Quantcast
PplWare Mobile

Há um novo malware para macOS que está a intrigar os investigadores de segurança

                                    
                                

Fonte: Red Canary

Autor: Pedro Simões


  1. Paulo says:

    Não considero malware pois não tem acesso aos dados como no windows e android. O malware em mac não passa de uma ideia como o godzila, simboliza o medo do uso do windows mas que não existe na apple.

    • iMF says:

      Claro que não nem sei o porquê destas notícias, devem pensar que um mac algum dia vai ser afectado por malwares hahahah
      Tudo o que é servidores de informação crítica são suportados por máquinas Mac.

      Quando não se quer ver os problemas é preferível abrir um buraco e por a cabeça lá dentro.
      Hahaha típico, qualquer dia é uma inovação.

      • Luis Silva says:

        Deixa andar, este pessoal dos macs acha que o sistema é todo poderoso e porque só nunca apanharam que é mais seguro.
        Penso que daqui pra frente como já começa a quota a crescer vai haver mais ataques.

        • Cicrano says:

          O que a maioria não sabe é que têm o sistema todo infectado, visto que o ataque ao sistema é relativamente fácil.

          • Paulo says:

            @Cicrano: “A maioria não sabe”, “relativamente fácil”… Bolas, ainda bem que tu és um “especialista” ;)) Essa malta da cibersegurança, analistas de segurança informática e da informação ou simples não percebem nada disto… pfft /s

          • Jorge Carvalho says:

            We’ve found that many macOS threats are distributed through malicious advertisements as single, self-contained installers in PKG or DMG form, masquerading as a legitimate application—such as Adobe Flash Player—or as updates. In this case, however, the adversary distributed the malware in two distinct packages: updater.pkg and update.pkg. Both versions use the same techniques to execute, differing only in the compilation of the bystander binary.”

            Não é assim tão fácil visto que nao tem certificado original.

            Abc

          • Luis Henrique Silva says:

            Pode até nem ser fácil agora, deixem eles pesquisarem mais e encontrar falhas…….já disse várias vezes e muita gente o diz, nenhum SO é perfeito, não vale a pena cair na peta que macos ou linux é perfeito, porque não são, só que quem quer criar conteúdos maliciosos vira-se mais para onde há mais publico, e assim vira-se claro para windows android… porque se tivessem o mesmo sentido que levam de certeza que o sistema da apple era bem atacado, pelo simples facto de que não estão tão habituados a ataques, se um dia começa a chover tanto como para windows meus amigos, é o tormento

    • Hélio says:

      Exato, é isso tudo e sabes que mais,eu sou um alien que vim de marte para te dizer que é mais seguro um fedora ou um Ubuntu que um macos, até mesmo o Windows vitima e como arcaboiço para resistir é mais seguro atualmente que o macos… Apple vive da suposta segurança porque é pouco usado e não compensa aos hackers desenvolver para macos vírus mas no dia em que seja vantajoso fazem no de forma banal porque apple não se preocupa com segurança, só se preocupa com triplicar os lucros dos seus serviços banais vendidos como ouro.
      Bem dito isto vou até júpiter agora… Adeus mentes un(inteligentes)

      • LWR says:

        o Fedora ou Ubuntu correm Office ou adobe? Estamos conversados.

        • Diogo says:

          Qual a relevância neste contexto?

          • LWR says:

            Vir falar em seguranca de linux que ninguem usa porque nao tem software nenhum a nao ser para geeks brincarem é para rir. Aqui discute-se sobre Windows e MacOS que sao os unicos usados para produtividade.

        • Samuel MG says:

          Estamos a falar em alhos e tu falas em bugalhos!! Ganha juízo!!

        • Luis Henrique Silva says:

          gein… corre por via emulador……não tem nada a ver…..

          • LWR says:

            Adobe photoshop ou premiere por emulador? Boa sorte com isso. Deixem de usar brinquedos para geeks e usem windows ou macos que não precisam de emuladores aos engasgos.

          • Luis Henrique Silva says:

            LWR – Por isso é que estava a dizer, que as aplicações windows tem de ser corridas por wine ou outra aplicaçãopara emular programas windows.
            Claro que photoshop vai ser difícil, né????? os bugs que gerava, é por isso que o pessoal que usa software adobe usa windows por algum motivo, embora para linux acha software bom de edição.

