Mas achei interessante a tua dica. Dizes que comunico mal e depois aconselhas que eu seja RP do Pplware…

            é bem.. é bem.. 😉

          • dajosova says:

            …se isso te dá gozo (da maneira como tu acreditas que é) então não reclames, nem te sintas ofendido porque dás corda às pessoas. Elas tb têm o mesmo direito que tu de sentirem gozo ao picar-te… até porque sabem inequivocamente que tu respondes sempre. Se algum dia mudasses de atitude então é que surpreenderias as pessoas. 😀

            Em relação ao meu conselho, se tivesses lido bem o que escrevi […”gradualmente adoptaria uma política de relações públicas aqui no Pplware.”], perceberias que me referia a teres uma postura de RP em relação a ti mesmo…

            acho que o Pplware dispensa RP’s, o Vitor já faz muito bem esse trabalho como moderador. E, por falar nisso, acho que devíamos parar por aqui esta conversa. Não achas? Qual a tua opinião? Estou interessado em saber, assim como todos os que acompanham novelas!

        • Rodrigo says:

          Não é insulto? Então é o que?? Quanto ao fanboy, “A fan, sometimes also called aficionado or supporter, is a person with a liking and enthusiasm for something” (wiki)

          • a Friend® says:

            Ser criança não é insulto. É ser-se inocente…e não medir o que diz.

            Fanboy é um rotulo, e normalmente quem gosta de rotular os outros, é criança.

            Deves saber perfeitamente a diferença de fã e fanboy. Assim como há diferença entre chamar negro e preto a alguém.

            Daí ter dito o que disse. E ficamos por aqui, encher o artigo com esta conversa é só perder tempo.

          • Rodrigo says:

            Pronto desculpa, queria dizer fan e não fanboy. Mas chamar criança a uma pessoa sem a conhecer minimamente é sim um insulto.
            Termino por aqui.

          • a Friend® says:

            @Rodrigo

            Chegaste onde eu queria. Também não acho correcto rotular-se alguém sem a conhecer, como muito aqui se faz e infelizmente vêem já com a atitude fisgada sem sequer ler bem os comentários. E quem diz comentários diz mesmo artigos também, feitos pelos colaboradores do pplware.

          • dajosova says:

            é fanboy sim!!!

            pior que um fanboy é um fanboy da Apple que não se assume… ahah :p

        • Rui "ALL" Sousa says:

          “eles simplesmente irão lançar o iPad 2 e deixar a concorrência novamente a fumegar.” e os compradores do iPad 1 a trepar paredes tb lol

          Eu sei q esta é a politica normal e a nível empresarial faz toda a lógica, mas faz-me confusão haver “ideias” q o comum dos mortais já pensou e não são lançadas pela empresa p guardar novidades p um próximo lançamento 😐

          Um caso evidente é lançarem a possibilidade de agrupar as app no iOS em pastas após 3 anos do seu lançamento, foi das primeiras coisas q eu reparei q faltavam no iOS e n sou propriamente um crânio, e n me venham dizer q eles lá na Califórnia já n tinham pensado nisso antes…

          (soz o desabafo…)

          • a Friend® says:

            Pois mas quando é updates de software ainda ao menos… não nos custa nada e o suporte tem sido longo. Pior é mesmo no que toca a hardware.

            A Apple tem essa politica porque só lança um produto por ano, mas as outras empresas conseguem ser piores. Esquecem muitos BONS APARELHOS simplesmente porque já têm um novo, passados 6 meses… Um mero exemplo entre os milhares que há: HTC HD2. Um “brutamontes” de hardware com software que não puxa por ele nem puxará, porque a HTC simplemente já nem quer saber dele. E esses utilizadores, ficam a arder com uma boa quantia de dinheiro. No iPad, quando sair o 2… os utilizadores do primeiro nunca ficarão a “arder” porque a Apple continua o suporte para ele… vai é sim, fazer com que o 2 seja outro fruto desejado… e para quem já tiver o primeiro, uma grande tentação. Mas nem sempre é assim… por o suporte ser tão bom que há muita gente que ainda tem o iPhone 3G… nem comprou o 3GS nem pensa comprar o 4… 😉

            O iPad, a bem ou mal..está a liderar este mercado ainda. E as suas falhas como ausência de camera frontal (que pelo menos para mim é o maior defeito dele) não deixa de ser um excelente produto e que tem surpreendido meio mundo pela positiva.

