Malware do macOS passa despercebido ao GateKeeper e antivírus


Destaques PPLWARE

28 Respostas

  1. Helder says:

    se deixar as definições de segurança como de origem (só Apps da AppStore), isso nunca acontece, mas referir isso é que não!

    Porque é que o pplware não refere os resultados da MS, mais precisamente do suface que caiu 26%, depois de Microsoft andar a bradar aos 7 ventos que era melhor que a Apple e que estavam a fugir dos MBP para os SB?

    Ou não interessam os resultados reais?

  2. Homo Erectíssimo says:

    Excelente artigo,Pedro Simões.Até um leigo como eu percebe que o malware pode perfeitamente alastrar-se até no universo macOS.Ninguém está livre deste tipo de perigos informáticos,que nos podem atacar os nossos PC’s.Queria só fazer uma pergunta,este tipo de malware,ou até vírus,podem atacar outros sistemas operativos,como aqueles baseados em Linux ?? Off-topic(e peço-lhe desculpa,como sempre,Pedro Simões)—»foi ontem(Sexta-feira,dia 28 de Abril),lançada outra nova Build(a 16184),para os insiders do Windows 10,em Fast Ring/Modo Rápido.Na marca de água no canto inferior direito já vem registada(Cópia de avaliação. Build 16184.rs_prerelease.170424-2211).Estou a gostar bastante desta nova Build,é excelente,muito fluida,e agora vem com uma nova aplicação na Barra de Tarefas(Pessoas/Skype/Correio).É interessante. 🙂

  3. golf says:

    Quanto mais usado, mais explorado e consequentemente mais atacado.

    • Helder says:

      A única coisa aqui explorada é o utilizador. Não foi por falha nenhuma do sistema.

      • golf says:

        “ausência de proteção do Gatekeeper, a primeira barreira de segurança do macOS”
        o sistema falha porque é insuficiente: “usar certificados válidos e emitidos pela Apple, o que impede de ser marcado como malware e consequentemente barrado. A Apple poderá resolver este problema revogando os certificados, mas caso os atacantes tenham acesso a novos, e aparentemente conseguem, todo o processo pode ser retomado, continuando o ataque e novas infeções.”

        • Helder says:

          A única coisa que isso oferece é que a Aplicação foi feita por empresa X e não foi modificada pelo caminho.

          Por defeito, o macOS só instala Apps da AppStore e está não é uma delas.

          Se queres instalar Apps que não sabes de onde vêm, e dares a password do root, é contigo.

  4. Renato says:

    só o windows é que tinha malwares, afinal…..

    • Torres says:

      Afinal havia e ainda há muito por explorar, faltava era hackers que se virassem para mac

      Apesar de a Apple querer passar a imagem que tem o sistema perfeito, a verdade é que nenhum sistema é perfeito

      E os seus users a pensarem que estavam totalmente seguros…nem é preciso dizer mais nada, porque uma das grandes inseguranças é pensar que estamos seguros, até ao dia em que…

      • Helder says:

        Bitaites de Apple hater, a verdade é que a única vulnerabilidade aqui é o utilizador, e a menos que seja obrigado a seguir um curso para comprar um computador, vai sempre existir.

        O sistema está perfeito, está a fazer o que o utilizador lhe manda.

  5. Nope says:

    Também notícia do CheckPoint

    Apps infectadas com o malware FalseGuide tiveram dois milhões de downloads do Google Play

    http://blog.checkpoint.com/2017/04/24/falaseguide-misleads-users-googleplay/

  6. rc_joaopedro says:

    o estranho é apontarem a falha ao macOS quando o erro principal é do utilizador. Mas algum governo manda ficheiros zip para abrir e descompactar? Além disso é possível ver sem descompactar…

    • Paulo Santos says:

      Mas isso passa-se em qualquer SO.

      • Ai Ai says:

        A esmagadora maioria dos malwares, seja lá que sistema operativo seja, entra por falta de conhecimento do utilizador. Os restantes… usam exploits é verdade, que entram por falha do sistema, mas isso é uma pequena minoria, como acima foi mencionado, se sair do ambiente controlado que é a AppStore, está mais facilmente sujeito, como em tudo na vida.

  7. António Cordeiro says:

    Adoro a parte final heheeh
    “Cabe aos utilizadores protegerem-se com as medidas mais básicas, evitando sempre abrir ficheiros de fontes que não conhecem ou que não esperam, mesmo de fontes conhecidas.”
    Percebo o q querem dizer, mas continuo a achar hilariante

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.