Quantcast
PplWare Mobile

Kalashnikov, empresa russa que fabrica AK-47, lança “drone suicida”

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Imagem: Kalashnikov

Fonte: Kalashnikov

Autor: Vítor M.


  1. BlackFerdyPT says:

    Verdadeiramente “aterradores mecanismos de guerra” (e também avançados) são os nucleares, que mostram sinais de estarem a ser reavivados… (https://www.youtube.com/watch?v=Q4LejOtYiyw + https://www.youtube.com/watch?v=j9kbiXVjeMc + https://www.history.com/news/queen-elizabeth-evacuation-plan-cold-war-brexit + https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1018337472260870144)

  2. Rui says:

    Já há misseis que fazem isto, a distãncias muito maiores e a velocidades muito superiores, à décadas!
    O Tomahawk que leva 450kg de explosivos até 2.500km;
    O Griffin;
    O Harm;
    Jsaw;
    LRASM;
    Etc….
    E depois acima disso tudo há os ICBM’s que percorrem dezenas de milhares de km em minutos!!!!!!

  3. blablabla says:

    Comparar um drone a um ICBM, tá certo…

  4. Samuel says:

    Aconselhava-vos a verem o documentário ” Do you trust this computer ? ” (2017).
    Esse documentário fala do problema deste tipo de armas autónomas e inteligentes e de como ainda não há legislação nem leis internacionais sobre elas.
    Além disso fala tambem de Inteligência Artificial e conta com a participação de Elon Musk e muitos outros CEO importantes.
    Assim irão ficar muito mais consciencializados para o assunto e para quem gosta da área é um documentário muito bom.
    Aproveitem e depois digam-me se ajudou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.