PplWare Mobile

Google faz 20 anos e confunde-se com a própria Internet


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Sérgio J says:

    Foi uma verdadeira revolução quando apareceu. Estávamos habituados a que uma pesquisa demorasse bastante tempo, por vezes chegava aos minutos. E isto numa rede rapidíssima como era a da universidade. Na altura reinava o Altavista, yahoo, lycos, excite e bem já passam 20 anos e já nem lembro. Mas a net nunca mais foi como antes. O Gmail não me tornei logo fã, ainda demorei muitos anos a aderir. O Chrome foi amor à primeira vista, mas curiosamente agora uso muito pouco,apenas no portátil da minha namorada. O Google maps veio “acabar” com o conceito de direções. Agora simpleamente escrevo o nome do local onde quero ir, do género sapataria Pimpolho

  2. João Terra says:

    Não acompanhei as fases tudas da google, apenas acompanhei o Android desde a sua evolução, e no inicio o android ainda era um começo para um sistema operativo que se iria tornar popular. No inicio era um sistema tosco e sem interface e limitado para configurações “estou a falar das primeiras rom´s até à 2.1” A partir da 2.3.6 já tinha opções de armazenamento e outras que traziam melhoramentos, sendo o sistema tosco sem grafismo, mas que já possui mais recursos. Depois do android 4.0.4 já houve ali o nascimento grafico, um bocado timido e novos melhoramentos e novas opções. Depois do 4.0.4 foi a melhorar, chegando ao 4.4.4 kitkat onde melhorou a nivel de interface grafica. Agora já existe o 8.1 oreo com bastantes funcionalidades e interface muito boa. Na minha opinião acho que a google cresceu no formato android por sua conta e aprimorando cada vez mais o seu S.O. Coisaque a Apple e Microsof não fizeram. Talves estarei enganado, mas corrijam-me

    • claudio oliveira says:

      Eu ainda tenho um telemóvel que tem o Android 1.6, quando o comprei era moda andar com Nokia 5800 a senhora da loja disse que não sabia o que era isso do Android e conta email para o telefones etc etc ate disse que era uma ma comprar que aquilo não tinha pernas para andar.
      Hoje se não fosse o Androida la não tinha era trabalho sim ela anda trabalha numa loja de telemóveis.

  3. Mikhail Miguel says:

    Interessante observar a permutação de papéis entre Google e Microsoft .

  4. João Paulo ernardo says:

    Esqueceu de Mencionar A Boston Dinamics

  5. DrFrankenDerpen says:

    É como dizem no final do artigo. É uma empresa com demasiados tentáculos espalhados por tudo que é canto. Quase que dá para sentir a sombra da google por cima das nossas cabecas.

  6. says:

    Quando a Google for a Internet (para lá caminha) e forem eles a ditar as regras do que podes ou não ver, quero ver como é.

  7. Alucard says:

    Ainda me lembro do Altavista, do Msn Search e do Yahoo! como motores de pesquisa mais usados na minha turma na escola.
    O Google não pegou logo de estaca por cá.

    É um marco da história da Web, mas não faço confusões. Uso a pesquisa sobretudo para coisas do meu trabalho (procurar artigos científicos) a nível pessoal tenho usado mais o DDG, nunca usei Chrome, já usei Gmail e nunca apreciei. Nunca gostei de Android, também.

  8. Heldr says:

    Desde os últimos 10 anos que não lança nada de jeito, não dá uma para a caixa.

  9. João Terra says:

    A google evoluiu muito nos ultimos anos e a propria google não é só um site de pesquisas, existem outras tecnologias onde a google dá passos e se interessa mais para as desenvolver e cito algumas: Inteligencia Arteficial que metade dela já vem no Android P, Carros autonomos, Google Street View, realidade virtual aumentada e outros projetos em que a google se insere, uns dão frutos e outros nã. A google não pará!!!

  10. João Terra says:

    este comentario que postei é para o Heldr

  11. Luis says:

    Uma bonita história que está a chegar ao fim, vamos ter saudades Google, o ETH esta aqui agora

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.