          • outch says:

            Mas quem tem o novo update tem agora o seu 3G ou 3GS mais lento! E falo com conhecimento de causa já que amigos meus se queixam!

            O iPad lidera mas sem concorrência e a um preço proibitivo tento em conta o que oferece.

          • a Friend® says:

            Olha o meu 3GS não ficou rigorosamente nada mais lento, pelo contrário.

            O 3G esse sim desceu um pouco a performance e já vem um update a caminho para resolver essa questão.

            Não ficou esquecido no tempo, como volto a repetir.

          • Rui "ALL" Sousa says:

            A verdade seja dita, a politica da Apple de lançar as coisas cuidadosamente agrada-me, isto é, eu sp tive nokias e estao sp a sair novos tlms q uma pessoa ate perde a conta :\

            Acho q qt menos produtos mais cuidadosos dá p ser com eles, penso eu.

            Qt ao 3G n vou falar, pq tal como Android n falo, pq se n tenho n vou andar aqui a mandar o bitaite como mts fazem ai (e dp n sai nada de jeito), contudo o 3Gs aqui, seja c o iOS3 ou c o 4 parece exactamente igual, e acreditem q sou picuinhas c a fluidez do SO.

            Tirando as novidades q todos sabemos (e sao mts ;D) a diferença q vejo do 3 p o 4 é q o wireless apanha melhor, alias, agora apanha normalmente, antes é q apanhava mal xD

        • badsector says:

          Não percebo onde é que o iphone é humilde..

      • Rui "ALL" Sousa says:

        2X

    • a Friend® says:

      @racpxt

      O iPad em protótipo (e concepts) ainda é mais antigo que o iPhone e começou a ser iniciado o projecto de o lançar finalmente em 2003.

      Viram potencial no sistema operativo que estavam a conceber e decidiram fazer um smartphone e deixar por parte (em modo suspenso) o iPad (que era o projecto inicial) e lançaram o iPhone em 2007, ou seja… em 2005, mais coisa menos coisa foi quando começaram a trabalhar nele…

      O iOS (ex: iPhoneOS) tem muitos estudos envolvidos… muito antes de se saber que ele seria lançado. E ele foi concebido num ecrã vidrado (similar ao do iPad) nos laboratórios da Apple. Sempre foi uma ambição, quer da Apple, quer da Microsoft. O problema é que, nunca se soube ao certo como iriam fazer algo que fosse funcional e não precisa-se de caneta.

      Para teres noção do quão antigo é.. os primeiros prototipos a projectar possiveis variações de um tablet já remontam a 1983… ( http://media.techeblog.com/images/apple_ipad.jpg )

      Mais tarde o Apple Newton (Revolucionário mas não bem sucedido) foi uma especie de cobaia.

      Estas coisas levam mesmo muitos anos de investigação. O que agora vemos, por ex, a ser controlado por mente, gestos, etc… no futuro é algo que será banal e tão funcional que ninguém acreditará os anos de pesquisa que levaram.

    • hugo says:

      Para copiar, que copie algo bom como o ipad não? Mas concordo contigo, então não é que os computadores imitaram os ecras das televisoes? que falta de originalidade, e os numeros e letras? Devem ter aprendido na escola, mas podiam ter um pouco de originalidade e inventar numeros e letras novas não achas?
      Estas a escrever em portugues, acho que devias inventar uma lingua nova, e usar apenas essa para seres mais original.

      • a Friend® says:

        Os carros, todos eles têm 4 rodas, volante, motor, chassi… bancos…mudanças… e tudo resto.. certo? Mas eles são todos iguais?

        Lê lá bem o que escrevi, sff.

