Quantcast
PplWare Mobile

Portugal está no TOP 5 dos maiores produtores de energia solar e eólica

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Elsa says:

    Sinceramente produzimos tanta energia renovavel mas temos a eletricidade mais cara da europa, pior e que o dinheiro pago pela eletricidade vai para a china pois a EDP é chinesa. Tristeza.

  2. Hugo Nabais says:

    E também o “Preço da eletricidade em Portugal é o oitavo mais caro da UE”!
    Tendo em conta que é dos paises com o menor ordenado médio mensal faz muito sentido!!!

  3. Rui says:

    E também é por causa disso que estamos no top Europeu da energia eléctrica mais cara, quando até o nosso poder de compra não tem nada a ver com os restantes parceiros do ranking!!!!!!

    https://www.energiaemconserva.com/eletricidade-em-portugal-e-mais-cara-da-uniao-europeia/

  4. Miguel says:

    É relacionado… leiam com atenção, mas deixo abaixo o excerto mais importante para esta notícia
    https://sicnoticias.pt/opiniao/2020-07-21-O-Crime-Economico-do-Hidrogenio

    “Se este esquema for aprovado e implementado irá contribuir para a triplicação do número de estruturas de produção de energia elétrica em Portugal, todas subsidiadas, numa altura em que já existe excesso de capacidade no nosso sistema que obriga ao pagamento de preços dos mais elevados da Europa, baixando proporcionalmente a nossa competitividade.”

    Não sou contra as energias renováveis, como é óbvio, mas há limites razoáveis para tudo, não basta aumentar de um lado, é preciso equilíbrio… e infelizmente neste momento este tópico é apenas ajuda na corrupção

  5. o Canalizador says:

    E tambem somos dos que mais importa energia
    https://www.electricitymap.org/zone/PT?solar=false&remote=true&wind=false
    Atualmente (02/09/2020 – 12:42) Portugal está a comprar 21.15% da energia consumida a Espanha.

  6. o Canalizador says:

    E tambem somos dos que mais importa energia
    https://www.electricitymap.org/zone/PT?solar=false&remote=true&wind=false
    Atualmente (02/09/2020 – 12:42) Portugal está a comprar 21.15% da energia consumida a Espanha.

  7. Jonny says:

    Somos top em tudo, menos na educação e vencimentos

  8. A... says:

    Só é pena que o preço que pagamos nós consumidores seja dos mais altos da europa. Deve ser para alimentar esses corruptos que temos.

  9. João M says:

    Não sei se leram as noticias mas : “https://observador.pt/2020/09/01/antes-de-chegarem-os-milhoes-do-solar-fatura-das-renovaveis-vai-pesar-mais-no-preco-da-luz/” O preço da luz vai aumentar.
    Sabem porquê? por causa das negociátas das rendas. Sim, somos grandes produtores de energia renovável e para que nos serve isso se pagamos a energia mais cara e ainda com prespectivas de aumentar?
    As familais já estão sufocadas com impostos e taxas e custos elevados da energia (seja ela eletricidade, gas ou combustivel). O governo faz negócios “para amigos” e depois o povo paga a fatura.
    O impressionante é que a malta desconta na EDP, na GALP e nas outras empresas mas esquece-se que o problema real não está nas empresas (se forem para uma iberdrola, endesa, etc.. vão ver que a diferença não é muita), o problema está nas rendas, nos negócios feitos pelos governos e aprovados em orçamento de estado (até por aquela malta de esquerda que vem depois levanta a voz na rua mas depois dorme com o governo à noite).

    Enfim, no fundo é mais do mesmo. Aposto que com o hidrogénio será mais rendas, mais custos para o contribuinte e nenhum retorno para o país. Mais negociátas À “Galamba” .. para inglês ver e o povo comer, pagar e calar.

  10. luis nascimento says:

    esta história de grandes produtores de energia já é velha e mete nojo. então quem fica com os lucros? é sempre a mesma história.

  11. jope says:

    “Dinamarca é líder mundial na produção de energia a partir do sol e do vento (com 55% do total) e Portugal destaca-se no quarto lugar do “ranking” com 28%. Na segunda posição está a Irlanda (33%) seguido pelo Uruguai (32%). Na quinta posição está o Reino Unido (28%).”
    Podem divulgar o artigo original, onde foi publicado este ranking?
    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.