A irritante publicidade de 30 segundos do YouTube vai desaparecer


Destaques PPLWARE

38 Respostas

  1. nuno says:

    eu faço 2 ou 3 X refresh , ate a pub, nao aparecer…

  2. Mota says:

    Dispositivos móveis Miguel.

    Smartphones e Tablets têm este problema dos ads

  3. Rodrigo says:

    Agora é que os videos da Sapo (finalmente), vão à vida.

  4. Bruno says:

    Para quem usa o browser Chrome, este “problema” é facilmente contornado com a instalação das extensões “a Block e a block para o YouTube” nos outros browsers não sei como funciona.

  5. PilotEyes737 says:

    No Mac há uma maneira simples de passar isto à frente. Duplo clique duas vezes até aparecer algo do tipo “Ecra completo”. É só carregar aí e passar o vídeo até ao fim 😉

  6. Luis says:

    Acho graça ao Sapo comentar de forma tão entusiasta o fim dos” irritantes vídeos” de 30 s do you tube. Terão reparado que são igualmente irritantes?

    • Vítor M. says:

      Mas eles comentaram isso?

      • Luis says:

        pplware.SAPO.pt

      • Márcio says:

        Será que o “just a normal guy” ao comentar que acha insólita esta notícia merece uma resposta tão “áspera” por parte de um administrador do website?
        Será que para aceder a este website não temos de aceder a um subdomínio da Sapo?
        pplware.sapo.pt
        Fica aqui o meu comentário.

        • Vítor M. says:

          Aspera? Como sabes? 🙂 usei o mesmo tom de quem nos interpelou, o mesmo, sem tirar nem pôr. E mais, a minha intervenção foi desmistificar e remover a mentira que muitos têm na cabeça. O Sapo Vídeo é uma ferramenta como qualquer outra. É nacional e como parceiros do Sapo também a podemos usar. O YouTube é outra ferramenta que usamos, mas as pessoas dizem mal e não criticam. Criticar tem de ter conhecimento dos factos e ali mostra-se que desconhecem… nem sabem porque usamos um sub-domínio Sapo. 😉

          Achas que ensinar é ser áspero? Sabes bem que não.

    • Alexandre Calvario says:

      Ya o pplware faz igual quando posta os vídeos deles. Ainda são mais que 30 segundos e depois fazem esta notícia dizendo “Vídeos Irritantes..”

      • Vítor M. says:

        Pode ser complicado, mas se fizeres um exercício de avaliar o que dizes, vês que não faz sentido nenhum. Se temos de usar os vídeos do Sapo, do YouTube ou de outros, se eles têm pub (que permitem que andes na web de borla) a pub é inevitável. Mas faz um esforço vá, sê sério, tu gramas com a do YoUtube e gramas com a do Facebook e sofres baixinho, como qualquer um de nós que usa a web. Faz parte, é o natural funcionamento da web. Tu pagas para ires ao Facebook? Pagas para ir ao YouTube? Pagas para vir ao Pplware ou para ires ao Google? Nada, não pagas nada, então de que te queixas tu? 😉

        • Miguel says:

          Já pago tudo isso com o serviço que uso para aceder à net. E quanto ao Facebook… Nem vou comentar o que as pessoas são como pagamento para lá andar

          • RASP says:

            Por esta ordem de ideias, ao entrares numa AutoEstrada, e pagares a portagem… estás no direito de abastecer combustivel sem pagar (porque já pagas a portagem), ou então ir á area de serviço, comer o que quiseres e não pagar porque já pagaste a portagem…
            E o burro sou eu?

  7. jonhy says:

    Espero que em Portugal se aprenda alguma coisa com isto.

  8. David says:

    No Edge no Windows Mobile 10 não há publicidade.

  9. Sharp says:

    Eu deixei de abrir vídeos sapo por isso mesmo

  10. Raiden says:

    A publicidade é uma forma de pagar os direitos de autor. Será que ninguém vê isso? As pessoas são egoístas e querem tudo de borla e numa bandeja. Esquecem-se que os criadores também precisam de ganhar dinheiro e a publicidade é uma delas. Não me faz comichão levar com 30 segundos de publicidade, porque é a forma de termos conteúdo legal e gratuito.

    • Pedro says:

      A mim também não faz comichão arranjar forma de bloquear todo o tipo de publicidade nos vídeos… Abusam na quantidade de publicidade e na forma como a misturam com os vídeos que nós realmente queremos ver, respondemos com bloqueio da dita publicidade. No sapo videos, isso é relativamente simples, basta redefinir uma função JS e bloquear uns ficheiros (aqueles de lixo).

    • ZOA says:

      Estás a ser muito abrangente e a distorcer a realidade em relação a vídeos colocados na plataforma You Tube.

      Esta foi criada justamente com politica de ser gratuita e não ser um meio “sustento de criação” seja a quem for, como se de direitos de autor estivéssemos a falar.
      Além do mais a publicidade irritante vai continuar e não desaparecer por inteiro.

      • TekMan says:

        Isso foi no início quando o Youtube ainda não pertencia à Google.
        Depois de ter sido comprado a Google introduziu gradualmente publicidade, porque há contas para pagar e porque depende em mais de 90% das receitas de publicidade.
        Também é importante para pagar os direitos de autores.

  11. André Barbosa says:

    Pois mas quando alguem cujo o conteudo gostes e que ganhe a vida no youtube ja nao a conseguir se sustentar só com youtube e tiver de desistir ou adoptar outro tipo de estrategias piores se calhar pensas novamente que 20 ou 30 seg de publicidade nao eram assim tao maus.
    Uso adblock para sites que é so publicidade mas para o youtube ja deixei de usar.

  12. Nildo says:

    Eu nem sei que publicidade é essa.

  13. just a normal guy says:

    engraçado como o sapo , pplware publica esta noticia quando os videos do sapo tem todos pubs irritantes

  14. VC says:

    Isso só acontece a quem visualiza os videos do youtube pelo browser… eu vejo os videos do youtube diretamente no vlc e aí nunca aparece publicidade 😉

  15. Powerverde says:

    Pois eu não faço idéia do que estão a falar pois raramente vejo publicidade quando estou no youtube. Será que é dos conteúdos nao serem dos mais mundanos?

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.