Quantcast
PplWare Mobile

O Windows 11 não vai poder ser instalado na China e a culpa é do governo

                                    
                                

Fonte: South China Morning Post

Autor: Pedro Simões


  1. Jose Mendes says:

    “padrões de segurança mais elevado”… certo….

    • Joao Ptt says:

      Tecnicamente eles estão certos, os próprios serviços de segurança alemães não queriam que os computadores do estado utilizassem o TPM porque lhes retirava capacidade de monitorizar os computadores de tal forma que nada pudesse acontecer que eles não pudessem analisar em tempo real e posteriormente, para impedir por exemplo que a Microsoft pudesse activar algum sistema de espionagem de forma secreta, que monitoriza-se os computadores ou furtasse informação, que é um perigo extremamente realista, e que de certeza está a acontecer se eles acharem que podem fazê-lo sem que os serviços de segurança alemães o consigam detectar.

  2. António says:

    Nem era preciso qualquer medida do governo! A grande maioria dos computadores chineses que por aí circulam, a preços baixos, mesmo os novos, já não aceitam o W11, por trazerem equipamento obsoleto!

    • roger says:

      As TPM são principalmente para validação segura da máquina. As chaves criptográficas e identificação da máquina são únicas e “não mascaráveis”, o que gera a identificação inequívoca da máquina.

      As implicações é que com uma TPM, as VPNs e proxies e afins (TCM) não anonimizam . 😉

      TPMs aumentam a segurança de transmissão de dados, mas comprometem a identidade do utilizador às empresas que verificam os dados da TPM.

      Como se não bastasse, é um chip proprietário, portanto o acesso à “chave segura de encriptação” pode estar backdoored, daí não terem aceito a TCM que deve ter backdoors não acessíveis à Microsoft e afins.

      Se juntares a isso um registo na conta Microsoft obrigatória, e os serviços na cloud obrigatórios, tens um sistema operativo ao nível spyware, e com privacidade equivalente a um smartphone.

      Ninguém gosta do sistema chinês, mas a verdade é que eles só estão a banir um cyberweapon de uma fação hostil.

    • Miguel Real says:

      António, pensa, educa-te e investiga antes de escreveres essas coisas com o devido respeito, esses computadores que falas não são Lenovo pois não??? nem supercomputadores chineses também não. São o refugo que eles não querem nem precisam mas serve para os que não pensam nem se informam nem investigam. Lê o que o Roger escreveu e já aprendes algo de util.

      • António says:

        Amigo tenho um Lenovo de Junho passado que é incompatível! Quanto aos supercomputadores chineses, que tão sabiamente falas e também sabes tanto, não me interessam minimamente, pois tenho assuntos bem mais interessantes para passar o tempo! Só espero que o que eles lá têm (e não mandam para cá) seja melhor que as suas centrais de produção de energia a carvão!

        • Miguel Real says:

          Agradecido pelo dialogo educado e civilizado, a IBM, (americana), faz anos vendeu com lucro a divisão de PC’s à Lenovo (chinesa), para a IBM não era rentável e estava fora do ‘core business’. Muitos PC’S de muitas marcas estão como o Lenovo que o Senhor comprou, (‘culpa da Microsofre’), e folgo em saber que tem assuntos bem mais interessantes para passar o tempo tal como eu, mas são esses supercomputadores chineses que controlam o pessoal por lá e até por cá, (como o Pegasus de ‘Israel’), também espero que acabem com as centrais, (tec ocidental), a carvão, (por reactores a Tório), mas se poluírem mais 100 anos ainda estarão abaixo do que os ocidentais l polui e poluíram até agora. Penso que não confunde o povo chines com a elite, (tão má quando trumps e bolsonaros), que os governam. Penso que o seu Lenovo, (adivinhei), dá para W11 sem grandes complicações e bem até com pouco esforço mas não perde nada deixe estar o W10 que está bem, mas se desejar muitos estamos dispostos a dar uma mão. ” Ó mar salgado quanto do teu sal são gotas de Portugal! … ” de Fernando Pessoa, um grande poeta do melhor Povo do mundo mas com humildade.

  3. AM says:

    É o crivo da censura e o controle dos desvios do pensamento, à que pensar na bandeira

  4. Samuel MG says:

    Estou admirado!! A China não proibiu o Windows 11 em território chinês!!

    • António says:

      Ainda percebes menos que eu. O SO mais usado na china, tal como é a tendência do resto do mundo, é o W10, se a china aplica depois as restrições que acha ideologicamente necessárias, é outra coisa!

    • Miguel Real says:

      para veres que estão e são mais sofisticados e preparados do que muitos pensam, (e isso assustador em geral), por lá não se aplicam as leis de direitos de autor como no ocidente, (que em alguns casos até deviam ser reformuladas ex: Beatles). e como a Europa está atrasada 10 anos na IA, ( assustador em geral). A saída é ESFORÇO, estudo I&D voltar a produzir na Europa avançar com novas formas de produção de energia, (vamos mesmo precisar), valorizar os trabalhadores e criar emprego em vez de ir para a China poluir e empobrecer os Europeus e retirar-lhes o emprego para os donos das grande corporações aumentarem os lucros e os guardarem no Panama em jersey encobertos pela City londrina.

  5. Manuel Costa says:

    A China pede sempre alterações… nada de estranho. Já com o 10 a versão chinesa obrigava a registar email chinês, em vez de poder usar contas locais ou da microsoft. Facilmente os chineses arranjaram forma de o evitar.
    Será preciso o governo disponibilizar os dados para a Microsoft fornecer suporte. Além de que muitos computadores que existem na China, são versões europeias e americanas… tendo TPM.

  6. Miguel Real says:

    Que risota por cá ao ler o inicio do artigo: “o Windows 11 tem mostrado ser um sistema que está maduro e pronto a ser usado por todos” hahaha, MADURO (Venezuelano?)??? por TODOS (menos a China queres ver 1,5 Biliões)??? não percebo onde os autores do artigo foram buscar essa ideia mas que é engraçado é! nenhum SO está maduro no momento do lançamento NENHUM mas até aceito que me contradigam com factos e provas. ex: bugs com os AMD, (que coincidência), e mais que até dizem será resolvido no 1º lote de actualizações.
    Gosto de ver malta informada como o Roger e se perceberam não instalarão o Windows 11 ou então se o fizerem contornem o tpm hehehe será a MS a seguir o exemplo de Big Brother da China, da Apple da Alphabet… a favor dos governos dos EUA??? só pode, os mesmos que andaram a espiar os Europeus inclusive os ‘amigos’ alemães, (já se esqueceram? deve ser do Pegasus HIHIHI). Só a trabalheira que é ‘anonimizar’ e desligar as telemetrias do W10 dá para perceber que o W11 ainda dará mais trabalheira ex: browser por defeito, (o Firefox já tem script). Enfim é divertido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.