Quantcast
PplWare Mobile

General do Irão foi morto por mísseis de um drone dos EUA que custa $16 milhões

                                    
                                

Imagem: General Atomics

Fonte: General Atomics

Autor: Eduardo Mota


  1. Monn says:

    Propaganda militar no Pplware

  2. Ze says:

    Medo de estas coisas estarem ao alcance de um tolo, que vai fazer com que o sono breve do terrorismo,, ganhe uma causa nova! Tenho pena dos inocentes que vão sofrer os danos colaterais deste uso tecnológico

  3. Joaquim says:

    Os estados unidos mataram o general das forças armadas de um país soberano sem autorização do senado e da NATO. Trump cometeu um crime e não é responsabilizado por ninguem? O orange man está-se a esticar mas depois é a Europa que leva com os refugiados e o ódio pois somos cúmplices, quem cala consente.

    • darth says:

      guerra é tramada. e nada do que levanta é relevante nesse cenario. ele nao precisa de autorizacao para fazer esse ataque

      • Joaquim says:

        O problema é que não havia guerra. Não houve nenhuma declaração de guerra. Havia sim tensão entre os Estados Unidos e o Irão. Agora sim, quase de certeza vai haver guerra.

        • Rasta says:

          Acorda para a vida. Custa tanto pensar um pouco? Falas como se o Irão não tivesse feito nada. Não fazia ideia que ainda existiam tantas pessoas que se recusam a pensar sem ser com o que sai nas “notícias “. Btw, o que é que interessa o preço do drone? Novamente estagiários a publicar artigos?

        • Darth says:

          Era o comandante dos guardas da revolução. Este grupo/instituição foi posta na lista de terroristas pelo departamento de estado dos EUA no ano passado. À luz da justiça dos eua, esse ataque passa a ser legal. não há mais nada a dizer. Se é moral é outra história

          • Ruy Acquaviva says:

            Então se o governo do Irão declarar o exército americano uma organização terrorista e matar um general americano em território iraquiano baseado em sua própria legislação será uma operação completamente legal.
            Ou você propõe que os americanos teriam direito de legislar sobre outros países e os demais países do mundo não tem esse direito?
            Os EUA são a polícia do mundo? São eles que dizem o que é certo e o que é errado? Não! Não é assim. É conveniente para os americanos que haja quem acredite em tal asneira, mas isso não a torna uma verdade.

    • Godlike says:

      São pessoas como tu que a midia gosta, pessoas preguiçosas que não gostam de usar a cabeça para pensar e ficam apenas por aquilo que lhes é dito.

      Talvez a tua opinião tivesse mais alguma credibilidade se não demonstrasses tanta convicção na tua ignorância…

      • Spoky says:

        Ignorância? Cego é aquele que NÃO QUER VER.

        OS EUA são um pais que pensa que pode com tudo e todos, metem-se em confusões acessas com a China, Russia, Coreia do Norte, Irão entre outros!

        Os EUA estão quase sempre metidos ao barulho, pensam que têm a melhor tecnologia em relação aos outros paises, julgam-se os maiores do mundo, julgam-se donos dos outros paises, quando não o são.

        Se uma guerra começar podes agradecer aos EUA, são eles que as criam, são eles os responsáveis pela guerra vir começar.

        Queres mais? Engraçado que o Chefe “big boss” do ISIS ter trabalhado na CIA… É estranho, muito duvidoso… Não é? Foi morto dizem eles, onde? Provas? Pois.

        Osama Bin Laden outro, foi morto. Apareceu imagens na internet, mas não abriram o caixão, estranho… diria eu, no minímo estranho. Matarem alguem tão “importante” que lixou muitas vidas, segundo eles. E não mostrarem ao pais o monstro que ele era.

        Area 51, muito misterio nunca se provou para que aquilo serve, protegem aquilo assim tanto porquê? Por causa dos aviões? Aeroportos deviam estar mais protegidos então, quando não estão.

        A vida tem destas coisas não é? Quem é que é o ignorante? Os que acreditam que os EUA são um pais amigo? Compreensível? Amigável? Sempre pronto a ajudar? Só se for esses.

