PplWare Mobile

Adeus Windows 7! Conheçam 4 alternativas GNU/Linux


Autor: Pedro Pinto


  1. bruno says:

    A alternativa ao windows 7 é o windows 10.

    • Curioso says:

      Sim, para quiser comprar um computador novo.
      Tenta instalar o windows 10 num computador com 4 anos e vês o quanto é desesperante trabalhar com ele…

    • radamel says:

      E eu que tenho um asus, tinha o win7, ha dois dias fiz a migracao para o win10 e agora não consigo instalar o controlador da grafica…

      Dá erro. Creio que tenho de reverter para o win7, se quero conseguir ter uma definição de jeito no ecra.

      • Cortano says:

        Vai reclamar com a Asus que não atualiza os drivers.

        • radamel says:

          Acabei de reverter para o win7 novamente. Enquanto funcionar fica assim, depois la irá o linux. Sera que vão haver os controladores da grafica para linux? Sera que valeria a pena atualizar para o 8? Mas isso é capaz de não dar para fazer com a mesma licença.

          • Pedro F. says:

            A licença do 7 dá para o 10… Para que raio queres o 8?
            Para ficar sem suporte em 3 anos?

          • radamel says:

            Pedro F. acabei de explicar ali em cima. O meu asus de 2010 (?) não tem suporte em termos de drivers da placa gráfica para windows 10. Tentei sacar umas da net (não havia no site da asus – so tinha para o win7 e win8) e experimentei, parecia que quase dava, mas depois dizia que tinha falhado e nao instalava. Ou seja, so ficava com definicao por default de 800×600 ou algo semelhante. Não era aceitavel.

          • Pedro F. says:

            O teu asus então não vale uma m3rd4!
            O meu portátil de 2011 é um asus e tem suporte!!!
            Que gráfica tens????????

          • radamel says:

            O meu asus é um K53SC. A gráfica é uma NVIDIA Geforce GT 1Gb. Peço desculpa se te ofendi com a baixa qualidade da máquina, mas era o que eu podia/podia/pretendia pagar quando o comprei à distancia/ao telefone numa black friday da mediamarques. Já agora, ficas sabendo – não que interesse – mas só o uso uma vez por ano para submeter o IRS e para o meu filhote meter os CD’s de historias e jogos que escolhe nas livrarias. Para mim, tenho 3 lenovo thinkpad gama S que fui adquirindo posteriormente.

          • Pedro F. says:

            Baixa qualidade? Mas estás a gozar ou és mesmo parvo? O meu é um k52, bem inferior e muito capaz…
            Volto a perguntar, que gráfica tens? Já foste ao site da nvidia sacar os drivers?

          • Pedro F. says:

            Quando instalaste o Windows 10 ficou o ecrã preto ou que erro tiveste?

          • radamel says:

            Quando meti o win10 ficou com “gráfica padrão do windows” ou algo semelhante. Na parte dos dispositivos gráficos estavam lá os sinais de aviso amarelo. Tentei instalar os drivers e não funcionou. Dizia que falhava e nada. A verdade é que aqui não há nada para win10: https://www.asus.com/Laptops/K53SC/HelpDesk_Download/

          • Pedro F. says:

            Mas tirando o ponto de exclamação, qual era mesmo o problema?
            E porque vais ao site da asus procurar drivers da nvidia?
            Também vais ao site da Volkswagen comprar peças para o berbequim da Bosch???

          • radamel says:

            Porque esta gráfica tem parte Intel e parte Nvidea. Tem de se instalar dois controladores. E tipicamente, vou ao stand da VW comprar a bomba de agua que por acaso pode ser bosh, sim.

          • Pedro F. says:

            Essa gráfica não e parte intel e parte nvidia.
            Tens uma gráfica integrada e uma dedicada.
            Precisas de drivers para cada uma se quiseres usar as duas.
            Para os drivers da gráfica dedicada da nvidia, saca os drivers do site da nvidia. Para outra, esquece. Não precisas dela para nada…

          • radamel says:

            Ao instalar a gráfica da Nvidia diz que não pode pois a outra não está instalada. Primeiro tem de ser a da Intel e só depois a da Nvidia pode avançar. Por acaso, encontrei um ficheiro de atualizacao de 2015, procurando pela referencia da intel e nao do portatil e aparentemente funcionou. Creio que já só me falta conseguir encontrar as drivers do touchpad… De resto já estara a funcionar.

