Quantcast
PplWare Mobile

AMD Ryzen 5 5600X: Já testamos o mais poderoso CPU para gaming

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Guilherme says:

    Não levem a mal, mas os cpu ryzen são muito dependentes da RAM que usam. Usar ram de 2400 MHz quando podem ir para uma de 3200 ou 3600 é um erro e vai-se refletir nos resultados.
    Também terem usado um 5600 xt vão ter bottleneck na gráfica e não no cpu, logo os valores dos fps não são limitados pelo poderio do cpu…
    Atenção, esse é o meu cpu… Felizmente fui a tempo de o comprar 🙂

    • Guilherme Francisco says:

      Concordo!

    • Thomas says:

      Correto hoje em dia memorias a 3200MT/s já se arranjam a preço bom. Este teste também não serve de muito. Apenas estão a “cuspir” valores. Não com o que comparar.
      Apenas olho para isto e vejo números, serão bons ou maus? Nao sei.
      Isto se for uma pessoa normal a ler. Quem conhece por ex. o cinebench, aí sim já saca informações. Por não depender de gpu é fácil comparar.

  2. Polimero says:

    Aonde é que o ryzen 5 5600x é o cpu mais poderoso?? Nao é mais poderoso que o intel i9 10900k , nem mais poderoso que os seus irmaos mais velhos ryzen 7 5800x, ryzen 9 5900x e 5950x… para nao falar desses testes realizados com uma grafica razoavel que pode limitar o desempenho em jogos.

    • Vitor Pinho says:

      Depende da maneira como vemos as coisas, eu compreendo que haja mais poderosos, mas o ganho apartir deste cpu para cima é minimo, na minha opinião, só para jogos acima deste CPU é deitar dinheiro fora. Em relação á comparação com 10900K concordo que realmente é mais poderoso, mas infelizmente com a passividade da Intel até este processados rebenta com ele em single core performance, claro que o 10900K tem 10 núcleos, é consideravelmente mais, multi core é poderoso mas n é tudo.
      Lembro também que os jogos não estão otimizados para utilizar tantos núcleos por isso ate que ponto vale a pena

      • Polímero says:

        Concordo com o que disse. Além dos processadores da intel perderem para esta geração da amd , também ficaram para trás no requisito do single core. Neste momento para jogos ainda não há ganhos substanciais deste processador em relação aos processadores mais fortes (e mais caros), embora dependa de jogo para jogo. No que diz respeito a programas de edição e renderização este processador fica muito atrás dos irmãos mais velhos e mesmo da geração anterior como os ryzen 3900x (derivado ao número de núcleos e threads na sua composição). Ainda assim é capaz de ser o melhor CPU neste momento em termos de custo/beneficio.
        Esta “guerra” entre intel e amd está bem quentinha e só é benéfica para o utilizador

  3. Carlos Mogas da Silva says:

    O “mais poderoso” para gaming?! vai na volta a AMD não devia ter lançado dos 5800, 5900 e 5950….. Se o 5600 é o mais poderoso…..

    • iSheepNot says:

      Convém identificar bem o contexto. É “o mais poderoso” para gaming dentro da gama de preços. Claro que há melhores mas são também mais caros.

    • rjSampaio says:

      5900 e 5950 é cpu de workstations, alias em gaming muitas vezes os 5600x tens scores mais altos que os ryzen9 5000.

      anyway, melhor(qualidade/preço) para jogar, não necessariamente o mais poderoso.

  4. Ls says:

    Sem dúvida que é uma boa aposta. O Ryzen 5 5600X é o mais acessível da família Zen 3 e a crítica é unânime a dizer que é dos melhores no desempenho gaming e tem um ótimo custo-benefício. mas são 300 euros.

    O Ryzen 5 5600X é um ótimo overclocker.

    Diz a criticava-se o Ryzen 5 5600X é um chip para jogos surpreendentemente incrível. Não é o monstro em cargas de trabalho sérias como existem CPUs que o são mas tb são muito mais caros. Este tem apenas seis núcleos e 12 threads para brincar. E que power nos jogos.

    Bom post.

  5. LG says:

    Nice post!

    Amanhã devem estar disponíveis (em stock muito limitado pelos rumores) os novos GPUs RX 6800 e RX 6800 XT (RX 6900 só em Dezembro). Era fixe se a Pplware conseguise mãos numa (com esta parceria da PCDiga) para testar neste mesmo sistema e ver as diferenças e se o CPU 5600X combina.

  6. Hugo Nabais says:

    Não percebo a parte do cpu mais poderoso…
    Então e o 5800X, 5900X? São menos poderosos?

    • Artur Gordinho says:

      Dentro da sua gama! convêm perceber o que se lê, e sim, para jogos é mesmo superior para o topo de gama da Intel com o triplo do preço, vá, agora já deve estar ao dobro só, só perde num jogo para o intel, e possivelmente em alguns jogos passa ou equivale os 5800x e 5900x e inclusive o 5950x!!! Por uma razão, alguns jogos não se dão bem com cpus com muitos cores. como os que mencionou, mas isso também acontece com a Intel.

      • Carlos Mogas da Silva says:

        > e possivelmente em alguns jogos passa ou equivale os 5800x e 5900x e inclusive o 5950x

        AHHAHAHAH Também posso fumar um bocadinho disso?!

