PplWare Mobile

Alemanha trava o lançamento de criptomoeda


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Nuno Monteiro says:

    Autoridades.. foi masé esses donos desses bancos e banco central europeu a ver o seu dinheiro a fugir.. Aconteceu a mesma coisa com a BTT, conseguiram superar e já se lançaram, obvio que consegui comprar 10.000 tokens caso cresça muito 😉

  2. Rrrrrr says:

    Uma coisa é a qualidade e veracidade do projecto a ser lancado. Nao sei se fizeram bem ou mal em ter impedido o seu lancamento…
    mas a seguinte frase “Esta é mais uma ação que mancha a reputação das criptomoedas” nao faz sentido. O que me parece aqui é que esta é mais uma acao que mancha a reputacao dos governos, que sao completamente direcionados pelos bancos centrais. Só dá mais forca ao Bitcoin.
    Espero sinceramente que o sistema monetario existente rebente por completo.

    • Camões says:

      “Espero sinceramente que o sistema monetario existente rebente por completo.”

      Sabes ao menos a asneira que estás a dizer?

      • pauloj says:

        Mas sabe como funciona o sistema atual?
        E um dos maiores scams que realizado no mundo financeiro e ao ser humano!
        A economia esta mal no problem, vamos la imprimir papel e comprar bens e servicos com esse papel, ou seja, os tolos alinham do nada cria-se um valor.

        Os alquimistas ainda não descobriram a fórmula do ouro, coitados , mal eles imaginavam que a fórmula era demasiado simples “imprimir papel”.

    • Francisco m says:

      Sabes que se isso acontecer, não há criptomoeda que nos salve não sabes? Mas pronto, as vezes também me apetece mandar o mundo pró ******

    • Vítor M. says:

      Claro que aqui as autoridades avançaram num cenário onde só têm probabilidades e poderiam ter avençado. Contudo, mediante os últimos acontecimentos, eles deram de facto uma machadada na reputação da criptomoeda, exercendo ainda mais “ansiedade” dos pretensos investidores.

      Sabes que o sistema monetário atual é a base da atividade do mundo, e como tal tem de ter reguladores (que sabemos não serem de todo pessoas acima de qualquer suspeita). Passar para um sistema sem regulador “mandatado”… esquece. Nunca irá acontecer.

  3. pauloj says:

    “Quem coloca dinheiro numa oferta inicial de moedas deve “estar preparado para perder todo o seu investimento”” mas isso se aplica a todo tipo de investimento, isto é, tudo.

    Há milhares de pessoas que estão a perder dinheiro para startups de tecnologia porque investem na esperança de que seu investimento seja em uma nova Microsoft, Apple, Google, etc …. Este ataque pessoal as crypto moedas por grandes grupos financeiros já enjoa ..

  4. TIM says:

    quem investe em criptomoedas que não sejam bitcoin, merecem perder o dinheiro.
    é a seleção natural de darwin. só perde quem é tolo

  5. Fruta para dormir II says:

    É simples criticar a MAIOR economia da Europa e a 3ª maior do Mundo na página de um blogue. Viva aos pseudo-economistas de vão de escada

  6. Flavius says:

    Todos os dias aparecem novas moedas de Criptografia, isso já parece mas e uma grande bagunça….

  7. AP says:

    Parabéns Alemanha, mais um ICO scam travado antes dos pobres ficarem mais pobres. Desde quando é que é preciso 120 M€ para clickar em “Fork” no github?

  8. Altino says:

    ETH XRP LINK aqui está o futuro plebe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.