iPhone X coloca Apple dois anos à frente da concorrência Android


Destaques PPLWARE

221 Respostas

  1. Ricardo says:

    Este Sr. é parvo e não sabe o que diz..

    • Bruno says:

      O sr. não é parvo! Ele não tem culpa que haja quem faça generalizações que ele não fez. A análise dele era apenas sobre o sistema de câmeras, a vantagem tecnológica que a Apple tinha a esse nível.

      • Tico says:

        O iphone não chega sequer aos calcanhares do android, basta ver a calculadora… a pessoa faz uma conta e não consegue editar os números e/ou sinais, caso se engane, tem de voltar a fazer toda a conta… pior não consegue ver os números e/ou sinais antes inseridos, sempre que marca alguma coisa, apaga a anterior… ridículo… se o objectivo é comparar o iphone com um wiko… então acrescentem a marca… agora não falem da generalidade dos androids, porque a maioria dos Xiaomi ou Samsung, estão anos luz à frente.

        • Bruno says:

          O que não há falta são calculadoras para todos os gostos para descarregar da App Store. Ou será que achas que só se pode fazer cálculos dessa maneira no iPhone?

    • Helder says:

      Explica lá essa…

      Sabes quem ele é?

      Sabes o que ele faz?

      Quanto te pagaram por esse comentário? E a ele?

  2. LG says:

    é como dizer que o Nokia 920 (2012) teve 5 anos a frente da concorrência quanto obteve Wireless charging

    • JV says:

      e nesse campo sim. tecnicamente estará 100% correcto.
      – excepto que não foram 5 anos porque já há carregamento wireless em Android há algum tempo
      – excepto que um Nokia é tudo menos concorrência para um iPhone

      • LG says:

        E pronto… também não acho que por o iPhone X ter FaceID poem a Apple com 5 anos de vantagens se ja em Fevereiro/Março a Samsung vai lançar algo semelhante e já tem Iris scanner há bastante tempo…

        • Não querendo ser advogado do Diabo, acho que se o Face ID cumprir o que se compromete, deixa a concorrência a muito tempo de distância.
          Lembra-te que não é apenas meter ali um conjunto de sensores e está a coisa feita. Há muito mais a “montar” nos bastidores: Software, mais hardware e por ai fora.

          Ainda assim, é a opinião de um reconhecido analista do mercado que tem acertado em quase tudo o que aponta.

          • Miguel says:

            É um título e afirmações para iludir pessoas. Tem tudo a ver com construção de branding da marca “Apple” – O iphone8 foi feito para se venderem mais…iphonesX por exemplo – é uma tática usada.. e acreditem que é mesmo verdade. De resto as empresas seguem tecnologias de reconhecimento facial há muitos anos – veja-se até o exemplo do Windows Hello. Só porque acham que a Apple decide fazer de maneira diferente acham logo que é inovador ahah. Sabem uma coisa? Só falta saber quanto pagou a Apple para lobbying… e para estas pessoas escreverem assim… ou acham que foi por espontânea vontade que ele escreveu isto? eheh

          • Acusações fortes, mas tu tens provas disso, de certeza. Ou estamos a falar por falar?

          • Migael says:

            É o mesmo que dizer que o iPhone X estava a 2 anos e meio de distância do Lumia 950 XL com o Windows Hello…

          • Migael says:

            E do Wireless Charging…

          • AiOGajo says:

            … E Lentes Zeiss;
            … E Audio Jack;

          • Jorge Santos says:

            O FACE ID já existe há pelo menos 2 anos em dispositivos android …. e funciona !!!!

          • Não com este grau de segurança. Lembras-te do desbloqueio com foto?

          • José Rodrigues says:

            Deixa a muito tempo de distância em reconhecimento facial, e então?
            O que te diz a ti que é o futuro e que vai vingar, para mim como único método de autenticação não passa de treta.
            A microsoft está muito mais à frente com o windows hello e reconhecimento de iris, onde caso mates a pessoa e coloques o olho dela para autenticar, não vai fazê-lo, vai detectar que não existe fluxo nos vasos sanguíneos, experimenta lá matar uma pessoa e colocá-la no faceid.. Pois..
            Falam disto porque não conhecem as tecnologias que não se tornaram massificadas e não foram apregoadas como a última coca-cola do deserto.

          • Vítor M. says:

            Mas oq ue te diz a ti que é uma treta? Se pensares e fores ler, verás que não estás com a informação mais importante. A base destas empresas são as compras nas suas lojas, que por sinal a Apple é a mais forte de todas, tem tudo, tem desde aplicações, serviços, software, livros, música, tec… ora se é a maior empresa do mundo com a maior base de cartões de crédito, cabe-te na cabeça que iria deixar a autenticação de acesso ao smartphone e ao cartão de crédito, aos pagamentos neste caso, a uma tecnologia falível (ou como tu apelidas “de treta”)? Não, claro que não, provavelmente se caíres em ti e raciocinares verás que estás errado e que as empresas como a Microsoft não estão absolutamente nada à frente até porque a plataforma deles é imensamente mais pequena que a da Apple e tecnologicamente as tecnologias estão bem diferentes.

            Sabes que empresa desenvolveu o Face ID?

          • Bruno says:

            @ Migael, o que é que o Lumia 950 XL tem a ver com isto?
            @ Miguel, não há reconhecimento facial em smartphones com o Windows Hello, sendo que a tecnologia da Apple é usada para mais do que autenticação.

          • LG says:

            @Pedro “Não com este grau de segurança”

            Qual grau de segurança? A verdade é que ainda não se sabe como funciona o FaceID… So sabemos que projeta pontos à face e faz a leitura 3D… Segurança ainda não sabemos muito enquanto não chegar às mãos dos consumidores….

            Como reage o FaceID com um molde 3D? Não sabemos… Provavemente o TouchID será mais seguro…

          • José Rodrigues says:

            Vítor, tens de aprender a ler com calminha as coisas, a treta não é a segurança do faceid, para mim até agora é inquestionável, a treta como referi é esse passar a ser o único método de autenticação o que para mim deixa muitos cenários de usabilidade em dúvida, e por isso não tenciono comprar nenhum X, ficando-me pelo 8 e abandonando a Apple quando o 8 morrer e não tiver alternativa de autenticação.
            Só de repente vêem-me à cabeça uma dezena de cenários onde não quero olhar para o faceid para o desbloquear.

          • Vítor M. says:

            Não, estás errado, tu é que não percebeste e estás a inventar cenários. Isto é o mesmo que o Touch ID ter situações em que não é possível ler as impressões digitais. Tenho algumas empresas com quem trabalho, que o sistema de leitura de impressão digital nalguns funcionários não funciona, têm as pontas dos dedos tão maltratadas que simplesmente precisam de outros métodos, mas para noventa e muitos porcento é a forma mais simples de entrarem na empresa e de darem a entrada ao trabalho.

            E mais não é nada o único, a Apple tem o código de segurança. Porque raio não lês? Vai ver as características do iPhone X na página da Apple antes de falares.

            Como é óbvio a Apple e as outras marcas todas estão a evoluir, o Touch ID antes de aparecer as pessoas tinhas apenas o código de segurança, ou já não te lembras? Se não queres olhar, coloca o código.

          • José Rodrigues says:

            E grande lol Vítor, reiterares a segurança do faceid por ter muitos CC associados, o touchID não deveria também ter essa preocupação? lol

            Verdade das verdades, apple e segurança não andam de mãos dadas, por muito que a empresa venda essa ideia, quem percebe de segurança sabe que isso não é verdade e nunca vai ser, não com aquilo que investem em segurança e não ao tempo que investem na mesma.

          • Vítor M. says:

            Estás a falar de quê? Não digas LOL para esconder o desconhecimento do assunto, vá, conversa de adulto sff.

            É obvio que a Apple não é parva e deixar o sistema desprotegido com uma tecnologia que falha. Mais, como eles disseram aquilo tem uma margem de erro de 1 para um milhão. Faz o seguinte, se queres conversar, vai primeiro munir-te de informações válidas e não de crenças. Eu não me importo de dialogar sobre estes assuntos, mas pelo menos tragam informações que possamos tirar proveito.

          • Bruno says:

            Está a dois anos de distância de outra companhia COPIAR essa tecnologia. O leitor de íris da samsung, que já existia anteriormente é o equivalente tecnologico e não tem necessidade de passar para FaceID. Porque é que a Apple não está a X anos de ter um leitor de iris igual. É bonito brincar com as palavras para fazer um produto parecer melhor que os outros.

          • AiOGajo says:

            @Bruno, o que é que o Lumia 950 tem a ver com o face ID???? Nada… não usa I.V. para detectar a iris. E funciona no escuro.

          • Cortano says:

            E para ti o Iris Scan da Microsoft é apenas um conjunto de sensores?!

