PplWare Mobile

Tem carro elétrico? Vai ter de começar a pagar carregamentos a partir de 1 de novembro


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

50 Respostas

  1. Jorge Casquinha says:

    Não são mas noticias, pois irá regular o mercado dos carregamentos rápidos, pois neste momento há postos com algumas tomadas desativados e não podemos reclamar quando algum utilizador, deixa o EV “esquecido” no carregamento e mais outras situações que acontecem regularmente por falta de civismo, além de por diversas vezes temos os carros da UBER a utilizar um serviço gratuito.

  2. CarameloSemMelo says:

    Finalmente!!!! Já era tempo!!!!
    A mim ninguém paga o gasóleo.

    • Pedro says:

      Pensamento Tuga!

      A inveja mata…

    • Traveller says:

      CarameloSemMel
      1º Sou 200% a favor de começar a ser pago até que carrego 90% em casa a 1,5€ os 100Km’s
      2º Quem paga as despesas das doenças que o seu gasóleo está a provocar?

      • censo says:

        Sim, o electrico é a panaceia pela qual todos ansiávamos.

      • Filipe says:

        Se investigares um pouco, vais entender que em relação ao teu segundo ponto, produzir um carro elétrico, principalmente as suas baterias, requere muita energia. E a produção dessa energia vai poluir mais do que um carro a gasóleo desde que sai de fábrica e anda na estrada durante 20 anos. Por isso se ainda confias cegamente nessa tanga da poluição que colocaram dentro da tua cabeça (e de muitos mais pró-elétricos), muitos parabéns, pois foste mais um dos enganados.

        • Traveller says:

          Filipe estuda tudo o que dizes é mentira estas a comparar consumos de um com consumos e produção de outro uma pergunta a gasóleo nasce na bomba. Já agora porque pago milhões para haver gasóleo agrícola particionado pelo estado? Porque um drogado vai buscar seringas de borla e se tiveres um filho doente pagas as seringas? Etc etc

          • rogas says:

            Errado. Tenho um amigo meu que não tem intestino, e o Estado cobre todas as despesas para a alimentação parentérica e outros procedimentos. Logo aquilo que dizes é absolutamente mentira. E portanto, não digas mentiras que é feio. Generalizar é sempre um revelador de uma infantilidade imensa.

      • GM says:

        E desde sempre teve veículos eléctricos, certo? Ou esse problema das doenças que o meu gasóleo está a provoca é recente??

      • MárioM says:

        O que ninguem lhe respondeu é quais os problemas que o campo magnetico do seu electrico lhe faz .
        Dos de combustiveis fosseis sabemos dos outros ???????

  3. Arménio Platão says:

    A Uber não tem carros os motoristas sim.E qual é o teu problema em o serviço ser utilizado por eles ?

    • Pedro says:

      O problema é que alguém paga essa energia. A EDP não oferece. De uma forma ou de outra certamente será o contribuinte e isso não é justo, estar a financiar um negócio… Até se admite que os particulares possam ser subsidiados desta forma, mas um negócio não faz sentido nenhum.

    • Cortano says:

      Seria a mesma coisa que os taxistas irem encher o depósito e quem pagava eras tu.

  4. hsff says:

    A mobilidade eléctrica é subsidiada a vários níveis, ninguém consegue afirmar com toda a certeza que para já a mobilidade eléctrica é uma solução viável, investir em soluções não viáveis é de uma total irresponsabilidade e os governos que o fazem defendem o interesse da indústria ao invés do interesse dos cidadãos.

    • hsff says:

      E mais, os ditos “ecologistas” e os restantes que defendem a introdução das energias renováveis de qualquer forma deviam ter vergonha na cara porque há pessoas neste país a passar frio no inverno e a passar mal no verão devido aos custos da electricidade, nesses custos também estão incluídos os investimentos nas renováveis que ao invés de serem pagos pelos accionistas das empresas de electricidade estão a ser pagos pelos cidadãos.

      • Traveller says:

        Filipe estuda tudo o que dizes é mentira estas a comparar consumos de um com consumos e produção de outro uma pergunta a gasóleo nasce na bomba. Já agora porque pago milhões para haver gasóleo agrícola particionado pelo estado? Porque um drogado vai buscar seringas de borla e se tiveres um filho doente pagas as seringas? Etc etc

      • Traveller says:

        Hsff olha para a tua fatura da luz e pode ser que tenhas uma surpresa e vez que que pagas mais de taxas e alugueres do que luz, por exemplo a taxa RTP que nem. Vejo é justo pagar?

