Quantcast
PplWare Mobile

Ainda se lembra da Renault 4L? Outro clássico da marca que vai ser convertido para elétrico

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. AlexS says:

    Por que é que querem trazer de volta um desastre ergonómico?

    • ERUS says:

      Mas qual desastre, um modelo icônico que vendeu milhares e ainda hoje se continua a ver muitas a circular.

      Grande máquina ia a todo lado e fazia ver muitos 4×4.

    • TiGaSPT says:

      A minha pergunta é porque raio foram pegar num clássico e “transformá-lo” num eléctrico que ninguém quer

      • ERUS says:

        Ninguém??? Fala por ti, quantos é que não estão desertos para ter uma reedição renovada elétrica de muitos clássicos..

        • TiGaSPT says:

          Só se for aqueles que nao têm paixao nenhuma por carros, versões electricas de classicos nao acrescentam nada aos classicos, pelo contrario, só os fazem ficar mais aborrecidos e sem emoções nenhumas

          • Mf3rRo says:

            O carro até parecer ser de design interessante do que a maioria dos outros electricos, agora, se não gostas, paciencia… Por isso esta versão é bem vinda, para quem goste…
            Isto está a chegar ao ponto do radicalismo, não gosto, então bora deitar abaixo e falar mal, a tua opinião de gosto é sempre bem vindo (não gosto daquilo e aquilo, e até pode ser interessante discutir isso), mas o teu radicalismo não.

    • TiagoC says:

      desastre ergonómico??! A Renault 4L?!!
      Não me faça rir…

    • Mf3rRo says:

      Um dos melhores carros que tivemos, de tal maneira, que ainda se veem tantos a andar. Sim, são quadrados à antiga, mas pela tua conversa, devias primeiro conduzir uma antes de falar. E já agora, era e é um carro de pouca manutenção e de baixo consumo, mesmo sendo a gasolina (é a scooter dos carros). Ou então, estou a falar para o boneco, porque és muito novo de idade para perceber esta minha conversa.

  2. Grunho says:

    Isto não tem nada a ver com a 4L original, fora um ou dois traços da grelha e dos faróis. É maior, pesa mais do dobro ou até do triplo, e é caríssimo de produzir, para uma utilização completamente diferente. É só uma oportunidade para seduzir saudosistas dos carros históricos.

  3. o Abreu says:

    Lindo, pena e ser muito caro.

  4. futuro maravilhoso says:

    Que futuro nos querem vender!? Um futuro onde os pobres não têm dinheiro para comprar uma Renault 4L!

  5. Portista says:

    Muito mais belo o antigo.Porque desvirtuaram tanto? Poderiam ter feito mais pareciso. E como a pao de forma nova..nao tem nada a ver.

    • Mf3rRo says:

      Este parece ser até bonito, mas tens razão… Isto é mais um crossover que nada tem a ver com a linha antiga 4L, somente que pode ir a todo o lado… :/

  6. zezinho says:

    O 4L!!! Aquilo era um carro, não era uma carrinha!!!

  7. João says:

    Se olharem bem, basicamente o Twingo atual é o herdeiro do 4L.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.