Quantcast
PplWare Mobile

Categoria: Ciência

Missão Inédita: China lançou nave espacial para aterrar no lado oculto da Lua

A Administração Espacial Nacional da China anunciou que lançou uma nave espacial para aterrar no lado oculto da Lua.

Denominada de “Chang`e 4”, esta missão tem como objetivo realizar observação astronómica de rádio de baixa frequência, análise de relevo, deteção de composição mineral e da estrutura superficial da lua e medição de radiação de neutrões e de átomos neutros. A nave transportará, entre outras coisas, sementes de batata para plantar.


Astrónomos encontram água estranha numa Lua de Saturno

Ao desenvolver um novo método para medir proporções isotópicas de água e dióxido de carbono, os cientistas descobriram que a água nos anéis e satélites de Saturno é semelhante à da Terra, contudo, a água analisada na Lua de Saturno Febe (ou Phoebe), mostra que esta é estranha, nada comum ao que se conhece no Sistema Solar.

Esta água poderá ter origem muito para lá de Saturno, no sistema solar frio e exterior. Então o que tem esta água de especial?

Imagem de febe, a lua bastarda de Saturno que tem uma água estranha


Primeira Fotografia do Polo Norte do Sol dá conta de avanços inéditos

As agências espaciais, com os avanços das tecnologias e dos materiais hoje usados nos satélites e sondas, dedicam a sua atenção à investigação do Sol. Depois de a NASA ter enviado a Parker Solar Probe, conseguindo uma aproximação nunca conseguida, é a vez da ESA mostrar um surpreendente avanço tecnológico.

Pela primeira vez, surgiu uma imagem do Polo Norte do Sol conseguida nas observações feitas pelo PROBA-2.

Imagem do Polo Norte do Sol


Zumbido estranho viajou pelo planeta mas ninguém o ouviu

Ondas estranhas ondularam pelo mundo e ninguém sabe do que se tratou. Os instrumentos detetaram as ondas sísmicas a mais de 10 mil quilómetros de distância – mas, estranhamente, ninguém as sentiu.

O que se estará a passar no planeta que deixou a comunidade cientifica desconfiada?

Imagem da ilha de Mayotte de onde surgiu um estranho zumbido que percorreu todo planetas e ninguém ouviu


NASA: Asteroide de 213 metros de diâmetros pode atingir a Terra no próximo século

Com a quantidade de corpos celestes que gravitam no nosso Universo, não é de estranhar que o planeta Terra seja visitado muitas vezes por estes calhaus vindos dos confins da galáxia.

A NASA advertiu para a existência de um enorme asteroide com 213 metros de diâmetro. Esta rocha poderá ameaçar a Terra no próximo século, o impacto poderá causar uma explosão devastadora.

Nasa adverte para asteroide a caminho da Terra