        Lembra-te, de uma coisa. Quando a China ou a Russia se chatearem a sério, eu posso te afirmar não com toda a certeza, mas com metade dela. Que os EUA até fugiam, compara só a dimensão da China para os EUA, compara só a Rússia em termos de tecnologia.

        Os EUA mostram mais daquilo que não têm, só para meter medo a tudo e todos, mas será que na prática o que eles tanto, dizem e afirmam. Funciona? Hmmm…

        Ahhh e cuidadinho com o Paquistão, o silencio é uma arma. Quem sabe, eles não tem um dos melhores e mais potentes misseis… Quem sabe…

        • Oopsidoopsie says:

          Tens 13 anos? Não tens a minima noção do que se passa no mundo rapaz. Para algumas pessoas a WW3 deveria mesmo acontecer para verem as barbaridades que dizem na internet. Enfim, deves ser daqueles que pensam que os EUA são impotentes perante bombas nucleares…

          • Wishmaster says:

            Por acaso até são. Os próprios norte-americanos já admitiram que nada podem contra o mais recente armamento russo…mísseis ultra-sónicos…

        • Pedro says:

          Mais um analfabeto, fabricado por tvs tugas…

          • Spoky says:

            Sabes o que é um analfabeto? Um analfabeto, não escrevia metade do que eu escrevi.

            Como tu não tens argumentos válidos, vens com esse argumento inútil, triste e sem nexo.

            Volta para a escola! No teu caso estudava história e teatro (convém saber como enganar as pessoas por discursos mansos de actos criminosos.)

            És só mais um cego que acredita que não existe culpados.

            O mundo para ti é virtual, é um conto de fadas e um mar de rosas.

            Onde corraboras com o teu comentário inutil

          • Requiem says:

            Spoky, analfabeto não és, pois sabes escrever.
            Agora que revelas uma grande ignorância sobre estes assuntos, sem duvida, pois os factos dementem-te.
            É a tua opinião, vale o que vale, tal como a minha.

        • Miguel Silva says:

          lel de onde vem esse odio todo, até te cega…

        • Requiem says:

          “…mas não abriram o caixão, estranho… diria eu, no minímo estranho.”
          Nem sabes aquilo que dizes, o teu ódio, seja ele qual for cega-te.

          “O enterro no mar do ex-líder da Al Qaeda Osama bin Laden, um dia depois que ele foi morto por um comando de elite americano no ano passado, seguiu os procedimentos islâmicos tradicionais, informou a rede CNN em reportagem baseada em e-mails militares divulgados pelo Departamento de Defesa dos EUA. No entanto, poucos comandantes da Marinha a bordo do navio que levava o corpo ficaram sabendo do funeral.”
          ““O corpo foi lavado, enrolado em um lençol branco e depositado em um saco com pesos. Um militar leu trechos religiosos, que foram traduzidos para o árabe por um tradutor de língua nativa e, então, o corpo foi jogado ao mar”, dizia uma das mensagens.”

          Questão: Qual caixão ?

        • Requiem says:

          Spoky, como dizes, para escreveres aquilo que escreves-te, o melhor era estar quieto.
          Então a do Paquistão ter um dos melhores e mais potentes misseis, isso já é delírio.
          Mete mais tabaco.

        • Rodrigo says:

          Tamanha ignorância. Não te dou mais de 15 anos.

        • Space Cowboy says:

          ROFL!

      • Darth says:

        Era o comandante dos guardas da revolução. Este grupo/instituição foi posta na lista de terroristas pelo departamento de estado dos EUA no ano passado. À luz da justiça dos eua, esse ataque passa a ser legal. não há mais nada a dizer. Se é moral é outra história, e guarda as lições para outros, e preocupe-se em primeiro saber do que fala

        • Ruy Acquaviva says:

