Quantcast
PplWare Mobile

Experimente: Janela única no GIMP!

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Ricardo Ferreira


  1. a Friend® says:

    Finalmente!

    Agora para ser quase perfeito seria mesmo arrumarem melhor as ferramentas para poupar espaço no ecrã… 😉

  2. Miguel Jeri says:

    Até agora só usei o GIMP para experimentar mas desde setembro que consulto o pplware diariamente à espera que saia a versão 2.8 final. Nessa altura provavelmente deixo o Photoshop e começo a usar o GIMP em tudo 😉

  3. kekes says:

    Finalemente, agora pode ser que lhe deem mais credito.

    A falar nisso achei piada a esta imagem, e a mesma personagem faz aparencia neste post 😀

    http://img706.imageshack.us/img706/275/1260282682707.jpg

  4. ZiLOG says:

    Já usei o GIMP para experimentar mas fiquei bastante desiludido. A aplicação de alguns filtros no GIMP leva 10x mais tempo do que no Photoshop. No Photoshop é praticamente instantâneo e no GIMP pode demorar entre 2 a 10 segundos.
    É claro que vão dizer…”o que são 2 segundos?!?” Mas se trabalharem num e noutro vão ver o que eu quero dizer, mesmo que não seja profissionalmente.

    • Bruno says:

      Realmente o Photoshop é melhor. Infelizmente para trabalhar profissionalmente, em uma empresa pequena, ele é extremamente caro, e o Gimp é uma solução muito bem vista.
      Quanto a ambiente desktops de casa, quem paga pelo photoshop ?? Ai fica do gosto de cada um. Gosto do Gimp e já me acostumei a ele. Mesmo porque photoshop no Linux é ‘lenda’ 🙁

  5. Vitor Folgado says:

    Também troquei o Photoshop pelo Gimp há uns meses, e estou à espera da versão 2.8. Troquei porque o Gimp é freeware. Agora só falta mudar o SO, mas isso ainda vai demorar…

  6. Pedro says:

    Sei que é fora de tópico, mas gostava de informar que acaba de ser lançada a versão beta do Google Chrome (o browser da Google) para Linux. Quem tiver esse S.O (como é o meu caso lol) basta irem a http://www.google.com/chrome e efectuarem o download para a vossa distro. De notar também que esta nova versão já trás os tão esperados add-ons e posso dizer que consegui colocar todos os que também tinha no FF. Neste momento este é o meu browser preferido no meu S.O preferido = Ubuntu.

  7. Nuno Amaral says:

    Numa janela só é melhor. Até que enfim.

  8. diogoj95 says:

    Finalmenteeeeeeeeeeee!!!!!!!!!!

  9. irlm says:

    depois de instalar no mint 8, o gimp não abre, porque?

  10. cf says:

    Ao principio não gostava de ter varias janelas, mas agora dá-me bastante jeito e gosto, de qualquer modo não deixa de ser o gimp! 😉

  11. UKN says:

    Experimentem usar as janelas multiplas com 2 monitores e … é outra coisa 🙂

    Pessoalmente embora use o photoshop aqui e ali acho que o GIMP para o utilizador médio chega e sobra …

  12. BigLord says:

    Quero tanto que isto saia para Windows o mais depressa possível 🙁

  13. lekegf says:

    Bem… Depois de configurado para janela única, toda vez que a gente abre ele as janelas vem separadas de novo (bug), e grande parte dessa nova versão do GIMP ainda está em inglês.

    Mas ficou bemmmmmmm melhor de trabalhar com o Gimp agora, chega daquele monte de janela abertas na barra. Agora fica tudo numa janela. xD E o novo íconezinho do Gimp é Style. Quanto antes essa versão ficar pronta melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.