Quantcast
PplWare Mobile

Microsoft acusa a Sony de pagar aos criadores para não lançarem os jogos no Game Pass

                                    
                                

Fonte: Videogames Chronicle

Autor: Marisa Pinto


  1. Filipe says:

    Não foi só acusar. São factos.
    A sony pediu concorrência publicamente, em tom de gozo, porque sabem a quota de mercado que têm. Agora que têm concorrência, já não a querem. Este tipo de práticas no negócio como a sony faz, são mesmo isso: negócio. Mas a hipocrisia de quem paga a estúdios “third party” para não publicarem os jogos em qualquer outra plataforma ou serviço de subscrição, se queres ter cross play no teu jogo na playstation tens de pagar uma taxa mensal, se quiseres o teu jogo em consolas da concorrência tens de pagar outra taxa à sony, e depois ainda se vem queixar de que não quer que outros tenham jogos que vendem consolas é só ridículo. O facto de a microsoft comprar estúdios foi literalmente para fugir ao facto de a sony pagar para que os jogos estejam disponíveis só na sua consola. É boa prática?
    Não. Porque por este andar, 2 ou 3 companhias grandes ficarão com os estúdios todos, com o passar do tempo. Mas é a única solução quando tens uma marca que paga para sabotarem a tua.

    Isto devia ser motivo mais que suficiente para a sony abrir os olhos e deixar-se de ser a que tem as maiores prácticas anti-consumidor e melhorar, até porque não está em bons olhos actualmente com o gt7 a ser pay to win, o horizon “2” a ser mais fraco que o seu antecessor, o remake do remake last of us part 1 a custar 80€ com menos conteúdo que o original, o ratchet não é assim tão inovador como o venderam e o returnal a ser o único jogo por que vale mesmo a pena comprar uma ps5 (o qual vai sair para pc ainda este ano), retrocompatibilidade escondida atrás de uma subscrição, jogos venderem menos 34%, consolas mesmo com stock a venderem menos do que o esperado, consolas a serem usadas menos do que o esperado também.

    É o fim do reinado que só foi obtido por causa de prácticas absurdas que sempre passaram em claro porque tudo o que a sony faz é bom e tudo o que a microsoft faz é mau.

    • FAR says:

      Um pouco como aconteceu com a geração da Xbox 360. Estavam à frente da concorrência por uma boa margem e portanto encostaram-se. Na geração seguinte tramaram-se.

      A concorrência é uma coisa boa, e a diversidade de ofertas e formas de acesso a este tipo de conteúdo (ou qualquer outro, diria até) também.

  2. andre says:

    +1

    e a playstation em pt é levada ao colo pela imprensa e sites.
    O consumidor ps nao sabe ver o que e bom para ele, come e cala.

    • Zé Fonseca A. says:

      Ou se calhar sabe e não se importa de pagar mais para ter os exclusivos Sony e para ter uma consola menos mainstream.
      Xbox é um lixo, para jogar numa Xbox mais vale jogar num PC, os jogos são os mesmos e consegues jogar com mais mais qualidade e desempenho. Consolas só interessa Nintendo pelos exclusivos e Sony pelos exclusivos o resto são pobretanas sem dinheiro para um pc decente ou para comprar jogos.

      • FAR says:

        Você não devia ter idade para se deixar deste tipo de comentários clubistas e cheios de soberba?

        Disto isto, apoiar as estratégias anto-consumidor que tanto Nintendo como Sony, enquanto consumidor, com a carteira é dar um tiro nos pés. Vários amigos meus que sempre foram “fanáticos” pela Nintendo hoje em dia sentem-se atraiçoados por quão “trancado” é o ecossistema (a nível de software, hardware e serviços) e não por falta de € para comprarem os jogos – felizmente estão bem na vida.

  3. Dc says:

    É uma prática que literalmente as 3 grandes fazem.

  4. Daniel says:

    O fim do reinado é mais um desejo seu. Porque nas vendas não há sequer comparação possível… a ps segue e sobe de vento em poupa.
    Senti o seu odiozinho e ressabiamento quando se referiu ao gt7. Não é um jogo p2w. Isso é uma total e absoluta mentira.
    Cumprimentos

    • FAR says:

      Lamentavelmente para si, a internet discorda da sua opinião acerca do GT7.
      Basta escrever is GT7 p2w no google e ver os resultados.

      Outra coisa: acha mesmo que se toda a gente comprasse Sony você estaria melhor por isso? Ou se toda a gente comprasse Xbox?
      Pense um pouco, vai ver que não custa assim tanto.

      Tenha um bom dia.

      • Fábio says:

        Completamente de acordo, basta um investimento monetário e compras praticamente os carros que quiseres, limpas os menus do café, ganhas os trophies, e tens vantagem no online enquanto outros têm de fazer grinding e passar horas a fazer alterações aos carros e testar as mesmas. Destaco também a irritante “roulette”, sem comentários para isso. Não dizendo que o jogo seja mau, até gostei bastante, apesar de achar que já não tem a mesma relevância que teve no passado, principalmente no tempo das duas primeiras Playstation.

        De qualquer forma, a FIA por algum motivo abandou o Gran Turismo nas suas competições de eSports trocando-o pelo Assetto Corsa.

        Desconheço também a existência de um alegado reinado por parte de uma plataforma que ficou muito atrás da Wii na geração da Playstation 3 e que tem a Switch a vender cada vez mais, ainda para mais quando no Japão tem já praticamente um monopólio.

        Não sou anti-sony, comprei a minha primeira Playstation em 1997, porque o Tomb Raider passou a ser exclusivo para esta plataforma depois do primeiro ter saído para a Sega Saturn, e desde aí comprei todas as consolas exceto a PS Vita, mas temos de ver que a Playstation neste momento já não é o mesma que era há uns anos, principalmente depois de ter perdido exclusivos como Kingdom Hearts, Yakuza, Persona, 13 Sentinels Aegis Rim, Ni No Kuni, entre outros.

        • Alexandre says:

          Discordo um pouco do que disse sobre Playstation já não ser a mesma coisa. Tive a PS3 e agora a PS5, e fiquei impressionado pelos jogos que deixei passar na altura da PS4. Por um lado perdeu alguns exclusivos (que até concordo com exclusivos apenas temporários) mas por outro apareceram jogos como o Spiderman, GOW (diferente prespetiva), Bloodborne, Horizon, Uncharted, Last of Us, Ghost of Tsushima, etc

          Para não falar do plano de subscrição Plus Extra, que apareceu recentemente, e que por 10€/mes (12 mêses) tem acesso a um catálogo de jogos impressionante (que a meu ver é superior ao Xbox GamePass).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.