Quantcast
PplWare Mobile

Diretor de software da Tesla revelou que vídeo de condução do Autopilot foi encenado

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Qwerty says:

    Se em 2023 não funciona, facilmente se deduz que em 2016 nunca funcionou.

  2. Tip says:

    No vídeo usado nota-se o que parece ser a velocidade acelerada do vídeo em alguns trechos, como seja uma travagem que supostamente o carro faz e que parece excessivamente brusca para um sistema de condução autónoma. Mas pela perspetiva apresentada, bem que pode ser o condutor a substituir o sistema na travagem.

  3. Carlos Flor says:

    Estes videos servem para chamar o pescado ao anzol. Ainda li num forum da Tesla varios proprietarios Tesla a perguntar quando esta tecnologia chegava aos deles. Mas que e fixe ver isto tipo kitt isso nao ha duvidas. Um dia vai ser assim e em todos, nao so nos carros de Musk.

  4. merc dei says:

    xiii tanto alarido … “mentir” não é bonito claro que não, mas não deve existir uma marca de carros que não o tenha feito … desde dieselgates a outros … enfim. o que é certo é que prazos à parte o homem promete e cumpre, tem visão … não é possivel e ele faz. so assim se avança.

    • Naodouonome says:

      É simplesmente igual as telhas solares que o Elon disse que estavam instaladas em todas as casas junto ao local de apresentação e depois veio se a descobrir que nenhuma tinha…

      • merc dei says:

        ou entao que era impossivel aterrar foguetoes ..

        • Nuno V says:

          Como? Ainda nem sequer Musk tinha nascido já um foguetão tinha aterrado na Lua, o LEM. O primeiro foguetão a aterrar na Terra fez-lo 9 anos antes de a SpaceX ter sido fundada. A única conclusão lógica dos factos, é impossível. Brilhante.

          • Carlos Flor says:

            Grande verdade. Mas os fas de Musk acreditam que ele começou do zero? O mundo nao começou na era Musk ou começou?

            Sem duvida que e um sonhador de maos arregaçadas, mas nao descobriu a polvora.

          • RC says:

            Existem e sempre existiram “Musk’s”, se não fossem eles provavelmente ainda estávamos na idade média.

          • Rui says:

            Não ligo muito aos musk’s mas as tuas comparações aeroespaciais são exorbitantes aterrar na lua em nada tem a ver com aterra na terra a lua tem 16% da gravidade da terra é comparar alhos com bugalhos, em 2º lugar a spacex foi a primeira a aterrar um foguetão na vertical e a reutiliza-lo regularmente não sei ao certo quantas vezes reutilizam cada um mas a última vez que vi já passava das 10 quando o musk anunciou isto toda a gente incluindo eu disse que era impossível ou mesmo sendo possível nunca seria rentável e a verdade é que eles o fizeram e contra factos não há argumentos o que a spacex fez foi um abre alhos para os EUA que andaram anos a brincar aos shuttles que tinham um custo exorbitantes de reutilizáveis tinham muito pouco e ainda mataram 14 pessoas pelo caminho.

          • merc dei says:

            nuno … alguem que “aterra” coisas na lua é um génio .. alunar é que deve ser mais complicado(devido as diferenças da “gravidez da lua”). nem vou comentar porque tá visto que muito antes da spacex ter conseguido a “aterragem na terra” e respectiva reutilizacao de “foguetes” eram prai 60 lancamentos por ano.

          • Nuno V says:

            @Rui
            Eu não estive a comparar os feitos, estive sim a argumentar contra a ideia generalizada que se pensava que era impossível um sistema VTVL, quando já existiam vários desenvolvimentos nessa área que demonstravam que não só que era possível, como era exequível. Quem pensava que era impossível, ou duas uma, era ignorante ou estúpido.

            No entanto acho deveras conveniente teres-te esquecido os vários protótipos do LEM, bem como os testes do próprio LEM. Os protótipos como o LLRV ou o LLTV foram testados aqui na terra para demonstrar que era possível aterrar um foguetão. Também houve o teste não tripulado do LM-1 que aterrou com sucesso, o mesmo se diz do teste tripulado do LM-3. Tanto o LM-1, como o LM-3 tiveram o ponto de partida a LEO.

