Quantcast
PplWare Mobile

Falha da app da Tesla deixou utilizadores impedidos de entrar nos seus carros

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Zé Cabra says:

    Mau demais , diria mesmo assustador (seja tesla ou qualquer outra marca) que o rumo das coisas esteja a ir nesta direção… impensável ontem como hoje… que quem paga largos milhares fique assim “pendurado”.

  2. João Santos says:

    Para os mal informados na matéria, existe uma chave na forma de cartão RF. Ando sempre com o cartão do meu Tesla na carteira para qualquer eventualidade. Em casos como este relatado e que não me afectou, posso sempre desbloquear e bloquear o carro com o cartão basta passar no Pilar B do lado do condutor. Posso ainda ligar os sistemas do carro introduzir o PIN e seguir viagem com o cartão. Normalmente faço isto tudo sem o uso do cartão e de uma forma completamente wireless porque ando sempre com o iPhone no bolso e em 6 meses de utilização diária nunca falhou.

  3. Secadegas says:

    Nunca ouviu falar de chaves…
    Ainda bem que não tenho e nem quero ter nenhum Tesla. Fica-se sempre com a sensação de que se aluga o carro ao contrário de o possuir.

  4. Bruno says:

    Informação incompleta. Todas as funções que são feitas na proximidade do carro, como abrir as portas, continuaram a funcionar pois utilizam Bluetooth.

  5. Tiago r says:

    Tesla foi a melhor compra que podia ter feito, eu não uso o tlm para a chave logo não tive qualquer problema mas nunca mais me preocupo com ir a uma bomba de gasolina pois tenho sempre o carro carregado e pronto a viajar. Simplesmente a melhor compra do ano, meu rico model 3

  6. Ollopo says:

    Falta informar que apesar da App a Tesla recomenda andar sempre com a chave rf

    • Vítor M. says:

      Recomenda, mas muitas pessoas não o fazem.

      Olha aqui um testemunho de um condutor português:

      “[…]isto aconteceu comigo recentemente – mais precisamente depois da atualização do software. Fui até à Câmara da Amadora, estacionei, e para voltar não conseguia abrir o Tesla, que me pediu que passasse o cartão no leitor. Sorte minha tinha dado um cartão ao meu pai, que mo veio trazer. Removi e voltei a adicionar o meu telemóvel como chave, assunto resolvido.[…]

  7. Bruno says:

    Funções que usam Bluetooth continuaram a funcionar. Como a abertura de portas.

    • Vítor M. says:

      Continuou se não tivesses saído do login da sessão. Se o tivesses feito, e tornado a tentar entrar, ficavas sem app. Como aconteceu a muitos. Ao verem o problema fizeram logout e perderam o acesso ao carro.

      • Bruno says:

        Não diz nada disso no artigo, apenas diz que quem tinha apenas a app ficou de fora, o que é mentira. Quem tinha apenas a app e fez logout da sessão ficou de fora. Logo o artigo está incompleto como tinha referido no meu primeiro comentário.

  8. Tiago says:

    Mentira. Tive esse erro e tive sempre acesso ao veículo. Desinformação

    • Vítor M. says:

      Calma, não estejas distraído, porque é explicado que a dependência da app é que pode causar este problema. Se estivesses longe de casa apenas e apenas tivesses a app, ficavas do lado de fora. Por isso, não inventem 😉 leiam só o que está escrito.

      Bom fim de semana.

      • Bruno says:

        Errado. O que não funcionou foi o acesso aos servidores. As funções que dependem do Bluetooth como abrir as portas, apitar etc continuaram a funcionar.

        • Vítor M. says:

          Mentira. Muitos ficaram de fora porque fizeram logout e não resolveu. Depois não conseguiram entrar na app novamente e ficaram sem poder abrir os carros.

          • Bruno says:

            Então onde está a mentira no que eu disse?

          • Vítor M. says:

            Está quando disse que o que eu disse estava errado. E é mentira, o que eu disse está correto.

            Houve utilizadores que não conseguiram entrar nos carros.

          • Bruno says:

            “ Se estivesses longe de casa apenas e apenas tivesses a app, ficavas do lado de fora. ” isto está errado e foi o que o Vitor disse. Assuma o erro e corrija o texto, quem apenas tinha a app e fez logout ficou sem acesso.

          • Vítor M. says:

            Isso está certo e foi o que aconteceu. Alguns estavam longe de casa, fizeram logout é como estavam longe de casa não tinham como entrar no carro. Admite que não conheces como funciona a App. Estás errado.

