PplWare Mobile

Microsoft já vende mais telefones Android que Windows 10 Mobile


Pedro Simões

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

17 Respostas

  1. Necroman says:

    Não! O futuro da Microsoft é a cloud.

  2. AiOGajo says:

    Tem maia oferta é diferente de vender mais…

  3. bola says:

    Windows 10 ARM ou (S)

  4. Belmiro says:

    A MS anda muito lenta a desenvolver o W10 (tanto tempo depois de ter sido lançado e ainda não acabaram de vez com os menus antigos, nem funciona a 100% em modo tablet), daí que o tempo disponivel para a versão ARM é pouco e as consequências estão aí. Se no x86 estão estabelecidos, nos ARM com o IOS e Android a competição é muitíssimo forte e não tiveram hipótese.

  5. Joao says:

    Os equipamentos Android vendidos na store da MS têm alguma diferença em relação aos restantes? Alguma rom especifícia, serviços da MS pre-instalados, etc?

  6. krasct says:

    O futuro da microsoft é criar um sistema operativo gratis com publicidades pop-up e vendar os dados de utilização a outras empresas. (Ao mesmo tempo complicar a interface do utilizador)

  7. Art. says:

    Pois …mas o que vocês não dizem é que quando a MS inesperadamente voltou a pôr à venda os seus smartphones , eles esgotaram em poucas horas….

    • É pq andas distraído… Fizemos notícia desse retorno e até neste artigo tens link para essa notícia.

      Essa informação do esgotar acho que estás a retirar de lado nenhum. Pode ser isso, massa ninguém confirma.

  8. Art. says:

    Não , não ando distraído , li aqui o que dizes e fui procurar mais ….e fiquei a saber que poucas horas depois tinha acabado a venda dos modelos da MS…uma das hipóteses é que tenham esgotado rapidamente…mas o morto não ressuscita…Sem querer entrar em polémicas , mas titular r: Microsoft já vende mais telefones Android que Windows 10 Mobile….é o mesmo que dizer que o vivo está mais vivo que o morto…Aprecio o vosso trabalho , mas por vezes os vossos títulos são um pouco , parciais e até disparatados…Bom trabalho que eu vou ao meu..

  9. Alvaro Campos says:

    A sério que fazem disto notícia?
    Estão à espera de quê quando na loja americana (https://www.microsoft.com/en-us/store/collections/Mobilelist?cat0=devices&icid=Phone_cat_CP2_AllPhones-01042018-en-us) têm 5 telefones e 3 deles são Android (Samsung Galaxy S8/S8+, Samsung Galaxy Note8 e Razer Phone) e 2 Windows (HP Elite X3 e Alcatel Idol 4S)…
    É que nem vi os Lumia que apareceram novamente…

  10. Hugo Gomes says:

    Microsoft, lumias, windows Mobile. Adeus

  11. Sergio says:

    E faz a Microsoft bem, ou deve andar a insistir naquilo em que não conseguiu diferenciar-se em escala significativa?
    E eu até tenho um lumia 950 e hei-de continuar com ele até que precise mesmo de um android, e aí não terei problema nenhum em mudar.
    Simplesmente leva o meu dinheiro a que me satisfaz melhor as minha necessidades em determinada altura

  12. Rui says:

    A Microsoft no caso do mobile, foi vitima do seu grande sucesso.
    A MS falhou no mobile porque os seus produtos eram demasiado bons, e tinham oferta para todas as bolsas, como tal, outros fabricantes não tinham hipótese de concorrer com a MS, deixando assim de apoiar o mobile da MS.
    Não deixa de ser interessante, que o SO Mobile mais seguro nos dias que correm, é o Win 10 Mobile.
    Neste caso a MS não teve nem visão nem estratégia para o futuro, viveu dias de lucros loucos, que acabaram no mobile.
    Veja-se o caso de Portugal…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.