Quantcast
PplWare Mobile

São estas as despesas que o ajudam a baixar o IRS

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Miguel says:

    Se encontrar uma factura no chão, posso introduzi-la como minha?

  2. Zé Fonseca A. says:

    Faltam aí muitas outras categorias.

    • Peace says:

      Para além de informação errada e incompleta. Na saúde, por exemplo, dizem: “Atenção que as despesas com saúde, com receita médica, têm de ter IVA a 23%.” o que está errado, o correto será “Atenção que as despesas de saúde com IVA a 23% têm de ter receita médica.”
      E na educação falta referir que só contam as despesas isentas de IVA ou com IVA a 6%.

  3. PML says:

    Falta aqui a compra de PPR que deduzem até 400€ à despesa.nSão um ótimo investimento.

    • PeFerreira says:

      para isso tem que ter uma idade inferior a 35 anos e aplicar um total de 2000 euros ao ano.(+-167/mês) *

      • Ze Nandoooo says:

        Importa também dizer que para idades superiores continua a haver benefício fiscal, ainda que mais baixo (e também com um valor investido mais baixo).
        Aos 36 podem aplicar 1.750€ e deduzem até 350€.

        (E é preciso atenção aos PPRs , pois nem todos tem garantia de capital)

    • Zé Fonseca A. says:

      falta isso, falta reparação automovel, falta alojamento e restauração, faltam cabeleireiros, falta veterinarios, despesas de passes e até despesas com ginasios.
      Quem não sabe e não se informa é assim, paga impostos e é mais comido do que devia ser.

  4. BaTaS says:

    E nas despesas gerais é apenas tem um maximo de 500€ por agregado familiar.

  5. Pedro says:

    “Atenção que as despesas com saúde, com receita médica, têm de ter IVA a 23%.”

    Será que querem dizer que; os medicamentos de IVA 23% precisam de ter receita médica para puderem ser colocados em despesas de saúde?

  6. Grunho says:

    O IRS é uma gigantesca farsa montada em cima das folhas de pagamento que os patrões mandam para as finanças. Quem não tem patrão a mandar para lá a folhinha e é capitalista ou profissional liberal preenche como quer a declaração de rendimentos e depois fica alegremente isento. Com um bocadinho de jeito ainda aproveita para se candidatar ao RSI e ter umas caixas de charutos ou garrafas de whisky extra à pala do erário público. E no fim disso tudo os otários que pagam ainda se viram para os chicos espertos que recebem, “eh pá, tu és mesmo o maior”!

  7. Carmo Dias says:

    A minha mãe está num lar desde setembro e a pensão dela só lhe dá para pagar as mensalidades, como não desconta para o IRS ( retenção 0) mensalmente, ao fazer o IRS e indicar o valor que paga mensalmente ao lar, usufrui de algo? Outras despesas que tenha já são os filhos a pagar, mas isso o sistema é cego, muitas vezes tem o número fiscal dela e não e pago por ela, é um pouco injusto.

  8. Sónia says:

    É impressão minha ou o texto tem uma gralha no valor total de faturas que temos de ter para as despesas gerais?
    Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.