        • Bruno says:

          O Iris scanner é outro tipo de tecnologia, que no caso da Samsung não se tem revelado grande coisa em termos de segurança e rapidez.
          Onde é que tu viste que a Samsung vai lançar algo semelhante em Março? De qualquer das maneiras o que analista diz é em termos de nível de desenvolvimento da tecnologia por detrás do FaceID.

          • MR says:

            Olha estás enganado, o meu S8 desbloqueia pela iris em milésimos de segundo, é mais rápido do que impressão digital ou outro. Em relação ao faceID pode ser muito seguro. mas uma coisa é certa é tão prático como o IRIS, “resumindo uma treta” em inúmeras situações n te dá jeito, é mais prático meter um código ou o dedo.

          • Vítor M. says:

            A Iris é um bom sistema, mas com óculos por vezes é uma borrada. O face ID não precisas de tirar os óculos nem encaixar ali perfeitamente a iris no leitor. Mas é também um bom sistema, embora tem ainda de evoluir um pouco para se tornar mais usável.

          • Bruno says:

            @ MR, o scanner do S8 não é rápido ou seguro. Meter o código também não é prático em inúmeras situações…
            A tecnologia por detrás do FaceID é usada noutras aplicações, o mesmo não se passa com o scanner da Iris.

          • Cortano says:

            @Vitor M.
            Estou farto de desbloquear o meu L950 com oculos escuros, em noite escuras e não deu borrada.
            Mas o Face ID ainda nem sequer saiu, já estás a mandar foguetes… vê lá se não te queimas.

          • Vítor M. says:

            Espera lá, mas se não saiu porque o criticas se não o conheces? Basicamente quem o conhece e usou intensivamente foi a aApple e as referências são da própria empresa, já tudo o resto que falas são meras especulações. Afinal estás a dar-me razão 😉

    • Helder says:

      Ahaha ridículo!

      Até parece que não é algo corriqueiro que aparece até em escovas de dentes, e foi inventado há séculos!

      • AiOGajo says:

        Sabes o que é que foi inventado à séculos e o iPhone ainda não tem?

        – Audio Jack

        LOLOL

      • Joel Reis says:

        Então vê lá o atraso da Apple, que só chegou lá agora.

      • Goncalo says:

        Tao corriqueiro, que já quase todas as marcas usam, incluindo as mais desconhecidas e baratuchas, e já quase todas elas usam tecnologias de carregamento rápido muito mais avançado que o só agora implementado pela Apple, que se diz uma empresa inovadora, mas a inovação não passa de tecnologias antigas, trazidas pela mão da Apple com nomes diferentes, especificações ligeiramente modificadas para evitar problemas com patentes (fugir com o rabo a seringa). Poupem-me, a Apple é uma empresa virada única e exclusivamente para o lucro máximo possível, e cliente é apenas um peão necessário para chegar ao objectivo. A tecnologia nasce e evolui pela mão de apaixonados pela mesma, alguém que cria algo novo para mudar e melhorar a ciência, a nossa qualidade de vida, alguém que pensa em todos, desde os invisuais, aos surdos, paraplégicos, etc. Diz-me em que lugar a Apple se encontra na tabela das empresas que assim o fazem. Ou pelo menos indica algo que a Apple tenha criado a pensar nos utilizadores com deficiências, e não falo de tecnologias importadas de tecnologias existentes pelas mãos de terceiros. Nesta area tens uma empresa “responsável” por isto que é sem dúvida, além de pioneira, talvez a que mais investe nesta área, muitas vezes em algo que nem se revela muito rentável, e visto por outros como perda de tempo e dinheiro, mas a Microsoft pensa e desenvolve para todos, e nisso temos de lhes tirar o chapéu, e tudo aquilo que tem criado e financiado ao longo dos anos, em conjunto com outras grandes empresas tem-se tornado muito útil no nosso dia-a-dia, mas a lista é imensa e quem quiser saber que faça o mesmo que eu, pesquisem, aprendam, se não o quiserem fazer e preferem continuar a ser burros a criticarem e a defenderem o que não sabem nem entendem, força, a vossa burrice até serve de entretenimento para os mais inteligentes, e até nos aumenta o ego e orgulho.

        • Brasão SS says:

          “(….) a vossa burrice até serve de entretenimento para os mais inteligentes, e até nos aumenta o ego e orgulho.”
          Realmente depois de ler o teu comentário cheio de sabedoria e bagagem cultural tecnológica, tenho que te dar razão, na tua última sentença.
          Quando penso que a ignorância tem limites, afinal depois desta pérola, confirmo que não, afinal a ignorância não tem limites.
          🙂

        • Bruno says:

          @ Goncalo, há décadas que a Apple integra e adapta os seus sistemas para pessoas com deficiência. Tem sido várias vezes elogiada por organizações de apoio, pelas políticas nos seus SDKs para desenvolvimento de aplicações de terceiros, o que facilita o aparecimento de muitas aplicações na loja se adaptam a necessidade especiais.

    • Mutepa says:

      Sabem vocês se confunde até hoje ainda não há carregamento wireless o que vê é carregamento magnético ou vermelha, wireless são cargas a distância que cria um campo magnético de pelo menos 1m de distância sem nenhuma interrupção

      • xor3 says:

        Wireless = Sem fio

        Não te confundas a ti próprio…

      • Goncalo says:

        Procura o significado da palavra, vais ficar surpreendido ao descobrires que: “wireless” = “wire” + “less”, ou seja: “sem fios”.
        Mais fácil que isto não é possível. Não precisas saber muito de Inglês para entender o significado das palavras acima, e se souberes um pouco de Português também vais entender o que quer dizer “sem fios”, ou seja, sem uma ligação física. Resolve lá essa confusão na TUA cabeça, a confusão não está nos outros, pensa que se todos os outros dizem uma coisa e só tu dizes outra, o mais certo é seres tu que estás errado e não os outros. Abraço.

  3. Spoky says:

    Sim claro! Vai dominar o mercado com preços altos…

    Principalmente em Portugal onde as famílias nem passam do ordenado mínimo para viver. Onde os jovens e a canalhada obrigam os pais a cobrar um iPhone mesmo que saibam que não podem, as prestações.

    Face ID? A Samsung já tinha desde o S7, a designação é que é diferente, ate o Android tem com Smart Lock.

    É só rir com esta Apple, faz-se de coisas que já existia, só falta dizerem que o HDR os fabricantes vão levar muito tempo a introduzir…

    Enfim, Apple sendo Apple. Ficavam bem mais vistos se buscassem os preços e competissem de verdade, ai é que iriam ver os números e a quota no mercado a.aumentar e triplicar

    Mas a Apple é tão esperta que nem se apercebeu, ou melhor apercebe-se mas prefere ter mais lucros e luxo do que ter mais vendas, mais quota no mercado!

    900-1000 euros por um telemóvel mas é que nem louco compraria!!!

    • Rodrigo Sacode says:

      Em Portugal custa 1149 o mais barato e 1349 para a versao mais cara. Aconselho a virem o xiaomi a1 que faz igual a tudo e custa 6x menos

    • JV says:

      lol realmente. que burros. podiam baixar os preços, deixar de ter um equipamento premium que é o que os distingue e ganhavam maior quota do mercado. porque é com quota de mercado que se paga as contas, não é com “maus lucros”.

      é só génios neste país, de facto. acho que devias ser já promovido a director numa qualquer marca de luxo. isso é que ia ser ver tudo à venda na feira da ladra por 5€ e o domínio completo do mercado. mas sem lucros nem luxo

    • Miguel says:

      Acredito que o iphone X não está dois anos a frente de nada. Mas não compares o face ID com o desbloqueio por camara.
      Tecnologia comkpletamente diferente.
      Embora eu ficasse contente que os telefones desbloqueassem por pin e tivessem algo realmente inovador.

      Infelizmente ultimamente so se fala de processadores mais rapidos, graficas mais rápidas e inovações que não chegam a ser.
      Aplica-se isso tanto a android como a apple.
      Faz lembrar o tempo dos PC’S quando so se discutiam velocidades de processador e depois apareceram os tablet’s e smartphones que deram uma tareia nas vendas dos PC’S.

      • AiOGajo says:

        Mas posso comparar com o desbloqueio pela Iris e com o Windows Hello!

        • Bruno says:

          Também não tens muito por onde comparar! Tecnologias diferentes, sendo que a tecnologia da Apple tem outras aplicações para além da autenticação.

          • AiOGajo says:

            @Bruno tecnologias diferentes??? É um raio de I.V. disparado a um alvo!!!! Um é para a íris o outro é para a cara!!!

            Que raio tem a ver um sistema de pagamentos? Basta associar um sistema de autenticação e está feito. A apple só cria sistemas de pagamento porque é a empresa líder no mundo em quantidade de cartões de crédito guardados daí que lhe compense criar formas de os utilizadores utilizarem esses sistemas!

