Quantcast
PplWare Mobile

Como partilhar facilmente o seu Cartão de Cidadão?

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Mike says:

    O CC e pessoal instansmissivel e na minha opiniao, nao partilhavel!

    Impartilhavel, infotocopiavel infotografel! (Esta no dicionario. Se nao encontrarem o v/ dicionario esta avariado)

    P.S: Sorry about a falta de acentuaçao…

    • Food Eat says:

      +1… que raio…

    • Food Eat says:

      Mas no entanto dá jeito para alguém ir levantar encomendas aos correios por nós, mas a função pública como anda a passe de caracol normalmente nunca aceita o cc da aplicação, nem os bancos, nem as empresas… etc

      • Tiago Rodrigues says:

        Não é bem assim!
        Dou-lhe um exemplo:

        Nas últimas eleições legislativas, fui presidente de mesa de voto, e aceitei identificação de vários eleitores por este meio. Quem rejeita, é por má vontade.

      • Filipe says:

        A culpa é da função pública só porque sim, não é?! Apenas indicaste privados: correios (privado), bancos (com exceção da CGD privados), empresas (privados).
        Devo ter sorte. Nunca me recusaram o CC no telemóvel e, como está num comentar em baixo, também aceitei os CC da app id.gov numa mesa de voto.
        Sempre a marrar no vermelho.

        • António says:

          Ainda há bem pouco tempo tive uma agente da PSP no aeroporto de Lisboa a recusar a minha identificação através da APP… Acabei por perder o voo bem como a minha mulher e os meus dois filhos com 5 anos e 6 meses. Então que me diz?

          • Zé Fonseca A. says:

            Digo que é mentira, não só não tens agentes da PSP a verificar identidade no aeroporto e mesmo que tivessem não poderiam recusar a apresentação via app.

      • Sergio says:

        O millennium aceitou o meu o mês passado

      • Carla says:

        Aceita sempre!!! Aliás, nem pode recusar. Válida em território nacional.

    • PTO says:

      Tens noção que esta partilha é precisamente com quem já tem todos os teus dados, bem mais dados que aqueles que estão no Cartão de Cidadão, certo?

  2. Tiago says:

    Não entendo legalmente é ilegal partilhar, fotocopiar, reproduzir por qualquer outra forma cartão de identificação pessoal emitido pela República de Portugal, em que ficamos ?

    • PTO says:

      Não é ilegal se tu consentires, que é exatamente o que se passa nesta situação.

      Além disso, no caso presente estás a partilhar os teus dados com quem já os tem e conhece, ou seja, com o site id.gov.pt que é do governo e que até serve de autenticação para se entrar no Portal das Finanças. Se há quem saiba os teus dados (bem mais que os que estão no CC) é o governo.

      Ler o artigo se calhar dava-te jeito.

  3. Vítor says:

    Seria bom se a APP estivesse a funcionar. Não se consegue fazer a atualização dos documentos.

  4. Abílio says:

    Qual é a razão técnica para que o cartão da ADSE esteja disponível na aplicação e a de ADM não?

  5. Carla says:

    Aconselho a todos que sabem mexer minimamente num smartphone. Chave móvel e instalação da aplicação id.gov.pt
    Eu e o meu filho menor, temos a aplicação. Ninguém a pode recusar em território nacional.
    Os documentos ficam em casa. Não corremos o risco de os perder, ou serem roubados.
    Perdeu a cartão de condução ou o DUA. Pedir 2° via? Para quê? Instala a app

  6. José Carlos says:

    Boas….
    Não há nada como o Old School…..

  7. Ismael Eduardo Guimarães says:

    A APP é legal e as pessoas precisam fazer-se valer do seu direito. É o mesmo que assinar com recurso à assinatura digital.

    Uso bastante a assinatura digital para assinar documentos sem utilizar a opção imprimir. O que está em causa é que o Legislador legisla bem; o Governo trabalha bem, porém depois, infelizmente, os diferentes serviços administrativos públicos não funcionam bem.

    Não faz qualquer sentido hoje em dia a gente ter que se deslocar para fazer uma assinatura de um documento ou para entregar documentos. Infelizmente, ainda há serviços em que a gente é obrigado a ir pessoalmente.

    Precisamos, todos, exigir os direitos que a Legislação nos dá. As deslocações estão muito caras e gastar papel deve ser, ao máximo, evitado.

    • Carla says:

      Concordo a 100%. Os serviços também não informam os funcionários. Nas últimas eleições não queriam aceitar. Insisti, fizeram uma chamada, e que remédio tiveram eles. Mas ninguém naquela mesa de voto estava devidamente informado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.