            Que raio de asneira fizeste tu ao mencionar o Space Shuttle. Vamos comparar com os 852 astronautas que viajaram no Space Shuttle em 135 missões com os 30 no Dragon 2 em 7 missões. Estamos a falar de um acidente a cada 67,5 missões, quando a Dragon 2 tiver tantas missões sobre o seu cinto falamos. E falas dos custos exorbitantes esquecendo que o Space Shuttle conseguis levar mais de 16t para o ISS, vs as 6t do Crew 2, o Shuttle também levava 8 astronautas vs o 4 do Crew 2. Mesmo vários engenheiros da NASA disseram que era mais económico continuar com o Space Shuttle do que requerer serviços a privados. No entanto, é o senado que determina com quem a NASA faz os contratos e não os seus funcionários.

          • Nuno V says:

            @merc dei
            É só isto que tens para dizer? Reclamar com ter usado a palavra aterrar? Já agora quando a sonda Venera 7 aterrou em Vénus foi o quê, avenusar? Se calhar a sonda Mars 3 amartizou em Marte, bem como a sonda Huysens atitanizou em Titã. A palavra aterrar também pode ser usada como termo geral para não termos que inventar uma nova palavra para cada corpo celeste. Vou ter que repetir o que disse ao Rui, estava a lidar com o teu argumento que as pessoas pensavam que um sistema VTVL era impossível, e tal como disse em cima, apenas acreditava tal quem era ignorante ou estúpido.

  5. JM says:

    Autopilot é diferente de Full Self Driving. O Autopilot existe de série em todos os Teslas e funciona bem. Penso que no artigo se querem referir ao Full Self Driving, esse sim ainda em Beta e não está disponível na Europa

  6. Gonçalo says:

    Então mas pensavam que um video de 2016 era mesmo a serio ahahah não ser alguém a conduzir já foi uma sorte pelos vistos só mapearam o caminho antes de o fazer o que não é nada mau, a frase no inicio do video continua a ser verdade ou não ? este pplware está cada vez pior, daqui a nada vão dizer que o anuncio da BMW há uns anos que mostrava um bmw a voar foi encenado

    • merc dei says:

      o que é que o pplware tem a ver com a situacao ? eles so apresentam a noticia e os factos, nao estao a dar opiniao. queres ver agora que foi o pplware que denunciou a situacao …

      • Gonçalo says:

        No mundo da comunicação social há noticias e noticias o pplware continua a escolher o que partilha e o que não partilha, partilhar uma noticia de como foi feito um vídeo de um carro “autónomo” em 2016 é noticia ? É, é estupido? Também. Isto não foi nenhuma apresentação é um vídeo de um anuncio vamos agora escarafunchar todos os anúncios de carros na televisão? não me parece, e isto é um vídeo de uma futura feature do carro ou seja eles estão a mostrar que um dia os carros deles vão fazer aquilo a forma como filmaram o vídeo é assim tão importante ? é o mesmo que a airbus anunciar um avião elétrico e mostrar um avião normal a voar pintado de verde ? é real que aquele avião é elétrico ? não, mas o intuito do anuncio também não é esse.

        • merc dei says:

          caro gonçalo voce tem de ler bem a noticia … “responsáveis pela segurança rodoviária, surge agora uma informação relevante.” … surge agora … e se vir as declaracoes sao do ano passado. portanto com alguma relevancia temporal

          • Rui says:

            Eu não sei se “mentir” numa publicidade é de todo relevante mas isto sou eu, eles não estão a vender uma coisa que já têm no mercado estão a dar ideia de uma coisa que vão ter, a VW mentiu ao mundo todo sobre 80% dos carros que tinham na estrada

        • Vítor M. says:

          Tu não perceberes as coisas, é uma coisa. E nota-se que não percebes. Basicamente, quem mentiu foi a Tesla, não o Pplware, mas não te consigo mostrar de outra maneira. A par disso, muito dos vídeos que a marca propagou (mesmo que crie marketing com o devido exagero), temos de acreditar que a empresa fala com alguma seriedade, é errado tu estares a pôr em causa tudo o que a marca apresentou. Quem não percebe mensagem… ataca o mensageiro!!!

          Como já testamos pessoalmente, o software dos Tesla é muito mais avançado do que qualquer outro atualmente no mercado. Tem um nível de automação 2.5, quando quase todos os outros estão no nível 2 (ou quase 2).

