Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Mobile World Congress

Samsung e Lenovo confirmam que também não terão presença física no Mobile World Congress

Será no final do mês de junho que Barcelona vai receber um dos maiores eventos de tecnologia do mundo. Depois de anos consecutivos, a pandemia obrigou ao cancelamento da edição de 2020 do Mobile World Congress, mas o maior conhecimento da doença, a vacinação e as regras mais apertadas levaram a que a organização decidisse avançar com o evento este ano. No entanto, são cada vez mais as empresas que se estão a afastar e não terão presença física.

A Samsung e a Lenovo são as mais recentes baixas.

Samsung e Lenovo confirmam que também não terão presença física no Mobile World Congress


Nokia, Sony e Ericsson retiram-se do Mobile World Congress 2021

O Mobile World Congress 2021 é um dos mais relevantes eventos de tecnologia mundiais que viu a sua edição de 2020 ser cancelada devido à pandemia provocada pela COVID-19. Este ano, apesar de tudo, há data marcada e regras mais restritas.

A organização estima que esta edição conte com a participação de 50 mil pessoas de 28 de junho a 1 de julho. A evolução da pandemia poderá, no entanto, ditar uma vez mais o seu cancelamento, mas há empresas que já se estão a afastar.

Nokia, Sony, Ericsson e Oracle retiram-se do Mobile World Congress 2021


Mobile World Congress mantém evento para 50.000 pessoas, mesmo em pandemia

Há um ano o mundo tentava perceber o que estava a acontecer, pois uma devastadora pandemia dava os seus primeiros sinais. Uma das primeiras decisões foi o adiamento de eventos nos quais se esperava uma grande quantidade de participantes.

O Mobile World Congress 2020, em Barcelona, foi um dos eventos que acabou mesmo por ser cancelado. No entanto, a edição de 2021 vai manter-se mesmo ainda em plena pandemia, e a organização espera receber cerca de 50 mil participantes.


Atualização: Coronavírus faz parar a Mobile World Congress 2020

[Notícia atualizada às 2020-02-12 19:30]

Uma nova declaração da GSMA veio confirmar que afinal o MWC foi cancelado e não vai acontecer em Barcelona este ano.


Tendo em conta o número de empresas que já desistiram, a maior feira de tecnologia direcionada para o segmento móvel estava em risco de não abrir portas. No entanto, a organização da feira veio informar que o evento vai mesmo realizar-se.

A decisão foi tomada durante uma reunião extraordinária da GSMA (entidade responsável pela organização).


Huawei lançará telefone dobrável 5G em fevereiro

Já lhe referimos que 2019 poderá mudar definitivamente o conceito de telemóvel? Depois de várias marcas terem já dado provas que estão a apostar nos smartphones dobráveis, a chinesa Huawei não tardou a reagir.

Fevereiro será o mês escolhido pela Huawei para lançar o seu telefone de dobrar e meter ao bolso.