Quantcast
PplWare Mobile

Papa Francisco: jovens estão prisioneiros dos telemóveis

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. SANDOKAN 1513 says:

    Concordo plenamente.E não só os jovens.Desde crianças de tenra idade até gente bem adulta.A humanidade,tão própria da nossa civilização,aos poucos vai morrendo com a abstração para estes dispositivos.Hoje em dia não há meio termo com o uso frenético dos telemóveis.Onde se passa vê-se toda a gente a olhar para um ecrã como se a própria vida dependesse disso.Ninguém se desliga,e pior,ninguém se quer desligar.Enfim…

    • Zé Montanelas says:

      O que noto nos dias de hoje é que existe uma hyperdiversificação a nivel cultural e em termos de interesses, o que faz com que a probabilidade de encontrares outras pessoas que estejam por de dentro destes e com o mesmo nivel de elaboração seja bastante mais baixo.

      Eu vejo este problema como uma dificuldade em termos de exposição de identidade, autoexpressão e navegação na esfera social pelo facto de não existirem ferramentas adequadas para tal, ou seja plataformas ou redes sociais que não sejam extremamente mediocres e pobres em funcionalidade.

  2. Carlos says:

    Felicito o autor do artigo.

  3. sayWhat says:

    “jovens estão prisioneiros dos telemóveis”
    Os telemóveis é que são prisioneiros dos jovens e até dos adultos.

    Mania de culpar a tecnologia.
    Até ver, a tecnologia não tem vontade própria.
    As pessoas é que são culpadas.

  4. diogo says:

    Antes isso que estar preso numa sacristia com um padre sozinho…

    Os padres cada vez tem menos moral para falar dos jovens.

  5. RatazanaDoPunjab says:

    Um Papa comuna, onde isto chegou.
    Um indivíduo destes, que perante a notícia da morte de fiéis numa Igreja francesa às mãos de um adorador da religião da paz, limita se a dizer, ah e tal ofenderam o Deus deles…. Ou seja, está do lado dos assassinos.
    Não fazem a este o que fizeram a outros que se portaram mal porquê?
    Mistério…

    • AP says:

      Já percebi: só os Outros é que têm que respeitar a Nossa verdade absoluta. Nós estamos tão correctos que não temos que respeitar a de mais ninguém.

      É tão extremista coko os malucos que atacaram o Charlie Hebdo.

  6. Tiago says:

    Quando as pessoas estavam refens da igreja não o ouvi dizer nada….vao a Polonia onde nem pilulas do dia seguinte se compram nas farmacias porque a igreja não deixa!

    • Linux says:

      Pois não, não eras nascido ainda, quando à Polônia, as crenças são outras tal como os idealismos, talvez se estudares um pouco consigas perceber como funcionam as coisas.

      • Apple says:

        Os idealismos sao outros quais? Toda a populacao e a favor do aborto e da pilula…a igreja apenas impoe que seja proibido. Se tivesses vivido na Polonia como eu saberias, assim mais valia estares calado!

    • AP says:

      Então na polónia estão viciados no sexo sem cuidado nenhum, é isso? 🙂

  7. Miguel says:

    100 % verdade, principalmente depois dos tempos de pandemia e quarentenas.. agora para combinar alguma coisa é preciso cair um burro do céu, mas falam todos os dias no whatsapp e instagram etc…

  8. Antonio cão says:

    Não existem redes sociais, mas sim REDES-NÃO-SOCIAIS.

  9. f242 says:

    Quando se toca na ferida… a tendência é para mudar de assunto.
    No caso, o Papa apenas chamou a atenção para uma realidade que todos conhecem. E se tiverem bom senso e usarem de consciência não “assobiam para o lado” e mudam de assunto. Doeu?! Foi?

  10. jorgeg says:

    Falso papa e home,… este tipo e um comunista da pior especie!

  11. wtvlol says:

    Os jovens estão viciadíssimos nos telemóveis. Não sabem socializar sem o aparelho.
    Não é só o futuro intelectual que está em risco. Os ecrãs seja de telemóveis ou PCs cansam demasiado a vista mesmo que se façam algumas pausas.

  12. oh says:

    Se prestasse mais atenção às m3rdas que se passam na igreja tinha mais juízo..
    Pior que os jovens estarem agarrados aos telemóveis, é gente agarrada à religião. É desses que deviamos ter medo.

  13. informado says:

    Ainda bem que o MEU PAPA É O BENTO XVI … ESTE AQUI SÓ DIZ DISPARATES. SÓ JOVENS? E FICAR NO SOFÁ É COISA DE VELHOS? GOSTO MUITO DO NEU SOFÁ QUENTINHO E PORREIRO . ESTÁ CALADO MAS É ! O BENTO XVI É O MEU PAPA . ESSE SIM É QUE É UM PAPA COMO DEVE SER

  14. f242 says:

    “Jovens estão nas redes sociais, mas não são muito sociáveis”
    Se havia alguma razão para dúvidas… atendendo a alguns comentários… ficou claríssimo.
    O discurso do ódio e da ignorância persiste. Lamentável!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.