          • Bruno says:

            @ AiOGajo, cada lógica, meu deus! Agora basta haver uma semelhança para ser igual? E o resto do hardware que é diferente? O scanner de Iris faz ou tem capacidade para mapeamento tridimensional? NÃO!
            Não falei em sistemas de pagamento, sendo que isso usa o FaceID, é autenticação, e eu disse que é usado para além da autenticação! O hardware da Apple é também usado funcionalidades em fotografias e está disponível em APIs do ARkit

    • David Guerreiro says:

      Competir com quem? É o mesmo que dizeres que um restaurante de luxo onde uma refeição que custa no mínimo 100€ por pessoa, deve competir com um restaurante com refeições económicas de 8€. São ligas diferentes. A Apple tem os preços que tem, porque pode. É simples. Tem clientes mais do que suficientes para manter a máquina a trabalhar. Como tal, se pode ganhar muito, porque haveria de ganhar pouco? O mercado é que dita. Se eles conseguem convencer os clientes a pagar um valor premium pelos seus produtos, e o negócio funciona, quem não queria algo assim?
      Quem pode e quer compra, quem não pode ou não quer não compra é simples.
      O cliente alvo da Apple não é o português que recebe o salário mínimo, para existem as marcas baratas com Android. Temos que dar a mão à palmatória, a Apple consegue convencer o consumidor a pagar aquilo que lhe é pedido.

    • Miguel says:

      Adorava perceber onde é que lês no artigo que a tecnologia foi “inventada” pela Apple e/ou que não existem coisas similares no mercado.
      No artigo diz apenas que a concorrência precisará de 2 anos e meio para estar ao mesmo nível (funcionar tão bem). E não me venhas com as cenas que aconteceram em palco porque mais vale falhar duas vezes em palco e funcionar bem no dia a dia do que o oposto 😉
      Em Agosto o S8 e o S8+ atingiram 20 milhões de vendas (desde o lançamento) por isso acho que 30-35 milhões de unidades para um só modelo explica não só o preço mas também como o mercado funciona em relação à Apple.
      Por isso, acho que os teus últimos 3 parágrafos não fazem qualquer sentido mas…tu lá sabes o que queres dizer com “competissem de verdade”: 20milhoes em 7 meses vs 30-35 em dois meses.

    • rodrigojds says:

      E aqueles que comprm ferraris ou lamborghinis ou bugatis? vais dizer que essas empresas sao loucas por venderem os seus carros mais caros?? E no fundo um ferrari faz o mesmo que o opel corsa..leva-te do ponto A ao ponto B.

    • Tomás says:

      Se os Iphones fossem baratos “quase” ninguém comprava android. É o mesmo que o MINI, se fosse barato ninguem andava de Polo…

    • Louro says:

      Nao quero defender a Apple ou outra marca, mas agora por Portugal haverem salários baixos e que em média um Portugues necessite de trabalhar praticamente 2 meses para poder comprar um iPhone quer dizer que a Apple é que é burra?

      Nao estou em Portugal e aqui com um salário minimo compras um iPhone e ainda te sobra dinheiro…com o meu salário posso comprar 3 todos os meses e ainda me sobra dinheiro.

      Por cá a maioria do pessoal troca de telefone todos os 2 anos, seja ele Android ou iOS e nao sao burros ao ponto de gastarem um salário num telefone…fazem contrato, pagam mais alguns Euros/mes do que pagariam pelo mesmo tarifário sem o telefone e voilá…
      Como as operadoras sabem que eles compram assim os precos de contratos sao cada vez mais competitivos e baratos.

      Exemplo:
      iPhone 7Plus 64Gb,
      Chamadas nacionais ilimitadas,
      SMS nacionais ilimitadas,
      Roaming Grátis (Já antes de a UE vir com isso), no meu caso adiciono ainda países como os EUA.
      30GB de Internet,

      Pago: 45Euros/Mes num contrato de 2 anos… e o mesmo tarifário sem telefone custava 25Euros/mes.

      Basicamente fazendo as contas bem feitas, no final do contrato pago 480Euros pelo telefone… que foi comprado logo que saiu no mercado e na altura devia de custar a volta dos 1000Euros.

      • Padreco says:

        @Louro

        Como assim pagas 480 euros? Se pagas 45 euros por mês como pode dar 480 euros ao fim de dois anos? 45*12=540 540*2=1080€
        Para dar os 480 terias de pagar 20 euros por mês ora 20*12= 240 240*2=480

        Ou está a escapar-me algo?

        • Louro says:

          Se leres o que eu disse…

          O mesmo tarifário que tenho e que já está incluido nos 45Euros sem o telefone custa 25Euros/Mes.

          Logo, o que eu pago no final dos 2 anos por ter o telefone é (45 – 25) * 24 = 480Euros.

          Se fosse comprar o telefone hoje sem contrato pagaria bem mais do que isso…e já tenho o telefone faz 1 ano.

          Por exemplo antes deste tinha um iPhone 6S Plus 64Gb…pagava 22Euros/Mes a mais por ter contrato relativamente ao mesmo tarifário sem o telefone.

          Ou seja, ao fim de 2 anos o telefone custou-me 580Euros.

          Quando acabou o contrato vendi o telefone por 550Euros para Portugal e a este vai acontecer exactamente o mesmo, OLX aí vai ele para Portugal 🙂

          Ah, esqueci de referir que os telefones apesar de em contrato vem todos desbloqueados.

    • Goncalo says:

      Tenho de lado cerca de 5000 euros para comprar uns brinquedos tecnológicos novos, é o plafond que mantenho sempre para isso, mas estou à espera de algo realmente inovador para o gastar, se a MS realmente trouxer os novos Surface devices (telefones) conforme o especulado e levemente citado por fontes internas, aí sim, e se necessário ainda aumento o plafond mais umas milenas, pois sou capaz de adquirir tudo relacionado com MR e impressão 3D, vou ficar à espera.
      Ah, tudo isto para dizer, que prefiro gastar 5000 mil em algo realmente inovador, que 1000 ou 1500 por algo que se parece imenso com outros que custam 150 euros, e faz o mesmo que os outros, da mesma maneira, mas com mais limitações e ainda por cima não vale nem metade. Apple nunca mais, só me enganaram uma vez. Não guardo rancores, sim, fazem o papel deles, gerar lucro, quem quer compra, quem não quer não compra, e eu sou dos que não querem. A minha operadora fez-me uma proposta para o iPhone 8 por 299 ou o 8 Plus por 399, confesso que ainda me senti tentado a ir para o 8 Plus para o vender logo a seguir, mas para quê? Para lucrar uns míseros 100 ou 200 euros? Ainda ter de me chatear a ir buscar, negociar com o comprador, e ainda por cima sentir-me mal a pensar que enganei alguém? Prefiro o Samsung S8+ por 329, e sempre fico com um brinquedo novo que caso não goste, posso vender com a consciência limpa.

  4. Rodrigo Sacode says:

    Comprei um xiaomi a1 que faz tudo o que faz o iphone x, faceID camera dupla etc por 200euros em loja fisica….com o dinheiro do iphone x dava para comprar o mm smartphone para toda a família ca em casa e ainda um fim‑de‑semana prolongado de ferias no algarve agora pensem.

    • Antonio says:

      200€ ? Ou 249.99€ ? 😛

    • ZéManel says:

      faceId ou reconhecimento fotográfico? não é a mesma coisa..

      • Jorge Santos says:

        reconhecimento facial 🙂 ah mas faceId é mais bonito ehehheheheh

        • Helder says:

          Face ID é por profundidade, no Android é por fotografia.

          Ou seja, não tem nada a ver, o sistema da Apple é muito superior.

          • Jorge Santos says:

            é mais profundo 🙂

          • Goncalo says:

            Tipo o reconhecimento da Iris nos Lumia 950/950XL, mas com a diferença que o iPhone reconhece o rosto, e os Lumia reconhecem a Iris, que é única tal como a impressão digital. E antes que venhas mandar postas de pescada, sim, reconhece tal como o face ID, usa sensores de infravermelho para leitura de profundidade.

          • Bruno says:

            @ Goncalo, o sensores do Lumia não fazem qualquer leitura de profundidade, é apenas uma imagem no infravermelho da iris. A Iris ser única não quer dizer que os sistemas de reconhecimento não levam a falsos positivos – os sistemas têm limites de resolução e existe ruído nas medições, o que requer ser compensado com menor precisão. É o mesmo com os sensores de impressões, etc!

      • Sujeito says:

        Sabe lá ele.

    • Costa says:

      Bom dia,
      Qual a loja fisica, só encontro a ~250.
      Obg

    • Dani says:

      Não entendo esta comparação de telemóveis de 200 euros com os telemóveis topo de gama.

      Os telemóveis não são iguais nem sequer estão no mesmo segmento, ok que têm funcionalidades semelhantes mas não estão ao nível de serem comparadas com um topo de gama da Samsung, Apple ou Huawei por exemplo.