          Mesmo em 2016, o que a Tesla apresentava era já de outro nível, por exemplo, a funcionalidade summon, que estava disponível para alguns proprietários. O auto-piloto, com mudança de via ou identificação dos semáforos e sinais de trânsito verticais, existe e funciona há vários anos. E muito mais, só pessoas obtusas não percebem a evolução desta marca na condução autónoma e eletrificação dos veículos. Têm defeitos? Sim têm, mas não há dúvidas que são quem mais faz evoluir este mercado.

          Se não percebes… é uma questão já muito ligada à falta de conhecimento e capacidade de adquirir esse conhecimento. Mas isso é apenas um problema teu, não nosso.

    • secalharya says:

      A Tesla/Musk mentiu e mesmo assim estás a defende-los. Só pode ser para rir, rapaz!

      Se tirares as pala irás ver a verdade…

  7. Rui Carriço says:

    A Tesla a mentir, sério? Não acredito

    • Naodouonome says:

      O mais fantástico é que se fosse outra empresa como a VW já estava um alarido brutal.
      Mas parece que os média só procuram as notícias mas validar a veracidade tá quieto, é que não custa muito, 90% do que o Elon Musk diz é mentira

    • secalharya says:

      Por isso é que só os fanzaços da Tesla/Musk compra aqueles carros.
      Esta empresa é uma fantochada.

  8. sa.pong says:

    Agora percebe-se o porquê de tantos se enfiarem nas traseiras de camiões ou saltarem de ravinas… Sem contar com as acelarações bruscas e um sem numero de pedestres atropelados

    • merc dei says:

      ou entao tantos acidentes que foram evitado … tipico do portugues só olhar para o que esta mal. tambem pode pegar pelo facto de em caso de colisao voce estar mais seguro num tesla do que em outro caso .. mas o que interessa é dizer mal.

      • Nuno V says:

        Segundo os próprios dados da Tesla, o FSD não é significativamente mais seguro do que sermos nós próprios a conduzir. E vamos ignorar que o FSD é usado maioritariamente em o equivalente de auto-estradas e em bom tempo. Nas outras situações é maioritariamente a pessoa quem controla o veículo. Porque será que apenas existe um único fabricante certificado a fornecer Self-Driving superior ao nível 2 nos EUA, e esse fabricante não é a Tesla?

        • merc dei says:

          se nao entendes o que escrevi existem duas hipoteses : ou eu nao sei escrever ou tu nao sabes interpretar … tens que ler de novo e tentar perceber. quanto ao fabricante certificado sabes mais do que eu …

          • Nuno V says:

            Não foste tu que escreveste isto?
            “ou entao tantos acidentes que foram evitado … tipico do portugues só olhar para o que esta mal. ”
            Se calhar és mesmo tu que não sabes escrever.

    • RC says:

      Esse de saltar (conheço apenas um) foi propositado pelo dono do carro, ele é que se atirou com o carro e família ravina abaixo.

  9. Stanley says:

    O autopilot já consegue identicar lombadas nas ruas? Daquelas sem pintura, da cor do asfalto, coisa bem comum no Brasil.

  10. Jota says:

    Isto é um não assunto. Em qualquer demo comporativo quer-se tudo a correr bem.
    Há inumeros videos do Beta do FSD a correr bem nos EUA, inclusive a fazer rotundas

    • secalharya says:

      …e a por em perigo quem não “assinou o contrato”.
      Os condutores da Tesla testam este software alpha na via pública…

    • RC says:

      A Volvo numa apresentação de um dos seus carros com o sistema auto-stop quando tem alguma coisa na frente, atropelou o apresentador. No entanto são considerados por muitos os carros mais seguros.

  11. Moimeme says:

    O que está mal no artigo é concluir que “um dos primeiros vídeos encenados de condução autónoma dos Tesla” implica o descrédito para tudo o que se fez posteriormente. Eu até compreendo os media, dizer mal ou bem daquilo que vende é absolutamente igual.

    • Vítor M. says:

      Não, a questão aqui tem a ver com os vídeos do mesmo tipo que a empresa produzir e possa vir a produzir. Quem deixou o assunto com descrédito foi a Tesla, não quem publicou o acontecido 😉 não mistures as coisas.

  12. João says:

    Eu como gosto de conduzir não sou grande fã destes sistemas mas reconheço utilidade em autoestradas e na circulação em trânsito – se eu tivesse carro com condução autónoma acho que a usava essencialmente nestas duas situações. Já agora, o XPeng P5 tem um sistema bastante bom e que pode ser visto num vídeo do canal Fully Charged no YouTube

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.