Quantcast
PplWare Mobile

Fabricantes Android não abrandam telefones com baterias antigas

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Simões


  1. lulu@rroz says:

    Claro que foi um esquema da apple para tentar que o cliente tivesse a necessidade de mudar para um equipamento novo.

    Porque se a Bateria tem um problema eles só tem que meter um aviso do mesmo, e tinham que dar a oportunidade ao utilizador activar/desacivar a poupança de bateria como em muitos smartphones que tem essa opção de activa o modo “ECO”.

    Agora que foram descobertos inventam mil e uma desculpas, mas o facto é que nunca avisaram o utilizador na interface do equipamento da perda de performance.

    Espero que os clientes que meteram em tribunal a apple ganhem, o que eles fizeram é vergonhoso!

    • Marco António says:

      “Porque se a Bateria tem um problema eles só tem que meter um aviso do mesmo, e tinham que dar a oportunidade ao utilizador activar/desacivar a poupança de bateria como em muitos smartphones que tem essa opção de activa o modo “ECO”.”

      E que telemóveis Android dão esse aviso?

      NENHUM!

      O normal dos Android é simplesmente desligarem e ligarem outra vez (como se não tivesse acontecido nada), e depois as pessoas vêm o ecrã do PIN quando tiram do bolso…

      Claro que ninguém fala disso, e os fabricantes agora dizem de barriga cheia que não abrandam… pois não, é pior, se tiveres uma chamada urgente, não se recebe!

  2. Joao ptt says:

    É um erro os fabricantes permitirem cada vez menos a fácil substituição da bateria, que depois leva a este tipo de problemas desnecessários… já para não falar na poluição extra desnecessária.
    A bateria está a chegar ao seu final de vida útil? Troque-a por uma da marca ou compatível. Deveria ser só remover a tampa e já está, como antigamente.
    Pelo menos a Apple não perderia assim tanto em manter os clientes felizes já que eles também compram na loja virtual.

    • Sujeito says:

      De acordo. Impressionante como todos são anti marcas e pró marcas e não percebem que estão todos é a passar-nos a perna. Já não há nenhum modelo decente com baterias facilmente substituíveis.

      • Belmiro says:

        A questão aqui é manter uma estrutura sólida, metal ou vidro, estanque e ao mesmo tempo fina. Para retirar a bateria (1 vez na vida útil do telemóvel) seria muito desperdício de vantagens.

        Agora o cúmulo: muita gente está disposta a dar 500-1300€ por um terminal mas depois ficam escandalizados por dar 79€ após 2-3 anos por uma bateria nova que daria mais uns 2-3 anos de uso. Em vez disso preferem dar mais 500-1300€ por um modelo novo.

        Por isso não digam que o problema é da bateria …

        • Qwerty says:

          79€ uma baterial?
          quero saber que marca é essa… de certeza que é chinesa, samsung não é de certeza, queriam-me 200€ para uma nova bateria para um Samsung galaxy A3… lembro que o preço novo é pouco mais de 300…

          • Sujeito says:

            Apple, costuma ser entre 80 a 100, dependendo do sítio.
            No meio de tanto maldizer da Apple, a malta não se apercebe que as práticas dos concorrentes costumam ser, por norma, piores.

          • Diogo says:

            Fui questionar para o meu s8+, pediram-me 119eu, nada de anormal.. No entanto ela está boa, mas daqui a dois anos quando for trocar deve rondar os 90eu o que é bastante razoável.

        • Sujeito says:

          Belmiro, de acordo.

      • Joel Reis says:

        Quando é uma marca que somos pró, apontamos o dedo a todas as marcas e esquecemos que neste momento o que está em questão é “a do nosso coração”, que acabamos por desculpar “porque as outras também…”.

    • Nope.avi says:

      pois, pena e que a grande maioria nao se aprecebe disso e prefere que o tel tenha um feel “premium”

  3. iDespairing says:

    Pois o lag constante após 1 ano de uso num Galaxy S3 que tive deve ter sido obra do espirito santo.