      • GM says:

        Desculpe, mas em primeiro lugar passam frio no Inverno e calor no verão, não é pelos custos da energia, mas sim pela qualidade, ou falta dela, na envolvente das suas casas. Em primeiro lugar terá de ter atenção à envolvente, opaca e envidraçada, e de seguida, sim, preocupar-se com os equipamentos de aquecimento e arrefecimento, e respectiva energia. Se possível, eliminar o equipamento de arrefecimento, controlando a temperatura na estação de arrefecimento (Verão) com o controlo dos ganhos solares, utilizando protecções aos envidraçados, de preferência exteriores. Simplesmente porque equipamento que não existe, não teve custos de aquisição, não tem custos de exploração nem tem custos de manutenção e/ou reparação (e é ecológico). Já no que respeita aos custos de aquecimento, se a envolvente estiver devidamente isolada, os custos de energia consumida serão relativamente baixos, dependendo do equipamento utilizado, respectiva eficiência e energia de funcionamento.

        • hsff says:

          A melhoria da qualidade da habitação tem implicações na energia que é utilizada para a manter confortável mas penso que não deve achar que essas pessoas passam mal porque querem, certo? Quem é que vai financiar esse custo e porque é que isso não é uma prioridade? Por acaso gostava de ver discriminado os valores pagos por aqueles que têm casas com melhor isolamento talvez não esteja em causa a fantástica poupança energética que fala.

          • GM says:

            Acredite que sim. Se investir no isolamento, de forma racional, estudada, da sua habitação, vai ter implicações directas nos consumos, ou na falta deles, ou pelo menos na sua redução. Entre o antes e depois, há diferença. Claro, esse investimento tem custos. Mas tem retorno. No imediato, tem o conforto térmico. E a poupança nas contas mensais. A prazo, além da amortização do investimento realizado dependendo do tipo de energia utilizada na climatização, que pode agilizar ou não a amortização mais rápida, tem o benefício da habitação não se degradar tanto. Menos infiltrações, menos ou eliminação de condensações, promovendo a qualidade do ar interior pela eliminação de bolores e cheiro a bafio. Mas, quando e se pretender reabilitar térmicamente a sua habitação, fale com o profissional certo, não com comerciais e/ou instaladores. Esses são válidos e importantes sim senhor, mas numa fase posterior. Em primeiro lugar há que identificar necessidades e soluções.

    • unknown says:

      COncordo. Quando forem gastos milhoes e milhoes e nem estarmos perto de ter a infraestrutura electrica necessaria para o funcionamento da mobilidade eléctrica eles vao acordar e perceber que secalhar deviam ter dado ouvido a engenheiros competentes na area em vez de ecologistas..

  5. Filipe says:

    Boa Tardes Caros Colegas…

    Voçês estão preocupados com os pagamentos dos carros Eletricos(Atenção Acho bem) e não se preocupam com o facto de PORTUGAL oferecer Energia a ESPANHA além disso ainda lhes PAGOU para FICAREM COM A NOSSA ENERGIA PRODUZIDA A MAIS…Isso é que se deviam preocupar…Enfim, pensamento TUGA…O Costume.

  6. HELDER says:

    BOM DIA !
    JÁ ERA DE SE ESPERAR !
    HÁ ALGUMA COISA QUE NÃO SE PAGUE EM PORTUGAL !
    TENHO ALTURAS QUE ATE CINTO A SENSAÇÃO DE SER MULTIMILIONÁRIO !
    LARGAR TANTO DINHEIRO PARA ANDAR A SUSTENTAR BACTÉRIAS , VÍRUS E FUNGOS DA SOCIEDADE !
    CUMPRIMENTOS !

  7. censo says:

    Tanta ilusão com o elétrico…

  8. Miguel Costa says:

    Finalmente, eu como utilizador de automóvel elétrico aguardo há anos por esta notícia, espero que não adiem novamente o início dos pagamentos pois só quem é utilizador sabe qual o estado da rede e da dificuldade de se conseguirem postos disponíveis.

  9. Ricardo Manuel Figueiredo de Brito says:

    Diarreia mental aqui em quantidades alarmantes revela o país e a sua pequenina cabecinha…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia