PplWare Mobile

Apple afirma taxar menos de 1% dos subscritores do Spotify Premium


Fonte: Der Spiegel

Desenvolveu desde cedo o gosto pela escrita e comunicação. Em leis formado, tem como hobbies a aquariofilia e a música. Mas é na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e no Pplware a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.

Destaques PPLWARE

  1. Ze Carlos N says:

    Nao percebi nada. Taxa de que e a quem?

  2. Realista says:

    Qual é o problema de ser menos de 1%?

    • Rui Bacelar says:

      Veja-se o “capítulo anterior” no final do artigo, em que o Spotify acusa a Apple de práticas monopolistas, entrando aí as taxas aplicadas pela App Store.

    • YJK says:

      A Apple faz uma análise ao impacto das taxas às contas da Spotify, mas se bem me lembro aquilo de que a Spotify se queixa é de que graças a essas taxas é obrigada a aumentar o valor cobrado aos utilizadores. Ou seja, apesar da Apple apresentar um facto verdadeiro, não responde à ‘dor’ da Spotify.

  3. André says:

    Certo, mas mesmo sendo um valor baixo (15% de 0.5% dos clientes) não deixa de ser verdade que a Apple ganha dinheiro com as subscrições do Spotify Premium.

  4. Zé Duarte says:

    Tem a sua piada ver o desespero de empresas grandes como a Apple em não querer entrar em falência por terem apostado no mercado errado.

  5. gigbola says:

    Existem alternativas a App Store no IOS?
    Se não existe, deviam começar por ai. Se a Microsoft foi obrigada a disponibilizar outras alternativas aos IE, a Apple também deveria apresentar alternativas a sua loja, Google idem.

  6. Beatriz Gosta says:

    E já posso definir o spotify como o meu player padrão do iOS ou quê?

  7. Orlando Fernandes says:

    Eu uso Spotify no IOS e nunca fui taxado, e se entrarem nem que seja no browser do telemóvel e façam a adesão por lá? eu ativei pelo pc, não me aparece nada ^^

  8. Jorge Gomes says:

    Tudo quer ganhar dinheiro as custas dos mais fracos de cerebro.

  9. Fixo says:

    Bom, então é assim.
    Em serviços de streaming como o Spotify a Apple cobra 30% da subscrição no 1.º ano e de 15% a partir do 2.º

    Como o Spotify, em 2016, deixou de aceitar subscrições através da app, as que estão ativas são das que existiam nessa altura (os tais 0,5%, 680.000) e que não foram canceladas. Também essas podem ser canceladas e feita a subscrição diretamente na Spotify.

    O que parece estar a chatear a Spotify é, para esses 680.000 a sua app para iOS não poder dizer: “Cancele a sua subscrição na app e vá a este link fazer a subscrição direta no Spotify. Você paga o mesmo mas nós não temos que dar à Apple 15% do que você nos paga”.
    Espero ter ajudado 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.