Quantcast
PplWare Mobile

Desempenho do Intel Core i9-13900K é 68% superior em jogos que o melhor CPU da AMD

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. naodigo says:

    Uau estão a comprar o Raptor Lake que ainda não saiu com o Zen3 que tem 2 anos, quando vão competir com o Zen4….

  2. Thomas says:

    Receberam um “ES” ou versao final do 13900k para testarem e confirmarem tal afirmacao? 68%? UAU.
    Nao sou de lado nenhum, nem amd nem intel. Apenas do lado com melhor ratio performance/€.
    68% em JOGOS! So falam de um jogo….Os outros?

  3. Krilin says:

    A amd ja era, intel voltou a reinar

  4. TIAGO PAULO FERREIRA FERREIRA says:

    querem comparar um automóvel ano 2023 com um de tecnologia 2 anos atrás. Piada

    • Secadegas says:

      Achas mesmo que a INTEL ia deixar de fazer os melhores processadores assim de repente? Acho bem que a AMD ou outra qualquer criem opções mais baratas e melhores.

  5. secalharya says:

    AMD is done!

  6. SANDOKAN 1513 says:

    68% ?? É muita fruta.A AMD está a ficar claramente para trás.Claramente.

    • Thomas says:

      68% NUM JOGO! Ha jogos em que o 5800x3d esta 20% superior ao 13900K. Nao é uma amostra de 1 que vai definir o resultado geral.
      Uma pessoa lê isto e ddepois pensa que vai ser assim em todos os jogos, o que nao é verdade.
      E depois tem outra cena o que me interessa a mim jogar um jogo a 144fps ou o mesmo jogos a 250fps? se puder poupar e jogar a 144fps melhor ainda.

    • PAULO SILVA says:

      Ainda não, pois este resultado tem muito que se diga. Veja bem:
      O AMD 5800X3D é equivalente ao INTEL I5 12th Gen, e embora tenha muita tecnologia, ainda não pode ser bem explorada porque não temos um Windows que tire partido dos CPU híbrido.
      O Intel consome muito mais energia que o AMD, e quando comparado a serie 5 (Ryzen 5/ Core I5) não se tem uma performance muito diferente, embora um PC com INTEL 12th Gen com memorias DDR5 custe muito mais que um equivalente AMD, chegando a custar quase o dobro e a consumir o dobro também em energia elétrica.
      Sendo assim o custo/beneficio cai sempre para a AMD que ainda não tem um CPU híbrido.
      Acredito que a ideia (original Apple M1) de CPU híbrido irá ser a predominante nos anos vindouros, mas ainda falta um sistema operativo que tire partido da tecnologia.
      Neste momento é muito mais racional usar AMD em prol da Intel, quer no custo de aquisição, quer no de operação, e na minha opinião e conhecimento, não temos nada que um CPU AMD não faça em relação a um Intel.
      E quanto ao artigo, comparar um prototipo INTEL 13th Gen, com um CPU de duas gerações anteriores (5950X e com memórias DDR4…) não faz sentido, mas para quem é fan de uma marca ou outra tudo serve.
      Eu cá fico com os resultados que posso ter hoje, ao que existe no mercado e a sua relação custo/benefício, pois ninguém precisa de um i9 ou Ryzen 9 para jogar, a série 5 ou 7 (desktop) é mais que suficiente para todo e qualquer jogo, mas quem quiser jogar dinheiro fora… toca a comprar.

      • zequinha says:

        Boa análise.
        Mas pelos vistos, já chegámos á era do “Marketing do Futuro”,
        de até possíveis especificações de utilidade duvidosas. 🙂

  7. Joao Ptt says:

    E já vem sem problemas de segurança no processador, ou isso é pedir muito?

    • Krilin says:

      Problemas de sobre aquecimento so na amd. A intel e a melhor, deal with it

      • Samuel MGor says:

        A Intel é a melhor a aumentar a conta da eletricidade de certeza.

        • riosj says:

          Mais potencia mais consumo. Your point? Deves ser linux user para defender tanto a amd. Para brincar aos terminais amd chega para algo mais produtivo so intel

          • Miguel A. says:

            Não é bem assim. Ultimamente os processadores Intel têm sido os que mais consomem, mas não tem sido os mais potentes. Falar em produtividade, mas depois temos a AMD com as maiores bestas em multi core. Vá, calma, menos fanatismo e mais bom senso. Se não fosse esta picardia da AMD, a Intel andava a arrastar-se com uns processadores caros e medíocres.

          • Samuel MGor says:

            Se andas a brincar aos terminais não sei. Mas para usar o Blender, não sabes o que é temos pena, um processador AMD chega.

      • Miguel A. says:

        Tens que dizer isso ao meu colega que gastou 3000€ num MacBook i7 e para fazer tarefas pesadas tem que o meter numa base para portátil para não fazer termal throttling. Essa fama do aquecimento dos AMD tem mais de 20 anos. Hoje em dia os Intel são torradeiras de consumo ao lado dos AMD. Têm que se atualizar..

  8. Samuel MGor says:

    A AMD ainda continua a reinar!! A Intel ao fazer esta comparação entre um Intel chip que ainda não saiu com um AMD com 2 anos só está a enterrar-se ainda mais. Quero ver quando existir a comparação entre o novo Intel chip com o novo AMD chip quem é que vai reinar… 😛

  9. C. Domingos says:

    Acho que se enganaram, o intel é 68 vezes superior e gasta 1/10 da energia.

  10. TM says:

    https://adrenaline.com.br/noticias/v/77140/teste-de-estresse-leva-intel-core-i9-13900k-a-100c-com-consumo-de-420w

    A intel continua a enganar o pessoal que não se informa minimamente. Ou a intel cria um produto decente abaixo dos 10nnm ou nem vale a pena andar a discutir. Sempre fui intel até perceber que andava a comprar processadores “aditivados” em vezs de novos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.