        Para se copiar conceitos não se precisa de “clonar” produtos! Se não houver originalidade, vamos ter todos o mesmo, só muda o logotipo. E basicamente é o que a Samsung anda a fazer, embora este Pad não tenha (fisicamente) ar de iPad (que por acaso está bem bonito), o sistema operativo está todo igual.. até as cores, efeitos de reflexo, botões, tudo… é igualzinho ao iOS…

        • aqueda says:

          igual mas para melhor, não é?
          é igual igual mas é android…
          melhor? claro que não, é bem melhor 🙂

          • a Friend® says:

            Sim tem tudo haver… alias o que mais falta no iPad é uma ligação de telefone RJ11… para fazer o “Dial-Up”… ui…

            Mas sabes o que mais gosto especialmente nesse comparativo. É que, tem mesmo tudo haver. Quem o fez, percebe mesmo muito de computadores. Por isso é que esse tablet vingou… foi “Mágico” conseguiu aparecer e desaparecer e ninguém se deu conta. 😉

          • Gerardo says:

            A sério que um iPad tem som mono e não tem jack para phones??????? Digam-me que é mentira. Se é verdade o que está nesse comparativo, então não estaria disposto a dar mais de 50€ por essa moldura digital…..

          • a Friend® says:

            @Gerardo

            O iPad nem ecrã tem, portanto nem para moldura dá.

          • Gerardo says:

            @aFriend

            Não leves a peito, acredita que não foi para mandar a baixo, fiquei de boca aberta com o comparativo. Juro que não acreditei que o iPad não tivesse som estéreo. É uma das coisas quem um telemóvel,smartphone,tablet, etc etc tem de ter para mim para me concentrar nas tarefas com música ou para ver o youtube por exemplo. Acredita que não sabia, e que fico incrédulo que alguém compre isso assim. Mas isso é a minha opinião, não é nenhuma flame.

          • a Friend® says:

            @Gerardo

            Obviamente que também estou no gozo. Achas mesmo que este comparativo tem pés e cabeça? Honestamente?

            Cabo RJ11… o cabo de telefone conta como feature contra o iPad? lol..

            Onde está o Bluetooth? Wifi? Ecrã capacitivo multitouch? Cores do display? Velocidade do clock (é subjectivo) duração da bateria? Sistema Operativo com total suporte multitouch? …etc..etc.. bem, poderia ficar aqui uma hora a lançar “features”.

            Headphones, diz que o iPad não tem..lol… Mono?… sério… esse comparativo é das coisas mais cómicas e ignorantes que costumam postar volta e meia nos artigos iPad que só dá vontade de rir. 😉

            E atenção, quando me refiro “ignorantes” não é no sentido pejorativo. É mesmo que quem o fez e quem o “aplaude” não sabe rigorosamente nada de informática.

          • Gerardo says:

            Fico mais descansado… Mas não compro à mesma 😀 😀 😀

    • The STK says:

      Normalmente mando um bitaites contra a Apple, mas desta vez concordo bastante contigo… É só ver aquela ficha de conexão branca, é IGUAL ao material usado pela Apple em vários produtos… Até o pormenor das letras em cinzento da côr que eles imprimem a maça lol

  12. Silva says:

    Continuo a adorar o Toshiba Dual Screen Libretto W100 Windows 7 Tablet PC… Já está à venda! 😀

  13. DFC says:

    possa a apple manda uma coisa para o mercado vem logo a concorrencia com um produto semelhante :O

  14. aver says:

    Se produzisse detergentes, a Samsung era uma “marca branca a seguir o líder”.
    Como também fabricam componentes importantes para o líder (Apple) então são quase um duplo.

    Tive essa percepção quando aqui há uns anos comprei um iPod dos magrinhos (os clássicos eram gordos) e mão “amiga do alheio” mo levou. Como não queria voltar a gastar tanto dinheiro voltei-me para a Samsung e comprei um mp3 YKB (qualquei coisa assim). Impecável na qualidade do som e dos materiais, a metade do preço e ainda tinha rádio FM !!! Do lado da Samsung vem perigo para a Apple, coisa que não me rala nada.

    • a Friend® says:

      “Se produzisse detergentes, a Samsung era uma “marca branca a seguir o líder”.”

      Essa encaixou na perfeição! 😆

      Mas aparte disso, eu sempre fui consumidor da Samsung e eles têm bons produtos e mesmo com qualidade. Dizer linha branca é ir longe. Até o meu Samsung Innov8, que é identico ao Nokia, tem melhor material de construção e é mais rápido.