    • Manuel says:

      Sempre a mesma historia , mas alguém que dê mais de 1000€ por um iPhone esta a pensar se compra o telemóvel ou vai de ferias ?
      Quem compra um Ferrari tambem está a pensar dou 300 mil euros pelo Ferrari ou compro uma casa , obvio que quem compra o Ferrari ja tem 2 ou 3 casas.
      Vejam se caem na realidade que nem todos andam a fazer constantemente contas a vida.

      • Goncalo says:

        Sou obrigado a dar-te razão, embora são goste de Apple, mas isso aqui nem sequer tem peso algum neste tema. Mas se calhar o comentário do Rodrigo até não é assim tão descabido, mas isso depende da situação, se ele se refere a alguém que só tem 1000 euros disponíveis, sim, concordo com ele, é preferível viver a vida e ter um telemóvel mais barato, que deixar de viver para comprar algo para mostrar aos outros (sim, neste caso só pode ser para mostrar, uma vez que ninguém “normal” se vai privar da vida em prol de bens materiais para criar uma falsa imagem).

    • Rui Sousa says:

      “faz tudo o que faz o iphone x” tens de me dizer como instalas-te o iOS ai no a1.

  5. Rodrigo Sacode says:

    Dar tanto dinheiro por um smartphone que no fundo rouba dados para vender a outros (ninguem sabe o que a apple faz aos vossos dados mas claramente vende os pois e dinheiro que entra). Quem e inteligente sabe perfeitamente que a apple esta prestes a acabar pois sem o Jobs aquilo é mais do mesmo e o mercado ja so espera pelo regresso do windows phone que assumira o mercado quando chegar o surface phone, aquele que todos querem e podem pagar ao contrario do iphone que e um briquedo para meninos ricos.

    • JV says:

      wow. totalmente rendido! de facto a apple vai morrer e o rei supremo, o windows phone é que será o dominador do mundo! mas isto é totalmente óbvio, basta olhar para a quota de mercado que o windows phone (não) conseguiu ganhar nos últimos anos. já desde o windows mobile que é o melhor (mas ainda usavas fraldas nessa altura), nem sei porque mudaram.

    • Bruno says:

      “Ninguém” sabe o que a Apple faz, mas tu sabes que faz uma venda de dados!! Lógico!

    • Security says:

      AHAHAHAHAHAH
      é que a Samsung, Xiaomi e afins não o fazem… são politicamente corretos esses. Para não falar de que o concorrente direto do iPhone X é o Samsung Note 8 que custa uns tantos 1000 e tal €.

      Mas concordo que qualquer telemóvel nesses preços é absolutamente absurdo e desnecessário. Com esse preço compra-se um computador que é bem mais interessante.

    • Miguel says:

      “ninguém sabe o que a apple faz aos vossos dados mas claramente vende os pois e dinheiro que entra” – esta afirmação pode ser válida para qualquer empresa do género por isso se pretendias usá-la como argumento para “criticar” a Apple acho que não fez muito sentido.
      O mercado espera reter 30-35 milhoes de iphones este ano (estamos em outubro), este artigo quer queiras quer não mostra que não é mais do mesmo, não vejo notícias sobre o surface phone (em comparação com o que sai da Apple/Samsung/etc.
      Desculpa lá se para o meu trabalho (e o de muitas pessoas que conheço) o iphone é o melhor para trabalhar. Sendo ou não para “meninos ricos” a verdade é que tem muito mais utilidade para muitas pessoas. E falo com experiência que tive com Androids/windows phone desde 2010.

    • Sujeito says:

      Esses miolos cozeram. Santa ignorância. A Apple não vende os dados. Nem o Google vende os dados. Vai informar-te primeiro para poderes ter uma opinião que se possa respeitar.

    • Rui Sousa says:

      ” ja so espera pelo regresso do windows phone que assumira o mercado quando chegar o surface phone” xD morri lol

  6. ..wtf.. says:

    ..wtf.. “pelas tecnologias que traz e que são uma novidade no mercado”….. Todas quais amigo…. Por esse prisma, qualquer Smartphone que saia para o mercado trazem tecnologias únicas e novidades no mercado, só porque são um bocadinho diferentes das outras. A meu ver, os fabricantes que adotaram o Android têm tecnologias mais avançadas que um desbloqueio de tlm. Sim porque um FaceID é um desbloqueio de tlm.

    • Bruno says:

      O FaceID é desbloqueio do telemóvel, mas o hardware analisado não é só para desbloqueio de telemóvel.

      • AiOGajo says:

        Isso já existia no Lumia 950… utiliza Infravermelhos para identificar os sulcos da iris e desbloquear o telefone com o olhar.

        • Bruno says:

          O que acabaste de descrever não é o que o iPhone faz!

          • Cortano says:

            Não, mas o resultado prático é o mesmo. Qual será mais seguros? Até agora é a Iris Scan que ainda não foi hackada (pelo menos com meios normais, é possível fazer em labs avançados com alta tecnologia, mas impossivel de fazer “em casa”).
            O Face ID ainda não saiu… portanto, não podes dizer que é melhor ou pior, mais ou menos seguro.

          • Brasão SS says:

            @ Cortano
            Onde é que ele disse que era melhor ou pior. Ele simplesmente disse que são tecnologias diferentes.
            “mas o resultado prático é o mesmo”
            “o face id ainda não saiu”
            Mas que confusão vai aí nessa cabeça.
            Se ainda não saiu como afirmas que o resultado prático é o mesmo?
            Aguarda que saia e depois atira umas postas. Pode ser que alguém as apanhe.

          • Bruno says:

            @ Cortano, mesmo que o resultado prático fosse o mesmo não seria a mesma tecnologia. Ou será que a tecnologia da Google no Android é o mesmo que o FaceID só porque um dos resultados práticos é autenticação via uma câmera?
            Em segundo lugar, o que está em análise é o hardware, que faz mais do que o FaceID (autenticação). Aqueles sensores são aproveitados para fotografia, mapeamento facial básico em aplicações, etc!

  7. Manuel Santos says:

    Não dou 6 meses para que saia uma notícias a dizer que um android ultrapassou as capacidades do ultimo iphone. Digo e não sou fã de nenhum desses sistemas. O meu Windows mobile funciona muito bem e não precisa desse hardware de topo para funcionar bem.

    • Sujeito says:

      Olha que já lá vão uns anos e ainda não estão equiparados ao sensor de impressão digital deles. Qual é o mal em reconhecer que uma empresa é melhor nalguns campos que outras…

      • Skepller says:

        Mas em que planeta que os android não estão equiparados ao leitor de digital do iphone?
        Os leitores de digital dos últimos android estão no exato mesmo nível que o do iphone, desbloqueando o celular instantaneamente…

  8. Rui says:

    Sempre fui um pouco contra as guerras entre ios Android(gosto muito de ambos) e dizer se que um é caro demais e outro faz o mesmo por bem menos. Cada sabe de si e cada um gasta o que entender. Agora com estes novos preços praticados, acho um pouco difícil fugir a esta questão. Pessoalmente prefiro Android(no segmento de telemóveis) e acho ios igualmente muito bom mas valerá mesmo a pena gastar mais de 1000 euros num telemóvel? Chegou a um ponto absurdo e em muito contribui títulos como este que leva as pessoas cometer loucuras. Porque não fazem um título do género será que o iPhone X vale os 1000 e tal euros ou para que efeito querem gastar tanto num telemóvel??? A maioria que vai gastar este balúrdio, vai comprar para ir ao Facebook, jogar uns jogos, umas fotos catitas e mostrar aos amigos que tem um iPhone. Há imensas opções 3/4/5x mais baratas que fazem o mesmo e com muita qualidade igualmente… Nem era mau de todo fazerem um artigo das coisas que um sistema operativo dá e o outro não é vice versa para elucidar as pessoas antes de comprar o que. Quer que seja e racionalmente tomar a melhor opção. Cumprimentos

  9. Emanuel Vitorino says:

    Estas “previsões” servem só para fazer as acções das empresas descerem e subirem, para poderem vender/comprar a excelentes preços. Não acreditem nisto.

  10. Não Interessa says:

    A opinião deste senhor provavelmente vale tanto como a do Helder 😉

  11. Manuel Costa says:

    mandem lá o homem tomar os comprimidos…

  12. iurie solomon says:

    Apple… estas tecnologias apareceram primeiro no Android…..
    https://pplware.sapo.pt/apple/apple-tecnologias-apareceram-android/

  13. Paulo Silva says:

    Dizer que está assim tão à frente é muito exagerado. O novo processador e camera são de facto muito superiores à concorrência, embora saibamos que a SnapDragon não vai deixar barato e deve já com o sd845 igualar a apple, mas quanto a mim deram um tiro no pé com aquele corte de ecrã e estragaram aquilo que podia ser um equipamento perfeito, talvez para mostrar que fazem a diferença e não serem iguais à concorrência, infelizmente..

