Quantcast
PplWare Mobile

Apple deixa de dar um ano grátis de Apple TV+ para quem compra os seus produtos

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. dgfgfdg says:

    Primeiro fazem concorrência desleal com outros serviços de stream ao disponibilizarem de forma gratuita um serviço que tem custos depois quando já conquistaram um publico mínimo passa a ser pago, isto devia ser proibido, se era gratuita devia ser sempre gratuito se é para ser pago que seja sempre pago.

    • Vítor M. says:

      Concorrência desleal? Porquê? O Netflix no início ofereceu também vouchers que muitos usaram para ter o serviço gratuito. Assim como outros serviços. N Apple não era a todos, tinhas de comprar determinados produtos Apple. Assim como se fores assinantes Vodafone, tens 24 meses de HBO gratuito. 😀

      Claro que no final da promoção, como em qualquer campanha, quem quiser paga. Não é assim em tudo?

      A Tesla nos primeiros modelos ofereceu carregamentos gratuitos para sempre, depois noutros ofereceu apenas um período de tempo limitado (um ano salvo erro), depois disso, quem quer paga.

      Mas há mil exemplos.

      • dgfgfdg says:

        Porquê? Acha mesmo que quando são gratuitos não têm custo? Então acha normal vender um bem ou serviço abaixo do preço de custo? Como há mil exemplos significa que está correto é isso?

        • Manuel da Costa says:

          Se conseguires que alguém use os 12 meses e pague 190 euros pelos 12 meses seguintes, a empresa já fica a ganhar. Se mantiver o cliente por 3 anos, já teve o lucro que teria se o cliente não tivesse usado o tempo gratuito.
          Além de que o gratuito é melódico, pois existe publicidade (a Apple fez 6500 vezes o PIB português a vender publicidade aos utilizadores dos seus produtos) e os patrocinadores.

        • PTO says:

          “Então acha normal vender um bem ou serviço abaixo do preço de custo?”

          Ó génio! Eles não estão a vender abaixo do custo, uma venda implica um pagamento por parte do cliente, o que não acontece neste caso.

          O que eles estão a fazer é a oferecer um período de experimentação grátis do serviço, como bónus por se ter comprado um equipamento da marca deles.

          Realmente a inteligência não abunda nessa cabecinha.

        • Tadeu says:

          Acho que nunca reparaste nos modelos de negócio, que há um pouco por todo o lado, com ofertas de mensalidades, períodos experimentais, etc! Tantos negócios que há, dos mais pequenos aos maiores, que assumem perdas no período inicial para cativar os primeiros clientes… Neste caso em particular até é uma oferta para quem já se estabeleceu como cliente da Apple ao comprar certos aparelhos.
          Sinceramente fazes uma tempestade num copo de água por algo que é comum.

    • FAR says:

      Só continua a pagar quem acha que vale a pena (ou quem não tem que fazer ao $). Existem bastantes opções de streaming de boa qualidade disponíveis.

      É perfeitamente justificável que exista um periodo de angariação / divulgação de um novo produto ou serviço que depois desse periodo de experimentação passa a ser pago. Não há almoços grátis amigo.

    • blabla says:

      Só era grátis para quem adquiria um dispositivo novo

    • Jorge Dinis says:

      Por isso existe Marketing/promoções/ofertas etc….
      As pessoas só tem que aproveita seja qual for a promoção, Uber eats, de vez em quando oferece entregas gratuitas, as pessoas aproveitam, o Continente faz promoções nos produtos, vai-me dizer que nunca venderam produtos abaixo do custo para escoar stock?
      Provavelmente até gosta do serviço, mas como agora é a pagar está contra, mas eles sempre disseram que seria a pagar, qual foi a parte que você não percebeu relativamente a esta oferta da Apple?
      Eu tenho desde o início, já faz mais de um ano sem pagar nada, ou seja, aproveitei a oferta cerca de 80€, agora irei decidir se quero continuar ou não, qual é a dificuldade.

    • PTO says:

      Concorrência desleal? LOL
      Desde quando promover um serviço de forma grátis é concorrência desleal?
      És um cromo e ainda por cima ignorante.

  2. Marco Duarte says:

    Tive acesso a um ano utilizei durante 20 minutos HAHAHA

    • Vítor M. says:

      Ó devias ter aproveitado, tinha excelente conteúdo. Claro, não estou a comparar com a Netflix, não, estou a dizer que tem séries TOP.

      • Marco Duarte says:

        Não tinha assim serie nenhuma que me puxasse a atenção, mas que tem os conteúdos com excelente imagem e som isso tinha mas lá está o conteúdo era fraco ,obtive quando a Maria comprou o iphone 11 pro max

        @XneloX na altura que utilizei estava tudo misturado tambem, hoje nao sei como está, “desgraçado” da pessoa que tivesse o cartão de credito ou paypal associado LOL

        • Tadeu says:

          tem algumas das melhores séries de comédia neste momento, e provavelmente uma das melhores séries de ficção científica.Quando for lançada a série Foundation, será possivelmente mais outra. Mas sim, é verdade que neste momento não tem número de séries suficiente (ainda)

    • XneloX says:

      +1, ainda tenho uns meses para usufruir, mas em tudo que selecionava pedia dinheiro, está aqui sem ser utilizado

      • Gonçalo says:

        Uma coisa é a app TV, outra é o serviço Apple TV+.
        A app TV serve como aglomerado de serviços (sendo que cá em Portugal os grandes serviços não estão integrados), e por isso engloba a loja iTunes Movies e é daí que te pedem dinheiro, porque estás a tentar comprar/alugar um filme.

        O serviço Apple TV+ é uma subscrição mensal de 4.99€ (no teu caso incluída gratuitamente pelo que percebi), e tem séries/filmes Originais da Apple, incluídos na subscrição.

  3. leoni says:

    comprei um macbook air m1 e não ganhei nada

  4. LG says:

    A Apple só “ofereceu” para após poucos meses mostrar como a aderência foi “enorme”… Mesma tática como na Apple Music: monopólio de preço para expulsar as ofertas Spotify nas operadoras e mandar foguetes como a aderência foi “maior que a concorrência”… Agora estão de bicos calados…

    E sejamos sinceros: que serve 1 ano de Apple TV+ de em duas semanas da para ver todo o conteúdo lá metido?

    • Vítor M. says:

      A adesão a um produto novo, com grandes concorrentes, tem de ser testada de alguma forma. E a pandemia tramou-os, porque é um facto que numa semana se vê todo o conteúdo, mas pelo ritmo que estavam no início de 2020, o caso poderia ter sido diferente.

      Vamos ver agora se a pagar, mas com as segundas temporadas das séries e séries novas, eles conseguem manter aquilo. O Apple Music também é a pagar e tem milhões de utilizadores. E não tem o método free nem martelado como tem o Spotify.

  5. SANDOKAN 1513 says:

    Quem quiser que aproveite nestes últimos 15 dias deste mês.É que depois chapéu,a mama acabou-se.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.