PplWare Mobile

Qual a razão para o polo norte magnético da Terra estar a flutuar tão rapidamente?


Autor: Vítor M.


  1. Eduardo says:

    Sr. Vítor. O norte magnético da bússola aponta ao norte geográfico porque lá encontra se o Sul magnético. Informe-se antes de escrever tanta babosada.

    • Vítor M. says:

      Eduardo 😀 então o polo norte magnético é o sul geográfico? Caro, estamos no hemisfério norte 😉 O Polo Norte geográfico é uma coisa, o polo norte magnético é outra e o polo sul magnético é outra.

      • Eduardo says:

        Exacto sr. O norte magnético fica no sul geografico

        • Vítor M. says:

          O Polo Norte, ou Polo Norte Geográfico, é o ponto de intersecção do eixo de rotação da Terra com sua superfície no Hemisfério Norte, sendo a região que se localiza mais ao norte do planeta. Está situado no Oceano Glacial Ártico, onde o mar está coberto por uma camada de gelo. Ao todo, distinguem-se quatro polos: o magnético, o geográfico, o geomagnético e o histórico.

  2. Eduardo says:

    Acho que VC não teve bom professores de Fisica.

  3. Eduardo says:

    Sul magnético fica perto do norte geográfico. A bússola aponta ao sul magnético, e com uma pequena correcção temos o norte geográfico.
    O Sr dever ia tomar qualquer livro sério de física antes de continuar esta conversa.
    Por ex lhe recomendo Resnick and Holliday tomo 2. Electromagnetismo. Um dos melhores.

    • Simão says:

      “Sul magnético fica perto do norte geográfico.” – Há muito tempo que não ria tanto! Tem razão! É o Trópico de Câncer dança a valsa com o Trópico de Capricórnio.

  4. Eduardo says:

    Pra ser mais fácil. VC de crianca não brincou com imã? Deve então saber que polos de igual nome repelem e contrários atraem se. Agora se Vítor se o norte da bússola aponta ao norte geográfico e porque ali fica o sul magnético. Espero não seja teimoso.. não e?

    • Vítor M. says:

      Estamos no hemisfério norte. Assim, o Polo Norte magnético é um ponto variável à superfície da Terra para o qual as linhas do campo magnético, que envolvem o planeta Terra, apontam que, por mera convenção, localiza-se num ponto do hemisfério norte. Nesse sentido, polo norte magnético não deve ser confundido com o menos conhecido polo norte geomagnético e nem com o secular Polo Norte Astronómico.

      Nesta imagem está o que referi: https://bit.ly/36tWR3h

      • José says:

        O lado vermelho do íman é o lado norte e o lado branco é o lado sul, e as linhas saem do lado norte para o sul, logo o que o Eduardo diz faz todo o sentido. É algo que qualquer dia vou investigar, o porquê desra descrepancia de nomenclatura.

        • Vítor M. says:

          Eu ajudo. O Polo Norte, ou Polo Norte Geográfico, é o ponto de intersecção do eixo de rotação da Terra com sua superfície no Hemisfério Norte, sendo a região que se localiza mais ao norte do planeta. Está situado no Oceano Glacial Ártico, onde o mar está coberto por uma camada de gelo. Ao todo, distinguem-se quatro polos: o magnético, o geográfico, o geomagnético e o histórico.

          Agora vê o vídeo da ESA que está no artigo para perceberes o polo norte magnético.

          • SergioFerreira says:

            Vítor, creio que o que Eduardo está a querer dizer é que, tal como em electricidade (onde o positivo na realidade é o negativo, considerando sentido da corrente), o Norte magnético é na verdade o Sul. As linhas do campo magnético terrestre vão no sentido Sul Geográfico para o Norte. Na verdade a bússola aponta, magneticamente, para o Sul, mas por “convenção” usamos o Norte como referência tal e qual, uma vez mais, como em electricidade.

          • Vítor M. says:

            Certo Sérgio, mas o que está no artigo está correto ao abrigo do que foi convencionado. Portanto, ele nunca pode dizer que a informação que é veiculada está errada (como disse e de forma grosseira) e apresentar bugalhos quando o assunto é alhos. Eu expliquei-lhe já isso.

  5. Ar says:

    Parece que alguém não é deste planeta.

  6. Eduardo says:

    Sr. Victor o nosso planeta e um grande imã, tem um pólo norte magnético e um sul magnético. Um pólo norte geográfico e um sul geografico. O pólo sul magnético está perto do norte geográfico. Se nesta altura VC ainda não conhece este facto, e claro que não percebeu que uma bússola e também um ímã con dois pólos.
    Posso entender sua confusão. O que não percebo e porque não pegou qualquer manual de Física elementar donde esto fica claramente exprimido.

