PplWare Mobile

Apple Watch ECG pode chegar à Europa com o watchOS 5.2


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Devsys says:

    E continuamos na ideia do relógio como dispositivo médico… Por acaso o Vítor M sabe interpretar um ECG? Save para que serve? Sabe se é o único meio de diagnóstico? Sabe em que situações está indicado a sua utilização? Sabe em que circunstâncias os valores captados têm algum tipo de relevância?
    Lá por haver uma empresa a vender sonhos não quer dizer que toda a carneirada vá atrás.
    Já pensou em fazer um post, sei lá, recorrendo a um cardiologista português, em que o entrevista, e pergunta, em que circunstâncias é que um “real” ECG seria útil nas mãos do cidadão comum?
    Espero que não fique melindrado com as perguntas, porque normalmente quando do não sabe responder costuma ficar melindrado e não pública o comentário.

    • Jorge Carvalho says:

      Não tens que interpretar , isso é feito pelo software , que após 5 medições com sinais de algum tipo de AF , apenas te informa que os resultados aconselham que procures um medico e lhe coloques a questão a ele.

      Abc

      • Devsys says:

        Jorge, pode o Jorge responder ao seguinte:
        Já foi a alguma urgência em Portugal com o relógio na mão a dizer que este o avisou que tinha problemas cardíacos? Experimente lá a ir e depois escreva aqui o que aconteceu.
        O Jorge conhece a taxa de erro do relógio? Conhece a taxa de falsos positivos e falsos negativos?
        Pode escrever aqui onde está o estudo publicado em relação a isso?
        E comparando com um dispositivo médico para o efeito, há números publicados? (De forma independente claro)
        O Jorge tem pouca,muita, ou nenhuma literacia em questões de saúde? (Esta é de retórica, não precisa responder) É que os portugueses no geral, não são da área, já chega o que lêem na internet e vão depois ao médico a dizer que têm o mesmo, que querem fazer o exame A ou B e que querem o medicamento A ou B porque viram na NET ou porque um conhecido se dá bem com aquele.
        Fico a aguardar a resposta às perguntas.

        • Jorge Carvalho says:

          o objectivo não é ir a uma urgência, mas sim marcar uma consulta num cardiologista que fará o eu julgamento se serão necessários exames complementares ou não.
          Para o ECG não está publicado , para os outros está.
          Eu não posso falar pelos os outros, mas nunca fiz um diagnostico online.

          Em relação ao estudo :

          https://med.stanford.edu/appleheartstudy/faq.html

          Abc

          • Devsys says:

            Jorge, para o ECG não está publicado porque não é um dispositivo médico, senão tinha de se sujeitar aos mesmos critérios dos dispositivos médicos.
            O link que apresentas nem pode ser levado a sério como “estudo”. É pago pela Apple e nem sequer preenche o mínimo aceitável para estudo, o controlo da população, portanto, não serve para nada.
            Jorge, acredita, trabalhar em ciência, não é nem de perto o que este “estudo” protagoniza.
            Portanto, no geral, tens o óbvio, um relógio com propaganda enganosa para custar muito dinheiro e que não serve como auxílio de nenhuma prática médica. E quanto a itens ao cardiologista, ele nem vai ligar ao que dizes sobre o teu relógio, ele vai fazer perguntas sobre ti, que vão ter valor na sua avaliação, depois caso ele sinta necessidade ou te veja muito impaciente, adivinha, vai passar uns exames para fazeres, entre eles o ECG, mas um a sério com material a sério.

          • Rrrrrr says:

            Devsys, preferes ter algo que potencialmente te indica que deves ver algum medico especializado ou perferes nao saber isso sendo falso positivo ou nao?

        • Alvaro Antunes says:

          O Sr.Devsys nós já sabemos que os portugueses são uns parolos todo têm um problema…

    • Vítor M. says:

      Não sou eu que diz que o dispositivo tem mecanismos e sistemas de recolha de dados dos nossos sinais vitais. É a própria Apple e as entidades que deram a certificação necessária que referem isso. E não vou entrar nessa conversa de novo, tem seis meses que isso foi debatido, há anos que existe a monitorização cardíaca e há anos que as marcas todas lançam produtos no segmento da saúde e bem-estar. Tu não queres ver isso assim, certo, é contigo 😉 Vais na carneirada que te sentes mais à vontade. Não critico nem tenho nada a ver com isso. É contigo.

      Os comentários são sempre publicados desde que sejam honestos, provavelmente, não tens esse comportamento de quando em vez. Questão de honestidade de tua parte e educação claro.

    • Hugo Barbosa says:

      wtf, deves estar mesmo mal com a vida, relaxa. Estão a informar-te, num site gratuito, sobre uma nova funcionalidade que pode vir a estar disponível. Atacar diretamente quem escreveu o artigo só mostra o tipo de pessoa “azeda” que és, provavelmente mais um frustrado que diz mal de tudo que é da apple.

      E para que saibas, a propria apple disse desde o inicio que o ECG do apple watch 4 não substitui um ECG tradicional.

