Quantcast
PplWare Mobile

Sony revela as caixas dos jogos da nova PlayStation 5

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Soldier says:

    Tenho a PS4 Pro com um SSD de 1 TB 860 EVO, consigo reparar numa ligeira diferença de desempenho, relativamente ao tempo de carregamento de jogos e aplicações. O HDD interno que vem instalado na PS4 Pro é da Seagate, na PS4 é da Samsung. Se a Sony fizer o mesmo com a PS5, em 2023 seria lançada a PS5 Pro, provavelmente com um CPU a 4,20GHz e 72 CUs a 2,50GHz. Comprei sempre os modelos terminados em 216B, por exemplo, comprei a PS4 CUH-1216B e a PS4 Pro CUH-7216B, são silenciosas, e consomem menos energia elétrica, relativamente aos modelos de lançamento, que tinham problemas de sobreaquecimento e ventoinhas ruidosas, com estes modelos não tive nenhum problema até agora. Moral da História, nunca comprem os modelos de lançamento da Sony, têm sempre problemas, e agora há a possibilidade de serem lançados modelos com desempenho superior, ao mesmo preço.

    • Ricardo Fernandes says:

      Eu sempre comprei os de lançamento e nunca tive problemas com nenhuma playstation. Prefiro não estar 2 ou 3 anos à espera da versão pro. Se não vamos estar na conversa dos telemóveis também ” à espera pelo próximo que vai ser melhor “

      • IDroid says:

        Mas no caso das consolas em princípio só existirá uma versão pro,portanto esperar por esta consola melhorada faz sentido.

        Além disso, os primeiros jogos serão quase de certeza remasters de jogos da PS4, e os developers vão demorar pelo menos um ano a fazer jogos que forem partido de todas as capacidades da consola; sempre foi assim.

      • Mauro says:

        Ricardo Fernandes já somos 2

    • PoPeY says:

      Bom ponto de vista…

      Antes ate nem ligava a isso, uma PS era uma PS, Fat ou slim era uma PS. Na PS4 fiquei de pé atrás quando anunciaram a PS4pro. Pensei ao inicio que era Fake News, só que não…

      Tal como faço nos Iphones em que espero sempre pelo “S”. Na PS5 pondero fazer o mesmo. Mesmo que não espere pela pro, é certo que vai sair uma versão com um SSD de 2 ou 4TB.

    • whatevs says:

      O disco original da PS4 é da HGST. Pelo menos o da minha era.

  2. TSSRK says:

    Uma consola com um design todo futurista e fazem uma caixas dessas, pelo menos podiam fazer no formado das caixas do windows vista

    • TagusPark says:

      ate com a caixa a malta reclama, o reclamar do tuga ja tem fama la fora, quem e que quer saber se a caixa de um jogo e bonito ou feio?

    • Toni da Adega says:

      E quase que aposto que os Discos continuam com aquele aspecto horrivel – redondos com um buraco no meio

    • Woot! says:

      Aposto que a maioria das vendas se vai centrar na versão digital por isso o que interessam as caixas?

      • IDroid says:

        Pode não ser assim tão certo. As vendas da switch dividem-se aproximadamente em 50/50% – jogos digitais e físicos. E faz sentido,pois uma pessoa pode vender um jogo físico depois de o ter terminado; o mesmo não é possível com os jogos digitais.

        E depois há a questão do coleccionismo. Há pessoas que gostam de ver e segurar nos jogos.

  3. Weber says:

    Teraflops, SSD, velocidade estonteante, processadores Zen Ultra Mega rápidos, uau!Entretanto uma consola lançada em 2017 já perto dos 60 milhões vendidas e nesse ano com um GOTY.

    • iDroid says:

      Exacto, o que realmente interessa é a qualidade dos jogos. Claro que as especificações técnicas são um veículo importante para expressar os jogos, mas se estes forem só show-off e nenhuma substância, então prefiro de longe uma consola menos potente mas com jogos de topo.

    • Filipe Rocha says:

      A PS4 com 3 anos de existência também já tinha 60 milhões vendidas, e depois?