    • Tiago Pereira says:

      O lag dos galaxy s3 nada tinha a ver com a bateria. Era o problema do chip de memória que não fazia TRIM. Root e uma aplicação para fazer TRIM manual e nem parecia o mesmo. Esse defeito é mais que conhecido no S3. Aconteceu o mesmo nos Galaxy Nexus

    • Renato Nismo says:

      já ouvi falar desses problemas de dispositivos de 2011 e tal como os antigos galaxy e nexus,
      o problema é o chip de armazenamento eMMC da tecnologia arcaica que depois de muitos writes e deletes torna pior a leitura. experimenta essa aplicação para ver se resolve.
      https://play.google.com/store/apps/details?id=com.fifthelement.trimmer

    • k says:

      Os S3 tinham vários problemas de performance, mas não eram da bateria. Primeiro, a versão internacional mais comum gt-i9300 só tinha 1Gb de ram. O touchwiz da samsung era estupidamente pesado para 1Gb e o telefone arrastava-se todo. Com uma custom rom ficava muito melhor. Até a samsung se recusou a lançar a próxima versão do android na altura para este telefone e o motivo foi exactamente por ele não ter ram para aguentar a tralha toda do touchwiz.

      Depois o chip deles não fazia TRIM. E pior, a versão de 16Gb sofria de um bug no firmware que fazia com que ele morresse quando uma parte da memória afectada era usada, conhecido por sudden death syndrom (sds). O meu morreu 1 semana depois de o comprar. Mais tarde a samsung lançou uma correcção que contornava o problema evitando o uso desta parte da memória mas sempre que o telefone tinha que contornar engasgava-se um bocado tornando-o ainda mais lento. Mas pelo menos não morria.

      Ainda tenho o meu ali guardado com o lineage OS para quando preciso de um telefone alternativo (se o meu avariar ou assim) e até gosto muito dele (a camara até é muito boa e o feel do telemovel na mão é mesmo fixe) mas que foi uma festa de problemas durante a vida dele, foi.

    • Hugo Santos says:

      E do meu LG G3.

  4. #Fernando says:

    Mas tambem não melhoram alguns “topos” de gama. Por exemplo alaxy S7 com a “touchwiz” mais horrível que alguma vez foi inventada. No S8 a interface é mais fluida e rápida….mais de um ano depois e o S7 ainda está aquem do seu potencial.

  5. pedro says:

    Não precisam… O sistema faz isso por si…

    • M4nuk4s says:

      Exacto ja para nao falar que a marca so da suporte a nivel de updates durante 1 ano ;D
      Comparem um iphone 5 com um galaxy ;D

      • Renato Nismo says:

        iphone 5 com um galaxy
        está comparado

        iphone 5 com último ios que reduz o desempenho de cpu e deixa lento em tudo, impossível de reverter para ios antigo, talvez só com jailbreak.

        galaxy com possibilidade de mudar para custom rom, livrando do pesadíssimo touchwiz, já está, tornou-se mais rápido que i5.

        de que adianta updates de 5 anos se a apple programa a obsolescência ?

        • Sujeito says:

          A obsolescência é muito mais programada e comprovada nesses fabricantes que decidem deixar de dar suporte ao fim de ano e meio. Como é que podes com cara séria desculpar esses gajos enquanto acusas a Apple.

          Meu Deus, que brainwashing mesmo.

  6. Renato Nismo says:

    isso eu já sei,
    já mexi em muitos muitos androids que tive, dos meus amigos e das outras pessoas, máquinas de 2010 e posterior e confirmo.. desempenho sempre igual

    esteve 1 pessoa a questionar acerca dos androids de 2 anos na outra notícia, deixo a resposta aqui:
    android out of the box, actualização até ao último android oficial existente, flash de vários custom roms
    Redmi Note 2 de mais de 2 anos, LG L90 cá da casa mais de 3 anos, Hongmi 1S de 3 anos, LG L5 com pior cpu e ram de 2012, Huawei Y300 com B209 e cyanogenmod
    https://www.youtube.com/watch?v=9OE3jg47cPE&t=2s

    todos com anos de uso, nota-se uma perda da capacidade de bateria, e depois o desempenho ? igual, igual, IGUAL.
    o bónus é o modo ECO que ajuda alguma coisa quando NÓS queremos reduzir a performance.

    eu tenho dito que nos últimos anos para cá o android tem vindo a melhorar em todos os aspectos, já há androids metade do preço ou mi note 3 (menos de 300€ e foto melhor que i8), mais rápidos que iphone 8 e x, cada vez mais estável, não reduzem desempenho como a apple faz e só lhe faltava updates constantes e fiáveis (estou-te a ver Project Treble)

    I would be fully proud android user if it comes with project treble, it’s the last thing needed to be perfect SO 😉

  7. John Costa says:

    Claro que não abrandam! Para isso era preciso que houvesse updates…

    • Rodrigo says:

      Olha o copias do reddit

    • Qwerty says:

      mesmo hahahaa. o android nem updates tem, tenho um telefone com android o ultimo security patch que tem é de julho 2016 hahahaha

      só os nexus é que andam em dia por pertencerem à google, o resto é historia – e não tou a dizer que só os nexus é que são bons, pelo contrario…

      • Engraçado que recebi esta semana o update de segurança no Xiaomi Mi A1, há3 semanas no Huawei P10 e sei de muita gente que recebeu atualizações recentes em telefones de muitas outras marcas.

