Quantcast
PplWare Mobile

Suécia quer que a Europa proíba a mineração de Bitcoins

                                    
                                

Fonte: EuroNews

Autor: Marisa Pinto


  1. sayWhat says:

    Good luck with that

  2. Pedro L. says:

    Prometam uma 3080 ti a quem denunciar a localização de uma rig e temos negócio 😛

  3. Redin says:

    Concordo para dar o exemplo, embora se é que estão à espera, isso não irá trazer qualquer impacto ao funcionamento da rede devido ao ajustamento de dificuldade automático da mineração.
    Mas como vão eles fazer isso? Vão fazê-lo indiscriminadamente seja uma mineradora usar energia verde ou não?
    Para fazer burrada, mais vale estarem quietos e começarem a dar eles próprios o exemplo.
    As contas bancarias que eles tiverem em bancos que consomem energia “suja”, retirem o dinheiro de lá. Se na casa deles usarem provedores de energia “suja” também devem mudar.
    pois é… pimenta no cu dos outros para eles é refresco.

    • Manuel Costa says:

      Hora bem usando um exemplo simples: 87000000 milhões de euros que circulem durante 10 anos, levam perto 1,2 milhões de euros de energia. Usando a Bitcoin como base: para o mesmo valor, durante 10 anos, serão 29800 milhões de euros de energia eléctrica. (Isto sem inflação em ambos).
      Dá uma coisa muito parecida correcto?

      • Eu says:

        Sim. Da para comprares um teclado estúpido.

      • JJ_ says:

        Ainda não percebes-te o funcionamento? Uma maquina a gastar apenas 10€/mês de energia, iria produzir a mesma quantidade de Bitcoins! A rede funciona por se ajustar automaticamente, de modo a produzir sempre a mesma quantidade de Bitcoin, ou seja menos poder de processamento, menos dificuldade.

        Por isso as contas estão mal feitas! A mesma quantidade de dinheiro pode ser gerada com menos energia.

        O problema aqui é os governos não querem realmente criar novas infraestruturas de produção de energia mais limpa. Estão na realidade a empurrar o problema para debaixo do tapete, como fizeram com as fabricas. Deslocam tudo para os países pobres e depois dizem que são muito ecológicos. O problema é que os países de terceiro mundo já não são tão parvos assim e também já impõem limites/regras. Depois vemos o problema que existe da falta de componentes, por estar tudo sob o controle da China.

  4. Samuel MGor says:

    Existe uma maneira de detetar quem minera: Vejam quem gasta mais eletricidade e retirem os negócios sendo quem gasta mais na população é de certo quem minera.

  5. João says:

    No futuro eu aposto que todos terão uma cota de energia a ser utlizada. É o único meio de fazer com que o custo da energia não seja balizada pela mineração. Há muito tempo eu digo que será proibido, devido ao consumo de energia. Parece que agora está “caindo a ficha das autoridades”

    • Rrrrrrr says:

      nao acho que o problema seja o consumo de electricidade.
      Cada vez mais se consome mais electricidade por diversos motivos.

      O principal objectivo deveria sim utilizarmos apenas energia renovavel e 100% limpa

  6. TT says:

    Alguém na UE com dois dedos de testa, parabéns Suécia!

    • manel says:

      nem a suécia nem tu têm 2 dedos de testa se acham que isto faz sentido lol

      • FreakOnALeash says:

        Este acha-se mais inteligente que o governo sueco! LOL

        “Sweden maintains a Nordic social welfare system that provides universal health care and tertiary education for its citizens. It has the world’s eleventh-highest per capita income and ranks very highly in quality of life, health, education, protection of civil liberties, economic competitiveness, income equality, gender equality, prosperity and human development.”
        https://en.wikipedia.org/wiki/Sweden

  7. Sandra Mafamedes says:

    ah ah ah…. mais uns otários que pensam conseguir o que a China e o India não conseguiram.

    Grande parte da mineração é feita utilizando energias alternativas e obviamente que essa energia é o que sobra da utilização normal, ou seja, energia que seria perdida de outra forma. Basicamente é aproveitar algo que seria desperdiçado. Mas quem fala do que não sabe dá nisto…. talvez por isso a Suécia está como tá, cada vez mais a chacota da Europa.

    • SANDOKAN 1513 says:

      “…talvez por isso a Suécia está como tá, cada vez mais a chacota da Europa.” Como ?? Que desplante !! Só para o informar que na Suécia,onde não existe o salário mínimo,cada pessoa leva para casa 25.000 coroas suecas,o que equivale a quase 2.400 euros por mês(e já com os descontos de 32% de impostos que por lá se pagam) !! Realmente,é cá uma “chacota” a Suécia. 🙂

      • andre says:

        A suécia está a viver os tempos bons que causam homens fracos.
        A sua qualidade de vida vem das decisões tomadas nas décadas passadas, as decisoes tomadas agora só se vão ver no futuro.

        A continuar assim, paises como a suécia e como o canadá, daqui a umas decadas estão como a argentina.