      Sendo uma marca excelente, que tem um grande campo de pesquisa, tem fábrica de hardware… (por ex, os meus discos rigidos do PC sempre foram e são Samsung.. duram anos e anos sem ficarem com sectores danificados). Tendo este poténcial ENORME, é uma marca, que na minha opinião, não tem necessidade por-se no lugar de uma linha branca. Da HP, é normal ver isso.. foi quase sempre assim, agora da Samsung…fico um bocado incrédulo. Eu quando vi as imagens, antes do Teaser confirmado, pensei mesmo que eram fakes de um clone chinês… estilo “bem.. mais um alegado Leak” que depois se vai confirmar um “ePad” ou “AiPad”…ainda por mais tendo a Dock igual ao da Apple…que não sabia que era usado por outras marcas.

  15. XPLOSiON says:

    “ameaçava com monição de polvora seca!”
    ou
    “ameaçava com munição de pólvora seca!”

    “Câmara Frontal (pose ser usada…”
    ou
    “Câmara Frontal (pode ser usada…”

    Desculpa o reparo, mas não gosto de ver erros ortográficos.
    Bom artigo Marisa e continua!

  16. avlis rotiv says:

    Parabéns pelo artigo, Marisa.
    Bom trabalho! 😉

  17. Adriafix says:

    Eu não duvido da qualidade de todos os tablet que têm saído para o mercado ultimamente , eu só não consigo encontrar uma utilidade nestes equipamentos para a minha vida pessoal e a única coisa que me ocorre é a possibilidade de jogar jogos de uma forma mais prática porque posso tocar no ecrã, mas para isso tenho o meu iphone que é bem mais fácil de transportar que um equipamento deste género.
    Pelas suas dimensões um tablet equivale a um portátil portanto não é um equipamento que possa estar sempre connosco como por exemplo um smartphone e não têm as mesmas potencialidades a nível de programas e sistemas operativos que um portátil por isso não consigo compreender o fascínio destes aparelhos nem tão pouco da sua utilidade prática.
    Quem estiver a pensar em comprar um que função lhe irá dar?

    • aver says:

      Navegar na internet à procura de app 😉

      O iPad é um bicho esquisito. “Primeiro estranha-se e depois entranha-se”. O pessoal está habituado às app do smartphone para uma quantidade de coisas. Num ecrã maior fica tudo mais fácil.
      É um bocado estúpido ter o computador ligado e o iPad também, largar o teclado para pegar no iPad e vice-versa, mas é isso que me acontece e certamente à maior parte.

      Um iPad com 3G e uma coisa destas (capa protectora/ suporte/ teclado) http://j.mp/aaDf02 talvez sirva para mais alguma coisa. Mas verdadeiramente o iPad não foi feito para trabalhar.

  18. aver says:

    Imaginem que este ano (é 2010-2011 mas o 2010 ainda vai a pouco mais de meio) a EISA deu os prémios de.

    – melhor tablet – Apple iPad (também a concorrência não era muita)
    – melhor smartphone – Samsung Galaxy S. O ano passado ganhou o 3GS e em 2008 o HTC Touch Diamond.
    – melhor Social Media Phone (?) – Samsung Wave
    – melhor Mobile Phone – Sony Ericsson Xperia.

    Se a Apple ganha prémios a Samsung ganha mais (com os produtos próprios, porque ainda fabrica componentes para a Apple). Em termos de hardware de facto não é só imitação. Agora no design … “encosta-te aos bons e serás melhor do que eles”, para desagrado do profeta Steve Jobs

    http://www.eisa.eu/awards/5/mobile-devices.html Tem mais categorias

    • a Friend® says:

      Mas atenção, fabricar componentes não é o mesmo que os conceber. (projectar a arquitectura, roadmap, etc..etc…)

      A prova disso, entre outras tantas, é o “Apple A4”, que toda a arquitectura foi projectada pela Apple em conjunto com outra empresa que adquiriram, e encomendaram esse trabalho à Samsung, de o fabricar.

      A Samsung tem fábrica de componentes, mas nem todos eles são projectados por eles. Mas de resto sim, tem muita coisa boa fabricada e projectada por eles. Quanto a esses prémios, como esses há varios mesmo.. mas não concordo que o Galaxy S seja o melhor do ano. É sem dúvida um excelente smartphone, mas melhor não acho.

