Quantcast
PplWare Mobile

Samsung vai deixar de produzir ecrãs LCD e apostar nos ecrãs OLED

                                    
                                

Fonte: AppleInsider

Autor: Marisa Pinto


  1. Miguel says:

    Falta fazer isso com os painéis das TVS

  2. Ana Pinheiro says:

    Ja nao era sem tempo. Smartphones com ecrãs LCD nem deviam de ser lançados ao mercado , a nao ser que sejam aqueles de 150€, mais que isso é fazer do consumidor um otario.

    • Nelson says:

      Prefiro mil vezes um lcd de um smartphone de 500€ do que um led de 150€

    • Miguel says:

      Nao digas isso, ainda o ano passado a maça roida lançou um magnifico LCD 720p por mais de 500 euros :)…….wait, estava a esquecer-me dos otários!

      • iDroid says:

        Eu sofro do PWM que os OLED têm para conseguirem apresentar diferentes graus de brilho. Não me considero de todo otário por não usar essa tecnologia.

        P.S.: Ainda tenho um iPhone 7, caso faça alguma diferença.

        • Miguel says:

          Eu não quero ser desmancha prazeres, mas os OLED não têm PWM, isso é nos LCD e não é todos. Os lcd sony geralmente não têm ou têm 960hz, que ao olho uma não é perceptivel. Aliás, a cima dos 240hz de PWM já é praticamente inperceptivel.

      • Pedro Simões says:

        Se conseguires contar as 720 linhas a olho nu, estás de parabéns. Senão o teu comentário é só para meter nojo.

        • Miguel says:

          Olha o fanboy da naça cheio de ciumes….lol
          E ainda por cima comprou um lcd 720p por mais de 500 euros!

        • Ramed Ahcor says:

          Quem és, Pedro Simões?…
          A ideia nunca foi “contar” as linhas!
          Claramente trata-se de USUFRUIR da melhor Tecnologia!
          Por isso é que (e dando como exemplo a Samsung) há smartphones de várias séries/modelos, que podem ir dos 300€ aos quase 2000€. Caso de A20 ao S20 ou NOTE 1O+ (por acaso o meu…).
          Tal como nos televisores!
          Sendo claramente a Samsung a marca que tem os melhores, é uma questão de possibilidade económica. Mesmo os mais “baratos” têm uma qualidade excelente. Assim como os monitores para computador, ou tablets.

          (Nota: por acaso troquei há 2 anos o meu monitor de 24″ Full HD por um DELL de 27″ 4K. Mas isso sou eu. E fico por aqui, porque não tenho de expor a minha vida financeira. Trabalhei e descontei durante 42 anos, mais 4 anos de vida militar OBRIGATÓRIA, incluindo 2 anos na Guiné. E consegui um Emprego na maior fábrica do mundo no seu ramo de actividade. Não, não é portuguesa… Não adianta pesquisarem em Portugal…).

          Quem me dera que todos os comentadores deste espaço pudessem ter filhos investigadores em Universidades ou CEO de empresas multinacionais. Tenho essa felicidade. E se alguém se atrever a ofender-me, terá a devida resposta. A seguir, sairei deste Forum. Não vim aqui vangloriar-me ou armar-me em rico, porque não sou. Apenas gosto muito de Tecnologia e Gadgets. E felizmente, posso comprar).

      • Ramed Ahcor says:

        Ó Miguel, a “maça roida” o que é?…

  3. Jota says:

    Finalmente! Custou, mas mais vale tarde do que nunca! Espero que produzam ecrãs de 49/50 polegadas, visto não existir nenhum, neste momento no mercado!

  4. A.L.C. says:

    … nos smartphones, nas TV’s…?

  5. Nuno Dias says:

    Mas então, o que vai acontecer aos famosos painéis QLED?

    • O pirata says:

      Alguem não leu a noticia…

    • Ramed Ahcor says:

      Parece que alguém está por fora do assunto/questão que o Pplware lançou!
      Ó Nuno Dias, quem escreveu ou deu a entender que os “famosos painéis QLED” vão acabar?…
      NÃO VÃO!
      Os painéis QLED são muito caros. E continuarão (em 4K e 8K) para quem os puder comprar!
      Eu penso trocar o meu 4K QLED de 55″ por um 8K QLED da Samsung (a partir de 65″).
      Posso vender este por 1.800 euros).

      • Miguel says:

        POder podes, mas ninguém te compra. Qualquer Oled de 55 é bem melhor que a tua tv e em promos chegam a rondar os 1000 euros.
        Os Qled são para os trouxas.

        • Ramed Ahcor says:

          Olá MIGUEL TROUXA.
          Quando receberes por mês cerca de 8 mil euros, poderás então vir aqui responder aos meus comentários!
          Sabes lá o que é um televisor 4K “OLED” ou “QLED”…
          E podes ficar a sonhar, que eu não irei vender o meu Samsung Série 8 – 4K QLED – 55”. Mais depressa o oferecia a um vizinho ou a um Lar de Idosos!
          Em quantas prestações mensais o pagarias? Talvez três: Tarde, Mal e Nunca!