    • Vítor M. says:

      Volto a referi que o que está escrito está correto. Desafio-o a apontar o que está escrito e que está errado. Mas eu vou-lhe explicar corretamente o seu erro, que é a forma como está a interpretar.

      Tenha sempre em atenção a forma como as terminologias são convencionadas. Facilmente poderá encontrar essa informação nos sites da NASA, ESA e outras entidades especilizadas nessas temáticas.

      Vamos lá…

      Vamos ter como exemplo uma bússola. Conforme sabemos, os ímanes têm sempre dois polos designados por Norte e Sul (por convenção representamos normalmente o Norte com o vermelho e o Sul com o branco).

      Agora a questão do campo magnético da Terra: verificou-se que o polo norte da agulha de uma bússola apontava sempre numa direção próxima do norte geográfico. Chamou-se a esse ponto perto do Polo Norte Geográfico: polo norte magnético.

      Mais tarde (muito mais tarde) ao compreender que a Terra se comporta como um íman percebeu-se que se o norte da agulha aponta para um local em particular é porque esse local comporta-se como um polo sul magnético.

      No entanto, continuamos a chamar a esse ponto perto do norte geográfico polo norte magnético.

      Não confunda as pessoas, explique as coisas de forma correta.

  7. Eduardo says:

    Ar e Simão, já notaram que o pólo norte da bússola aponta ao norte geográfico?
    Se com esta ainda não percebem, vcs não tem remédio. Voltem ao ensino médio por favor.

  8. Eduardo says:

    Sr. Victor o cruzamento do eixo de rotação terrestre com a esfera celeste gera o ponto nomeado norte astronómico. Ele e o mesmo norte geográfico. A projecção no chão deste ponto migra dentro de um quadrado de aproximadamente 2 x 2 metros. Os pólos magnéticos da terra, porém geomagnéticos, migram de forma oposta. Ou seja o sul magnético perto do norte geográfico. Eis o motivo pelo qual o norte da bússola aponta ao norte geográfico. Agradecia que responda com argumentos.
    Participei em duas guerras orientando armamentos pesados por métodos astronómicos e bússolas. Nunca errei

    • AM says:

      O Eduardo esta correto sim, no que afirma e na explicação que deu 🙂

      Algo que não percebo é o facto de estarmos agora a dar relevo a algo que já é conhecido aos anos, ou seja, os campos magnéticos da terra movem-se porque vai haver uma inversão dos pólos, que damos o nome de inversão geo magnética. Já aconteceu pelo menos 3 vezes, sendo que esta última última inversão (a inversão Brunhes–Matuyama) tenha ocorrido há cerca de 780 000 anos. Uma forma de verificar está inversão é nas rochas. Nas rochas fica registado (como se fosse uma impressão) o campo magnético do momento, e em rochas antigas tem registados campos em sentidos opostos.

      • Vítor M. says:

        Não está nada, está incompleto e induz ao erro, dado que o que está convencionado é diferente do que ele afirmou. 🙂

        Em qualquer informação especializada usa-se o que foi convencionado, o polo norte geográfico perto do polo norte magnético.

        Ainda sobre a informação. Claro que se sabe que estes pontos do polo norte magnético se movem, o que está em causa não é isso. Está em causa sim a velocidade que está a aumentar, nessa deslocação. Além disso, ainda não é totalmente percetível o que está a gerar este aumento de velocidade da deslocação do polo norte magnético para a Sibéria e se este ponto voltará de novo para o Canadá ou continuará rumo ao sul. Isso poderá abrir uma nova janela de questões sobre o comportamento do planeta.

  9. Jorge says:

    https://en.m.wikipedia.org/wiki/South_Magnetic_Pole

    Quer o Sul magnético, quer o Sul geomagnetico, quer o Sul Geográfico, “até” a Wikipedia sabe que ficam na Antártida e vizinhanças, ainda que com diferenças sensíveis entre eles, mas não ficam… definitivamente, no Ártico!! Quanto à deriva magnética dos pólos e sua potencial inversão, parece coisa possível. Esta deriva magnética deriva das duas bolhas de magma mencionadas no artigo da Pplware. Há uns tempos, um artigo sugeria fazer uma experiência com um daqueles brinquedos com bolhas de plasma e verificar o comportamento das bolhas…

  10. Richard says:

    Tanta gente a discutir banalidade, o que interessa é se vai haver e se está para breve a inversão dos pólos magnéticos! Sabem o que significa tal facto? Já viram os Média a falar sobre isto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.