        Mas tens razão numa coisa, o Nexus 6P também recebeu a atualização de que falas.

        • Qwerty says:

          Pedro Simões
          depende da marca… marcas chinesas, como o meu – Vernee – não fazem atualizações no sistema operativo… mas também o meu posso dizer mesmo que é um smartphone “descartável” …

          acredito que marcas mais conhecidas, nomeadamente a Xiaomi, fazem a devida atualização em tempo digno… no meu prometeram upgrade do android 6 para 7 e nada ainda… mas para o preço, 150€ com camera 16mp, Helius X20, 4GB ram e uma Mali t880, também não posso pedir nada…

          mas sim, huawei, samsung, xiaomi, LG, etc costumam oferecer o suporte devido em tempo razoavel.

          a minha, nem por isso… mas também não foi por isso que fiquei infetado, muita gente pinta as coisas de uma forma, parece que algo que perde o suporte vira um iman para virus e exploits, fazem um terror à volta disso…

          Eu uso um telefone com Android desatualizado à mais de 1 ano… eu uso o Software Zune para windows (quem ainda se lembra dele?)… descontinuado a muitos anos… eu nem atualizo o windows sequer, não uso antivirus também, nem firewall, em ambos computador e telefone, apenas faço uma varredura com a ferramenta gratuita antimalware da Kaspersky e posso dizer que nunca fiquei infetado ao longo dos ultimos 2 anos…

          muita gente faz um drama do caraças, parece que o mundo acaba se não receberem atualizações de segurança… para mim tanto me faz (d’zrt).

          • Renato Nismo says:

            verdade, há alguns sem updates ou sem patches e funcionam muito melhor que iphones actualizados hoje, enfim.

            o project treble está aí à porta e pode interessar-se muito, vai facilitar updates oficiais e custom roms de telemóveis lançados no futuro.

  8. Cláudio Geraldo says:

    A Apple tem os dias contados, e estas situações infelizes só aceleram o processo. Qualquer telefone com o tempo seja Iphone ou nao fica lento porque a tecnologia vai evoluido, o que acontece na Apple é que os telefones antigos por mais que a pessoa pense que aquilo dura uma vida nao dura, assim que sai um Iphone novo o anterior perde logo em atualizaçoes e maioria das aplicações nao funcionam. Eu tive um e falo por experiencia, no sistema android recebem atualizações ate o aparelho suportar apartir dai vai durando nao fica logo obsoleto como os da Apple…….Não troco Android por nada.

    • Sujeito says:

      Podes ter prefrências mas não podes vir para aqui mentir.

    • mateus says:

      Claro, a google agradece as informações que lhes envias em troca de “chocolates” que ainda pagas para usar.
      Sao grandes contributos para a desinteligencia artificial da google… Lol

    • polo says:

      Estas a confundir só pode, é exactamente o oposto!

    • M4nuk4s says:

      “no sistema android recebem atualizações ate o aparelho suportar”
      Suporte de 2 anos em alguns casos porque nem sempre se verifica essa situaçao .
      Muitos dos telemoveis android podem ser considerados “Telemoveis descartaveis” porque é tudo muito bonito até acabarem os updates por parte da marca , o que nos leva a outra soluçao. usar costum roms porque é a unica forma de manter um android actualizado”

      • Qwerty says:

        posso dizer que tive um huawei Ascend g300 U8815, baseband 2030. durou 2 anos com Android 2.3, depois atualizei via OTA para o 4.0 durando até aos 5 anos. só apartir dos 5 anos tive de meter uma Custom ROM, e na altura meti uma chamada Tesla Mod, no site da Modaco, que era uma versão modificada para ser rapida. esse G300 tenho-o guardado, ainda funciona, recebe chamadas e faz, envia e recebe sms, funcionam certas apps. tem problemas de processador, então não roda tudo o que eu quero – mesmo que seja o Benji Bananas, quem se lembra desse jogo de à anos atrás?

