Mark Zuckerberg arrisca-se a perder o seu lugar no Facebook


Destaques PPLWARE

29 Respostas

  1. Rui says:

    Isso não adianta rigorosamente nada, ele continua com a maioria das acções logo é ele que decide quem nomeia para os cargos, ele só sai se quiser!

    • Pedro says:

      Os donos das empresas sao os seus investidores e nao os seus fundadores
      Eu sou dono de uma infima parte, insignificante do facebook, sou acionista e nao quero la o Mark. Esta na hora de passar a pasta a outro

      • Guiomar says:

        Pedro, o que o Rui disse é que o Zuckerberg tem uma maioria das acções, mais concretamente tem a maioria dos votos necessários para decidir este tipo de coisas, de modo que os restantes investidores não têm grande poder para o retirar de lá.

          • Guiomar says:

            Estou a falar da realidade actual da Facebook. A facebook tem uma estrutura de acções que dá mais direitos de voto ao Zuckerberg, o que lhe permite controlar este tipo de questões.

          • bola says:

            Depende se os membros do board não o quiserem lá….. Ele pode ser CEO e não ter voto na administração, não é a mesma coisa….

          • Guiomar says:

            bola, em primeiro lugar esta proposta é para ser votada na assembleia de accionistas, onde o que conta é o número de votos detidos.
            Em segundo lugar, se o Zuckerberg tem conseguido manter esse controlo sobre os votos accionistas então a board de certeza que é constituída maioritariamente por pessoas da sua confiança. Ele é neste momento presidente porque tem forte poder accionista sobre a direcção.

  2. Vasco says:

    Algo do género foi tentado na história da Apple. Certamente vai ser mais um caso idêntico.

  3. Victor F. says:

    “[a petição] pretende que o Facebook escolha um novo presidente do conselho executivo da empresa, procurando que esse lugar seja ocupado por alguém isento e que zele pelos interesses da rede social.”

    O que bem traduzido quer dizer: Que esse lugar seja ocupado por alguém ganancioso e que zele pela sua carteira e dos demais accionistas.

  4. Miguel Nóbrega says:

    Este é o mundo em que vivemos, ganhou dinheiro para uma boa acção..
    O pessoal do $$ dá-lhe uma facada

    • rui says:

      facada não, se fosse para o pessoal do dinheiro fazer uma boa ação eram esses que davam para a caridade, o pessoal do dinheiro investiu para ganhar dinheiro não para financiar boas ações de outros

      • Miguel Nóbrega says:

        Num bom mundo, (sei o que vais dizer..) as pessoas aplaudiriam a atitude do Mark e possivelmente juntar-se-iam à contribuição, ajudando pessoas que realmente necessitam.
        No nosso mundo aproveitaram a quebra no estatuto dele para tentarem roubar a empresa.

        Para não falar que as pessoas preferem contribuir para a SumOfUs fazer estas jogadas de bastidor para meter um dos seus 32 empregados no poder e ganhar milhões do que contribuir para causas sociais e ambientais..

        É por estas pessoas que todos vivemos num mundo cego, todos olham para o seu próprio umbigo, mais ainda gestores, consultores, políticos, etc..

        Isto para mim é muito mau e tira-me a esperança na nossa sociedade.

  5. Pedro says:

    Os fundadores das empresas devem seguir o seu caminho e entregar as suas empresas aos seus verdadeiros donos, os acionistas. Nao percebo porque é que este pessoal se agarra tanto ao poder. Nao é certamente pelo dinheiro.
    Concordo em absoluto com o afastamento de todo ou qualquer CEO, seja ele o fundador ou nao da sua propria empresa.

