Quantcast
PplWare Mobile

Youtuber proibido de lançar vídeos durante 5 anos após ter humilhado um sem-abrigo

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. LA says:

    Palhaço. Muito bem feito.

  2. Eu says:

    “A internet veio dar voz aos idiotas” que por sinal, começam a tomar o espaço de importância por um déficit de políticos capazes e eles também idiotas.
    Mas mais idiotas do que eles, somos nós que todos os 4 anos lá vamos nos baixar sempre para os mesmos como se não houvessem melhores alternativas sem tocar em extremistas.

  3. MSla says:

    Existe outros no youtube que insultam os Portugueses diriamente , e nada lhes acontece e dizem o mesmo ” é só uma paida “, cá conituam.

    • Amilcar Alho says:

      Quem? Queremos é nomes.

    • paulo says:

      foram denunciados? os alvos aceitaram como piada, ou acham ofensivo e mesmo assim não se queixam? é que sem queixa as autoridades não podem fazer nada. começa logo por aí. irem choramingar nas redes sociais só os faz passar por choramingas. se se sentem ofendidos, façam queixa. usem os mecanismos legais, não sejam choramingas só.

  4. Jane Doe says:

    Só? Nunca mais devia poder publicar no YouTube.

  5. Valter says:

    Em vez de 5 anos off do Youtube, era 5 anos obrigado a comer bolachas com pasta de dentes, digo eu… Inconsciente.

  6. FreakOnALeash says:

    Gozar com a miséria dos outros merecia um castigo ainda mais severo e ou pedagógico. Acrescentava 5 anos de trabalho forçado junto de uma organização que prestasse apoio aos sem abrigo!

    • Indignado says:

      Gosto da tua maneira de pensar …. essa é uma pena digna da pessoa em questão !!!

    • B@rão Vermelho says:

      O problema é que o rapazinho nem para isso serve, para estorvar mais vale estar quieto.
      E agora nem uma palmada se pode dar a uma criança, basta olhar para a espetacular educação que os jovens têm hoje, não respeitão nada nem ninguém, estamos a produzir nados com uma espécie de morte cerebral, sem pensamento critico ou opinião sem ser formada numa qualquer rede social.

      • Pensamento crítico e opinião não se criam à base de palmadas… nunca a boa educação e o respeito terão por base a violência.

        • André R. says:

          Palmada é violência? Eu levei as minhas em pequeno e aprendi, e não é por isso que sou um criminoso ou psicopata, ou outro “pata” qualquer. A velocidade com que a mão se dirige ao rabo de uma criança não faz disso violência. Estamos a falar de um enxota moscas e não de espancar. Não misturem alhos com bugalhos.

          • B@rão Vermelho says:

            Com certeza, @Maria Inês Coelho somos de gerações diferentes, não estou a referir-me a espancar alguém com um cinto, ou uma colher de pau, eu em criança quando andava na escola primária levava reguadas se não todos os dias foi quase, sou disléxico, e a minha professora dava-nos um reguada por cada erro, isto sim é violência, como deve de calcular não me ajudava em nada, pelo contrário, mas no meu tempo levei uma quantas palmadas dos meus pais, e acho que não me fizeram mal nenhum, hoje em dia são os pais a bater nos professores porque falou mais alto para o filhinho.
            Por favor não interprete mal a minha afirmação das palmadas.
            Não sou de todo uma pessoa violenta.

      • PorcoDoPunjab says:

        barão, há anos que venho dizendo isso mesmo, estamos a criar gente sem qualquer pensamento e capacidade de analisar a realidade.
        Ovelhas apenas, ou pior que isso…

        Mas é a geração mais bem preparada de sempre, por isso, vai uma selfie…

        • Hugo says:

          Bem, se tivesses capacidade de analisar a realidade já terias percebido que não há gerações melhores e piores. As gerações mais novas são fruto das anteriores. Se esta não presta a culpa é das duas ou três que apareceram antes.

  7. PorcoDoPunjab says:

    Fazer dele tb um sem abrigo seria a pena adequada…

  8. Luis Rosalino says:

    “No julgamento, o youtuber disse, em sua defesa que “tudo era uma piada” e que a intenção não era ofender.”

    Este é o grande problema da facilidade que a tecnologia na mão de muita gente veio trazer.
    Já não têm noção do ridiculo, aliás não têm noção de nada!
    Ingerir pasta de dentes faz mt mal à saude, e só o gesto em si é humihante o quanto baste! Não há valores!

  9. Comentador profissional says:

    Mais um ser humano nojento. Até a cara é parva.
    Palhaço…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.