Quantcast
PplWare Mobile

Dica: Tem malware no Windows 10? Porque não usa o Safety Scanner da Microsoft?

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. PT says:

    É impressão minha ou este Safety Scanner é apenas um frontend mais “amaricado” do Defender?

    “O Safety Scanner tem uma validade de apenas 10 dias, devendo depois ser novamente descarregado. Desta forma a Microsoft garante que tem a mais recente versão e assim consegue proteger o Windows 10.”
    Não faz grande sentido… E as atualizações “automáticas”?

  2. ze says:

    qual a diferença deste pró defender? e porque não integrá-lo no windows/defender?

  3. GM says:

    Já há uns anos que o utilizo, juntamente com o Windows Defender e como complemento o MalwareBytes free.

  4. A.M. says:

    Obrigado Pedro pelo artigo e informação que desconhecia. Já estou a utilizar! No entanto, contráriamente a outras soluções já aqui faladas (Malwarebytes, Windows Defender, e outras não-Microsoft), só tem um senão: é que não dá a informação de qual o ficheiro infectado, e onde este se encontra, logo não dá a hipótese de sabermos se se trata de um “falso positivo” (e nós sabemos que há muitos, e se removemos podemos perder o acesso a um programa legítimo e sem qualquer problema)!!!

  5. carreira sss says:

    ️ porque razão não resolver o problema com ia já estamos na era da inteligência artificial assim era tudo mais simples e fácil

  6. Ana says:

    Devia estar integrada no próprio sistema… Já a usei várias vezes, e sendo da Microsoft, não se percebe porque não a incluem no Windows defender… Complementando vírus e malware mais a fundo com esta ferramenta… Enfim, vindo da Microsoft nunca se percebe bem as coisas…

  7. ruca says:

    “How to run a scan
    Download this tool and open it.
    Select the type of scan that you want to run and start the scan.
    Review the scan results displayed on screen. For detailed detection results, view the log at %SYSTEMROOT%\debug\msert.log.”

  8. ruca says:

    o Defender faz proteção dum pc de modo continuo (a opção correcta)
    este apenas faz um scan no momento que é executado, não dando qualquer proteção
    e como não faz actualizações, tem de descarregar sempre que há nova versão para estar actualizada!
    o Kaspersky tem um equivalente, Free Virus Removal Tool
    para quem tem o Defender não precisa usar isto
    eu por exemplo, uso o Eset como AV e uma ou duas vezes por mês faço o scan da Kaspersky, tipo “uma segunda opinião” 😉

  9. JMC says:

    Então porque quando se utiliza deteta vários ficheiros maliciosos e o Defender está sempre ativo e nada deteta?

    • A.M. says:

      pois….tem toda a lógica a tua pergunta!! Também não percebo porque não integram tudo na mesma “ferramenta”!! Mesmo que não detectasse em “modo contínuo”podia detectar no modo “scan a pedido”!! Dá para pensar então o Defender deixa passar ficheiros maliciosos porque é um Malware, e para isso há outra ferramente dedicada… e depois se houver “ransomware” tem de instalar outro programa dedicado a isso, enfim….não fazíamos outra coisa senão instalar programas!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.