        • Sandro Santos says:

          Eu trabalho todos os dias com Linux, sem Office ou Adobe.
          Neste momento o WPS ou o OpenOffice fazem 99% das coisas que necessito do Office e para aquele 1% de “manhosice” num excel marado, uso o Office365.
          QUanto ao Adobe, qual é a franja de utilizadores que usa Adobe (ou que precisa de usar Adobe)? Agora é tudo designer e criador de conteudos.
          Há imenso software que faz tambem o que o Adobe faz. Canais dedicados de YT a explicar como se usa os softwares e a grande maioria deles com milhões de visualizações sem usar Adobe para nada.

          • Cortano says:

            Tens razão em quase tudo menos nisto
            “Há imenso software que faz tambem o que o Adobe faz.”
            Não, não há nenhum suite de design que faz o mesmo que o da Adobe.

          • Sandro Santos says:

            Quando falo, sigo na logica dos 99%. Pode existir uma infima parte que necessita mesmo de alguma coisa da adobe, mas muito ja pode ser feito com outro software. Como dei o exemplo no excel, as vezes temos mesmo que recorrer ao software proprietário.
            Também acredito que com o WebAssembly e a qualidade de apps criadas nesta linguagem, que ferramentas como um Webbased Photoshop, etc. estejam perto de ver a luz do dia.

      • Luis Henrique Silva says:

        Ai está algo que também penso……virá o dia em que se vão ver gregos…..embora…..não há o mais ou menos seguro…..vai de como os criadores de conteúdo malicioso conseguem penetrar nas falhas

    • Cicrano says:

      Felizmente para os especialistas a tua opinião vale zero, pois nem sequer sabes do que estás a falar.

    • Paulo says:

      @Paulo: O sarcasmo não funciona muito bem aqui. O que se verifica é o mercado a funcionar. Mais procura pelos MacBook (e por outros produtos Apple), mais interesse pelos piratas informáticos. Tão simples quanto isso. E é bom que isso aconteça para a Apple aperfeiçoar ainda mais o seu sistema operativo. Aprendendo com os erros, como aconteceu com a concorrência mais directa.

      • Luis Henrique Silva says:

        aprender……loool se a apple não recebe tantos ataques maliciosos como o Windows por exemplo de certeza não estariam tão preparados……é o mesmo como o corpo humano, se nunca enfrentar as ameaças externa não cria defesas…….se a Apple um dia se ver abraços com este tipo de ameaças mais acentuado……vai ser um nico de obra

  2. Vidal says:

    Sou utilizador Windows, com navegador configurado para mac, quando navego em determinados sites muitas vezes me são oferecidos software de antivírus e com mensagens de que o meu Mac está infectado até com aviso sonoro para assustador, ora se meu PC fosse um Mac secalhar eu até ficaria com medo mas como a máquina é outra eu fico a rir e penso, é assim que muitos MacOS poderão ser infectados se os utilizadores forem nestas conversas.
    O sistema mais seguro é e sempre será todo aquele que menor cuota de mercado tiver, portanto optem por Linux e dixem-se de Luxos do Mac todo bonitinho que só serve para os Totós que querem mostrar que são ricos e muitas vezes compram tudo a crédito.
    Assim com pouca utilidade em circulação os ackers não se preocupam em explorar e a malta fica mais tranquila.

    • Filipe Rocha says:

      Mas quando é que os chatos do Linux vão perceber que a maioria das pessoas quer um sistema que esteja preparado para o uso básico e que tenha todas as funcionalidades disponiveis imediata e intuitivamente?

      Já cansa porra.

      • Sandro Santos says:

        Ja experimentou instalar algum?
        Instalar Ubuntu ou similares demora cerca de 10 minutos e tem um sistema pronto para 95% das pessoas ou mais.
        Inclui navegadores web, gestores de ficheiros, leitores de varios formatos, OpenOffice, media players, codecs, ferramenta de email, etc. sem precisar de mais nada.
        A instalação é praticamente “next oriented”, daí nem ser preciso ser técnico para a realizar.
        A menos que precise de algo muito especifico, que não exista na Ubuntu Store, duvido que tenha sequer que alguma vez abrir a linha de comandos.
        Até já existem jogos AAA (embora admita que é ainda talvez a maior limitação do Linux).

        • Luis Henrique Silva says:

          Já para não falar do EndlessOS, que até é porreiro, embora ainda tenha alguns problemazitos.
          Sim ubuntu e Mint já são mais amigáveis de quem menos entende, mas mesmo assim, certas aplicações ainda dá dor de cabeça……mas são poucos…..
          Mas o mais engraçado…..desculpem lá os geeks, do youtube, procura-se como instaalr começam logo tudo por meio de linha de comandos……só porque sim……ainda existe muita complicação por ai no meio da comunidade…….ainda está meio complicado para quem não entenda, mas está-se a caminho certo….