        foi o meu primeiro smartphone e o que mais tempo durou de todos os que já tive.
        depois desse, tive um Galaxy A3… muito caro, reparações extremamente caras… tracking em tudo e mais alguma coisa…
        agora uso um chines de 150€, que estranhamente me oferece maior rapidez que o A3 e sem tracking… peças são extremamente baratas, custando 50€ um modulo de ecrã (ao contrario dos 200€ do modulo para A3), estou super contente com ele e roda tudo o que eu quero, para não falar que é feito de metal: bem mais resistente que a porcaria do vidro do A3…

    • nop says:

      eu tenho android e nunca vou comprar um apple.
      Mas… por muito que se de voltas a apple actualiza muito mais vezes e com mais regularidade os seus telemoveis. As razoes pra isso não se sabe ou nao se quer saber, mas a questao tambem nao e essa. Mas a realidade e que o faz.
      Contam-se pelos dedos as marcas que fazem o mesmo no android. Eu percebo as razoes para nao o fazerem e tambem percebo que as que fazem tambem podem ter outras razoes menos boas para o fazerem.

  9. jose says:

    pois não estes explodem e deixam de funcionar ao fim de 2 anos….

  10. nuno says:

    Nos androids a coisa é feita de outra forma: actualizações constantes de aplicações como facebook e chrome

  11. sakura says:

    Supostamente ng faz isso… lol, (quem sabe) se não forem apanhados na batota……
    Se a bateria falha muda-se e problema resolvido, usar o software i artimanhas para iludir as responsabilidades não é correto.

  12. Tiago says:

    Não precisam das baterias para ficarem mais lentos já o fazem sozinhos ao logo do tempo.

  13. Joel Reis says:

    “Com a apresentação do pedido de desculpa feito pela Apple, a empresa espera amenizar o problema”.
    Os clientes contentam-se com pouco… e pelo caminho ainda defendem a marca! 😀

  14. jorge says:

    a marcas com sistema operativo android sao poucas que atualiza o sistema com frequência como apple

  15. Alex says:

    Sempre me espantou como os telefones da Apple pareciam ter aproximadamente mais um ano de longevidade de bateria – o mistério foi resolvido.
    O problema não é a bateria se degradar de forma normal, o problema é que um telefone de preço muito elevado que defende uma longevidade superior não permita de forma simples e acessível que essa longevidade seja feita em condições óptimas.

    • Sujeito says:

      Alex, permite sim senhor. Nada disso poe isso em causa, a maior polémica devia ser de como a notícia está a ser deturpada e ninguém quer saber da verdade.

      Além disso, este tópico é sobre os Android, não Apple.

      • Joel Reis says:

        Por mais que te custe,
        “O tema do momento é, sem qualquer dúvida, a decisão da Apple em abrandar os iPhones mais antigos para evitar problemas com baterias envelhecidas.”
        Mas é tudo mentira, e as desculpas que a Apple pediu, também não foi ela, foi a Samsung disfarçada… Malandros!

  16. Bruce says:

    Gosto de Android mas confirmo o que teem vindo a dizer, sempre tive LG e confirmo que passados dois anos deixam de lançar updates.
    O meu ultimo e actual LG G3 veio com Android 4.4 e fui actualizado apenas 2 vezes passando pelo android 5.0 e 6.0.
    Bem posso procurar por updates mensalmente que não vale pena.

    Meu próximo smartphone não será LG de certeza, gostava de trocar de baterias , felizmente o G3 ainda dá mas agora já seguiram os outros fabricantes e deixou de ser possível neste novos modelos.
    Acaba por ser ridículo porque este G6 que saiu tem uma autonomia muito má.

    Possivelmente irei ficar com o G3 mais uns tempos…sempre posso trocar de baterias e abrir a carcaça e trocar por uma nova no caso de riscar ou partir.

  17. Bruce says:

    haaa , fiquem a saber que se pedem 100 pela troca de uma bateria é um absurdo…
    Uma bateria nova custa 30 euros no máximo, isto para um Samsung A5 por exemplo.
    Comprem a bateria no ebay ou outra e dirijam-se a uma loja de rua para trocar a bateria, pagam só a mão de obra, que ronda os 20 a 30 euros.
    Um amigo meu fez isso no A5 e poupou bastante.

    Para o meu G3 ficou-me a 22 euros já com portes na amazon!

    No caso dos iphones, é pá mais vale ir á loja do representante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.