          “Qualquer Oled de 55 é bem melhor que a tua tv…” . “…em promos chegam a rondar os 1000 euros” . “Os Qled são para os trouxas”.

          Não te respondo à letra, como mereces, pois não estou habituado a lidar com imbecis, analfabetos e morcões!
          Nem sequer sabes que os símbolos se escrevem sempre em maiúsculas, pois são iniciais de algo. Mas não te vou explicar aqui o significado de OLED e QLED.
          Com que então qualquer “Oled” é bem melhor que a minha TV…
          Pois… Estão verdes, não prestam…

          E finalmente, vai chamar touxa aos teus parentes!
          Não te admito ofensas, parvalhão

  6. Bruno says:

    Que eu tenha conhecimento, a Samsung anunciou que iria deixar de produzir ecrãs LCD em detrimento da produção dos seus ecrãs QLED… A Samsung nem tem ecrãs OLED no seu repertório, sendo a tecnologia QLED da sua exclusividade.

  7. Bruno says:

    Mas se apostar na tecnologia OLED é gratificante. Com as duas tecnologias presentes irá tornar-se líder em ambos os segmentos

  8. Dalex says:

    E os micro-LED?

  9. Ricardo Pereira says:

    Bem se seguirem a linha da Lg estão bem lixados e pessoal a queixarem se do burn-in que nem é bom ,vamos ver se pelo menos a Samsung resolve esse problema se assim for ganham um cliente

  10. falcaobranco says:

    Posso estar enganado pessoal mas esta noticia tem a ver com as televisões… pode no futuro ir parar aos telemoveis, mas já vi noutros meios e falavam nas tv’s…

  11. Nobre Luso says:

    Uma CORRECÇÃO:
    – A tecnologia de imagem dos televisores SAMSUNG chama-se QLED (pontos quânticos) e não “OLED”. Isso pertence à LG e marcas como Sony e outras.
    QLED é exclusivo da Samsung. Estão actualmente a usá-lo nos topos de gama. Sim, são 4K.

    • A. L C. says:

      Chama-lhe o que quiseres, são LCD’s…

      • Ramed Ahcor says:

        Adivisão da Samsung encarregue da produção de ecrãs, a Samsung Display, anunciou que até ao final de 2020 deixará de produzir ecrãs LCD.

        Como recorda o The Verge, a Samsung Display tem quatro produções ativas de ecrãs LCD – duas na Coreia do Sul e outras duas na China – mas, como confirma a empresa, a ideia é apostar em televisões ‘quantom dot’ por via de ecrãs OLED.

        De notar que a Samsung não é a única a abandonar a produção de ecrãs LCD, dado que a LG Display também o fará até final de 2020″
        …………………………………………………………………………………………………………………
        Pois é, A.L.C. Em momento algum eu escrevi que não são LCD. Apenas esclareci o que é OLED e QLED. O meu televisor Samsung Série 8 – 4K QLED de 55″ é QLED e pronto! Mas de certeza que não é LED… Até o meu Galaxy NOTE 10+ não é LED. É “Super Amoled”. é tão bom saber-se do que se fala ou escreve!

    • Ricardo Pereira says:

      Nobre Luso …Samsung vai deixar de produzir ecrãs LCD e apostar nos ecrãs OLED as Qled mantém-se acho eu

    • O pirata says:

      A Samsung não tem OLED?
      Alguem deveria de estudar o assunto antes de vir comentar…
      QLED e OLED é o nada a ver uma com a outra.
      QLED(Samsung) e o NanoCell(LG) é quase a mesma coisa, mas o OLED é igual em todos.

      • Miguel says:

        QLED e Nanocell são LCDs normais com um nome bonito para parecer bem.
        OLED é uma tecnologia totalmente diferente, sendo que todas as tvs oled independentemente da marca têm painel LG.

      • Ramed Ahcor says:

        Muito bem, “pirata”.
        Vieste aqui dar prova de vida, mas deves estar moribundo nesta área…
        Quem deveria estudar o assunto era detidamente TU!
        Muito antes de vir aqui comentar!
        Porque o PPlware destina-se a quem gosta, aprecia e percebe de Tecnologia!
        Quem escreveu que OLED e QLED não são a mesma coisa?…
        Onde leste isso?…
        Embora sejam similares (parecidos), basta a letra inicial (O ou Q) para se perceber que há diferenças! Pesquisa no Google!
        O OLED é igual em todos, MENOS na Samsung!
        E o sistema dos topos de gama da LG (Sony, Panasonic, etc) tem alguns problemas, que já referi. Antes de investir 3 mil euros, pesquisei muito, informei-me nas lojas (Fnac, Worten, RP, Media Markt). E tirei todas as dúvidas! Optei pela Samsung por causa do QLED ser mais fiável).
        Ora, sendo OLED, não é “Nano Cell”.
        Deixa-te de vaguear por definições e termos a que és completamente alheio!

        • Miguel says:

          Se soubesses a quantidade de disparates que dizes, metias a cabeça na areia.
          1- Na worten, Fnac, mediamarkt neinguem percebe de tvs, eles tentam vender quem lhes paga mais que na maioria das vezes é a samsung.
          2- Todas as tvs OLED utilizam paineis LG
          3- Qled, nanocell, Uled (hisense) são todos LCD Led, apenas colocaram nomes ponposos para enganar trouxas.