      • O Gajo says:

        “ Esta é uma situação que mostra a dependência dos carros da Tesla a elementos que mesmo internos, são propensos a falhas. Uma simples interrupção da app consegue deixar os utilizadores fora dos seus carros e com problemas em mãos. Este poderia ser simplesmente resolvido com… a presença da chave.”

        Vitor acho que este parágrafo diz tudo. Completamente falso o que está aí escrito.
        A presença da chave é sempre recomendada.
        Este artigo quer fazer parecer que a malta não conseguia entrar nos carros, a começar pelo título e acabando nesse parágrafo, deviam emendar tudo e assumir o erro.
        Acham mesmo que se estiverem numa zona sem rede não conseguem entrar no carro?

        • Vítor M. says:

          O problema existiu apesar de não ser catastrófico, como está explicado no artigo.

          Depois, quem fez logout na app ficou de facto fora do carro, pois não conseguiu mais fazer login.

          Há muitos testemunhos disso. Como viram o erro, fizeram logout para tentar resolver e perderam o acesso ao carro. Por isso não existe qualquer erro no título, apenas não leste tudo (como é o costume).

      • Andre says:

        O que esta escrito esta factualmente errado. Assumam mas é o erro da parvoice que escreveram. Ninguém ficou de fora independentemente de terem consigo o cartao ou nao.

        • Vítor M. says:

          Não não está, por muito que te custe, aliás, podes ler na imprensa internacional o mesmo “Tesla’s app server went down a few hours ago, leading to a worldwide app outage that left owners unable to connect to their cars. For those who’ve been mostly dependent on their phones instead of their keycards, that means being locked out of their vehicles.”

          Portanto, está correta a informação, mesmo que os meninos nos fóruns do Facebook da marca berrem muito e façam birrinhas.

          Aliás até nesses fóruns tem utilizadores a dizerem que já se depararam com esse problema.

          “[…]Não querendo defender a Pplware (nem os conhecia), isto aconteceu comigo recentemente – mais precisamente depois da atualização do software. Fui até à Câmara da Amadora, estacionei, e para voltar não conseguia abrir o Tesla, que me pediu que passasse o cartão no leitor. Sorte minha tinha dado um cartão ao meu pai, que mo veio trazer. Removi e voltei a adicionar o meu telemóvel como chave, assunto resolvido.[…]

          Portanto, corretíssimo o artigo. Até com exemplos dos próprios utilizadores em Portugal.

          • RC says:

            Essa experiência é uma, no grupo de facebook da vossa página também encontrei este relato:

            “Completamente falso. Eu tive o erro e não tive problema nenhum em entrar no carro. A aplicação não comunicava com os servidores da tesla. Nunca deixou de comunicar com o carro. Façam fact check às vossas publicações…”

  9. wtvlol says:

    “A Tesla está 10 anos avançada”, pois…

    • Paulo Santos says:

      Lá está você. Sim, é verdade. Nos elétricos a Teslas vai muito à frente.
      A distância cada vez é menor, mas os outros ainda têm que pedalar para recuperar o tempo perdido em que assobiaram para o lado. Mas muitos construtores estão no bom caminho, o que é bom para os consumidores.

  10. JP58 says:

    SEC21 que ignorância de espírito ainda

  11. PTO says:

    Nada como um carro com fechadura nas portas e com chave normal e comando à distância.
    Se acabarem as pilhas usa-se a chave e entra-se no carro.

    Estas paneleirices de cartões wireless e apps são tudo coisas boas para situações como esta do artigo… ou pior, são boas para gamar o carro sem ligação direta e sem sequer ter de estroncar a porta ou partir um vidro.

  12. jose garcia says:

    isso, como já referido acima, não é problema – o cartão resolve. O problema será quando alguém maliciosamente entrar ON AIR nos carros ou no sistema principal de uma marca e os ponha todos sem possível controle humano. Eu nunca comprarei um carro em que qualquer alteração do software não dependa da minha permissão com autenticação, pelo menos, de dois passos

    • RC says:

      Então pode comprar este porque além da chave que é um cartão RFID, ou seja, só funciona 2 cm da da fechada, evitando aquilo que fazem em outros carros com chaves que trabalham até dezenas de metros, o carro pede-lhe um código tipo PIN para o poder meter a trabalhar.

      É tão seguro que não se ouve falar em roubo destes modelos, à excessão do model S e X que usavam outro sistema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.