Quantcast
PplWare Mobile

Migrar do Android para o HarmonyOS será simples, transparente e sem perda de dados

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Mário Oliveira says:

    Quem mudar para o HarmonyOS ficará sem o Android Auto, p.e. Ou será que não? A mudança de OS será obrigatória ou facultativa, sabem? O meu telemóvel de uso diário é um iPhone 12 Pro Max, mas gosto de explorar o Android com um Huawei Mate 20 Pro, excelente!

  2. Eu sei lá says:

    Tech Adviser, 02/06/2021:
    ” (…) ArsTechnica conduziu uma análise aprofundada do HarmonyOS 2.0 beta, junto com suas ferramentas de desenvolvimento, e concluiu que, no seu estado atual, HarmonyOS 2.0 era essencialmente Android (versão 10) em tudo, exceto no nome.
    É pouco provável que na versão final já não seja.

    No último trimestre a Huawei teve uma quota de mercado de 4% nos smartphones. Vai subir com o HarmonyOS? Pouco provável, a menos que a qualidade seja superior ao Android (e continuando sem os serviços Google).

    • AqueleAmigo says:

      +1
      Este vai ser o próximo W10Mobile..

      • Eu sei lá says:

        A Huawei já “desanexou” (vendeu) a Honor, que quer manter com Android + serviços Google.
        Joga em dois tabuleiros.

        O HarmonyOS tem um kernel com arquitetura microkernel desenvolvido pela Huawei. O do Android é o do Linux altamente modificado (diz-se que a Google está a desenvolver outro SO com arquitetura microkernel). Isto vai dar-lhe uma vantagem decisiva sobre o Android – continuando sem serviços Google?

        Provavelmente os Honor, Android, com serviços Google, têm mais futuro.

        • Tadeu says:

          nos smartphones e tablets o kernel continua a ser Linux. Nos smartphones acaba por ser um fork do Android.

          • Samuel MG says:

            O Android também é um fork do Ubuntu versão Mobile.

          • Tadeu says:

            mas o que é que estás para aí a dizer!???? Isso é suposto mostrar inteligência, ironia?
            O HarmonyOS usa o kernel Linux e as mesmas frameworks do Android… Experimenta pegar numa das aplicações, ou ver as ferramentas de programação para o HarmonyOS em smartphones – dá-te aplicações Android! Mesmo kernel, mesmas frameworks -> FORK!

  3. ZE says:

    Se for como o covid, vai ter sucesso.. ……..

  4. lunatic says:

    Sem perda de dados e com transferência garantida para o partido comunista chinês.

  5. nm3k says:

    Não faz muito sentido que telefones com suporte google migrem para HOS. O que faz sentido é os novos (já sem suporte google) migrem sem espinhas, parece-me estar a ser esse o objectivo deles. Mas lá está, compras um android para ter “the full experience”, se já o compras sem gmail, logo aí já estás a sentir que só compras meio-telefone. Para mim o problema continua lá : um telefone que era suposto ter google, não tem. Martelando para o novo OS ou não, os users mais básicos ficam com o amargo de boca na mesma. Só compraram meio-telefone 😀 abraços a todos. P.S: Continuo a achar que em hardware o rei é huawei, mas sem o OS a que estamos habituados… vai ser impossível.

  6. Figueiredo says:

    O Android está para a Google, como o iOS está para a Apple.
    Para mim, Android sem Google não vale nada, por isso, tão cedo não irei equacionar a Huawei na aquisição de novos equipamentos, até resolverem o embargo nos EUA.

    • Vitor Tavares says:

      Comigo é precisamente ao contrário. Como não sou “dependente” de qualquer serviço da Google (nem de qualquer outro SO) irei sempre equacionar em primeiro lugar a qualidade do “aparelho” ,o ciclo de atualizações do SO instalado ,autonomia,etc! Para mim ser Android,iOS ou Harmony não é problema desde que tenha boas especificações e as apps que mais utilizo. E quanto a privacidade os Chineses não são piores que os USA…apenas estão a tentar “comer uma fatia grande” de um “bolo” que durante décadas era exclusivo dos USA!

  7. Manekas says:

    É uma pena que isto esteja a acontecer, pois os dois OS existentes satisfazem as necessidades dos utilizadores do mais básico ao mais exigente. Os smartphones Huawei são muito bons em hardware e até os processadores Kirin são extremamente rápidos. Tenho um Mate 20 Pro, que considero uma verdadeira obra de arte em todos os sentidos.

  8. asdasa says:

    O problema e que toda a gente anda a migrar para o ios, ninguem quer harmonies nem androids com apps de fraca qualidade e sem suporte. Iphone 6s de 2015 a receber ios 15 em 2021 agora pensem

  9. Tomas Turbano says:

    Migrar do android pro android com interface harmony, dveria ser o titulo da noticia

  10. SANDOKAN 1513 says:

    Uma coisa é certa,quem tiver o seu smartphone Huawei já com o HarmonyOS integrado no sistema não terá,como é óbvio,nenhum serviço da Google presente nele.Agora,se cada utilizador passa bem ou mal sem esses serviços já não me interessa.Huawei não é a minha “zona”,se me entendem.Eu sou mais para os lados da Xiaomi. 🙂

  11. Marquinho says:

    Pergunta até aqui de todos os comentários dados… quem é que tem Huawei mesmo? 🙂

    Que faz comichão isso faz nota-se bem ahaha

    • Mário Oliveira says:

      Huawei Mate 20 Pro

      • Marquinho says:

        Correto Mário no 1° comentário do artigo vi só não mencionei, e eu tenho o P30 Pro NE talvez sejamos os únicos a ter e ao que percebo não estamos preocupados, pelo menos eu nada.
        O resto da malta “critica” diga-se não têm mas estão muito empenhados e preocupados ao que parece 😀

  12. Romulo says:

    Migração deve ser fácil, afinal vc estaria migrando de android para android. Harmony OS é apenas uma custom rom android. Nada de revolucionário nele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.