  14. Jorge Fernandes says:

    Então se eu quiser ir já para 2019 basta comprar um iPhone X??? E será que assim não tenho que pagar impostos em 2017 e 2018??? Se assim for vou já encomendar uns 10 iPhone X e avanço logo 20 anos!!!!

    • Miguel says:

      Não é acumulável, segundo me disseram. Só consegues ir até 2019. Relativamente aos impostos, o IRS está tão à frente em Portugal que foi criada uma excepção para quem comprar um. xD

  15. ABC says:

    o problema é que só estará disponível daqui a 3 anos… LOL

  16. Nuno S. says:

    Por causa de uma funcionalidade, 2 anos ?! Mas se está “escrito” na “rede” é porque é verdade ….

  17. Miguel Nóbrega says:

    Não concordo

  18. Carlos says:

    No preço, garantidamente leva 2 anos de avanço. No resto, como ao contrario do PPlware eu não tenho nenhum dom que me permita adivinhar, não posso fazer grandes comentários, mas com a demora no lançamento pode ser que alguma concorrencia apareça com equipamentos equivalentes, mesmo antes do X ler colocado à venda.

  19. quenabo says:

    Lembro-me de poder usar a minha fronha feia para desbloquear o tlm à anos com o Oneplus one e de certeza não foi o primeiro…. 2 anos a frente na estupidez só se for

    • Lembra-te que não é a mesma coisa. Já está provado que esse reconhecimento facial, apesar de funcionar, não tem o mesmo nível de segurança.

      • Fabio says:

        Claro que continuam a aparecer os ignorantes, que gostam de dizer que o faceid não é nada de novo…. Primeiro informem-se de como funciona, e depois teçam os comentários.

      • Miguel says:

        Segurança do quê? Vai ser óptimo para completar as bases de dados para as polícias americanas. É uma segurança que vale zero.

      • ..wtf.. says:

        ..wtf.. Olhas para o Oneplus one e o tlm desbloqueia, olhas par o Iphone X e o tlm desbloqueia.
        Diferenças?
        É como o outro dizer que não tem claques, tem adeptos organizados… lol..

        • Vítor M. says:

          Isso não é verdade. O Samsung também desbloqueia, até com uma foto. Isto tem a ver com as tecnologias e os limites de segurança. Para teres uma ideia a Apple é a empresa do mundo com a maior base de dados de cartões de crédito (no segmento), é o maior trunfo da empresa. Nunca, em caso algum, iria colocar um sistema de acesso a pagamentos e de acesso aos dados bancários num sistema frágil, tal como existe nos outros com o sistema 2D, percebes?

          • Armindo says:

            Ele tem dois neurónios e um deles nem trabalha. Como queres que perceba? Não percas o teu tempo.

          • MR says:

            uma pergunta, pelo que vi na apresentação se não funcionar o reconhecimento facial pede password numérica certo?
            Essa password numérica já não foi corrompida anteriormente?
            de que me serve a facial se podemos usar outros métodos mais frágeis?

            É apenas uma observação, tenho um S8 ofereci o Iphone 7 à minha namorada e já tive o iphone 4s n tenho nada contra a apple.

          • Vítor M. says:

            Corrompido o pin? Não, alias, o sistema é logo encriptado no arranque da configuração inicial do iPhone. O Face ID, tal como o Touch ID, tem regras de utilização e caso alguma dessas regras tenha de ser validada o utilizador tem de meter o seu código de segurança. Esse código de segurança pode ter 4 ou 6 dígitos ou pode ter uma palavra passe mista.

            Agora diz-me, qual deles é frágil? Lembra-te do que pagou o FBI para desbloquear o iPhone 5C do atentado há uns anos atrás 😉

    • Sujeito says:

      Tecnicamente, visto que não percebes a diferença, tu é que estás atrás 2 anos. Já vai em 4.

  20. Filipe Teixeira says:

    É verdade, no preço

  21. José Seco says:

    Compra compra que daqui a 1 mês já vai sair mais um novo. Não abras os olhos que não é preciso. Continua a dar dinheiro a todos estes capitalistas cujo o fim é apenas vender! Vender coisas que nem testadas previamente são!

  22. ABC says:

    verdade que é um excelente equipamento, o melhor equipamento do mercado, o Tesla Model S também o é nos carros eléctricos, mas acessível a poucos. No entanto, na minha opinião, qlq marca chinesa de telelés terá no máximo daqui a um ano um equipamento igual (android) a 1/5 do preço. E provavelmente só nesta altura haverá iphones X para todos.

  23. Dário says:

    tanta discussão em torno de um assunto, e ninguém percebe que a vantagem está na integração entre software e hardware? nao importam os GB de RAM, os mAh da bateria, os cores do CPU!
    A questão aqui é: um OS que corre em hardware feito para ele VERSUS um OS que tem que correr em “todo” o hardware existente.

    Não pode haver comparação, porque simplesmente não há esse nível de otimização na concorrência.

  24. Vsousa says:

    Pro ano lançam outro modelo que vai estar ao nivel dos Androids de 2027 e lá para 2020 vão estar cerca de 25 anos á frente dos Androids. O Face ID é uma tecnologia que serve apenas para desbloquear o telemovel, só que como a Apple não tem ideias querem convencer as pessoas que é uma key feature, É preciso esperar para ver mas acho que não vai ser tão pratico como o touch id. Se puser o telemovel em cima da mesa tem que ser com o ecra virado para baixo, ou entao é ver o dito cujo a bloquear/desbloquear constantemente, alem de que com o sensor de impressões digital, tiro o telemovel do bolso e quando olho para ele já esta desbloqueado. Se apostassem no desenvolvimento da bateria, em vez de ter super processadores (que têm) dos quais 99% dos utilizadores não tiram partido ,e animojis(LOL) e fizessem um telemovel mais equilibrado… Pra não falar do IOS que agora é como os androids nas versões BETA, tem actualizações semanais com correcção de bugs e introdução de novos… E continua a ter preço “Premium”. Meu rico Xiaomi!

    • wishmaster says:

      Sim….e principalmente andar com o telemóvel na mão enquanto trabalhas e ele sempre a desbloquear porque detecta a nossa face..lolol
      No meu caso, às vezes ando na rua com papelada e tenho o telemóvel na mão, mas bloqueado. E não quero que ele desbloqueie enquanto eu mexo nos papéis ou faço outra coisa qualquer.
      Prefiro o sensor de impressão digital, mas a Apple tinha que apresentar algo diferente para animar os investidores.

      • Bruno says:

        Ele só desbloqueia se olhares para o ecrã tendo sido activado, e mesmo assim continua no lock screen! Por isso explica-me qual é que é a crise com andares com ele na mão.

  25. Freud2004 says:

    Propaganda, mera propaganda…

    Eu que tenho o Iphone 8 plus, não o vejo à frente dos seus concorrentes, talvez em duas áreas sim, no preço e na estabilidade do IOs, de resto as ofertas cada vez me parecem mas similares e o mercado cada vez me parece mais do mesmo.

    Quanto ao Iphone X ou 10, tenho duvidas que se venha a impor na maioria dos mercados, o face ID não é assim tão espectacular que leve a maioria dos user da apple a optar por uma versão muito mais cara dos equipamento.

    O meu vaticínio é que a apple vai manter a sua cota de mercado, muito graças ao iphone 8 e principalmente ao plus, que será o modelo de eleição para quem transita do iphone 6 ou 7 dito normal e que procura na sua maior dimensão uma razão para trocar de equipamento.

    Creio que a apple, mais sedo ou mais tarde irá perder cota de marcado, principalmente devido aos preços elevados à falta de arrojo no design dos equipamentos e por não modernizar o IOs, modernizar o IOS não é só novas funcionalidades muitas vezes um novo look novos icons tem mais efeito no users que muitas das inovações lançadas ultimamente.

    Abraço

  26. Miguel says:

    No mundo americano é possível manipular imprensa e opiniões facilmente.

  27. José Carlos da Silva says:

    Dois anos à frente da concorrência Android? Se falarmos de ecrã, a Sharp já o fez e resolveu melhor há uns bons anos. A seguir a Xiaomi. Não vamos falar da LG ou da Samsung, ou mesmo do Essential Phone, porque já se torna ridícula a comparação.

