Quantcast
PplWare Mobile

Tags: nso group

Pegasus: o que é, como infeta os dispositivos, o que faz e como é possível detetá-lo?

O infame software de espionagem israelita voltou a atacar e desta vez comprometeu o smartphone do Primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez e também da ministra da Defesa, Margarita Robles. A aplicação é extremamente eficaz, e é frequentemente vendida para utilização pelos governos, segundo afirmam os seus criadores. Mas afinal, o que é, como infeta os dispositivos, o que faz e como é possível detetá-lo?

Pegasus é um tipo de programa muito sofisticado dedicado à espionagem que tem sido utilizado para espiar figuras políticas e sociais de alto nível.


Exploit Pegasus zero-click iMessage é “um dos exploits mais sofisticados de todos os tempos”

A Apple orgulha-se de dizer que tem o sistema mobile mais seguro do mercado. O iOS e iPadOS gozam dessa qualidade e os ataques que sofrem são de altíssimo recorte técnico. Aliás, quem o diz é a equipa de investigadores do Projeto Zero do Google. Segundo eles, o exploit Pegasus zero-click iMessage é “um dos exploits mais sofisticados de todos os tempos”.

Para atacar a segurança do iPhone, a empresa israelita NSO Group criou o spyware avançado “Pegasus”. Com ele, os seus clientes conseguiram espiar jornalistas de todo o mundo.

Ilustração exploit Pegasus para iPhone como spyware iMessage


Apple processa a empresa de hackers NSO Group pelo uso de spyware contra o iPhone

A Apple perdeu a paciência com a empresa israelita NSO Group. Este grupo tem desenvolvido ferramentas de spyware que desafiam a segurança dos equipamentos Apple. Atualmente parece mais uma relação entre o gato e o rato. A empresa de Cupertino tenta fechar a todo o custo o seu sistema ao malware e o grupo de hackers tenta encontrar fendas na segurança para explorar e espiar alvos políticos e jornalísticos.

Além de mudar a forma de combate a este grupo, a Apple lançou também uma nova luz sobre os métodos de vigilância do grupo NSO.

ilustração da empresa NSO Group que criou spyware através de software proprietário Pegasus para iPhone da Apple


Jornalistas de todo o mundo espiados por spyware nos telemóveis

O mundo digital está rodeado de ameaças, como, por exemplo, spyware. De acordo com informações recentes, um consórcio de 17 órgãos de comunicação internacionais denunciou que jornalistas, ativistas e dissidentes políticos em todo o mundo terão sido espiados.

Para espiar foi usado um spyware desenvolvido pela empresa israelita NSO Group.

Jornalistas de todo o mundo espiados via spyware nos telemóveis


Facebook terá tentado comprar app dedicada a espiar os utilizadores do iPhone

A posição do Facebook contra todas as tentativas de ataque às suas apps e serviços tem vindo a mudar. Para além de resolverem as falhas, atacam diretamente em tribunal quem as criou ou explorou ativamente.

Pois esse processo parece agora estar a trazer problemas ao próprio Facebook. Informações reveladas num processo em tribunal mostram que o Facebook terá tentado comprar app dedicada a espiar os utilizadores do iPhone.

Facebook iPhone NSO Group Onavo informação