          • Pedro F. says:

            É o que tenho dito. Drivers é da marca do componente e não de quem faz a carcaça de plástico…

      • PAULO SILVA says:

        Boas. alguns portáteis (asus incluido) tem gráficas híbridas com controladores próprios, daí que os drivers tem que ser da marca (asus neste caso). O windows 10 se instalar, tenta desativar a grafica dedicada (nvidia) e funciona com a intel – não da para jogos – mas funciona bem. tenta por na bios um valor igual ou maior de 256 mb para a grafica que assim o portátil funciona bem mas nunca com as duas graficas, porque o driver tem que ser o da marca.
        espero ter ajudado. tenho experiência neste tipo de problemas, e realmente existem portáteis que não da para atualizar, sendo a asus neste momento a pior marca em termos de suporte de drivers.

        • radamel says:

          E duvida agora: Se eu tivesse optado avançar pela instalacao do linux, iria conseguir meter lá a gráfica a funcionar em condições? É que se não há drivers do fabricante para windows10, imagino para linux…

          • Paulo Silva says:

            A ASUS não tem suporte para Linux…

          • Pedro F. says:

            Mas se a Intel e a Nvidia tiver é mesmo preciso a asus?

          • paulo g. says:

            Os drivers vêm no kernel, pelo que não nos temos que preocupar. No caso da nvidia é diferente. É instalado por defeito um driver opensource que funciona bem, mas também pode ser instalado o driver fechado da própria nvidia. Quanto às impressoras, máquinas fotográficas, scanner, o driver genérico normalmente funciona às mil maravilhas. Por exemplo as impressoras HP não diz que suportam linux (o sistema de impressão é o CUPS do mac), mas o facto é que todas trabalham e até existe software hp.

    • nop90 says:

      O artigo é sobre alternativas não é para passar de cavalo para burro.

    • Danilo says:

      Ou o Windows 8.1

      Flws

    • so inteligentes says:

      Lol

  2. Filipe Rafael says:

    Adeus aos Windows 7, olá ao Windows 10! Existem muitas aplicações/pessoas que não sabem mexer com o linux (gráfico) como eu, que tenho um Linux virtual e não me entendo com aquilo prefiro o Windows neste caso o 10.

  3. Diogo says:

    Não recomendem uma versão do ubuntu não LTS. má ideia

  4. DB says:

    AS alternativas ao windows 7 são essas? Assim se aconselham muito mal os leitores.
    A alternativa é o windows 10.

    • mauz says:

      No título diz: Conheçam 4 alternativas “GNU/Linux”. Penso que a ideia deste artigo, é dar a conhecer alternativas do universo Linux.

    • Ruy Acquaviva says:

      Assim aconselha-se muito BEM os leitores, pois todos os sistemas apresentados sãomuito bons e atendem perfeitamente os utilizadores.
      O Windows 10 não é alternativa, ele é uma atualização do Windows 7, alternativa tem que ser uma coisa diferente que execute a mesma função, a evolução da mesma coisa não é alternativa, é a coisa em si.
      Tenho pena dessa insegurança brutal dos utilizadores de Windows que ficam desesperados toda vez que alguém sugere que se utilize o Linux em algum lugar. Calma gente, ninguém vai ser obrigado a aprender coisas novas nem em ampliar seus horizontes, essa possibilidade é apresentada para quem se interessar, quem tem medo de aprender algo novo pode muito bem ficar comodamente restrito à sua bolha tecnológica. Ninguém será obrigado a conhecer algo novo se não quiser, mas parem de tentar desestimular as pessoas a conhecerem coisas novas por si mesmos.

      • gui says:

        Boa sacudida na geração dos acomodados e nos analfabetos gramaticais que sabem ler mas só entendem dentro de suas limitações.

      • Pedro F. says:

        Só é pena é que as aplicações que estes utilizadores de windows 7 usam não corram em linux…

        • E Holz says:

          Hoje em dia a grande maioria das aplicações são baseadas em web (como o Office 365 ou mesmo o Google drive) fora o Office, o Linux oferece todas as aplicações que o Windows 7 possui… Não estou a ver diferente disso… E para quem é essa área de informática, o Linux oferece ferramentas para desenvolvimentos que trabalham de maneira mais “nativa” do que o Windows… Passou-se o tempo que o Linux era tudo no terminal…

          • Pedro F. says:

            O office 365 não tem nada de web nem de baseado em web…
            Tal como o Photoshop, Lightroom, AutoCAD, etc, etc, etc…
            Dizer que a grande maioria das aplicações são baseadas em web é ignorar 90% das mesmas…

  5. Amilcar Alho says:

    Mais arroz…

    “Desde 2006, a Canonical já lançou trinta e uma versões desta distribuição. O próximo Ubuntu chamar-se-à Ubuntu 20.04 LTS‘Focal Fossa’ e chega em abril do próximo ano. ”

    Em 2004 já havia Ubuntu.
    E também devem corrigir ” e chega em abril do próximo ano.”