      Quer a nível de software, que embora esteja bastante rápido e fluido é um “rip” do iOS, ou seja… não é original e na sua construção (plasticos, etc…) não é dos melhores que a Samsung já fabricou.

      Só destaco uma coisa que esse telefone tem, mas não é unico. É o AMOLED… tem um contraste de cores (vividas) impressionante. Na luz do dia é complicado ver, mas de resto é excelente a qualidade de imagem. Não é tão nitido como o retina display do iPhone 4 (nos pequenos detalhes..naturalmente porque tem menos ppi) mas tem mesmo uma qualidade acima da média.

    • a Friend® says:

      Esqueci-me do resto.. lol..

      Esta lista é a prova quais marcas investem mais na inovação/pesquisa:

      http://www.businessweek.com/interactive_reports/innovative_companies_2010.html

      E a que está em primeiro, tem liderado o ranking por vários anos…

      http://www.businessweek.com/magazine/content/06_17/b3981413.htm

      Ou seja, é aqui que vemos o verdadeiro “sumo” das marcas. Pegar em conceitos já concebidos e estudados (ou como se diz na giria.. já batidos…) é relactivamente fácil fazer bons produtos. Agora, concebe-los de raíz… não é para todas.

      Por exemplo, o Android é fruto disso. O Windows Mobile 7, é outro fruto disso. Era um sistema já existente e deu uma volta e 360 graus para adoptar um modelo de venda/suporte/funções que faz sucesso, ou seja…ambos seguiram a linhagem de estudo do iPhoneOS, cada um à sua maneira.. mas o conceito base é aquele, que em 2007 revolucionou o mercado dos smartphones.

      Deixo aqui um excelente artigo com uma retrospectiva deste mercado e uma expectativa futura do mesmo:

      http://www.marco.org/980434663

      • Marisa Pinto says:

        iPad, GalaxyTab, ou outro qualquer, eu gostava mesmo de ter uma coisinha destas nem que fosse só para experimentar.., ehehe

        • a Friend® says:

          Mas isso sem sombra e dúvida! 😀

          Até porque, como bons amantes de gadgets, temos que experimentar todos. Só assim é que se pode criticar com conhecimento, coisa que normalmente… não acontece! 😉

          E foi precisamente isso que deixei bem claro no meu primeiro comentário. Se ele tivesse aparecido antes do iPad… assim como está… bem… fazia uma GRANDE VÉNIA à Samsung….agora, ao conhecer o iPad e ver as demosntrações deste… fico desiludido no sentido de esperar mais das marcas… estilo, algo que nos dê a volta mesmo à cabeça por ser totalmente diferente. Eu quando um dia tiver a oportunidade de mexer neste, irei sempre associar ao iPad… eu… e muita gente. Ou seja.. aquele espirito irá manter-se… e eles ainda vão dar mais força ao iPad..porque quem mexer nele a primeira coisa que dirá é precisamente essa. “epah.. olha-me este “IPAD” da Samsung…” e não o “GalaxyTAB”… percebes a ideia? 😉

          • Marisa Pinto says:

            Percebo e concordo. 🙂
            Mas talvez este, e outros, sejam a oportunidade dos mais pobres, eheh, terem contacto com o “ipad” 😀

          • a Friend® says:

            Tinha essa fé, até ouvir rumores noutro site que andam a estudar formas de os vender pelas operadoras (em todo o mundo) por contrato e bloqueados… ou seja, já se está mesmo a ver com se irá entornar o caldo…

            O iPad dos pobres é mesmo o iPad. É preciso é que o preço praticado seja o real e não o “abismal” que se tem feito em alguns países… 499 doláres, cá se rondasse os 399 euros… vendia e bem…infelizmente, o preço da marca faz muitos gulosos se aproveitarem disso e ganharem com lucros gigantes. A Apple surprendeu muita gente pelo preço, porque antes de sair especulava-se os 900 euros… e foi isso que também entalou e bem a HP que ia vender o Slate a 1000 dolares, depois baixou para 599 dolares…e meteu os pés pelas mãos e ficamos sem saber do paradeiro dele até 2011…. 😛

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.