      O seu argumento é mudo.

    • FAR says:

      Caro, faça as suas escolhas e seja feliz com elas.

      Se sente assim tanta necessidade de vir para um fórum online defender a sua é porque se calhar não está assim tão seguro dela, não acha?

    • iDroid says:

      E o público da Playstation é muito fiel; por essa razão e por outras a Sony nunca mudou a essência da consola.
      A Nintendo está sempre a arriscar, e umas vezes acerta, outras não. Desta vez acertou em cheio, e o número de vendas reflete a confiança que os consumidores têm neste formato. Ou seja, a Nintendo lançou um modelo radicalmente novo que poderia muito bem não ter tido adesão, e a Sony lança sempre iterações dos seus modelos, não tendo risco de vender pouco.

    • Woot! says:

      E como podes sequer comparar Nintendo com PS? Eu sempre tive ambas e não tem nada a ver uma com a outra. É o mesmo que estares a comparar um smart a uma carrinha, ambos têm a sua utilidade e publico alvo.

      • Weber says:

        Eu também. Desde a N64 e PS1, porque antes tinhas a geração de ouro dos jogos Super Nintendo e Mega Drive.Agora não me venham com a treta que uma é mais casual e a outra é para gamers.O conceito da Switch assim como o público é muito alargado.

      • IDroid says:

        São muito diferentes,é verdade. Por outro lado,são ambas consolas,e a switch pode ser jogada como consola fixa. Além disso,tem os seus exclusivos,como a Playstation tem os dela.

        Por estes factores e mais que ficaram por dizer,acho que é justo fazer uma comparação.

  4. Pedro says:

    Oh PoPeY essa é uma conversa de chacha, então há quanto tempo não tens um iPhone? É que há uns anos o modelo Pro é o melhor (nos iPhones também). O pro da ps4 veio impôr o 4k, que mudanças acham que irá vir com uma suposta Ps5 Pro? 8K? Não me parece visto ser um formato que só daqui a uns anos poderá vingar. Se esperarem por um modelo com Ssd com mais capacidade, é comprar logo um disco para poder instalar mais jogos, a minha ps4 só tem 500GB e tenho de desinstalar uns jogos para jogar outros. Resumindo, na minha opinião cada compra quando quer, se eu puder há-de ser no dia de lançamento, abraços a todos.

    • iDroid says:

      As mudanças que poderão aparecer com uma versão Pro da PS5 são redução do tamanho, diminuição do consumo energético e aumento da velocidade de processamento para manter uma taxa de fps mais estável para determinada resolução, ou até aumento de fps e/ou antialiasing melhor.

      Não me parece nada mau, e estou a estimar por baixo.

      • Woot! says:

        E para isso esperas 3 anos…se não sair nenhum jogo interessante também espero, mas se sair algum que goste compro a consola independentemente da versão.

        Se a consola tiver integração com Google Home e/ou outro tipo de integrações “Smart” também é um ponto a favor.

        • IDroid says:

          Obviamente que se saírem jogos interessantes não faz sentido esperar. Para quem não se importar de esperar é que pode fazer mais sentido.

    • PoPeY says:

      Na minha opinião não é… O ultimo que comprei foi o X, era suposto ser um Iphone especial de serie limitada e tal, tanto que andava sempre esgotado. Depois… Toda agente tinha 1 e ainda saiu o XS e o XS pro (somente ecrã maior correto?). Fiquei triste… Já nos antecessores ao X, era a mesma historia, saia um e passado não muito tempo saia o “S” desvalorizando bastante “normal”…

      As diferenças entre a PS4 e a PS4 pro não é somente o 4K. É o 4k e tudo o que isso implica. Por exemplo noto bastante diferença no ruído, e pelo que dizem consome menos energia… Já nos jogos sobretudo no PSVR nota-se bastante diferença.

      Sobre os armazenamento 1Tb na PS4 parece-me suficiente, pelo menos para mim tem sido. Na PS5 acho pouco… É a minha opinião…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.