  8. Ze Povinho says:

    Bora lá tentar…
    quando chegar a ser eficiente a medida, vamos ver quanto é que os governos da EU não cobram em IVA e taxas de energia…
    Os meus 20 Antminer L3++ nem estão em Portugal, nem na EU, já por causa do preço da energia, mas onde estão tambem não pagam nada….
    Mas os +- 150USD dia ou melhor +-4500USD por mês, sabem-me muito bem, afinal trabalhar para que? Estou de ferias há 4 anos….

    • Manuel Costa says:

      Só? Com um investimento inicial de 190000 euros, conseguias ter uma rig no Azerbaijão, ganhares 25000 euros por mês e ainda receberes 3 bitcoins por ano. Nas redes sociais é fácil encontrar investimentos destes. Até há mais, aqueles que pagas 26 bitcoins e podes ganhar 600 ao final de 12 meses de actividade.

  9. Tempo ao tempo says:

    Esta questão vai ser facilmente contornada pelos governos. Obrigam as comercializadoras de eletricidade a ter um tarifário semelhante ao da água. O custo do kWh, para clientes domésticos, progressivo, de acordo com o consumo. De tal forma que os ganhos serão absorvidos pelo custo da energia. Esperem para ver.

  10. JR says:

    Querem acabar com algo que, neste momento, funciona maioritariamente por energias renováveis…. Mas não querem reinventar o sistema energético do sistema atual financeiro?

    Sem falar que estas frases:
    ” Atualmente é possível conduzir um carro elétrico de médio porte por 1,8 milhões de quilómetros com a mesma energia que é necessária para extrair um único Bitcoin.
    Isto é o equivalente a 44 voltas em redor do globo. E 900 Bitcoins são extraídos todos os dias. Este não é um uso razoável da nossa energia renovável.”

    São uma grande falácia já que os eletricos que tentam promover, devido a tecnologia em si, polui bastante mais

    Se querem atirar areia para os olhos das pessoas, ao menos façam no como deve ser.

    • Samuel MGor says:

      Achas que é produzido por energias renováveis?! Eu acho que andas a dormir!! Se tu minerares em casa para usares apenas a energia solar precisas pelo menos de 10 a 15 paneis solares e rezares para no dia seguinte para o céu não ficar nublado. O que realmente acontece que que tu só reduzes a conta da eletricidade para metade ou seja ao invés de pagares 300 euros vais só pagar 150 euros.

      • JR says:

        “Se tu minerares em casa para usares apenas a energia solar precisas pelo menos de 10 a 15 paneis solares e rezares para no dia seguinte para o céu não ficar nublado.”
        Esta frase matou me.
        Now i know the troller you are.

        • Samuel MGor says:

          Lê bem a frase “… PARA USARES APENAS ENERGIA SOLAR…”
          You are more troller than everyone else 😛
          I am sorry that you can read very well 😛

    • Manuel Costa says:

      Enegias renováveis? ROTFLLLLLLLLLLLLLL
      Vai lá ver os 10 países mais mineradores… energias renováveis são, 0,000017% da produção usada. Tudo bem que 60% é de energia nuclear e 33% de energia pela utilização do carvão, essa super energia renovável.
      Olha para o Líbano, eram 80% de renováveis, agora o país tem electricidade por 6 horas diárias, pois as 11 centrais de combustíveis fósseis não conseguem pagar para produzir mais que isso.

  11. LA says:

    Concordo. Já vão tarde.

  12. Ruben Gomes says:

    Tanto ignorância junta. O. Sistema tradicional (bancos) consome mais energia que o Bitcoin… O problema deles é não controlarem o Bitcoin. Alguém consegue transferir dinheiro do outro lado em menos de 15 min com o atual sistema bancário? Com o Bitcoin é possível.

    O Bitcoin é um sistema descentralizado, ninguém consegue corromper o sistema, isso é uma dor de cabeça para os parasitas.

  13. Luis says:

    Deviam era proibir e ilegalizar as bitcoins.

  14. Mais1ComentarioCensurado says:

    Concordo, é só mais um motivo para comprar barato 🙂

  15. ervilhoid says:

    isto a juntar à lei pirataria online + certificados vacinação + censura… daqui a pouco até 1 peido vai ter que ser justificado

  16. paulo says:

    biotcoin so big to fail! querem lancar fud para o ppl machar as cryptos mas! estao a perder o control do dinheiro!

  17. SteveRobs says:

    CONCORDO !!!! Onde tenho de assinar?

  18. SANDOKAN 1513 says:

    “Concorda com a proposta de acabar com a mineração de Bitcoins na Europa?” É evidente que oncordo e não havia de ser só na Europa mas sim em todo o mundo.Moedas virtuais ?? Por favor…

    • Eu says:

      “Concorda com a proposta de acabar com essa coisa chamada de Internet?”
      É evidente que concordo. É só pedofilia, pornografia, fraudes e comercio ilicito. Mercados virtuais?? Por favor…
      -TROL

  19. wtvlol says:

    Já vão tarde.

    Gostava de comprar uma gráfica a preços decentes…

  20. andre says:

    Tanta gente aziada!!!!
    Olhem ainda nao vão tarde, bitcoin até 100 000 euros é barato.

  21. Redin says:

    Hoje é um excelente dia para comprar Bitcoin. Também teve direito a Black Friday.
    Todos os mercados em baixa. Comprem antes que os governos encontrem aqui a solução dos experts em ditadura energética. LOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.