      • Diogo says:

        Só por curiosidade, quando foi a última vez que experimentaste ou Ubuntu ou um Mint?
        Se é que alguma vez usasta algum.

      • Samuel MG says:

        Quando não sabe nada do que se fala comenta-se assim!! O conhecimento não ocupa lugar!!

    • Miguel Nóbrega says:

      Ahah, essa é na realidade uma boa ideia. ter o browser com user agent OSX 😀

  3. mancas says:

    Sempre fui e sempre serei apologista que o melhor antivírus (seja para que SO for) é sempre o utilizador. Desde que o utilizador esteja instruído e saiba como se comportar e que tipo de sites deve ou não visitar, não precisa de mais nada. O comportamento de risco é que leva a que muitas vezes as máquinas acabem infetadas.
    Eu comecei o meu percurso com o Windows XP, passando depois para Linux, onde me mantive durante cerca de 10 anos, passando há 3 anos para MacOS. Durante todo este tempo, só me lembro de ter apanhado vírus em Windows XP, e era porque vinha nas músicas que descarregava do Limewire e Emule, que já se sabia o que nos esperava. Após a passagem para Linux, senti-me mais seguro? Sim, mas porque já tinha a experiência e sabia que a arquitectura e construção do SO era completamente diferente. Dito isto, se o utilizador se mantiver fora de sites menos próprios/seguros, não precisa de grandes antivírus. Basta saber como se comportar ao navegar na Internet.

    • Luis Henrique Silva says:

      Concordo plenamente, esse será sempre o melhor antivirus, nós mesmo….
      Sou utilizador Windows, mas já experimentei alguns sistemas linux, ubuntu, mint, endlessos, e outros, sim é mais seguro por um lado, mas não nos fiemos……
      MasOS até gostava de experimentar…..mas os preços são absurdos, para o hardware que tem, pois com um preço de um macbook seja qual for, compra-se um pc/portátil de linha melhor…..é para mim o único mal da Apple….. Embora a Dell gosta de copiar a apple em termos de preços e o que a máquina tem…..

      • mancas says:

        Isso nos dias que correm até se consegue fazer um Hackintosh com a maioria dos portáteis existentes no mercado, sem haver a necessidade de comprar um Macbook. Que foi o que eu fiz: pesquisei na Internet, grupos no FB e afins, e falando com N pessoas. Até que cheguei a um ponto, tinha o que era necessário( ficheiros de instalação e de configuração da máquina , entenda-se a minha pasta EFI ) e por fim, foi proceder à instalação.
        Tenho um Asus Zenbook i7-6500U (dual core) com 12GB de RAm e uma Intel HD 520 a correr o macOS BigSur . Já estive inclusive ao telefone com o apoio da Apple e foram uns queridos Nem suspeitam de nada
        Caso precises de algumas luzes, dá uma vista de olhos aqui: https://dortania.github.io/getting-started/
        Have fun

  4. B@rão Vermelho says:

    O problema é que a percentagem de utilizadores informados é diminuta, deve de ser como a utilização de Windows Vs MacOs, acredito que há grande probabilidade de vírus ser espalhados por exemplo, para quem quer ver a Futebolada, pedem para instalar qualquer coisa e prontos lá se instala e já foste, outra fonte é às páginas de XXX, são uma boa forma de espalhar vírus a torto e a direito.
    Também já não me lembro quando foi a última vez que tive o PC infectado, e utilizo os 2 SO,Windows e MAcOs, actualmente estou a utilizar mais Windows em remoto mas ligado via Imac.

  5. LA says:

    Tic tac tic tac…

  6. César L says:

    Se vocês sonhas em quão diminuta é a percentagem de ataques em que há acesso a alguma coisa dentro do PC…

  7. claudio says:

    A maltinha da Apple acha que a marca é perfeita em tudo e nao há qualquer possibilidade de nada nem de virus nem de malware, o certo é que está chegando aquilo que os fãs tanto negam, podem inventar argumentos e contra argumentos, a prova do Malware nao está só neste site. O Windows sempre sobreviveu a isso tudo e não é por isso que nao é usado por empresas e particulares, deixem se de manias, vivam a realidade e nao sonhos com maçãs chupadoras de dinheiro, onde os aparelhos nao sao nada de especial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.