Quantcast
PplWare Mobile

Tags: teletrabalho

Teletrabalho no interior com apoio mensal de 219 euros por pessoa

Se o teletrabalho era algo desconhecido de muitos, com a COVID-19 tudo mudou. Graças ao teletrabalho foi possível não parar por completo as empresas e os serviços. O Governo português quer dar continuidade a esta “forma de trabalhar” e quer 25% dos funcionários públicos em Teletrabalho,

Quem fizer teletrabalho a partir do interior poderá ainda contar com um apoio mensal de 219 euros por pessoa.


Estudo diz que os funcionários em teletrabalho dão menos atenção à cibersegurança

Ao estarmos a trabalhar a partir do conforto das nossas casas, podemos ignorar alguns cuidados que teríamos no local de trabalho físico. De acordo com um recente estudo da empresa Tessian, a maioria dos trabalhadores que se encontra em teletrabalho dá menos atenção às questões de cibersegurança.

De entre todos os motivos para esta conclusão está o facto de os funcionários utilizarem os seus próprios equipamentos tecnológicos.


Teletrabalho não “obrigatório” a partir de segunda-feira! Mas não é para todos…

É verdade que o teletrabalho não é propriamente uma coisa nova. No entanto, com a pandemia provocada pela COVID-19, o teletrabalho apareceu como uma alternativa ao “trabalho presencial”.  Se até agora os trabalhadores estavam obrigados a este regime de trabalho a partir de segunda-feira tudo muda.

Mas há coisas importantes que deve saber!


Vai continuar em teletrabalho? Crie uma área confortável e organizada para trabalhar

A forma de trabalhar, em dois meses, mudou profundamente e muitas pessoas viram-se obrigadas a fazê-lo a partir de casa. O teletrabalho trouxe para muitas empresas uma maior produtividade, no entanto, são muito poucos os trabalhadores que têm criadas as condições ideais de conforto e mesmo de tecnologia.

Assim, selecionámos alguns produtos que podem fazer a diferença, caso se mantenha a trabalhar a partir de casa nos próximos meses.

Vai continuar em teletrabalho? Crie uma área confortável e organizada para trabalhar


Teletrabalho: Google dá subsídio de $1000 aos funcionários para ficarem em casa

O novo Coronavírus trouxe consigo a pandemia e uma nova forma de trabalhar a partir de casa. As grandes empresas como a Google ou o Facebook mandaram os seus trabalhadores para casa de forma a que ficassem a trabalhar em segurança. Mas esta foi uma estratégia adotada um pouco por todo o mundo e que se está a revelar eficaz em termos de produtividade, de forma generalizada.

Sem colocar de parte o regresso aos escritórios, a Google, até ao final do ano, pelo menos, quer manter grande parte das suas equipas em casa. Para tal, está a ajudá-los com um subsídio de 1000 dólares. Considera que mais empresas deviam seguir este caminho?