    • Rrrrrr says:

      Melhor um ECG no relogio que um dedo no ar.
      Nestas situacoes penso que é melhor er um falso positivo que que nao ter informacao nenhuma.

    • Ricardo M. says:

      Devsys a tua forma de ver estes sistema é, na minha opinião, errada e de um velhote. Desculpa não estou a insultar, apenas a dizer que estas ultrapassado no tempo, porque estes dispositivos não pretendem substituir os médicos nem os enfermeiros, calma que parece ser esse o teu incômodo. És enfermeiro? Se sim, muito bem, são uma classe que merece todo o respeito, mas estas velho a avaliar. Faz lembrar os médicos antigos que duvidam da qualidade dos dados recolhidos com os estetoscópios electrónicos, dizem que o que ouvem é artificial. Recusam-se a usar o computador porque perdem o contacto com o paciente, pronto, são ideias, velhas mas ideias.

      Venham mais destes dispositivos porque podem ajudar as pessoas. Prova disso são os casos já registados. Aaaa sim vais dizer que foi a Apple que comprou os acontecimentos.

    • Just Saying says:

      Ufa, ainda bem que vim aqui para ler este comentário. Fiquei muito mais descansado e informado por o ler. Os estudos da universidade de Stanford e a aprovação da FDA de nada servem, este comentário sim, descansou-me.

      Espero que não uses ou recomendes o uso de material de medição de diabetes em casa. Manda as pessoas irem para um hospital ou centro de análises fazer os testes, de hora a hora. [facepalm]

      Quanto aos estudos que a Apple fez ou deixou de fazer, trazer o argumento que não contam porque foram pagos pela Apple, parte interessada, mostra muito do conhecimento que tem da industria farmacêutica e de quem faz e conduz os testes para a submissão a aprovação de um novo medicamento. O tempo que perde a escrever comentários inúteis, pode gasta-lo a ler esses mesmos estudos, deste relógio inclusive. Estão todos disponíveis para consulta publica, basta usar o google e saber falar um pouco de inglês. Se não sabe como fazer um ou outro, olhe, estudasse.

      E esteja descansado que nem este relógio nem outra tecnologia que seja lançada para o mercado, nos próximos 20 anos, lhe vão tirar o emprego. E se tirar, olhe, estudasses e evoluísse no tempo!

      • Devsys says:

        Pois não sei não, sabes tu, parabéns.
        Quanto ao estudo, não é um estudo, e tu não fazes sequer ideia para onde olhar para perceberes o que está á tua frente. Como nunca publicaste nenhum artigo, não fazes ideia do que é OBRIGATÓRIO constar lá. Como leste a resposta que dei ao Jorge mas a única coisa que te ficou na memória foi o nome da universidade, está tudo dito. (E além de que mentes, a FDA não aprovou nada para uso médico)

        Falares em diabetes quando são assuntos sem ligação, isso não torna o teu raciocínio mais verdadeiro, só mostra a tua vontade de baralhar, confundir.

        Sobre quem paga o que, sei quem investe em proporção por diferentes áreas da saúde, e para tua informação tenho dados agregados sobre o panorama do investimento no que diz respeito a indústria farmacêutica
        que tu nunca irás por os olhos.

        Felizmente posso perder tempo inútil para te responder, e esta e outras tecnologias não me tiram o emprego, pelo contrário, tenho todo o interesse em que a indústria floresça, tenho ganhos com isso.

        E quanto a estudar, faço desde há muitos anos, o que me permite publicar, não o que tu chamas de estudos, mas uma coisa chamada artigo científico, daqueles com revisão de pares, estás a entender?!
        E como tal, leva um conselho daqui, nunca olhes para nome das universidades nem das agências, olha para o que é apresentado.

    • Toni da Adega says:

      quem é tão especialista deveria saber a diferença entre um dispositivo médico (que precisa de certificação) e dispositivo não medico só para controlar em casa.
      Também posso comprar na “feira” medidores de tensão arterial, pulsometros, medidores de lacto, diabetes e por ai fora este é só mais um.

      Grave era ver médicos a utilizar um relógio para diagnóstico medico isso sim era grave

  2. uPedreiro says:

    Devsys.. detestei a sua merdosa maneira de criticar quem nao conhece. Poderia da mesma maneira, questionar-lhe: será um dos que semeiam aquelas noticias sobre ataques cardíacos, que se tomar”aspirina e beber agua de manha, salva-se do ataque e ainda contem uma assinatura falsa de um cardiologista para dar credo à coisa? Olhe, a aspirina nao salva! Aprendeu alguma coisa?
    Nao gostei do seu sentido juncoso..
    Deixe os profissionais, os jornalistas.. construa.. depois de o ler, senti e ainda sinto uma vontade de lhe oferecer uns adjectivos..
    Agradeco todos os dias aos homens que aqui adicionam noticias e faço parte dos que esperam ter a sorte da app em causa, um dia vir a funcionar na UE.