    Em relação ao resto… Ora vejamos uma comparação simples com o Galaxy S6, lançado em Abril de 2015…

    7.7mm (X) VS. 6.6mm (S6)
    Certificação IP67 (X) VS. IP68 (S6)
    Câmara 12MP 2160p (X) VS. 16MP 2160p (S6)
    Ecrã 1125p (X) VS. 1440p (S6)
    64GB de armazenamento (comum aos dois)
    Super Amoled (comum aos dois)
    CPU com 6 cores (X) VS. Cpu com 8 cores (S6)
    3GB de RAM (comum aos dois)
    WiFi 802.11 a/b/g/n/ac (comum aos dois)
    NFC (apenas para Apple Pay) (X) VS. NFC (para tudo) (S6)
    Carregamento wireless (comum aos dois)
    Sem jack (X) VS. com jack (S6)

    Daqui a mais dois anos talvez o iphone tenha aplicações em ecrã dividido, downloads directamente do browser, aplicações default seleccionáveis, NFC desbloqueado, suporte para multi-utilizador e certificação IP68…

    Continuam a não ser coisas comparáveis, já que são sistemas diferentes e servem utilizadores diferentes. Todos vão buscar as melhores funcionalidades à marca do lado. Melhor e mais à frente? Discordo totalmente. Já lá vai o tempo…

    • Sujeito says:

      Tal como na era dos pcs, comparar Specs de nada serve. Se não percebes isso, é porque não percebes o que se está a comparar.

      • José Carlos da Silva says:

        Ilumina-me então com a tua inteligência superior. Se não comparar specs, vou comparar o quê? Um sistema mais limitado e praticamente inalterado há anos? O que é que um oferece, que os outros não ofereçam?

        • Sujeito says:

          Calma com isso, não estava a ser agressivo, nem a defender nenhuma marca. As specs não são tudo. O resto só se percebe usando e comparando.

        • Wooden says:

          No outro dia estava a tirar fotos num evento e o camarada ao lado tinha um S6, que entretanto reiniciou-se sozinho, e o momento das fotos voou… Eu continuei a tirar fotos no meu iPhone, e depois partilhei com o camarada.

          Resumo, no papel é uma grande máquina sim sr o S6, na realidade é uma grande máquina também, mas como disse o Sujeito, nem tudo são specs 😉

  28. Miguel Costa says:

    Só 2 anos? Então mas na altura do Iphone 2 a Apple publicitava que tinha 30 anos de avanço a todos os outros telemóveis do mercado, agora só tem 2 anos? Tem de ser uma falsidade. A Apple tem sempre, mínimo dos mínimos, 10 a 15 anos de avanço a todos os outros. Eles inventaram os componentes que estão agora a aparecer nos outros telemóveis, não é assim?
    Também tem os serviços de Icloud que são os mais seguros do universo e arredores… sem contar com aqueles 600 milhões de contas que foram roubadas e invadidas e muitos dos utilizadores nunca foram informados que todos os seus dados foram copiados.

    • alienflowerx says:

      Não mintas ele disse 5 anos a frente , e tinha razão
      o Planeta deve muito a apple se não ainda hoje andavam a escrever ordens de comando
      sempre ela a introduzir os avanços e a retira-los quando se tornam obsoletos
      e os outros toda a vida foram obrigados a seguir aquele que é no geral e no fim do dia
      o melhor e mais cool smartphone do planeta
      o resto são tentativas falhadas de imitações fajutas de 10001 marcas que hoje nem existiriam se não fosse o iPhone
      Os cães ladram e a caravana passa sempre no topo , deve ser por que não presta !!!

  29. vargas says:

    Mais uma análise encomendada, apenas e só. A única e verdadeira vantagem da Apple é a fiabilidade do sistema operativo, já no desempenho do hardware dificilmente chega próximo da Samsung.

  30. Nuno S. says:

    Mesmo depois de tantas formas de dar mais segurança aos equipamentos … a senha continua a ser a melhor … se sofrer um “phonejacking”, posso sempre optar por não dar a senha se for por impressão digital ou facial torna a coisa mais fácil para o ladrão….

  31. Jorge Jesus says:

    o barato sai caro e por isso que ja tenho o dinheiro para essa ultima obra prima da Apple poupei agora e só desfrutar o novo iphone x mais nada

  32. Xis says:

    Mas afinal é o iPhone X que está 2 anos à frente da concorrência Android, ou o desbloqueio do iPhone X é que está 2 anos à frente do desbloqueio da concorrência Android? É que, sendo o desbloqueio apenas uma pequena parte de todo um sistema, não pode apenas por si colocar uma empresa 2 anos à frente da concorrência…mas pronto, cada qual com o seu sensacionalismo.

    • Vítor M. says:

      Provavelmente será o que a Apple pode ter e os outros não. É que todas as tecnologias que os outros têm, a Apple tem, o caso do Face ID, pelo que está dito pelo analista, só a Apple tem e demorará pelo menos 2 anos até aparecer algo que ultrapasse esta tecnologia.

      • Alvim says:

        Como a tecnologia de desbloqueio com a face é tudo menos segura e útil, a própria Apple vai acabar por a abandonar…
        É também mais fácil dizer que o Android está 4 anos à frente do iOS só com a tecnologia de carregamento rápido… ou outra qualquer.

      • JCBastos Portela says:

        Tempo de reler o que colocaram com título da notícia: “iPhone X coloca Apple dois anos à frente da concorrência Android”. Mas afinal só estamos a falar do FaceID. Será que não existe outro título mais indicado?

        • Vítor M. says:

          Estamos a falar de tudo, do conjunto ou vai à prateleira só comprar o face ID? Não pois não? Claro que a Apple depende de algumas empresas para ter os componentes que ainda não desenha. Mas isso está a mudar, hoje a Apple tem muita da tecnologia patenteada, tem o processador de fabrico próprio, tem já uma dependência residual de marcas como a Qualcomm e outras empresas que estão intimamente ligadas ao mundo Android.

          Depois tem ecossistema, coisa que mais ninguém ainda tem mas todos perseguem. A Google tem um sistema operativo e a Store que atrai os consumidores e os fabricantes. Mas depende de todos eles para ter o seu sistema nos equipamentos, mas está atrás de um fabricante e por isso é hoje “sócia” da HTC. Mas falta o resto, não tem poder de distribuição. A Apple tem lojas físicas e um sistema de logística sem concorrência no mundo.

          A Microsoft queria ter isso tudo e tentou. Desenvolveu um sistema operativo mobile, abriu lojas físicas, comprou produção de hardware mas… não tem quem queira o Windows Mobile, e aos poucos está a perder o que um dia sonhou.

          A Samsung está presa à Google mas vai atraiçoar a Google. O Tizen será o sistema operativo principal dos telefones da Samsung, assim como já é nos smartwatches. A loja da Samsung está já a querer arrastar as pessoas para lá, a empresa canabalizou tudo o que era Google, desde app das fotografias, cloud, browser, vídeos, música, livros, Samsung Pay… tudo. Porque sabe que é onde a Google ganha muito, na Play Store. A Apple faz milhões nas várias Stores, desde a Store para o iPhone e iPad, passando pelo Apple Watch, Apple TV e macOS.

          A Huawei está também a traçar o seu caminho tal como a Samsung p está a fazer, com recursos próprios para ter oferta própria nas suas lojas, até já tem lojas físicas. O modelo está explicado meu caro, por isso a Apple está anos luz de todos. Só tenho pena de não ter umas ações da empresa 😉 que durante os próximos 10 anos vai crescer imensamente.

          Podes argumentar sff no que respondi, assim podemos dialogar sobre algo mais concreto.

      • Eaglehugo says:

        “É que todas as tecnologias que os outros têm, a Apple tem…”
        LOL …
        Não devia ser escrito ao contrário…
        Nem o caraças do GPS funciona sem rede de dados … A sério … E sim tenho 3 dispositivos Apple…

      • José Alfredo Marceneiro says:

        Em mobile claro está. Porque a tecnologia de mapeamento 3D facial e respectiva detecção / verificação não é nada de inovador. Até digo mais, há uma empresa portuguesa que desenvolveu um sistema em tudo semelhante a este há cerca de 5 anos e tem o mesmo a funcionar em vários aeroportos por esse mundo fora.

        • Vítor M. says:

          Não sei se não o será, sabes quem desenvolveu o face ID? Qual empresa o desenvolveu?

          • José Alfredo Marceneiro says:

            Não me digas que foi esta empresa Portuguesa que desenvolveu o Face ID e eu não sabia.
            Não sei quem desenvolveu o Touch ID. Por favor elucida-me.

          • Vítor M. says:

            Sim, eu elucido. Então é assim:

            [Face ID] This premise, security and fast access, has driven Apple to continue to invent and build more advanced systems to Face ID today. Apple acquired RealFace in February 19, 2017. The Israeli startup was a cybersecurity and machine learning firm specializing in facial recognition technology formed in 2014 for an estimated $2 million or somewhat more. Most of the technology in Face ID comes from RealFace with some technology from PrimeSense.

            PrimeSense, Founded on 2005, was an Israeli 3D sensing company based in Tel-Aviv. PrimeSense had offices in Israel, North America, Japan, Singapore, Korea, China and Taiwan. PrimeSense was bought by Apple Inc. for $360 million on November 24, 2013.

