PplWare Mobile

Projeto OGRS – Apple deixa o “Walkie-Talkie” para iPhone em espera


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Eu says:

    Mas estão loucos ou quê?
    Numa época em que nada pode funcionar sem que seja possível fazer a gravação e armazenamento dos dados, querem laçar algo fora da “grid”?

  2. Carlos Reis says:

    Gosto do wallpaper da imagem introdutória

  3. Fixo says:

    A coisa até podia ser – é preciso um modem Intel, a Apple comprou à Intel a divisão dos modems … ficava em casa. Rentabilizava o investimento … se isso atraísse mais clientes.
    Mas quem é que quer enviar mensagens entre iPhones (só os que tenham esse com esse modem) a longa distância, sem rede telefónica ou Wi-Fi?
    Não digo que não houvesse interessados, mas em número suficiente para valer a pena?
    P.S. Não encontrei nada que dissesse quanto mede a “longa distância”. Se fosse bem longa …

    • Técnico Meo says:

      …”(só os que tenham esse com esse modem) a longa distância, sem rede telefónica ou Wi-Fi?…”

      Adoro tecnologia e tu também, mas lembra-te que todos os protocolos de comunicação de um telemóvel, a não ser que estejas ligado por cabo a um PC, usam rádio-frequencia com modulações próprias para cada efeito. Não é preciso mais nenhum modem, todos os telemóveis teem o modem que faz as bandas de 2g 3g 4g. O que se sugere é o acesso directo ao modem sem necessidade das torres para modular sinal. Ou seja, ponto a ponto ou pra quem estiver no alcance. Em 2g , nos 900mhz, utilizando sinal directo a pelo menos 1,5w de potência do telemóvel, com a antena embutida, em campo aberto está brincadeira daria no máximo para 400-1000m metros em condições excelentes. Quem sabe até criar redes imesh simples pra SMS por exemplo. Em radio-amadorismo em sinal directo de fonia ou dados em VHF esta distância passa a casa dos 30 a 100km. Se baixarmos mais a frequência ainda muito maiores distâncias, mas ficando com o problema em mãos de teres um equipamento maior que o telemóvel e antena maior e para modular determinados dados é preciso computador, uma vez que os fabricantes de rádio nunca se associaram de forma eficaz ao Android.

      Qualquer sinal do teu telemóvel que viagem no ar tem sempre por base a rádio-frequencia. O que varia é a antena que usa, segmento de frequência e tipo de modulação. Ou seja, numa aproximação muito rudimentar, qualquer um de nós é um rádio-operador porque usa um telemóvel que usa rádio para comunicar. Tem também a enorme vantagem de ter um sistema operativo fantástico por detrás.

      • Fixo says:

        Não é preciso um modem exclusivo. Mas é preciso um modem, novo, que inclua essa funcionalidade, seja para emitir seja para receber.
        Havia um projeto da Intel que pode ou não vir a ser retomado pela Apple (acho que não vai).
        Também me parece que a “longa distância” não seja grande, mas podem ter conseguido esticar qualquer coisa.

        • Técnico Meo says:

          Mais uma vez te digo, o que já vem incorporado da rede móvel já faz isso, é full duplex . Só é preciso que um software que tenha acesso directo para o poder desligar das antenas móveis e trabalhar com ele off-grid. Não estou a ver alegria nas operadoras móveis com este tipo de decisão dos fabricantes.

          • Fixo says:

            Eu só repito o que li:
            “The Information says Apple and Intel were working together on the technology, which would have been integrated into Intel chips in future iPhones, before it was put on hold” (The Verge)

  4. Ze das Quintas says:

    Isto parece-me uma daquelas funcionalidades que vai ser muito usada ao inicio e depois cair no esquecimento.

  5. Técnico Meo says:

    Fixo, e com toda a razão. Teres hardware dedicado para o efeito, é muito mais fácil e até mais eficiente do que andar a mexer no firmware do modem GSM, porque decerto que obrigava mesmo a ficares offline da rede telemóvel.

    Forte abraço e viva ao rádio heheheh 🙂

  6. Diogo says:

    Isto que é uma tecnologia muito util e importante e o projecto está parado… agora criar features da treta como os animoji, isso sim é mais importante… enfim

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.