Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Pirataria

Bielorrússia legaliza a pirataria de filmes, música e software

Embora seja um crime punível, em Portugal e noutros países do mundo, a pirataria existe e tem impacto, por exemplo, na economia. Agora, o Presidente da Bielorrússia assinou pela sua legalização.

A decisão não afetará todos os países.

Pirataria de conteúdos


Pirataria na Internet? Comissão Europeia já tem lista de sites e apps que quer monitorizar

Tal como acontece em muitos mercados, também a Comissão Europeia está preocupada com o crescimento da pirataria na Internet. Estes serviços e aplicações crescem todos os anos e causam perdas de muitos milhões de euros para as empresas.

Para manter este cenário controlado e criar uma consciencialização dos cidadãos, todos os anos é criada uma lista dos sites e serviços que quer controlar. A lista de 2022 foi conhecida e tem presente muitos dos mais conhecidos que podem ser encontrados na Internet.

Pirataria Internet Comissão Europeia sites apps


A ironia da situação! Criador de software para pirataria queixa-se que código foi roubado

Há histórias que parecem inventadas, tal é a complicação das suas bases e como se desenrolam. Hoje estamos perante mais um desses casos, dada a ironia da situação e a forma como foi tratada. Parece que é inventada, mas infelizmente é bem real.

Tudo se passa na Internet, mas tem contornos bem reais. O criador de um conhecido software dedicado a pirataria acaba de fazer uma queixa. A razão não podia ser mais irónica. Afirma que o software que criou foi roubado e usado para criar uma nova app.

pirataria software código roubado DMCA


“O Homem mais odiado da Internet” é o documentário da Netflix que precisa ver

A Netflix tem ao dispor dos clientes uma vasta variedade de conteúdos, desde filmes, séries, documentários, entre outros. Existem conteúdos para todos os gostos e também para várias idades, e muitos deles acabam por ser baseados parcial ou totalmente em factos reais.

No mês de julho anunciámos as estreias de séries e filmes nesse mês na plataforma e, entre os títulos, um que se destacou foi “O Homem mais odiado da Internet”. E este é um documentário que precisa de ver.


Europa: Jovens estão a comprar mais produtos falsificados, mas recorrem menos a pirataria

A pirataria e contrafação continuam a ser negócios que movem muito dinheiro e prejudicam gravemente algumas indústrias. Num estudo recente, divulgado pelo Instituto da Propriedade Intelectual da União Europeia (EUIPO), é feita uma análise ao perfil dos jovens europeus relativa aos seus comportamentos face à violação da propriedade intelectual num contexto pós-pandémico.

Os jovens europeus compram mais produtos falsificados e continuam a aceder a conteúdos pirateados.

Europa: jovens continuam a comprar produtos falsificados e a aceder a pirataria