    • PMS says:

      Claro que se percebe… Os accionistas só querem dinheiro (como é natural), enquanto os fundadores suaram e deram forma ao seu negócio a partir do zero. Além do amor ao dinheiro, têm o valor sentimental que, depois de tanto da sua vida investido lá, é enorme…

    • Guiomar says:

      Isto não é para afastar do cargo de CEO, é para afastar do presidente do conselho de administração, para que seja um lugar independente

    • Anónimo says:

      Provavelmente estou neste tópico por um link num post do facebook! O que lhe tenho a dizer e quem deve gerir a empresa e o seu fundador, porque todas as ideias que edtao presentes no Facebook foram ideias de Mark! Pelos acionistas para nos inscrevermo no facebook seria preciso pagar! Qual e a mente doida que quer afastar o homem que mudou a Internet para aquilo que e hoje do seu verdadeiro cargo? Steve Jobs tambem foi posto na rua e o resultado? Ao fim de 10 anos viu-se obrigado a pedir dinheiro ao Bill Gates para reconstruir a empresa que ele constituiu e os outros destruiram. Devem de ser as mentes inovadoras a gerirem as empresas e nao u banqueiro qualquer.

    • Miguel Nóbrega says:

      Digam-me 5 factos claramente positivos de accionistas, é que só encontro merda no trabalho deles e na personalidade..
      E isto é a sério, não estou a criticar, gostava mesmo de saber onde podem contribuir para a sociedade mundial.

  6. JJ says:

    Curiosamente em todos os casos que empresas tecnológicas viram os seus fundadores “expulsos” de CEO, teve um impacto negativo na empresa.

    Empresas como Facebook e Tesla, são o que são o que são por causa dos seus fundadores, visto que os utilizadores gostam do perfil deles e do que eles representam para essas empresas. Ao saírem, de forma “forçada” pode criar uma onde negativa e fazer com que a empresa perda o interesse do publico. Isso aconteceu com a Apple.

    Existem empresas, principalmente tecnológicas, que os seus fundadores/CEO, antes de saírem, tem de começar a espalhar atenções, de forma a “perderem” o seu peso perante o publico, para que a empresa consiga seguir o rumo certo e a sua saída não seja nem forçada nem tenha um impacto negativo.

    Na minha opinião, o Mark ainda é muito o marketing do Facebook, tem muito peso perante o publico, por boas ou más decisões que tome para o lado dos accionistas.

  7. AlexAlex says:

    A função mais básica de um Conselho da Administração é pressionar os executivos a executar os objectivos que lhes foram atribuídos.

    As boas práticas ensinam que membros do Conselho e executivos não devem ter/manter qualquer relação próxima/pessoal entre sí, e preferencialmente deve-se manter uma certa rotatividade dos executivos (a cada 5 ou dez anos no máximo), em especial do Presidente/CEO, para garantir a manutenção dessa distância.

    A partir do momento que o CEO/Presidente também é membro do Conselho da Administração, toda a funcionalidade fica contaminada…

  8. Nuno Rodrigues says:

    Caros é necessário que se mentalizem de uma coisa: os fundadores que pretendem manter o controle das empresas é bom que não pretendam cotá-las em bolsa ou abrir o seu capital a investidores.

    Disseram aqui, e bem, que os investidores querem é $$, e estão no seu direito uma vez que o conceito de investimento pressupõem o rendimento. São as regras do jogo, e os fundadores como o Mark sabem bem as regras do jogo. Ser solidário é bonito mas a partir do momento que a empresa tem o seu capital no mercado os accionistas é que mandam.

    • Guiomar says:

      Nuno, tudo depende do tipo de acções que a empresa tem e que são vendidas a investidores. O Zuckerberg parece que tem sido esperto na forma como criou a estrutura de acções para conseguir manter o poder através de acções com direitos de voto especiais… Os investidores continuam a poder ganhar dinheiro mas não têm grande poder para decidir o rumo da empresa.

    • Sujeito says:

      Nada na notícia nem na lógica, presente os factos, indica que seja questão monetária. Ora se ler outra vez…

  9. euvouver says:

    mais uma RS para rebentar , ja deu

  10. Aldo Barros says:

    Em outra palavras, querem tomar a rede social de seu dono.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.