        • Artur Gordinho says:

          É informar-se antes de duvidar! Sabe que alguns jogos não correm melhor por ter muitos mais cores não sabe? O 5800x por exemplo se for ver alguns testes leva na pá e os outros dois ganham 1% a 5% e só nos jogos que conta mais o cpu e são 1 ou 2 se tanto, mas corra a internet e veja por si, vai descobri um novo mundo!! deixo a dica procure por Gamers Nexus no youtube

  7. rinaldo says:

    CONCLUSÃO: CPUs a muitos, mas o Hyper 212 do aço. 😀

  8. Matias says:

    Estão a brincar comigo, não estão?

    Isso é um CPU potente?

    O M1 do MacBook Air consegue 1498 e 7508 em Cinebench R23!

    E é um CPU levezinho e baratinho num portátil “low end” de $999 e ainda por cima CPU, GPU e muitas outras coisas do chipset integradas, fanless e com uma enorme duração de bateria (mas não muitos mah’s assim)…

    Só tem 4 núcleos de performance (mais outros 4 de alta eficiência)

    E isso pouco melhor é? Que precisa de um desktop e altos coolers e altas ventoinhas?

    • iSheepNot says:

      E consegues montar uma máquina personalizada com o M1?

      O facto de haver outros bons não significa que este não seja. Posso dizer que um certo Mercedes é muito bom ou “o melhor” numa gama preços mas não significa que seja o melhor em todas as gamas de preços. Separemos as águas.

      O facto de apenas precisares de um portátil não torna irrelevante a existência dos desktops. Ignorando o factor preço, o melhor portátil nunca vai ser melhor que o melhor desktop do mundo, Tudo tem um propósito. Se para o que precisas te servir apenas um portátil, compra portátil.

      • Rui says:

        E consegues montar um portátil fino e leve e com aquela bateria com esse processador?

        A questão não é essa, a questão é a performance muito pobre dos CPUs Intel e AMD, face aquilo que já é oferecido pela Apple…

        O M1 é só o primeiro, vamos ver como é que os PCs conseguem competir com máquinas Apple daqui para a frente.

        • Artur Gordinho says:

          Para jogos qualquer amd e intel passam por cima disso (infelizmente)! Duvidas? M1? que raio de comparação é essa juntar jogos e Apple??? Apple? really? para jogos??? mhahahahahaaa

    • LG says:

      Isto é um artigo sobre um CPU para gaming… Fala-se em Desktop … Mas pronto falaste aqui um benchmark de Gaming com o M1:

      Tomb Raider (1440p – High):
      – Macbook Air M1: 16 FPS
      – Macbook Pro M1: 17 FPS
      – Macbook Pro 16 (5600M): 56 FPS

      Tua sorte é que a pplware não testou o Tomb Raider com a 5600 XT (GPU Desktop – não mobile).

    • Carlos Mogas da Silva says:

      Pelo que vejo aqui [1] e aqui [2], o M1 ainda se aguenta em single thread, mas depois em multithread está quase no fundo da tabela.

      [1] https://www.cpu-monkey.com/en/cpu_benchmark-cinebench_r23_single_core-15
      [2] https://www.cpu-monkey.com/en/cpu_benchmark-cinebench_r23_multi_core-16

      • Joana magal. says:

        O ryzen 5 5600x (em stock – sem overclock) ganha ao ryzen 7, Ryzen 9 9900x/ 5950X, i9 10900k em alguns jogos. Com overclock ganha em mais alguns jogos por ter um single core fortíssimo.
        Para isso basta pesquisares por benchmarks de jogos e não pelo cinebench.
        A isto junta o consumo de energia, que é muito baixo em relação aos outros.
        Para gaming neste momento é o melhor processador custo/beneficio.

        • João says:

          Ainda te das ao trabalho, está malta vem para aqui trollar ou não sabem mesmo nada. Compram pelo preço e não pela tarefa. Eles nem imaginam que os jogos não usam multicore, esquece é uma aula perdida. Está cheio deles aqui são os únicos que comentam. É tipo Facebook só os mais ignorantes vem comentar ou as notícias dos jornais.
          Ajudai os Senhor e a nós também.

  9. Pswr says:

    Já agora comparavam com mais alguma coisa, tipo outros cpu’s na mesma gama de preço.

  10. Batatas says:

    RAM A 2400MHZ AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA
    ESTOU FORA!!!!

  11. John says:

    E mais uma vez o PPlware alimenta-se de causar discussão com títulos sensacionalistas.

  12. Artur Gordinho says:

    A pplware informou, alguns não perceberam, outros não querem acreditar, alguns erros também, mas eles não são especialistas a pcdiga é, e testar um AMD com memorias a 2400mhz quando já se sabe desde a geração passadas que o sweet spot é os 3200mhz é um erro, mas até isso não alterou o senário hahhaahaaa
    é indicativo que alguns não quiseram perceber, mas pesquizem no youtube os expert, dizem basicamente o mesmo que a pplware ou pcdiga ponto!
    Este cpu “em jogos” bate o topo de gama da Intel!
    Com mais uma vantagem que deve dar muita comichão à intel que é a compatibilidade do socket, não ter de alterar a Board para upgrade, belos tempos hahahha e falta as gráficas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.