          • Cortano says:

            Foi a empresa que equipava o Kitnet da Xbox 🙂
            O kinect “lia” o corpo todo, a Apple “resumiu” a coisa à cara e fez com que cabesse num telemovel.
            Aliás, a compra da tecnologia foi feita em 2017… portanto, a Apple apenas fez com que a coisa encaixasse no iphone.

          • José Alfredo Marceneiro says:

            Ok. Obrigado pela explicação.

            Vamos por partes. A PrimeSense é a empresa que desenvolveu a primeira Kinect, o que acaba por confirmar a razão pela qual o FaceID da Apple não estar a usar ToF mas uma tecnologia em todo semelhante ao utilizada na primeira Kinect. A Primesense não tem algoritmos de matching facial.

            Quanto à Real Face, o que dizes só confirma aquilo que disse mais acima. Não é nada de inovador. Pelo report da empresa e pelo que dizes aqui em baixo, a empresa foi fundada em 2014. Há uma empresa em Portugal a fazer isso desde, sensivelmente, 2012 com uma tecnologia em tudo idêntica.

            Não estou com isto a tentar tirar mérito à Apple, só estava a dizer que pode ser uma inovação em mobile, mas não o é em biometria.

          • Vítor M. says:

            Sim, a Apple nunca disse que “fabricou” esta tecnologia, apenas é inovador pela forma como a aplica, pela forma como se torna “usável” e simples ao mesmo tempo que é o garante da segurança da maior empresa deste segmento (e uma das maiores empresas do mundo). Logo, eu penso que a tecnologia é segura tal como eles referiram.

            Deixo só a fonte da notícia: http://www.timesofisrael.com/apple-buys-israels-facial-recognition-firm-realface-report/

            Além disso, há mais algumas informações sobre ambas as empresas, sugeria uma leitura sobre essas duas empresas e o que realmente fizeram e fazem para vermos como o seu conjunto é inovador e agora estão ao serviço da Apple e dos dispositivos da empresa.

            Mas a “talhe de foice” faz-me lembrar que quando a Apple lançou o Touch ID também não era inovador, até porque antes, salvo erro a Motorola e a HP nos PDAs já haviam lançado algo que tentava fazer o que a Apple conseguiu. Apenas os outros tentaram. Aqui é a mesma situação, não é inovador, tens razão e sabemos que ao nível militar há anos que se usa esta tecnologia ou algo parecido, mas agora trazer para este segmento é que são outros 300. Penso que concordas.

      • Cortano says:

        DEsculpa, mas isso é uma grande bullshitada

  33. Jose says:

    Só se for no preço …

  34. Jorge Santos says:

    É inútil comparar de modo igual dois sistemas totalmente diferentes.
    Um tem um S.O todo em função de um “único” hardware. Outra coisa seria ver um Android instalado num Iphone e OS instalado num equipamento como Samsung, Huawei etc …
    Aí sim poderiamos ter testes realistas.
    Quem compra um equipamento topo de gamamuitas vezes opta por diversas razões, sejam elas estéticas, performance ou até de estatuto.
    no meu caso optei sempre por android porque gosto da liberdade que me dá, pelo preço apesar de um equipamento topo de gama e porque simplesmente me satisfaz no dia a dia.

  35. Manuel Ribeiro says:

    Acho que ficava bem dar os créditos da primeira foto ao MKBHD

  36. Johnnie carlos barbosa says:

    Proposta de revisão: simplesmente. O sistema id face, no Android sempre existiu e sempre funcionou.
    A vocês não digo qui criaram, mas tentaram evoluir o sistema.

    Amigos eu dúvido muito se isso tras pouco rendimentos nos produtos de qualidade Android

  37. Alexandre says:

    2 anos e meio?!?! Este tem acções da Apple só pode! em 2 anos e meio já a concorrência vende telemóveis Android superiores ao iPhoneX por 150€

  38. Nuno S. says:

    O FaceID é super mais seguro e no fim metes um código de 4 dígitos estilo 1234 ou 0000 e desbloqueias o telefone na mesma …

    • Filipe M. says:

      Chamam-lhe evolução tecnológica. Eu chamo-lhe tecnologia estupida. O meu Lumia 950 de 2015 também desbloqueia quando olho para ele. Dei por mim a pensar que quando o fazia em locais públicos parecia um perfeito anormal a olhar para o TLM como se o estivesse a admirar. Desativei a função e continuo a fazer o desbloqueio por PIN.

      • Cortano says:

        Tinhas o sensor mal calibrado. Eu desbloquei-o o meu, na maior parte das situações, com o tlm na mesma posição em que o vou usar – a cerca de 40/50 cms de distância e nem preciso de ficar em posição selfie.

  39. João Borges says:

    Continua a haver muita confusão sobre as tecnologias utilizadas para reconhecimento facial, e se estas são as mesmas ou não.

    No caso da Apple, esta sim foi pioneira (nesta área). O tradicional reconhecimento facial é feito por RGB (tipo de imagem tradicional para as “selfies”), no caso da Apple, estamos a falar de tecnologia time-of-flight (ToF), onde é possível ter uma noção 2.5D (profundidade) ou mesmo 3D (núvem de pontos) do rosto da pessoa. O conceito não é novo e já foi utilizado pela Microsoft através do tão conhecido kinect, se bem que o propósito seria o reconhecimento de posturas dos jogadores.
    Se pretenderem comparar a tecnologia kinect e faceID, estas também diferem a nível de software (como seria de esperar). No caso do kinect, a Microsoft aplicou machine learning tradicional (RDF) com 300 mil imagens, para obter performance (e também menos processamento). No caso da Apple, esta já aplicou um método de machine learning mais recente (deeplearning), se bem que neste caso não sei quantas imagens terá utilizado, mas provavelmente terão sido na mesma grandeza (obtendo também performance, e pouco consumo).
    A respeito das imagens de treino, não são necessariamente gravadas dos utilizadores, mas sim sintéticas (criadas virtualmente).

    • José Alfredo Marceneiro says:

      Estás errado João. A tecnologia da Apple não é ToF. A tecnologia da Apple é semelhante à tecnologia utilizada na primeira Kinect, que tem um projector de pattern IR e uma camara IR que lê esse padrão e calcula a profundidade a partir daí.
      A Kinect 2, essa sim usa ToF.

      • João Borges says:

        Não pretendi induzir em erro, dessa forma não especifiquei o v1 ou v2. O v1 é por structured light, enquanto o v2 já utiliza diretamente o conceito time of flight, através de continuous wave demodulation (uma variante de lidar). O algoritmo deles mantém-se ligeiramente similar, tendo alterado principalmente no pós processamento e não de treino.

      • João Borges says:

        Só reparei agora a tua correção sobre o faceid, e tinhas razão eles utilizam o mesmo princípio de hardware do v1 (é o que dá me informar nas entrelinhas :)).

  40. Napoleon Bonaparte says:

    Oh Rodrigo! Para mas é com esses argumentos criativos.
    Já alguma vez ouviste falar da informação que o sistema Android recolhe e envia para a Google?!
    Vê lá é se dizes onde compras um MiA1 por € 200,00 em loja física e em território nacional. Fiquei curioso é com vontade de comprar também um exemplar por esse preço.

  41. Eaglehugo says:

    O que a Apple tem é um Marketing agressivo.
    Não existe qualquer revolução…
    Se há anos exitem apps que fazem reconhecimento facial permitindo até trocar de caras … Estamos a brincar … Só pode …
    – será o ecrã …. Nop.
    – câmeras … Em hardware talvez … Mas esta tecnologia já existe há anos … Existem empresas com sistemas de acesso com esta tecnologia…
    – o wireless charging …. LOL .. Nop
    – CPU … Nop … O HTC já existe ha muito, mas têm a vantagem de o implementar no kernel.
    Uau … Revolução … Para a Apple … Sim de certeza …
    O que a Apple tem é um excelente software, com implementação do equivalente OpenCL 2.2 (o OpenCl é patente da Apple)… Mas eles têm implementado no kernel … Os outros nem la perto …

  42. RG says:

    eu sou fã de Iphone, gosto do IOS e gosto de tudo um pouco destes equipamentos, mas sinceramente o que está dois anos a frente são os preços, porque provavelmente só daqui a dois anos é que a maioria das pessoas poderá comprar o X.

  43. Kabindas says:

    2 anos á frente? A sério? Este senhor ou não percebe nada de tecnologia, ou não percebe nada de tecnologia. Simplesmente não pode prever a tecnologia daqui a um ano quanto mais a dois anos. Simplesmente ridículo

    • Vítor M. says:

      Também acho, deveriam ter-te consultado. Eu apoio.

