Quantcast
PplWare Mobile

Apple e MediaTek reduzem os pedidos à TSMC após aumento do preço dos chips

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Tadeu says:

    enfim… cada lógica!!!! Mas alguém no seu perfeito juízo acredita que a Apple iria reduzir o nº de encomendas totais, dos seus próprios processadores, ao único fabricante que tem, por causa dum aumento de preço dalguns dólares? O que é que isso resolvia? Absolutamente nada, e para a Apple menos encomendas de processadores levaria a menos vendas e menos lucros, seria um tiro no pé!
    A única redução da Apple será na sua escolha de processadores a cima de 5nm, já que, tal como faz todos os anos,
    vai deixar de vender alguns aparelhos mais antigos. Isso mais a sazonalidade das vendas de iPhones, que começam a descer a seguir ao ano novo.

    • Estradiol says:

      +1
      Concordo a 100% e este anúncio é descabido. O aumento para todos pressupõe uns 5 a 7% (e não 20%) e nenhum fabricante tem problemas com isso, pelo contrário, enquanto “choverem” chips dão-se por mit contentes! E a subida presume um valor muito baixo por unidade, assim que não há problema. Os únicos “afectados” são os chineses com aparelhos Ultra baratos em que a margem já é baixíssima, la vão eles ter que despedir mais uns adultos e meter mais umas crianças a trabalhar (infelizmente).

      Eu evito comprar tudo que é produzido na China, com exceções de empresas que obrigam a algo de honestidade (e não há outra opção) como Apple, tesla, etc.

    • Tadeu says:

      por outro lado, seria possível reduzir encomendas, já que o que a Apple paga é pelos wafers. Pode-se aumentar o nº de chips que se consegue por wafer seleccionando chips para diferentes produtos, isto é, binning, coisa que muito provavelmente a Apple até está a fazer com o novo SoC A15. Contudo o novo A15 também aumentou consideravelmente de tamanho (20-25% em área tendo em conta o nº de transistors), o que reduz o significativamente o nº de chips por wafer face ao chip anterior. Ou seja, feitas as contas e apesar do binning, dificilmente reduziria o nº de encomendas, até aumentaria, já que o aumento de área dum chip não só reduz o nº de chips possível por wafer, como também reduz a yield de produção devido a erros.

  2. DFS says:

    Realmente não faz sentido. Só faz sentido reduzir as encomendas por aumento de preços se puder ir conprar a outro fabricante a um preço mais barato. Mas neste caso penso que quase todos os fabricantes vão acabar por aumentar os preços.

    • Keyboardcat says:

      Neste caso não existem outros fabricantes. Apenas a Samsung, mas esses também têm muitas encomendas. Existe uma razão pela qual a TSMC está a aumentar os preços em primeiro lugar.

      • Tadeu says:

        Acho que a Samsung também aumentou os preços, para além de que mudar de fabricante implica modificar o desenho do SoC, o que demora tempo e também tem custos.

  3. Secadegas says:

    As vendas não devem estar a ser o desejado, daí a compra de muito menos.

  4. Samuel MG says:

    Estamos não tarda e ler que a MediaTek e a AMD vão abrir fabricas para produzir os seus chips que utilizam Open-source RISC-V.

    • Tadeu says:

      por que carga de água é que haveriam de abrir fábricas por causa do RISC-V?

    • Keyboardcat says:

      Depois de ter vendido as suas fabricas (hoje conhecidas como GlobalFoundries), é muito improvável que a AMD volte a entrar no negocio de produção de semi-condutores. Os custos hoje em dia para manter uma linha a produzir chips de ultra geração são proibitivos e os volumes necessários para atingir lucros são bastante elevados.

      Até a própria Intel já confirmou que vai vender capacidade das suas fabricas. Com os custos atuais dos equipamentos não é sensato para a maioria das marcas terem as suas próprias fabricas.

      • Samuel MG says:

        Prevê-se que a TSMC vá aumentar ainda mais o preço. Isto deixa duas opções, ou as empresas pagam ou reduzem os custos e produzem os próprios chips.

        • Tadeu says:

          “reduzem os custos e produzem os próprios chips”, lol!
          A AMD vendeu as fábricas que tinha exactamente porque os custos para acompanhar o desenvolvimento de novos métodos de fabrico e construir novas fábricas só para si, eram cada vez mais incomportáveis.
          Ter uma fábrica para fabricar uns poucos de chips só para si não dá escala suficiente para amortizar o investimento. O que é que fazes com a fábrica quando quiseres tirar partido dum método mais avançado? Vai ficar às moscas?
          A vantagem de haver empresas como a TSMC é exactamente poder ser possível diluir estes custos de investimento por muito mais tempo, reduzindo imensamente os custos por chip. Não é com um aumento do preço por wafer em 20% que isso se altera significativamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.