          Só porque os EUA colocaram a guarda revolucionária na sua própria lista de organizações terroristas não significa que ela o seja.
          Os EUA claramente manipulam essa questão do terrorismo para agredir outras nações por interesses comerciais.
          Foi assim que usando a MENTIRA das armas de destruição em massa do Iraque que promoveram a invasão do País, onde morreram centenas de milhares de pessoas, só para impor seus interesses econômicos e geopolíticos na região.
          Depois quando comprovada a farsa das tais armas que Iraque não tinha, a invasão americana no País já tinha se completado.
          Os EUA são um país terrorista. Eles praticam o terrorismo diretamente, como nesse assassinato, ou financiam grupos terroristas tais como o Estado Islâmico. A própria Al Quaeda e o Talibã são organizações que foram financiadas pelos americanos. Quando os estavam financiando os americanos diziam que eram “combatentes ela liberdade” e depois, quando não mais lhes interessava a existência desses grupos os reclassificaram como terroristas.

      • pauloj says:

        +1 tens toda a razão
        Não faltam pessoas preguiçosas e ignorantes, pensar e dar-se ao trablho de pesquisar é um esforço tremendo, tristes!

  4. dgfgfdg says:

    Fazem a guerra para matar os filhos dos outros

  5. System 99 says:

    Armas perigosas ao dispor duma criança em corpo de adulto. O potencial é grande.

  6. Jorge Gomes says:

    O tal dito general o que estaria ele a fazer no iraque, coisa boa nao seria, muita gente critica os usa mas a pobre europa bem quer que os proteja e os defenda, ja agora também foram os usa que provocaram a 1ª e 2ª guerras mundiais, graças a eles que nao falamos alemao ou russo.

    • dgfgfdg says:

      “O tal dito general o que estaria ele a fazer no iraque, coisa boa nao seria,.. ”

      O que é que você sabe sobre isso? O que é que o seu ideólogo Donald Trump lhe disse sobre o assunto? Mas o que é a primeira ou a segunda guerra mundial têm a ver com isto? Se acha bem o ataque a um país de forma arbitrária é um apologista da morte e da selvajaria.

    • Infinity says:

      Alemão ou Russo? que saiba a Alemanha era uma das forças do Eixo, e a Rússia dos Aliados… No limte falavas Russo, mas Portugal também ajudou os Aliados por isso ficaste a falar português. Back to School

    • Ruy Acquaviva says:

      “O tal dito general o que estaria ele a fazer no iraque, coisa boa nao seria”
      Infelizmente hoje em dia não é difícil ver-se tamanha asneira sendo proferida. Então porque você tem uma suspeita pode matar assim, sem mais nem menos? Que beleza! Se todos os países do mundo fizessem isso teríamos o quê? O fim da civilização humana no mínimo.
      O fato é que a barbaridade do crime cometido nesse ataque terrorista americano é tão gritante que as tentativas de defender o indefensável soam como de fato são, um apelo ao absurdo e grosseiro aos preconceitos e mentiras propalados diuturnamente pela mídia ocidental.

  7. Jorge Gomes says:

    O tal dito general o que estaria ele a fazer no iraque, coisa boa nao seria, muita gente critica os usa mas a pobre europa bem quer que os proteja e os defenda, ja agora também foram os usa que provocaram a 1ª e 2ª guerras mundiais, graças a eles que nao falamos alemao ou russo.

    • Infinity says:

      Alemão ou Russo? que saiba a Alemanha era uma das forças do Eixo, e a Rússia dos Aliados… No limte falavas Russo, mas Portugal também ajudou os Aliados por isso ficaste a falar português. Back to School

  8. Daniel says:

    A intenção do ataque não foi matar o general. Mas sim com a morte dele vir a justificar a destruição das instalações nucleares do irão. Cabe ao Irão manter a calma. E deixar ao mundo chamar a estes actos de assassinato seletivos de crimes contra a humanidade…

  9. Infinity says:

    Sorte temos nós em não ter petróleo, senão tínhamos os EUA à porta.

  10. Wishmaster says:

    Toda a gente sabe que os EUA são os maiores terroristas à face da Terra.

    E só uma população ignorante como é a americana não percebe que estão em risco devido a actos do seu próprio governo…
    Mas que escolha tem o Governo Norte-Americano? Se não for assim, perdem a hegemonia mundial em todos os aspectos. Precisam continuar este jogo de terror, de invasões, de exploração de recursos alheios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.