      • Kabindas says:

        Até podia consultar. Como engenheiro de software á mais de 20 anos, trabalhando neste momento em tecnologia de vanguarda da MS mais especificamente em .NET CORE, dando suporte de desenvolvimento em frameworks UI como DevExpress ou KendoUI, até podia falar um pouco de tecnologia, mas não quero entrar por ai. O que não percebeste (ou não quiseste), foi que é impossivel conhecer a tecnologia daqui a dois anos, dai o ridiculo do titulo do artigo, ok ?

        • Vítor M. says:

          Sim sim sim… claro que não é ridículo e olha só o lançamento hoje da Google para veres como faz todo o sentido. Apenas há que abrir horizontes e perceber o mercado com base na história. O resto é conversa 😉 A tua certeza é apenas uma dúvida que o mercado irá responder como sempre respondeu. Lembro-me há 10 anos alguém dizer que o iPad seria o fim da Apple. E é isto. Boa noite.

          • L. Kanbaru says:

            Se não me engano, aqui mesmo no pplware vocês falaram de uma patente que a Sony tinha feito para um verdadeiro face ID e já foi há uns tempos, não me acredito que vá demorar dois anos e meio mas vocês é que são os engenheiros.

  44. MG says:

    Não sei porque insistem nisto e porque afirmam tamanhas alarvidades. Estamos em 2018, não existe estar 2 anos à frente de ninguém, na melhor das hipóteses será uma tecnologia “nova” que facilmente será replicada e melhorada por outros como tem sido o caso de muitas outras em meros meses. A apple nos Iphones continuará a inovar é certo mas não está a 2 anos de ninguém nem a anos luz de nada… Isso hoje é relativo e é apenas isso, será algo novo até à próxima saída do novo modelo concorrente . Aliás que continue assim, a Samsung agradece que entretanto vai vendendo as “peças” que permitem à apple esses avanços !.

  45. Eduardo says:

    ilusão. porque enquanto o time de engenheiros da apple desenvolve algo “revolucionário” pro seu aparelho que, digamos, roda SO embarcado, as outras marcas tem seus times de engenheiros projetando tudo e mais ainda pro android. resumo: apple projeta algo pro ios, enquanto lg, samsung, motorola/lenovo, huawei, xiaomi e etc projetam pra android, e no fim das contas – bem mais barato. ah, e com audio jack =]

    • Vítor M. says:

      Será que vai continuar o Jack 3.5 mm nos restantes equipamentos? Hmm… vamos lá ver 😉

      • Eduardo says:

        mesmo se não continuar, assim como no motoZ, tendo adaptador barato não faria diferença. acho q a tendência é ter menos conexões no aparelho, tudo na usb. mas aí aposto que a briga das marcas seria colocar o adaptador incluso na compra. a apple como é “sem concorrência” não se importa em ter um adaptador vendido separado por um preço absurdo de caro…

        • Vítor M. says:

          Calma, agora o discurso mudava de figura. A Apple avançou contra tudo e contra todos porque removeu o Jack 3.5… agora vamos ver a crítica quando a Google também o fizer.

          • Eduardo says:

            não é o google, são as fabricantes. e como as marcas estão na corrida da concorrência o cliente raramente perde. se o fizer mas for acessível é uma coisa. se não for barato e acessível perde pra outra marca. apple é isso ou saia fora.
            um exemplo é os adaptadores aqui no Brasil. os projetores são hdmi e vga, um adaptador de display port pra hdmi do mac retina custa 500,00 reais. um adaptador simples vga para hdmi que funciona em notebooks mais antigos windows/linux custa 30,00 reais. um adaptador de jack 3,5 do motoZ custa 15,00. um adaptador pra carregar e ouvir música no iphone 380,00.

        • gelzaraka says:

          o adaptador da apple vem junto com o iPhone… não tens que comprar nada.

  46. Gonçalo says:

    Este artigo é a gozar?

  47. Brunol74 says:

    Ok o face ir da Apple pode ser bom. Mas fico com o scanner de iris. Quero ver o face id da Apple com gémeos a comparar com o scanner de iris.
    No que toca ao sistema operativo, o iOS é muito bom sim, mas te limites em quase tudo. Prefiro Android, porque si quero fazer m…. com ele, posso. Faço o que quero com o telemóvel, aliás, compro um celular para poder fazer o que quero.

  48. R!cardo says:

    ” a Apple provou estar dois anos e meio à frente da sua concorrência mais direta no universo Android.”

    Isso quer dizer que quem comprar o telemóvel vai ficar 2 anos a pagar?!?!?!

  49. gelzaraka says:

    Gostava de ver esses tais telemóveis de 200€, que têm tudo o que o iphone x irá ter, fazerem apenas uma coisa… que é a principal, para não mudar de sistema operativo.

    Terem a fluidez e estabilidade do iOS… quando conseguirem isso… eu mudo.

    até lá , não me importo de pagar mais de 1000€ por um equipamento, que por acaso também faz e recebe chamadas…..

  50. Belmiro says:

    Pedro Simões, o que falta saber é quao seguro é o sistema para os olhos, porque este e o e iris não se sabe

    • Tal como disseram muitos, tanto os Lumia como os Samsung usam leitor de iris há vários anos e ainda não existem casos de problemas reportados. Não me parece que venha a dar problemas. Não acredito que isso não tenha sido tomado em conta quando os sistemas foram criados.

  51. Cláudio Hilário says:

    Engraçado que quando vejo artigos que falam de produtos da Apple encontram-se sempre estas discussões acesas mas que ao certo quem critica não sabe ao certo o que está a falar pois pelo que escrevem nota-se que pouco percebem do assunto. Meus amigos informem-se e não digam “me###”! Se for o caso esperimentem e tirem as vossas dúvidas!

  52. Alex says:

    A impressão digital é melhor. Em devido tempo vai-se chegar a essa conclusão.

  53. kkkkk says:

    Em Portugal abrir o browser já impressiona o chefe. São normalmente os que sabem menos e sobem a lamber as botas e a lixar os colegas.

  54. José says:

    Tanta coisa pela Apple. Continuo sem perceber o encanto. Passei agora de um Lumia 950 para um Iphone 6S e sinceramente, a única vantagem é mesmo as aplicações. De resto é um sistema básico e pouco intuitivo. Tivesse o windows as aplicações da Apple e Google, e já gora telemóveis novos para venda, e sem dúvida que era o melhor sistema do mercado.
    E também não percebo o porque de se passar tanto tempo a falar de estética de telemóveis. São todos os tijolos com um vidro por cima (há, uns tens uma cantos arredondados e outros não).
    E para finalizar, Segurança? Mas ainda acreditam que existe? Ele são existe enquanto determinada informação não tiver interesse para alguém. Quando alguém quiser aceder ao vosso telemóvel, acede!

  55. Nuno says:

    Chamar revolucionário a melhorar um tecnologia que existe no mercado desde 2009 (Kinect), acho que é demais: https://www.theverge.com/circuitbreaker/2017/9/17/16315510/iphone-x-notch-kinect-apple-primesense-microsoft

  56. Carlos says:

    Bom, para já não há nenhuma evidência que o Face ID seja superior ao Touch ID. Obviamente que a Apple diz que é, nem poderia ser de outra forma, mas acho que só mesmo os fanboys mais ferrenhos é que aceitam tudo o que a Apple diz como sendo uma verdade absoluta e indesmentível.
    Eu, que tenho experiência em usar o Windows Hello num Lumia 950, continuo a achar os sistemas tipo o Touch ID muitíssimo superiores e não é nem pela precisão nem pela rapidez, é pela conveniência. Bom, ou talvez seja pela rapidez, pensando bem nisso. É que com o leitor de impressões digitais eu consigo desbloquear o telefone mal pego nele. Assim que o levanto da mesa consigo debloqueá-lo (e no iPhone com o sensor na frente é ainda mais rápido, é mal pouso a mão nele para o levantar da mesa). Quando o tiro do bolso consigo debloqueá-lo ainda dentro do bolso. Isso significa que quando finalmente olho para o telemóvel, ele já está desbloqueado.
    No Lumia 950 é menos prático. Mesmo quando o Windows Hello é quase instantâneo, mesmo assim é um processo mais complexo do que o leitor de impressões digitais.

  57. Carlos says:

    Onde a Apple tem um avanço enorme é nos SoCs, e é estranho ter vindo a fazer tão pouco com isso.
    Nos SoCs, a Apple está pelo menos 2 gerações à frente e tem as vantagens adicionais de só ter de fazer 1 novo de cada vez e de poder diluir o seu alto custo no dispositivo todo — a principal vantagem dos SoCs da Apple é a quantidade enorme de cache que têm, tem 8 MB de cache L2 comparado com os 2 MB do Snapdragon 835 ou do Exynos 8895, ou até mesmo com os 6 MB do novíssimo Core i5-8250U que vamos começar a ver nos laptops novos.
    A única outra empresa que poderia fazer concorrência à Apple é a Samsung, ainda para mais porque praticamente mais ninguém usa os SoCs Exynos, mas se calhar não acham isso tão importante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.