PplWare Mobile

Tags: dor

Tecnologia permite que investigadores vejam a dor dos pacientes em tempo real

Muitos pacientes, especialmente aqueles que estão anestesiados ou emocionalmente comprometidos, não conseguem explicar e quantificar precisamente a sua dor. Por essa razão, investigadores da Universidade de Michigan desenvolveram uma tecnologia para ajudar os médicos a “ver” e mapear o sofrimento do paciente em tempo real.

Os cientistas recorrem a óculos especiais de realidade aumentada.

Imagem de investigadores a estudar a dor num paciente


Mulher de 39 anos sente dor pela primeira vez

Pensávamos que não sentir dor era apenas uma qualidade do Super Homem (que mesmo assim é vulnerável a kryptonite), mas existem algumas pessoas no mundo que são incapazes de sentir dor e, apesar de parecer uma vantagem, não é.

Agora, a ciência conseguiu que uma mulher de 39 anos sentisse dor pela primeira vez na sua vida.