  3. Je says:

    E… depois a culpa é dos Enfermeiros!

  4. Antonio Ferreira says:

    Sr. Devsys (espero que n seja este o seu nome de baptismo), mas alguém aqui disse que o Apple Watch é um DISPOSITIVO MÉDICO ?

    Eu tenho um Apple Watch 2, e posso informa-lo que ja me deu vários alertas importantes, e sim, que me levaram a consultar um médico . Repare bem no que eu escrevi, deu-me vários alertas que me levaram a consultar um medico.

    Deixe-se de teorias da conspiração parvas e de se armar em gente pessoa e culta, pois, afinal, o respeito que demonstra ter para com as pessoas que aqui trabalham, e para os que usam este site, é ZERO, por isso, aprenda primeiro a ser humilde e respeitar a opinião dos outros, a começar que nem coragem tem para se apresentar com o seu verdadeiro nome. Já sei, é dos tais que se gosta de esconder por trás de um teclado, pois o Big Brother is watching you.

    Mais info aqui, já sei que é publicidade enganosa, mas informe-se antes sobre o que cada coisa é na realidade:

    https://support.apple.com/pt-pt/HT208955

    • Devsys says:

      Se foi um problema no coração, e recorrente pelo que diz, imagino que tenha ido ao hospital. Depois ou mentiu a quem lhe fez a triagem ou se disse que foi o seu relógio que lhe indicou que tinha de ir ao médico, basicamente os profissionais de saúde “ignoraram” essa informação e fizeram normalmente o que tinham de fazer, e tenho a certeza do que lhe digo em relação aos profissionais de saúde.
      Quanto ao link, seria interessante ler o mesmo que divulgou, principalmente os 2 últimos parágrafos. E já agora, não basta afirmar que se fez ou que tem a taxa x, é preciso publicar o artigo em revista científica e ficar sujeito a revisão. E tbm não sei se sabe mas qualquer ensaio clínico têm de ser reprodutível. Ora sem publicação, ou melhor, pegando no link https://med.stanford.edu/appleheartstudy/faq.html fornecido num comentário acima, o ensaio clínico nem sequer preenche os pré requisitos para qualquer publicação.

      • Antonio Ferreira says:

        Sr. Devsys, volto a perguntar-lhe, ONDE ESTA ESCRITO que o Apple Watch É UM DISPOSITIVO MÉDICO ? e porque razão ao ter ido ao medico, tive que MENTIR ? pois afinal, os AVISOS que o RELÓGIO me estava a dar, até tinham RAZÃO de SER, por muito que a SI lhe custe ouvir isto. Alias, o facto de mostrar o registo das medições diárias do relógio, deu ao medico uma melhor ideia do que fazer, mais exames, para despiste mais abrangente. PERCEBEU ???????????? ou precisa que lhe mostre os relatórios médicos ?

        Você deve ter algum síndrome WatchPsicoDispositMed. Será que o medidor de tensão arterial da Omron que tenho em casa é tb uma aldrabice do fascistas, aldrabões e ricos do mundo ocidental ?

        Caro Sr. já reparou que as suas opiniões não caem no “goto” de ninguém ? Aceite os dispositivos tecnologicos de alerta, de ajuda a precaver situações piores.

        Não me vai de certeza tambem por em causa os caes que conseguem detectar situações de crises de epilepsia, ou diabetes, pois não ???????

        Passe bem, e não se esqueça, SE quer ser respeitado, DÊ-SE ao respeito.

        Assunto encerrado para mim
        PS: espero que, nunca precise de um zingarelho tecnológico para o avisar que algo esteja menos bem com a sua saude.

      • Abismado says:

        É deveras complicado entender qual é o seu problema… Há que criticar tudo só porque…. Sim! Respire, ninguém o obriga a comprar um Apple watch 4… Pode sempre escolher outro local para expor as suas opiniões cinzentas e ultrapassadas….

  5. Joao says:

    Aplaudo de pé o esforço do Sr. Devsys. Finalmente alguém que sabe separar as águas e pôr um ponto final no desenvolvimento tecnológico. É realmente necessário termos alguém que diga “Chega, isto da progressão é rídiculo!” .

    Diz saber tanto e acusa os outros de leigos na área. O Sr. é que tem conhecimento do que custa a criação de artigos científicos e o que é requerido para a sua acreditação.

    No entanto, ao nível mais básico de informação pública e de progressão tecnológica e científica escapa-lhe o essencial. Independentemente da empresa que está a desenvolver este tipo de dispositivos, é de aplaudir o esforço e investimento porque o futuro só poderá ser melhor.

    Como em tudo, cabe à inteligência e bom senso de cada indivíduo saber o que fazer e como gerir a informação de que se dispõe em qualquer dado momento.

    E, sinceramente, como é que de um artigo de informação sobre o potencial lançamento/expansão de um produto se consegue criar este nível de ódio é, no mínimo, intrigante.

  6. Nando says:

    Comprem um Samsung gear ou Huawei GT

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.