          Mais uma vez QLED, NANOCELL, ULED….É TUDO LCD COM BACKLIGHT POR LEDS…..podem diferênciar por painel IPS, VA e retroiluminação FALD ou EDGE e ainda podem variar nas Dimming zones.

          OLED é uma tecnolgia totalmente diferente, self emisive (não usa backlight), com pretos perfeitos, sem bleed, blur…e ainda com o melhor angulo de visao existente.
          Só trouxas pagam mais de 800 euros por uma led de 55!

          • Ramed Ahcor says:

            VAI CHAMAR TROUXA AO TEU PAI, PARVALHÃO!
            Nem dinheiro tens para um televisor de 99 euros, quanto mais conhecimentos para falar de televisores de milhares de euros!
            DESAPARECE! NÃO METAS NOJO, POBRETANA!
            ………………………………
            – “diferênciar” com acento circunflexo na letra “e”?… NÃOTEM ACENTO!
            – “ponposos”?… NÃO! Escreve-se poMposos, com letra M e não N.
            – “visao”? NÃO! Tem til na letra “ã”.
            – Nomes de lojas começam sempre com letra Maiúscula!
            – Já repeti mil vezes que OLED é o nome doa painéis LG.
            – Idem que QLED é o nome dos fascinantes painéis SAMSUNG.
            – É mentira que a Samsung pague “mais” às Lojas que referes!
            Por isso, és aldrabão!
            – E SIM, ÉS UM TROUXA = PARVO!

  12. jorge says:

    Que fabriquem o que quiserem, enquanto o meu iphone 5s funcionar nao compro outro telefone.

  13. SANDOKAN 1513 says:

    Acho bem.Só que há um gravíssimo problema.Quem é que tem dinheiro para comprar televisores OLED ?? Super caros neste momento ?? Vai ser lindo,se vai. 😐

    • O pirata says:

      500 ou 600€ é caro?
      Se sim há N outras marcas no mercado

      • Miguel says:

        Onde diz lá que quero uma tv oled a esse preço!
        E sim, 500 ou 600 euros são caros para uma tv.

        • Ramed Ahcor says:

          Não faltam televisores “LCD” 4K e/ou Ultra HD no mercado a rondar os 500 euros. Já havia quando há cerca de 2 anos comprei o meu Samsung QLED 4K Série 8 de 55″. Só comprei esse modelo porque então quis ter em casa o melhor que existia, porque havia duas ou três séries abaixo, maia baratas, mesmo sendo QLED.
          Ou seja, um bom televisor 4K de qualquer marca não tem de ser “OLED” (LG e outras marcas) ou QLED (exclusivo Samssung). Mas ambas as marcas criaram tecnologia superior para os seus topos de gama. O bom do QLED é que nunca queima o ecrã, ao contrário do OLED que, com o tempo, deixa marcas visíveis no écrã. Perguntem numa boa loja.
          Mas enfim, cada qual compra o que puder e quiser. Eu não me importei de gastar 3 mil euros para ter o melhor.

          • Miguel says:

            Vê lá se percebes uma coisa, o preço era a referir-se a OLED, tecnologia totalmente diferente da lcd, que oferece uma qualidade de imagem melhor e sem blur.
            Qled, nanocel, Uled, etc…é tudo igual, são apenas LCDs normais (iPS, VA, edge led ou FALD) com nomes bonitos para enganar trouxas.
            Quanto ao burn in atual, vai ler e ver em quem percebe, tipo Rtings, HDtvtest, ou o proprio vincent teoh.
            Para que fique claro, és um leigo no assunto e devias de te manter afastado de quem percebe alguma coisa e quer esclarecer as pessoas.

          • Miguel says:

            Outra coisa, o pior OLED do mercado, em imagem é bem melhor que o melhor QLed, nanocell, uled, etc…(tudo led lcd) que existe.

  14. Ricardo Pereira says:

    Na minha primeira abordagem ao tema fiquei com impressão k fossem fazer TVs OLED porque na imagem aparece duas TVs mas lendo bem fico agora com ideia k se referem aos ecrãs dos telemóveis será assim .

  15. Hugo Marafona says:

    Toda a gente quer OLED nos telefones mas quando chega a altura de os trocar porque partiram fogem a 7 pés!

    Um telefone de 200€, preço do oled para reparar: 120/140€
    É bonito isto não é? xD

    Lembrem-se que a tecnologia oled contam-se pelas maos os fabricantes pois as maquinas e artilharia são carissimas!
    fabricantes de LCDs são ao pontapé, pois é mais barato produzir!
    E ser OLED não significa qualidade.
    Lembram-se dos J da samsung? com um oled sofrivel? xD

  16. andre says:

    A minha Panasonic ST60 manda cumprimentos

  17. João Cunha says:

    A minha C9 55″ manda cumprimentos à suposta melhor do mercado Qled 55″ de 3 mil € do artista acima.
    Tanto pesquisou que só se enterrou xD

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.