  6. Ruy Acquaviva says:

    Conheço bem todas essas distribuições e realmente elas são muito boas. Minha preferência entre elas é o Linux Mint, que recomendo muito.

  7. João Pereira says:

    Que tal o majaro? Arch based, só Debian based. Há mais (e melhor) vida para lá do Debian

  8. Joao says:

    Ha cerca de 20 anos que nao toco no Windows, ja nem sabia como o usar ate ter mudado para um escritorio que usa windows. Tenho de admitir, funciona mas e uma geringonca sem pes nem cabeca, um frankenstein de mistura de ideias e conceitos de outros sistemas ja para nao falar que e pesadissimo. Tudo isso nao me incomoda, e bom haver alternativas, gostemos ou nao delas.
    O que me incomoda mesmo e o facto de se apropriarem das unicas distribuicoes de software decente e de impedirem a distribuicao de versoes *nix (I’m looking at you Autodesk and Adobe…) e nao me venham dizer que ha alternativas em linux porque, sejamos sinceros, sao todas uma desgraca e muito inferiores para uso profissional. Querem mais linux? Libertem as distribuicoes exclusivas para win/macOS e o mundo inteiro da com os pes no windows, so se mantem em uso gracas a isso. Cumprimentos a todos!

  9. me and me says:

    o substituto é o win10….

    quero ver as distro linux a correrem os erp que se usam nas empresas…. poderia continuar mas nao vale a pena.

    para end user o linux nao tem hipóteses em relação ao “status quo” que a Microsoft criou

    • Pedro B. says:

      SAP GUI funciona em Linux.
      Além disso os ERP’s mais recentes já começam a ser web based.
      Linux começa a ser alternativa assim que tudo começar a ser web based… e o MSOffice não será excepção.

      • Pedro F. says:

        Web based… Haja falta de performance…
        Tanta crítica na evolução lenta dos processadores para depois querer aplicações de brincar em “web based”…
        Enfim…

  10. E Holz says:

    Utilizo Ubuntu a muito tempo e chega a um certo momento que abtua-se a utilizá-lo. Tive dual boot para alternar entre Windows e Linux mas hoje em dia não sinto mais falta do Windows… Ao final das contas, não sinto falta de nenhuma aplicação do Windows… No Ubuntu utilizo Steam para jogar online (tem compatibilidade com quase todos os jogos), utilizo Chrome/Firefox para navegar, Eclipse/VSCode para programar e uso o Google drive no lugar do Office. É um SO completo, que utiliza menos memória que Windows 7, entre outras vantagens, vale a pena tentar se adaptar…

    Deve-se corrigir o texto pois a versão 20.04 estará disponível em abril deste ano.

  11. Fulano says:

    Adeus Windows 7, Olá Windows 10
    O resto é mais do mesmo…pasto

  12. Rui Rodrigues says:

    Windows… o que e isso!?

  13. Valter Pinho says:

    Nah, mesmo assim o melhor é o MS-DOS…muito rápido! ehehe

  14. nop90 says:

    PoP! da System76

  15. Wolf says:

    Uso linux no trabalho e windows em casa… os dois são bons e ponto, agora dizer que um usuário comum vai usar linux, acho dificil, a maioria nem sabe o que é linux

  16. JP says:

    Há mais vida além do “Debian based”!

  17. Paulo Coelho says:

    Na verdade está aproximação que a Microsoft estava a fazer ao Linux, tem para mim, o único objecto de tirar proporcionar a integração de distribuições Linux e assim evitar a fuga de utilizadores experientes. Penso que estão no caminho certo, falta saber se vão conseguir o melhor de dois mundos.

  18. Carlos says:

    openSUSE e sem contra indicações.

  19. ElectroescadaS says:

    Das opções sugeridas fico-me pelo Mint xFce. Estou satisfeito para já…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.